Kamylla Cavalcanti

1 - 25 do total de 155 pensamentos de Kamylla Cavalcanti

Carta para Edu

Tinha de ser assim, rápido, avassalador... tinha de ser assim pra me libertar de mim mesma e tinha de ser com você,hoje tenho certeza que era você que eu esperava só não imaginava que você iria partir tão rápido, mas sempre soube que o dia que eu cruzasse com alguém que me fizesse sentir como você me faz, tudo seria rápido...rápido mas o suficiente para ser inesquecível.
Nada de despedidas porque o sentimento que tenho é mais de alegria que de dor,talvez,não sei,numa noite dessas em que eu perceba que não vou poder mais ouvir tua voz a dor invada meu quarto e me ache como companhia mas sei que ela irá embora...sim eu sei.
Não quero te esquecer,mesmo que eu pudesse eu não iria querer, pois por um tempo você me preencheu,me completou não sei se vou voltar a me sentir assim,sempre ouvi q uma sensação como essa agente só sente uma vez na vida,e talvez essa foi a minha vez de sentir...
Não sei o que sou pra você, não sei o que serei daqui a um mês,um ano,mas sei o que você já é pra mim,você é minha cura,meu remédio e talvez meu vírus...É incrível como não consigo esquecer teu olhar,provavelmente foi o olhar mais intenso que já me encarou,o olhar mais sincero, não preciso nem precisarei das tuas palavras se puder ao menos te olhar nos olhos sei que eles vão me responder até o que eu não quero saber.
Por que tinha que ser assim... por que agente não se encontrou antes...ah como a vida ta sendo cruel comigo,fui te encontrar logo agora quando como você diz: “seu destino já está traçado”, queria tanto que esse tal destino a que você se refere me encontrasse...
Foi tão bom te conhecer,quando eu teria a oportunidade de me sentir assim,de me comportar assim totalmente fora da minha órbita,foi exatamente assim que você me deixou e provavelmente vai me deixar por muito tempo fora de órbita.
Não consigo me entender,mas com você consigo me encontrar,meu maior medo é me perder denovo quando vc tiver que partir...o que vou fazer?se a minha fórmula é você que tem?
Poderia ir a qualquer lugar com você,fazer qualquer coisa,ser qualquer pessoa...mas só quero estar dentro de você,fazer você feliz e ser seu amor,essa sensação me deixa viva só não sei até quando...
Por enquanto que você ainda não partiu,me guarda nas tuas lembranças não como um enfeite mas como uma constante pois é isso que você será pra mim...me leva na tua certeza,por que se você não sabe ainda eu sou a certeza no seu mar de dúvidas...
Não vou nem quero te dizer o que fazer,porque o que sinto por você só me força a querer ver você feliz, e isso só você sabe como...não eu, só posso te dizer que estarei aqui só não sei por quanto tempo,pois por enquanto tudo ta muito aberto mas como tudo na vida,um dia vai fechar...
Se o meu olhar, ou o meu sorriso te prendesse...te envolvesse...eu enfim estaria livre e acharia um sentido para tudo isso, por enquanto só quero fechar os olhos e me lembrar do teu olhar, só assim sentirei que você é e sempre será meu.

Kamylla Cavalcanti
2 compartilhamentos

Só por Hoje

Ontem chorei por entre os lençois,me lembrando de nós...me lembrando dos seus olhos que de tão negros me deixaram assim...mergulhados numa escuridão sem fim... Queria te esquecer,mas pra eu te esquecer precisaria primeiro me esquecer,por que tudo que sou tem um pouco teu,deveras saber que deixaste muito de ti em mim, me mata essa dúvida eterna que terei:será que levaste algo de mim?
Da tua voz é que sinto mais saudade...daquele tom de mistério...de um jeito que só você tinha de me explicar o que nem a vida conseguia me mostrar...como vou poder durmir agora?se a tua voz era minha canção de ninar,não havia frio que ela não pudesse esquentar,não havia dor que ela não fazia desaparecer...
Preciso de mim agora meu anjo...preciso que me deixes aqui agora...não quero durmir,não quero sair,não quero conhecer gente nova...eu quero sentir essa dor até ela não existir mais,pois só assim,quando por completo ela tiver passado vou poder ter a certeza que não mais vou desejar isso pra mim,essa dor servirá pra mim de escudo,o meu escudo pra me proteger do que agora sou...
Por que me permitir chegar tão longe...nesse exato momento consigo me ver...feliz, a mais feliz das dançarinas de uma festa..não é assim que me viste amor?como a mais feliz?mas agora?cadê a festa?cadê as dançarinas?cadê as bebidas?cadê a alegria...?foi embora...no momento que você dobrou a esquina...pra nunca mais voltar...
Num tempo tentei te olhar em outro alguém...tentei me enganar de propósito...beijar e pensar que é você...amar e pensar que é você...mas não posso fugir de mim,não posso me negar,só pra você quis me entregar...só em teus braços quis morrer...morrer de tanto te amar...
Mas ainda estou aqui...ainda me sinto presa,só por hoje consegui estar sem você,não é assim que tenho que pensar?pra conseguir ao menos cuidar de mim...pra conseguir ao menos cumprir o que te prometi: “vou ficar bem..” Só por você eu vou erguer a cabeça e vou olhar pra frente...por você...por mim...por um tempo distante que pude dizer nóis...vou olhar no horizonte do mar dos nossos encontros...do que seria nossos encontros...se o tempo não tivesse dito adeus antes de nóis.

