Vc Ta Linda

Cerca de 11096 frases e pensamentos: Vc Ta Linda

Soneto do Amor Insano

Quero tanto esse amor insano
Que tento em vão renegar sua existência
Mas insistente ele me faz perder o prumo
E vai fundo até minha mais pura essência.

Desejo tanto que se acalme e passe
Que meu olhar não mais lhe alcance
Mas tão forte o coração bate
E de novo me vejo em estado de transe.

Não era pra ser assim,
Não era pra transbordar,
E agora, no que vai dar?

Não sei o que fazer com essa dor...
Que me deixa em completo torpor,
Mas...que me completa e me enche de amor!

Linda Edwards

Em Carne Viva...

Ama-me com todos os teus sentidos e teu coração.
Deixa-te levar pela paixão, do que nunca foi.
Ama-me com tudo o que tens, que dar-te-ei tudo o que eu sou.
Ama-me com toda a coragem, que amar-te-ei com todas as minhas forças.
Deixa-te levar por este amor, ainda que confusos os sentimentos.
Não foge do teu caminho...não teme não entender.
O medo faz parte do amor e da alma de quem vive.
Ama-me simplesmente aqui e agora...
Como jamais amaste alguém na vida.
Ama-me como se fora só nós dois...e não houvesse depois.
Mas...
Ama-me!

Linda Edwards

Cotidiano...

Andar de mãos dadas
Acordar com carinhos
Café com seu amor
Receber mil beijinhos.

Caminhar no parque
Tomar um bom vinho
Ver filme na cama
Rolar no seu ninho.

Paixão louca no sofá
Dançar coladinho
Cantar baixinho no ouvido
Sentir o cachorrinho.

Galope na cama
Delírio em desatino
Chegada ao nirvana
Junto com seu cavalinho.

Amor segue tranquilo
Coração enternece
Suspiro profundo
Saudade permanece.

Linda Edwards

Amor Impossível...

Você chegou de mansinho, qual posseiro se instalando...
Sem hora marcada, nem licença concedida...
Me tocou de forma intensa e por vezes indefinida.
É um amor insano, é um amor em sonho.
Me faz sonhar impossível, me faz flutuar no infinito.
Na confusão da minha cabeça e do meu coração...me agito.
Impulsos incontroláveis, não resisto ao teu olhar...me dispo.
Caminhos tão paralelos... impossível se encontrar.
Nada é definitivo, a vida é um caminho a completar.
Nunca sabemos o que pode nos esperar.
Por isso, é mister que sigamos nossos caminhos.
Em busca da felicidade que definimos.
Quem sabe um dia o que virá...ou se vamos nos reencontrar...
Mas agora, não posso te amar... e nos meus sonhos você vai ficar.
A lembrança do amor proibido e da doçura do teu olhar, pra sempre comigo vão estar.
Vai meu amor in-possível...e sê feliz!
A felicidade não é difícil de encontrar...
Basta olhar para o lado, querer enxergar e se deixar vivenciar.
Não é caso de sofrer...
É caso de agradecer e guardar a lembrança onde ela deve ficar!

Linda Edwards

Abrindo o Espaço...

Como é tão difícil renunciar a esse amor
Que chegou pequenino, se aninhou e se agigantou
Como esquecer a maciez dos nossos momentos
Como não querer provar novamente esse sabor.

O amor se esvai na girândola da vida
Entram outros ais, as coisas mudam de cor
É mister aceitar e entender esse andor
Mas a saudade fica, tão silente e dolorida.

O amanhã vai chegar com todo seu esplendor
Sua luz vai clarear, iluminar o coração, tirar a dor
Renovam-se as folhas, abre-se espaço para outro amor
É hora de um novo tempo, mais ameno e apaziguador.

Linda Edwards

Por te Deixar...

Sinto-me envolta num mar de palavras
E escrever é minha tábua de salvação
Pensamentos soltos me invadem veementes
Hoje só consigo falar com o coração.

Abrir mão desse amor é quase desfalecer
Por pensar que nunca mais posso te ter
Por não mais ver teu olhar apaixonado
A me fazer juras e a me envaidecer.

Te deixar é perder um pouco de mim
É perder o prumo e machucar o coração
Mas é chegada a hora de trilhar outro caminho
De retomar o tempo e recuperar a razão.

Tua paixão me ensinou tantas coisas
Conviver com você me tornou muito melhor
Nossa historia transpira lembranças boas
Agradeço à vida por me tocar com esse amor!

Linda Edwards

Estranhos caminhos...

