Vazio no Peito

Cerca de 2641 frases e pensamentos: Vazio no Peito

A PRAÇA
Fábio P. Oliveira


As mãos estendidas tapando o sol...
As lágrimas escorrem pelo rosto triste daquele garoto sozinho
Música triste tocando por todo lado!
As nuvens negras escondem o sol e o vento carregado de fúria sopra...

As folhas secas dançam acompanhadas pelos vários papeis amassados escrito “aquele nome”
No banco da praça o garoto escreve...
Sua camisa xadrez marrom e camiseta branca
Sua calça jeans
Tênis velho e muita tristeza...

Seu olhar é distante...
Ele fala de Izadora e não para de escrever sobre “ELA”
Sua tristeza é sua alegria...

Izadora...
Logo estaremos só outra vez no vazio das almas!
Ele escreve na certeza de poder encontra-la
Ele escreve...

A noite se aproxima com várias vozes
Ele se levanta

Aponta no céu a mais bela das estrelas dizendo seu nome em voz baixa
Sussurra sua dor aos ventos que o cerca

Suas lágrimas descem
Seu coração sofre

No banco deita imaginando o silêncio e sua forma
Sabe que izadora o persegue sua dor é sua alegria...

Izadora fala,
Você...
Doce poeta que me dá forma e amor
Sinto seus pensamentos e suas tristezas
Sou seu silêncio
Passo por você em varias formas...

No toque do vento
Na dor da palavra
Na solidão

Nas conversas eu sou o nome que sai da sua boca
Sou a espada cravada no seu coração
Amor, dor, tristeza, ódio e paixão.

Fábio P. Oliveira

MADRUGADA

Fábio P. Oliveira



O vento frio entra pela janela
Lá fora barulhos de carros rasgam a madrugada...

O silêncio fala outra vez
E se mostra em doces palavras

Meu coração não bate como batia antes...

Não vejo sorrisos
Não sinto o amor
Só as lagrimas me consolam...

Meu olhar é distante
Tento procurar no vazio algo

Minha respiração está lenta...

Inspiro o ar gelado da madrugada
Sinto meus pulmões se enxerem
Fecho os olhos e solto o ar lentamente...

Abro os olhos
Vejo Izadora sorrir dizendo oi!

Ela fala de um amor desaparecido e da sua grande alegria em poder ver eu outra vez...
O relógio nesse momento é nosso inimigo
Estamos sendo conduzidos pelo vento do silencio das doces palavras!

Fábio P. Oliveira

EU
Não conheço o nome que todos falam pelos cantos
Não sinto, não falo, não vejo nada...
As sete peles de Rosa não dizem nada mais!

Do vidro quebrado da janela do meu quarto nasce o sol
Lá fora um mundo paralelo que criei...

Sombras nas esquinas, carros sem pessoas e muitas vozes.
Na minha mochila um caderno com várias poesias
No meu bolso uma foto...

A solidão está outra vez ao meu lado
Sou eu quem a procurei
Agora já nos conhecemos, sua voz é inconfundível.
Silêncio, olhar sem direção, tristeza e dor.

Sou ela e ela é eu!

Fábio P. Oliveira

MUDAR
Respiro pela primeira vez
Encho meus pulmões e solto lentamente
Meu rosto ganha cor...

Meus olhos estão fixos
Só existe uma direção que quero olhar agora...

Uma luz bate no meu rosto desviando minha atenção
Sinto minha camisa ser puxada e o meu nome ser dito...

Olho para traz e não consigo ver nada!
Só sinto cheiro de rosas...

Não posso seguir nesta direção!
Fico parado olhando para o céu
O vento toca meu rosto e a tristeza se faz presente

Meu coração arde
Pulsa ar, queima frio e bate sem som...

Izadora está ao meu lado e o tempo não existe mais!

Fábio P. Oliveira

GAROTA FRIA

A cama se torna insuportável
O cobertor está ao chão
O ar gélido toca meu corpo dizendo que é manhã...

Meus olhos se abrem
Assento na cama
Respiro fundo, estico os braços e me levanto.

Ao meu lado a solidão
Do outro a garota fria...