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Como pode alguém ser assim?tão inerente ao amor?tão avesso aos sonhos?tão satisfeito em simplesmente não sentir...não sentir a onda fria nos pés...não sentir a penumbra da lua...não sentir a si mesmo...
Como pude acreditar em alguém assim?que consegue mentir olhando nos olhos...que consegue ser três em um...que consegue ficar imune ao sofrimento alheio...a dúvida de um coração...a dor de uma alma...
Como pude olhar em você e ver alguém só...você não está só você tem a si próprio...e pessoas como você acham isso o bastante...
Você não vê...ah amor você não enxerga...a vida é muito mais que isso...a vida não é festas,sorrisos,madrugadas...ah pequeno prisioneiro...a vida são pessoas,a vida é o sol na janela..a vida é dor,dor da dor alheia,dor da nossa dor... a vida é a lágrima que marcou...a vida são os amigos...a vida é olhar aquele coração como se fosse o nosso...não quero te fazer sofrer pois você pode ser eu um dia...
Será que posso em meio a minha ingenuidade clara acreditar que você sente, que você lembra de tudo...que se eu te ver hoje você irá responder minhas perguntas, as mesmas que ficaram dispersas no ar...naquela tarde triste de domingo...não...não posso me permitir achar que você conseguiu pelo menos olhar e ver minha alma...pois isso é um dom...um dom de quem vive,não apenas de quem existe.
Em meio a tudo isso,em meio a você pude aprender...pude entender que se tem alguém que preciso acreditar é em mim,em meus sonhos...valeu a pena te encontrar,antes achava que pessoas iguais a você existiam apenas em nossos pesadelos mas você me mostrou que são reais...incrivelmente reais...
Mas você não conseguiu fazer o que pessoas como você fazem quando passam na vida de alguém,eu ainda acredito nas pessoas,ainda acredito em olhares sinceros...em lágrimas de dor...em ver alguém feliz apenas por ver você feliz,assim como ver um amigo chorar apenas por não suportar a minha dor...
Hoje posso olhar adiante e dizer:você passou...assim como tudo que um dia deixou...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Posso olhar nas estrelas e vê nitidamente diante dos meus olhos nosso encontro já ta marcado...um dia vou te desejar sem culpa...um dia vou te amar além da conta,só assim conseguirei esquecer os longos dias que passei longe de ti...
Deixe eu me sentir assim meu amor...deixe eu pensar que te encontrarei novamente sem estar escondida atrás do meu medo...deixe eu pensar que não me esqueceu,que quando estas com ela pensas que sou eu...que quando ouve nossa canção chora pensando em nós...
Permita que pelo menos em sonho te deseje...que pelo menos tente te achar em outro alguém...só não deixe eu te perder em minhas lembranças...seria cruel demais não conseguir te enxergar em mim...
Quando olho no espelho sinto como o tempo passa sem culpa...sem trégua...será que irá me reconhecer quando me veres?será que conseguirá enxergar por trás dos meus olhos tristes aquela pessoa feliz e destemida que conhecestes...será que sobrou um pouco de mim desde que você partiu...
Quando te sentires livre..livre do que te aprisiona...livre do que te mata,do que nos mata...olha pra mim com aquele olhar que me atinge a alma...me chama...me puxa...me acorda...só adormeci nos braços da esperança,mas estou viva por você..esperando por você...
Prometo que me refaço por você...prometo me reinventar...prometo ser quem te cativou...prometo esquecer quem hoje sou...só não prometo deixar te esperar,pois só voltarei a me encontrar quando você voltar...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Olha a menina da festa...olha como ela rir..rir do mundo...rir das pessoas...rir dela
Olha a menina que dança...com batom vermelho...com olhar de desejo...
Olha a menina...
Olha a mulher...
Olha a mulher que chora...que sofre em meio aos lençóis...que de festa em festa rir,mas de cama em cama sofre...
Olha a mulher...
Olha a menina...
Olha a menina que sem colo se perdeu...que com lágrimas adormeceu...
Olha a mulher
Que de tanto amar se esqueceu de pedir o amor que deveras era seu...
Que de tanto dançar se esqueceu de chorar...
Olha a mulher...
Olha a menina que de tanto menina se viu forçada a ser mulher...
Que de tanto mulher não quer mais ser menina...
Que de tanto riso só quer chorar a dor de ser menina e ter que ser mulher...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Me diz ,encanto,como vou me libertar do teu olhar...Me diz a receita...De dormir e acordar sem neles pensar...Sem o brilho deles já não consigo enxergar adiante...Sem a chama deles já não consigo me libertar desse frio...Áspero...Que me maltrata em cada anoitecer...
Se algum dia souberes como, me ensina a não te desejar.... me mostra um modo de no teu corpo não mais pensar...dessa loucura de querer me entregar sair de mim,ir embora sem vestígios nenhum deixar...
Não posso mais me esconder nos escombros...não posso mais fugir nos arbustos...não posso mais viver assim...procurando teu olhar em cada esquina, tentando esquecer você te procurando em cada sorriso...
No nosso mar...no nosso horizonte...é lá que vou estar...é lá que te espero toda noite...com aquele mesmo perfume...com aquele mesmo olhar, o mesmo que te cativou da primeira vez que nos vimos...mas a esperança está se esvaindo meu amor...as forças já não me alcançam...a lua já não me guia...a vontade de viver não mais me habita a cada dia que dos teus olhos distante estou.