Quão estranhos são os caminhos desse amor
Que nos dá tanto prazer e nos faz tanto sofrer
Que de tão inebriados ficamos à deriva
Que de tão apaixonados seguimos sem medida.

Construímos um mundo desbravamos caminhos
Provamos juntos sensações atrevidas
Rompemos barreiras ultrapassamos limites
Ousamos sentir a plenitude proibida.

Difícil entender as cartas desse tarot
Permanecer céticos diante dessa atração
Mistérios da vida, coisas sem explicação
Desafiamos a razão e só ouvimos o coração!

Linda Edwards

Vidas Paralelas

Criei um mundo pra ficar contigo
Nele coexisto, ausência de dores
Nele sou o que sou, sigo e me dispo
De todos os pudores, revelando minhas cores.

Vidas paralelas, escolha errante
Estar com você é tocar o infinito
Paixão misteriosa, nau delirante
Atravessando o tempo, beirando o abismo.

Ao olhar o mar, te vejo longínquo
A saudade aperta, não reconheço e brinco
O cotidiano emerge, ouço o silente sino.

A tarde cai, me transporto e te cogito
Desejo tênue, sonho leve, quase agito
É nesse mundo que te encontro e te habilito.

Linda Edwards

Luz e Sombra...

Enxergo-me claro e escuro, luz e sombra
No turbilhão de emoções que desabrocha
O crepúsculo da vida me toma e arrasta
Na plenitude que me envolve e me devassa.

Sou obra em construção, careço de tinta
Sou tela abstrata, espelho tantos mundos
Sou pássaro curioso, emoção faminta
Sou menina girando no carrossel da vida.

Me descubro em múltiplas facetas
Questiono meus ídolos e minha rua estreita
Na pura desordem encontro a rota perfeita
Na dualidade do ser, minh´alma se aleita.

Não há que entender, tudo é mistério
A vida me presenteia, afaga meu ego
Ando em chão de estrelas, ao éden me entrego
Sou toda energia, meu vôo é incerto!

Linda Edwards

Universo de Nós Dois

Paira no ar um cheiro de pele
Juras secretas são desvendadas
Vem a centelha e o fogo se espalha
Perde-se o medo e soltam-se as amarras.

O toque acende e o desejo se instala
O brilho dos olhos reflete na sala
Emoção sutil, ternura que embala
Sensibilidade latente no fio da navalha.

Uma aura de amor circunda a coxia
Música de fundo, dança e poesia
Olhares furtivos em pura magia.

Desejos sussurrados, instintos em folia
Corpos entrelaçados, calor, energia
Sentimento ilhado na fantasia.

Linda Edwards

Crepúsculo II

A tarde cai serena e fagueira
Fechando as janelas do dia
Cedendo espaço à lua e às estrelas
Que ousam clarear as sombras da boemia.

A luz vai mudando de cor
Mil tons se transformam em harmonia
Há um quê de melancolia e torpor
Nessa dança entre a noite e o dia.

O sol se põe e os amores se aguçam
Lânguidos olhares acendem e atiçam
Os corações amantes que logo se agitam.

Descobrem-se os véus e vem a penumbra
O clima de sedução envolve e deslumbra
A noite é criança e a folia é fecunda!

Linda Edwards

Infinito...

Acalento o desejo de um dia...
Voar mundo afora sem destino
Provando e sentindo o dia-a-dia
Dos andarilhos e dos peregrinos.

Acalento o desejo de um dia...
Navegar por mares nunca dantes
Ouvindo histórias de coxia
Bebendo a sangria dos amantes.

Acalento o desejo de um dia...
Habitar em praias oníricas
Ouvindo as ondas bravias
Soando qual músicas líricas.

Acalento o desejo de um dia...
Viver livre, plena e tranquila
Retratando o infinito...
Saboreando o néctar da vida!

Linda Edwards

Nosso Show...


Abre-se a porta do refúgio,
os olhares se cruzam e
seus corpos se reencontram
num abraço longo
e cheio de saudade contida.

A coxia se ilumina
de música e romantismo.
Uma aura de amor invade o espaço
como um ópio sedutor e delirante.

O ensaio começa no sofá da sala
em uma profusão de cheiros e sabores
que desabrocham
a cada sussurro e toque.

O palco se enche de paixão,
começa o espetáculo
e explode o desejo incandescente
num show desenfreado,
inebriante e cheio de prazer!

Linda Edwards

Impossibilidades...


É dificil nao me preocupar com você,
nao querer saber da sua vida,
das suas dores...das suas alegrias.