Caminho até a janela
Observo a rotina das vidas

Vozes sem sentidos
Imagens turvas
Solidão...

Até logo, eu digo!
Até logo garota fria...

Coração apertado
Mãos frias
Só...

Triste como sempre
Céu cinzento, vento...
Folhas secas e papeis amassados
“Izadora”

Xícaras de café escrevem
Música triste, camisa xadrez marrom
Ver e não ver...

Garota fria sorrisos falsos
Palavras de arame farpado
Amarram minha pele...

Cortes profundos
Solidão doce solidão
Silêncio agora...

Fábio P. Oliveira

Espero que esse vazio que você está sentindo agora suma com o tempo, que está tristeza seja passado e que a solidão não faça parte da sua vida...

Joel Oliveira

Talvez eu seja uma pessoa ruim ou talvez eu só goste mais de mim.

Hevellyn

Quem sofre por amor, é mais feliz que aquele vazio, sem sonhos, como uma sombra vivendo apenas como um desconhecido estranho, no meio da multidão!!!

Maria Izabel da Silva Thomáz

Sempre que houver um vazio em tua vida, enche-o de amor e ternura!!!

Maria Izabel da Silva Thomáz

É uma força que me atrai para o mais profundo abismo do meu eu. E, me mostra que no imo do meu ser por mais que eu enxergue tudo ermo e melancólico, há somente luz em mim, somente o bem, somente o amor.

Flávia Abib

Flávia Abib

A VORAGEM

O vaso é mesmo vazio
Um contínuo piso de círculos
Uma porção do destino
Que a si mesmo não serviu.

O vaso é mesmo vazio
É a margem a solidão,
A porção de um mundo alheio
...E por isso é tão só
Que não chega a ter desejo.

O vaso é mesmo vazio
E quando está cheio
Não passa de um endereço
Para o que é verdadeiro...
...Outras coisas,
Saborosas e frescas,
Um suporte que no fim
É esquecido sobre a mesa.

O vaso é mesmo vazio
E todo o seu sentimento
Está escondido
Em um fio de sombra
No silêncio que lamenta,
Basta aproximar seus ouvidos
Que ali encontrara a sua essência
Um concerto de choros
A busca do amor que parece fossos
Porque as almas fendem sem corte,
Reticências
Espantos de morte
E algoritmos novos:

Enaltecem báratros
Porque a sua fome é sensível.
E pululam de noite seus equívocos
Como uma doença que arde.

E quando o sol do meio dia nasce
Os mortos já estão vivos
A imundice purificada
Nos poemas mais belíssimos
Que a luz assombra;
E não detalha.

Porque maior realidade é a da arte
Que com frequência
É desconhecida de seu cônjuge.

O vaso é mesmo vazio
Porque a sua artificialidade
Não é estranha.

O vaso é mesmo vazio
Porque a sua artificialidade
Não é estranha.

Que perdição tamanha

O vaso é mesmo vazio
Porque a sua artificialidade
Não é estranha.

R. S. JABIS

R. S. JABIS

Sem Jesus, somos um saco sem fundo, não importa o quanto tentemos enche-lo, ele sempre estará vazio.

PabloHenriqueLS

No meu olhar nada tem, tudo vago.
No vago do meu olhar,
no vazio dos meus olhos,
está meu coração, desabitado,
esvaziado de amor.

Flávia Abib

Quase sempre um sorriso por fora, quase nunca um sorriso por dentro.
Quase sempre um sorriso vazio, quase sempre um sorriso vadio.

livedmishima

Às vezes passar horas olhando para o vazio, é a melhor forma de encher a alma com as imagens das melhores lembranças..

Mário Franco

A culpa não foi minha, a culpa foi do meu coração, ele estava à procura de alguém para ocupar o espaço vazio que nele tinha, mas esqueceu-se de perguntar ao proprietário se poderia ceder moradia.

Desconhecido

há um vazio .
vazio sem motivo
vazio sem exploração
vazio que achega ate
o meu coração .

messias mattos

Às vezes me pego olhando para o nada, para o vazio, vendo tudo, vejo tudo.
Tudo que traz, tudo que me lembra você.

Flávia Abib

Flávia Abib