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Será que é pedir demais querer viver sem você,será que é exigir demais das minhas forças deixar de te querer...pois mesmo sem te ver te desejo como a primeira vez e por mais que eu tente nada consegue mudar isso,nada nem ninguém...
Será que nossas lembranças vão me perseguir por toda a vida?será que alguma noite poderei dormir sem lembrar do teu olhar...sem desejar tua voz ouvir...
Será que esse desejo pertinente e incontrolável me deixará...não mais me visitará...
Estou só agora...não consigo enxergar ninguém...tá tudo tão escuro...
Por quanto tempo mais o sentido da vida fugirá de mim...
Por quanto tempo mais...meu Deus...
Se eu olhar adiante só consigo ver você me esperar na esquina...
Se eu olhar pra trás só consigo ver você dobrar a esquina...
Queria voltar a olhar o amanhecer como um sinal de que tudo um dia vai passar...
Queria voltar a olhar o mar como o sinal de que tudo se renova...
Queria voltar a me olhar...a me enxergar sem as máscaras que a dor me deixou...
Será que essa sensação vai passar....
Será que essa angústia de não mais viver...de apenas existir...algum minuto...
Algum minuto sequer vai partir...partir de mim...partir dos meus olhos...partir do meu coração...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Quando as lágrimas me embaçam a visão
Quando já não posso enxergar adiante
Quando a dor atormenta mais do que o possível suportável
Quando a esperança se esvai junto com as forças

Posso caminhar até você
Posso com os pés descalço e com o peso da angústia de uma vida
Ir ao teu encontro
Posso com o tormento de uma partida
Com o sufoco de uma despedida
Mesmo sem rumo
Consigo ao fundo te encontrar
E me lembrar do lugar onde posso te ver...

E quando te encontro
Esqueço-me...
E quando me esqueço...sonho
E quando sonho renasço
E quando renasço...vivo
E quando vivo...
Ah quando vivo,
Novamente me encontro

E ao olhar nos teus olhos
Consigo vislumbrar onde parei
O exato local onde desistir de caminhar
O crucial momento onde não me quis mais
E me concentrei em me esquecer...

Por que quando estou com você
Sinto que as forças me visitam....
Sinto que posso suportar mais um inverno...
E que posso ir muito além
Do que um dia poderia sonhar...