É dificil nao saber como te ajudar,
nao estar perto pra te dar meu ombro,
pra te ouvir...te dar meu abraço.

É difícil nao achar o tom,
nao saber o que fazer,
se te escrevo e mexo com você
ou...se te deixo e mexo comigo!

É difícil...

Linda Edwards

Teu Espaço em Mim...

Hoje, quando sinto arder a perda do nosso amor, percebo que ocupaste um espaço no meu coração que é só teu e que de outrem não poderá ser jamais.

Por que abri minhas portas pra você?
Dificil descobrir e entender as cartas desse tarot.
Talvez porque me trouxeste de volta a poesia e o encantamento para desvendar meus mistérios e viver um amor eterno.
Talvez porque calçaste meu caminho e me levaste a passear por pétalas de rosas sem nenhum espinho.

Ainda não sei como fazer para deixar de te amar agora,
pois te sinto entranhado em mim como uma trepadeira que se funde com seu muro.

Difícil pensar na tua ausência da minha vida, em não mais ter você e me desprender
de tudo o que envolve esse amor pra mim.

Contudo, pressinto que já te soltaste de mim, apenas te falta a consciência dessa realidade
para que sigas teu caminho em paz e com outro amor.

Asseguro-te meu amor, que podes ir agora, pois a despeito do que já tanto te disse,
nada foi em vão, tudo valeu a pena...
Ter vivido essa paixão, tão insana, quanto avassaladora, valeu todos os riscos e todas as loucuras que fiz, além de ter me mostrado um pouco mais de mim, e me fortalecido para continuar minha vida e ser feliz!

Linda Edwards

Infinito Amor...

Quero celebrar o tempo que estivemos juntos
E guardar no coração as nossas lembranças
Quantos momentos lindos de amor vivemos
Quantas viagens loucas ao infinito fizemos.

Quero festejar tua chegada na minha vida
E as mudanças que você causou em mim
Adoro a pessoa que sou quando estou com você
Adoro pensar que nossa história não tem fim.

Saber que estás feliz acalma o meu coração
O que houve entre nós para sempre vai existir
Mas sei que é preciso te deixar partir
Singrar outros rios, ver outro olhar, construir!

Linda Edwards

Por te encontrar...

Quando penso em te rever
Meu coração canta e dança
A dor da ausência vira esperança
E ilumina todo o meu ser.

Quando penso em te abraçar
Meu colo se abre pro mundo
Como um poço fértil e fecundo
Que mata minha sede e engolhe o sumo.

Quando penso em te encontrar
Sinto o toque dos teus lábios
Tuas mãos a me acender
E o afago dos teus braços.

Linda Edwards

À Flor da Pele...

Teu amor me preenche
Teu carinho me encanta
Teu olhar me desnuda
Tua paixão me agiganta.

Teu corpo me seduz
Teu desejo me alimenta
Teu sorriso me ilumina
Tua voz me acalenta.

Teu beijo abre minhas portas
Teu susurro me envaidece
Teu toque me acende
Tua mão me enlouquece.

Linda Edwards

Solidão Acompanhada...

Quando vivo momentos de solidão acompanhada
E passeio e danço nas nossas lembranças
Eis que surges com languidez aliciante e quente
Estou atada ao destino de te amar eternamente?

Há tempos não sei o que espero de ti ou de mim
Já não penso em deixar-te ou resistir ao teu abandono
Teu amor me veste como sufocante segunda pele
Doce prisão que encarcera em ti meu desejo ardente.

Quando chegas em mim e me preenches de amor
Nos tornamos um só a navegar entre gozos
Sem eixo e sem prumo no extase absurdo
Da volúpia incontida da paixão inebriante e urgente.

Ao cessar nossa dança de prazer e plenitude
Meu corpo flutua em circulos quase dantescos
Procuro teu colo para juntar meus pedaços
Sentir nosso cheiro e começar tudo novamente!

Linda Edwards

Encanto...

Adoro escrever
doces poemitos de amor
pra teu coração aquecer.

Adoro lembrar
que numa noite de outono
foste meu beijo roubar.

Adoro acreditar
ser preferida no teu harém
e em teu coração reinar.

Adoro escutar
que sou o amor da tua vida
e para sempre vais me amar.

Adoro me entregar
às delícias do amor
que me fazes aflorar.

Adoro vadiar
quando tocas meu corpo
fazendo-me incendiar.

Adoro confidenciar
que te amo mais a cada dia
e em tua vida sempre vou estar!

Linda Edwards