Kamylla Cavalcanti
2 compartilhamentos

Sem receitas...sem paradigmas e formas
Desisti de querer entender a sinfonia das coisas
Pra mim um sorriso...
Pra você um convite...
Sem pensar aceito o teu olhar...
Recebo docemente tuas mãos...
Me envolves com teu modo de me fazer pensar que comigo é a primeira vez...
E se eu me entregasse?
E se eu acreditasse?
Posso por um instante em que me vejo presa em teus braços me enganar...
Pensar que a noite é em mim que vais pensar...
Posso? Será que tenho essa magia...
De te acorrentar em mim...
Mas e quando você for...
E se quando fores teu prazer ficar latente em mim...
Tua chama continuar a me queimar
Aonde vou?
Se a cama dos nossos encontros estiver vazia...
Já me perdi nesse compasso
Mas não me perdi de mim...
Só por hoje é pra você que vou me entregar...
Só por hoje...Só por essa noite...
Amanhã,
Ah amanhã...
Pode ir,amor...
Mas quando voltares,
Nossa cama vai estar vazia,
Assim como o espaço que você deixou em mim...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Ouvi dizer que meninos não choram,que se for homem de verdade não permitirá que as lágrimas caiam livremente pela sua face,que se for forte como tem que ser nenhuma dor sucumbirá em prantos...Mas por que então essa dor persistente nos teus olhos...por que então sinto que queres gritar e que as forças já não o visitam pra ser capaz de fazê-lo...Porque talvez vejo em você o que ninguém consegue ver...porque talvez sinto você além dos passos livres de danças em festas...leio você...ouço sua voz em total silêncio...
Pra que fingir que é forte?Pra que mostrar que pode? Se na verdade és um menino,que espera desesperadamente por um colo onde possas se esconder...Pra que dizer que é mentira? Se no teu quarto choras a partida,se te encolhes no lençol tentando matar essa ferida?
Não podes fingir o que não és...pois o que na verdade és quer gritar,quer sentir,quer fugir... Não te deixes mais preso em quem formastes...quem és hoje não te garante a alegria quando as cortinas fecham...quando as luzes apagam...quando todos vão...
Se até hoje foste capaz de acreditar no teu engano...já não há tempo para sustentá-lo mais...a vida é um palco,um palco sujeito a platéia,a aplausos,a vaias... Teu público te aplaude...Teu público te aclama...Teu público te chama...Mas do que adianta?Você não se aplaude porque no fundo sabes que és uma fraude...
Se o brilho que ainda te resta resisti a toda essa farsa...se o menino que se esconde em você ainda sobreviver ao vazio em que tu o mergulhaste,viverás apenas como mais um...que nunca sentiu a verdadeira sensação de ser amado pelo que deveras é,mas pelo que viveu acreditando que fosse.

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Ah como me odeio... Odeio o modo como te quero...Odeio o jeito como não enxergo teus defeitos...Odeio como te considero perfeito...Odeio como escuto nossa música e choro...Odeio quando lembro dos teus olhos...Odeio como aceito teu tempo...Odeio como respeito tuas crises...Odeio como te espero e não canso...Odeio teu encanto...Odeio o modo como estou presa em teus mistérios...Odeio como não sorriu quando não estás por perto...Odeio fechar os olhos e te ver a cada instante...Odeio ser quem não sou pra que no fundo penses que estou bem...Odeio não ser capaz de olhar mais ninguém...Odeio o modo como me perco com teu toque...Odeio como me esqueço ao invés de te esquecer...Odeio como não consigo te decifrar...Odeio como teu brilho tem o poder de me ofuscar...Odeio como estremeço só ao te ver passar...Odeio o jeito como te rejeito com as mãos e me denuncio com meu olhar...Odeio como me entrego se o que quero é te negar...Odeio ter que te ver pra respirar...Odeio ter que antes de dormir em ti pensar...Odeio não conseguir me olhar sem enxergar nada teu...Odeio como meus planos desmoronam com teu simples adeus... Odeio acordar sem ao teu lado estar...Odeio não escutar o telefone tocar...Odeio não ter tuas mãos pra me guiar...Odeio não achar graça em nenhum beijo se não for o teu...Odeio como me perco se você não estar...Odeio não entender como não te enxergo só por prazer...Odeio ter que entender que sem você não posso viver...Odeio o modo como és justo e capaz...Odeio como teu sorriso,mesmo regado as minhas lágrimas,me satisfaz...
Mas o que mais odeio é o fato de não te odiar...nem por um segundo...nem só por te odiar...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Essa dor não quer passar,mas não quero entender...não quero esperar ela passar...quero viver...quero respirar...
Posso durmir essa noite...mas não consigo me livrar do desejo de querer durmir pra sempre...pois só quando adormeço essa dor não me persegue...ela comigo adormece e quando abro os olhos ela disperta no mesmo instante pra me acompanhar pelo resto do dia...até o sono novamente bater a minha porta...
Será que ela vai sumir?será que um dia acordarei e deixarei ela durmindo...será que algum dia poderei chorar o suficiente até expulsá-la de mim?mas não posso mais chorar...as forças não me alcançam pra eu assim fazer...só sei sofrer...por entre festas,risos,beijos...só sei sofrer...
Se algum dia fechar os olhos e dessa vida vazia não ser mais protagonista quero me encontrar com quem me criou...quero perguntar porque me formou...quero entender porque até meu último suspiro não me livrei dessa dor...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Acreditar em limites é não ter alma...É não ser capaz de olhar o horizonte e entender a magia que por trás dele se esconde,os sonhos de que me perdi posso novamente encontrá-los,não vou subestimá-los nunca,eles só adormeceram na minha dor mas eles vão despertar...Eu sei que vão.
Sei que vou novamente olhar o mar com esperança, com altivez,com força...Sei que vou caminhar por entre as pedras sem me ferir...Sei que um dia dessa situação vou ri,ri entre amigos...Ri até não poder mais.... Tudo passa menina boba, tudo igual a nuvem de um dia chuvoso,elas juntas se fecham depois vem o arco-íris e as abrem...E as colorem...
Nada pode ser maior que a minha certeza de não ser um acaso...De não ser fruto de um desencanto da vida...De um tropeço infeliz...Que a força de que necessito vêm de mim...Nasce em mim...E se eu assim desejar morre em mim...
Estou em pé agora...Estou de pé...Com os olhos marejados,mas de pé...Não com total certeza de que não cairei novamente...Mas com o desejo de tentar mais uma vez...De escutar a canção que me fazia dançar uma vez mais...De sair só pra sorrir do nada...De me encontrar com o acaso sem medo...Não permitirei mais que minhas lágrimas embacem meu olhar adiante...Não me permitirei mais sofrer por desencantos...Estou viva...Quero viver...
Não me deixarei levar por palavras de destruição...Não me deixarei prender em formas que pra mim idealizam...Não me deixarei ser quem não sou...Não me deixarei mais...Nunca mais...Me acostumar com essa dor...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Ela era séria...Ele risonho,
Ela ria de coelhos...Ele ria dela,
Ela tinha medo de cobra...Ele de manivela,
Ela estudava pra crescer...Ele cresceu pra estudar,
Ela acreditava em fantasias...Ele morria de medo de acreditar,
Ela corria com Nike...Ele corria descalço,
Ela dançava em boates...Ele bebia nos palcos,
Ela lia o Caçador de Pipas...Ele lia Placar,
Ela desenhava borboletas...Ele achava graça em matar,
Ela dormia escutando legião...Ele dormia no bar,
Ela vivia pra trabalhar... Ele trabalhava pra viver,
Ela sofria com filmes de drama...Ele gargalhava de sofrer,
Ela esperava a hora passar...Ele fazia acontecer,
Ela deixava de viver...Ele deixava a vida levar,
Ela aprendeu inglês...Ele mal sabia português,
Ela competia por prazer...Ele tinha asco de perder,
Ela viajou uma vez...Ele viajava todo mês,
Ela tatuou uma borboleta...Ele tatuou uma caveira,

Ela se apaixonou por seus olhos...Ele por seus seios,
Ela se entregou por amor...Ele por desejo,
Ela se envolveu sem querer...Ele negou se envolver,
Ela mudou...Ele permaneceu,
Ela ria pra não chorar...Ele ria ao vê-la chorar,
Ela deixou de sonhar...Ele nem se preocupou em notar,
Ela dormia aos prantos...Ele acordava sempre cantando,
Ela sofria em esperar..Ele sumia sem ao menos falar,
Ela desistiu de viver...Ele vivia sem saber,
Ela esqueceu de si...Ele se lembrou que ela existe,
Ela correu sem ter aonde ir...Ele descobriu aonde seguir,
Ela se perdeu sem ao menos se encontrar...Ele a perdeu quando conseguiu se encontrar,
Ela vivia com os olhos a marejar...Ele com ela aprendeu a chorar,
Ela morreu de tanto amar...Ele amou quando a viu se matar.

Kamylla Cavalcanti
8 compartilhamentos

Mais um dia se inicia...Mais uma oportunidade de mudar tudo pra sempre...Mais uma chance de se achar no meio da turbulência dos sentidos...Mais um dia se aproxima,o hoje que ontem era amanhã,o futuro de que tanto planejamos e replanejamos...Mais um dia pra se esquecer do que foi errado..Pra se lembrar do que foi certo,do que é certo...Mais um amanhecer,mais uma janela aberta,mais uma artimanha divina pra nos mostrar que ainda há saída...Que nem tudo está perdido...Que no meio do atalho que achamos que era o melhor caminho há uma outra estradinha pra nos levar de volta...De volta onde nossos sonhos pararam de fazer importância...De volta ao ponto de partida da nossa esperança...De volta a chama que um tempo distante tanto nos consumia...De volta á vida.
Mais um dia...Mais um amanhecer...Mais um entardecer...Mais um anoitecer...Mais uma forma de criarmos coragem pra parar de fugir...Mais 24 horas pra tentarmos recomeçar de onde paramos...Mais um tempo para assumirmos quem somos e passar a nos amar,antes de amar que nos rodeia...
Hoje mais uma história vou contar...Hoje tenho o poder de escolher se vou chorar todos os meus desenganos passados ou vou me concentrar em evitar os futuros....Hoje posso sofrer tua partida ou ser feliz por tua vinda...Hoje posso continuar a te procurar em cada esquina ou tentar encontrar alguém que me sorria...Hoje posso ao primeiro penhasco que passar desistir da vida ou olhar o primeiro passarinho a voar e desejá-la mais uma vez com toda intensidade de um bebê que acaba de nascer.

Kamylla Cavalcanti
2 compartilhamentos

Ter que te esquecer foi a decisão mais dolorosa da minha vida, pois não se esquece aquilo que está em você...Se mata. Então vou ter que te matar de mim...Vou virar uma assassina do seu sorriso,do seu olhar,do seu jeito de amar...Vou te enjaular num lugar em mim onde eu possa te torturar melhor, onde possa torturar nossas lembranças...Nossas músicas...Nossas danças...Tecnicamente é só fechar os olhos com força, é só me transportar pra minha mente... É só pensar nos sorrisos que por ti dei, nos olhares que a ti entreguei, nas canções que por ti cantei, no amor que a ti doei...Mas fisicamente dói, a alma reclama, a mente esperneia...É sofrer por algo que te faz voltar a vida...É chorar por estar caminhando ao ponto de partida...E isso machuca, machuca ter que te apagar...Ter que desistir de insistir...Ter que investir em ti anular...Te matar atrairá conseqüências, com você matarei os planos que por ti formei, os sonhos que por ti sonhei, o amor que de ti aprendi...E assim vou matar um pouco do muito de mim...O muito do pouco que de ti há em mim...Matar a chama tua que acende em mim...Matar a vontade de acordar que o muito teu em mim me permite sentir...E aí meu amor se assim te matar o que ao fim de mim irá sobrar?

Kamylla Cavalcanti
3 compartilhamentos

Ás vezes sinto tanto tua ausência que chega a doer...Chega a sangrar...A latejar...Ás vezes a saudade machuca tanto que as lágrimas saem com ardor...Com dor...
Sentir a brisa a me tocar, sentir o sol me acordar é difícil...Só consigo sentir a tua falta...Só consigo sentir você...
Ás vezes sinto saudade dos meus planos...Dos meus sonhos...Ás vezes sinto falta de não dormir esperando você ligar...Por vezes sinto até falta de chorar pelo telefone não tocar...
Ás vezes sinto o tempo que passou como algo tão imensamente distante...Ás vezes sinto vontade de nós...Vontade das nossas risadas bobas...Das nossas confissões infantis..Das nossas cantorias...
Ás vezes sinto não poder mais sequer sentir teu perfume...Não ter o poder de sequer ouvir tuas tristezas...Tuas incertezas...Ás vezes sinto não poder saber ao menos como foi teu dia...Se a gripe passou...Se decidiu viajar...Se achou aquele cd...Se viu aquele filme...Ás vezes sinto doer aquilo que não disse...O beijo que não roubei...O abraço que não pedi...A roupa que não tirei...
E não ás vezes sinto falta de mim...Do que fui...Do que teu amor me permitiu ser...Uma saudade imensa dos sorrisos que te dei...Dos olhares que te entreguei...Do amor que só por ti senti e que até hoje ainda arde em mim...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Queria tanto gritar essa dor...Poder a pleno pulmões expulsá-la de mim...queria tanto encontar um olhar que me acendesse...que devolvesse a chama da vida a minh’alma...como queria meu Deus chorar até não poder mais,chorar até todos me ouvirem...até todos me sentirem...
Queria tanto...ah como queria dormir e sonhar...sonhar com os sonhos que esqueci....com os amores que perdi...
Como queria de um desejo tão forte que me consome...olhar o horizonte...visitar a tal da dona esperança e pedir pra ela voltar...e pedir desesperadamente pra ela não fugir...Queria me esconder...me encontrar em um abrigo até essa vergonha ir embora...até eu disso tudo esquecer...mas são tantas coisas pra esquecer...
Queria tanto, meu amor...ir pra onde eu conseguia rir...queria encontrar ao fundo de mim as risadas que sorri...Queria com todas as forças não mais me atrair por esse abismo...mas ele me chama...eu já não tenho mais forças pra evitá-lo...não posso mais evitá-lo...
Queria tanto alguém que me ouvisse, alguém que essa dor eu dividisse...Queria senti-la menos do que a sinto ultimamente...Queria que com ela me acostumasse como se ela fosse um vício pertinente...
Mas o que mais queria era encontrar um motivo...um motivo sequer...pra não desistir de mim...pra não me perder...pra ter forças e uma vez mais não me render...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Acabou meu amor, não vou mais chorar, essas lágrimas só vão prolongar minha tristeza é melhor esperar ela ir embora quieta...Sem alarde...Sem previsões...
Teu silêncio já me respondeu, não será preciso cartas, recados, telefonemas... Pude entender encolhida em meus lençóis o que tua ausência quis mostrar...
Se é a dor que está a bater em minha porta... Deixe eu atender, vou recebê-la e tratá-la como uma visita inesperada...e esperar que o tempo venha buscá-la...
Não vou mais olhar o mar...Não vou mais ouvir legião...Não vou mais cantar nossa canção...te prometo...não vou mais viver a vida que era tua agora que devolveste a minha...
Aqueles planos que tanto nos preenchiam as conversas, deles não vou mais lembrar...Aquele lugar onde nos notamos pela primeira vez nele não vou mais pisar...Das coisas que juntos ríamos sem parar, nelas não vou mais pensar...
Estou sem sonho agora...porque todos os nossos sonhos decidi não mais sonhar...estou sem rumo agora...porque da nossa estrada resolvi me desviar...estou sem fé agora...porque em você decidi não mais acreditar...estou sem amor agora...porque todo meu amor que era teu decidi abortar...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Eu sei meu anjo, vou ficar bem...Te prometi e vou cumprir...Não precisas sofrer porque estas aí pra descansar... Só deixei você ir com essa condição, lembra?
Parece que tudo está tão imensamente escuro...como num palco ao fim de um espetáculo... Agora penso que não vou mais te ver... Talvez no dia em que eu partir poderemos novamente sorrir...mas isso vai demorar...lembro de ter te prometido viver, exageradamente e compulsivamente viver...
Queria tanto que pudesses me ver hoje...Mulher...Dona de mim...Meu amor não sou mais a menina que entre risos e bochechas rosadas te contou do primeiro beijo...Eu cresci...Só não me esqueci de ti...Nem de tuas palavras que tanto me prepararam pra o que hoje vivo...
Se algum dia puderes entender...ou lembrar de algo que passou...Gostaria que soubesse que aprendi...que entendi que não posso ser rude e esperar carinho em troca...eu sofri mas aprendi que a família nos transforma no melhor ou pior que podemos ser se assim desejarmos...
Mas hoje o que mais me dói é não poder te dar o orgulho que tanto me destes, é não poder cuidar da tuas feridas como tão docemente cuidastes das minhas...Mas me conformo em cumprir o que te prometi...
Vó Ci,minha luz, só não desisti pois você me ensinou a cuidar de mim...

Kamylla Cavalcanti
3 compartilhamentos

Será que ainda lembra de nós?Depois de tantas estações...Será que alguma vez quando fecha os olhos lembra de nós...A freqüência não importa...Quero apenas saber se ainda suspira por nós.
Será que ainda lembra das nossas risadas...Será que lembra das nossas confissões de adultos inebreados...Será que lembras mesmo que forçadamente dos nossos olhares tímidos embora envoltos do mais puro desejo carnal...
Lembras das nossas danças...do modo atrapalhado como tentava te conduzir...lembras das nossas adivinhações...Ah!hoje é minha vez de adivinhar quem você é!...Lembras amor?lembras...
Lembras do meu perfume!Lembra da roupa que usei da primeira vez que saímos, lembra do primeiro sorriso que te dei...
Lembras da primeira coisa que te falei...E da última?Lembras da primeira vez que disse que te amava...E quando te confessei que só por ti me entregaria?
Lembra de nós querido...Por entre festas...vidas...sorrisos...anos...Lembras de nós?
Com a dúvida que me persegue e a vida que de modo lento segue...Ainda consigo lembrar de nós como da primeira noite que voltei a cama envolta da sensação de ter encontrado o homem da minha vida...
Ainda posso sem nenhum esforço lembrar-me de ti...de todas as feições do teu rosto...de todos os estágios e maneiras do teu sorriso...Ainda hoje se fechar os olhos consigo lembrar-me de ti,inevitavelmente te ouvir..”Tudo vai ficar bem”.
Será que podes lembrar de mim? Lembrar das lágrimas que chorei por entre ruas quando vi que era incapaz de trazer-te pra mim?Será que podes ao menos sentir as noites que em claro esperei você ligar...esperei você dizer que me amava...que minha espera iria ter um fim...
Agora acabou!Preciso repetir isso ao meu coração:ACABOU!São só lembranças de um amor que de tanto lutar cansou e hoje adormeceu.

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Vou voar até você com as asas de um anjo...que nasceu pra te cuidar...que com essa missão decidiu morrer...Vou chorar as tuas lágrimas até elas cessarem...vou enxugá-las com meus dedos e limpar teus olhos com meu lenço...Vou sorrir tuas travessuras...vou brotar-te sorrisos em meio as desventuras...vou te envenenar de paz em meio a tortura...vou alimentar tua alma em meio a seca...
Vou fazer chover no teu deserto e fazer brotar em sua plantação...vou me fazer estranho em seu paraíso e recompor sua canção...vou construir a estrada do teu destino...e caminhar pelo teu rio...Desaguar-me por inteiro em tua cachoeira...entregar-me em tua tristeza...
Vou ser tua ama...tua escrava...tua dama...
Vou ser a que te consome...a que te alimenta...a que te abriga na tormenta...
Vou ser tua doença...vou ser tua cura...
Vou ser tua ânsia e tua loucura...
Vou ser teu caminho...tua estrada...teu vazio...tua água...
Vou ser tua...já sou tua...com um inevitável destino sou tua alma...meu doce menino.

Kamylla Cavalcanti
9 compartilhamentos

Nem ao menos uma foto...uma lembrança sequer que não esteja na minha memória...não tenho nada teu pra tocar...sentir...nem ao menos um lenço com teu perfume...nem ao menos uma carta com tuas digitais...
Nada amor...não tenho nada teu...e como me angustia saber que nem ao menos um presente teu algum dia vou ter...que nem ao menos um carta tua algum dia vou ler...só estarás aqui preso em mim...pra sempre em minha mente...teu sorriso jamais vou vê-lo novamente...teu olhar nunca mais cruzará o meu...só em meus sonhos...e quando contigo não sonhar...será que algum dia do teu rosto não vou conseguir me lembrar?
A cada dia que passa tua ausência mata um pouco de mim...leva um pouco dos sonhos que ainda me restam...a cada noite que sem tua voz adormeço é como se me perdesse em mim mais uma vez...a cada minuto que lembro dos teus olhos é como se me afogasse em sua escuridão... a cada amanhecer que sei que não vou estar com você aprofunda mais o vazio...o vazio de perder o único alguém que amei...o único coração que deveras me entreguei...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Tantos sonhos se perderam...tantos planos jogados ao vento...com os pés descalços estou novamente caminhado...com os olhos embaçados...a alma cansada...cansada de tanto acreditar...cansada de tanto lutar...
Se fechar meus olhos posso voltar aonde parei...posso?desejo como nunca entender como fui parar aqui...como deixei minha fé fugir...quando o exato momento que desisti de acreditar em mim...
Quando observo o céu nublado de minha dores já não consigo ver o sol...mas sei que ainda não anoiteceu...sei que essas nuvens vão passar...tudo vai se abrir novamente e a esperança irá me sorrir.irá me visitar...
Tentar outra vez...há uma canção que toca em mim...há uma chance que nasce em mim...Meus sonhos não se perderam e mesmo que se perdessem encontrarei forças e irei buscá-los onde quer que eles se abrigaram...

Kamylla Cavalcanti
Inserida por kamylla23
1 compartilhamento

Preciso aprender...Aprender que nem sempre um olhar pode dizer mais que mil palavras...Aprender que existem pessoas que vivem só com a sina de colocar pedras em nosso caminho...Aprender que a vida é tão curta que os problemas que hoje me atormentam podem se tornar motivos de risadas amanhã...Aprender que quando você se aceita o mundo lhe respeita...Aprender que seria muito mais fácil acreditar apenas em si mas que também é necessário acreditar em alguém...Aprender que a vida não é pra ser vivida e sim desfrutada...Aprender que um sorriso pode curar feridas de alguém...Aprender que a magia da vida está nos sonhos e não nos contos de fadas...Aprender que os amigos nem sempre estão por perto e por isso temos que ser amigos de nós mesmos...Aprender que nossas ilusões muitas vezes são criadas por nós pra chamarmos atenção...Aprender que ás vezes destruímos o que mais queremos e conservamos o que precisamos destruir...Aprender que se alguém nos ama devemos respeitar esse amor mesmo que ele não seja recíproco...Aprender que é melhor ser um louco feliz do que o sensato triste...Aprender que quando choro o tempo não pára esperando eu me recompor...Aprender que só me pisam pois eu me fiz de tapete primeiro e que honra e orgulho não se compram ou se nasce ou não se nasce com eles...Aprender que é preciso dá o braço a torcer se se ´pretende ser feliz...Aprender que quem agente mais ama muitas vezes nunca vai sentir nem a metade por nós...Aprender que existem mil caminhos pra se seguir mas não há tempo pra experimentar todos por isso nosso alvo tem que ser certeiro...Aprender que ser leal aos seus valores é melhor que ser bom...Aprender que quando você decide não mais ouvir tudo calado a platéia esvazia...Aprender que quando se é humilhado as palavras são vãs mas tuas atitudes podem gritar por você...Aprender que ter um amigo que te defende é melhor que ter um que chora por você...Aprender que quando estamos vazios qualquer coisa nos preenche por isso é necessário reparar em quem nos rodeia...Aprender que fé é algo que se aprende a ter e que ela não sobrevive sem esperança...Aprender que sofrimento não se resolve com novas paixões ou ocupações e sim com o tempo...Aprender que é impossível viver sozinho e quando se está só nem uma multidão consegue nos tirar essa sensação...Aprender que há traumas que me acompanharão pelo resto da vida e preciso me acostumar com eles antes que eles me sufoquem...Aprender que não existe família perfeita e esse sentimento de peixe fora d’água não pertence só a mim...Aprender que existem pessoas que temos que matar de nós e conviver com elas vivas...
Mas preciso aprender que tenho que primeiro cuidar de mim antes de desejar ser o anjo da guarda de alguém...Que pensar em minha felicidade em primeiro lugar não é ser egoísta é da valor a vida...Essa mesma vida que se esvai por entre os dedos e não há poder pra fazê-la voltar atrás...

Kamylla Cavalcanti
2 compartilhamentos