Valores Humanidade

Cerca de 978 frases e pensamentos: Valores Humanidade

Mais inquietante que a inversão de valores é a ausência de princípios

Deco Ávila

"A TERRA ESTÁ DOENTE PORQUE OS VALORES DOS HOMENS ESTÃO."

Flávio Marcondes Velloso

"Não entendo tua matemática, nem os valores que você atribui as coisas, há muito fico confuso, penso ser importante, mas sinceramente paro de pensar para não sofrer."

Lúcio Sena

O homem pode se tornar seu próprio abismo quando, por opção, renuncia aos valores humanos e morais: e, em conseqüência, de tudo o que ele se apodera transforma em destruição

Valdeci Alves Nogueira

Em um tempo que valores materiais valem mais que pessoas..
Que inventores de bombas e mísseis são tidos como gênios..
Que templos sagrados, viraram fonte de renda..
e que o amor foi trocado pela razão..
Nós que defendemos a paz somos tratados como palhaços.
E o que nos resta é a nossa fé e a esperança que isto algum dia mude.

Mas o importante no que nós é possível, é não desistir daquilo que acreditamos.

Samara Cirino

Vivo em uma sociedade hipocrita, cujos valores adormecem assim que o sol se põe

Alessandra Souza

Mesmo que os valores da sociedade estejam deturpados, em desacordo com os preceitos bíblicos, os filhos de Deus devem refletir sua divina vontade, agindo com amor e compaixão e não se rendendo ao mundo, tentando adequar-se a ele.

Renato Collyer

Hoje estou mais forte, talvez não tenha mudado nada (ainda), mas hoje tenho Planos e metas, valores e esperanças,hoje sei onde e como vou andar.
Feliz ou triste?! Não sei, só sei que sei como vou andar e como vou fazer pra ter paz em minha mente e ser feliz pra mim mesmo pra depois pensar e fazer alguém feliz!
Já amei demais agora preciso me amar também...
ME AMO...

Francilon Dias

Acreditar em algo é um dos valores mais extraordinários que existem dentro de cada um de nós, pois nos tornam vivos e mais humanos.

Leandro Flores

Incentivar a leitura é a forma mais eficaz de disseminar cultura e valores, incitar a imaginação e despertar a criatividade.

Elaine Sekimura

Posso passar por cima do meu orgulho e da minha vaidade, mas nunca por cima dos meus valores

Mônica Liberato

“A pedra angular de um sistema de valores deve ser a pergunta: ‘O que eu pensarei de mim se eu fizer isso? ‘”

Thomas S. Monson

Quando, nas diversas relações humanas, existe a reciprocidade nos sentimentos, valores e intenções não há lugar para as cobranças.

Graça Leal

* * * Alguns valores * * *





Certo dia me queixando das coisas que não tinha, de repente bateu uma brisa forte e um cheiro conhecido tomou meus pensamentos e tocou minhas lembranças...

Lembranças de uma infância alegre, cheia pega-pega, esconde-esconde, rouba bandeira, mãe da rua, castelo ratimbu, foi sem querer querendoooo...

Então senti a mesma sensação, a mesma emoção que sentia quando criança...

Lembrei de como essas coisas simples eram importantes e valiosas, não me importava com as roupas porque elas sempre estariam sujas no fim do dia... Não me importava com beleza porque a criança é a semelhança dos anjos.

Não me importava com dinheiro, porque o meu eram apenas para os doces...

Deus nos presenteia cada dia com uma coisa nova... Uma emoção diferente...

Ainda podemos assistir chaves, e brincar de esconde-esconde ou quem sabe rir ate chorar de tantas cócegas...

Não esta tudo perdido, ainda temos a ferramenta principal para revivermos e vivermos emoções inesquecíveis... Ainda temos amigos...


Escrevi isso especialmente para vocês, meus amigos...

Não podemos deixar que as loucuras do dia nos deixem cegos aponto de não enxergarmos o que esta diante de nossos olhos.

A moral da historia é que nada disso teria sentido sem você "Amigo" por que de que adianta assistir o chaves e não poder comentar a parte mais engraçada com alguém, ou como vou brincar de pega - pega comigo mesma?

As pessoas não param para analisar o valor de uma grande amizade... É por isso meus queridos amigos que nunca vou cansar de dizer " Eu amo vocês"



Obrigada por fazerem parte da minha jovem infância.

Aline Oliver

Infelizmente no nosso mundo os valores estão deturpados, alguns já perderam as esperanças, e só levamos da vida as boas lembranças. Por isso eu dou valor a uma boa notícia, a um olhar sincero de uma criança, às conversas jogadas fora, dou valor à família. Dou valor a uma bela paisagem, a uma boa viagem,dou valor aos bichos que estão em extinção e que talvez meus netos, talvez filhos só vejam através de fotos. Dou valor à saúde e ao esporte, dou valor aos mais experientes, dou valor a vida.

Cíntia Pinheiro

A cultura de um povo é o seu maior patrimônio
Preservá-la é resgatar a história, perpetuar valores,
é permitir que as novas gerações nao vivam sob as trevas do anonimato.

Nildo Lage

26/06/2013 09:19 USIMINAS (USIM-N1) - DELIBERACAO DE RCA

USIMINAS (USIM-N1)
DRI: Ronald Seckelmann

Deliberacao de RCA

Em RCA de 14/06/2013, o Conselho aprovou, por unanimidade, a proposta de
alienacao da Automotiva Usiminas para a Aethra Sistemas Automotivos S.A,
conforme material apresentado, pelo valor de R$ 210.000.000,00 (duzentos e dez
milhoes de reais), a serem pagos a vista, na data do fechamento da operacao de
compra e venda, com base no balanco de 31.03.2013. Referido preco podera ser
ajustado caso sejam apuradas diferencas entre o balanco de 31.03.2013 e aquele
que sera apurado na data do fechamento da operacao de compra e venda. O
fechamento da operacao fica condicionado a algumas condicoes, dentre elas a
aprovacao pelo Conselho Administrativo de Defesa Economica CADE. O Conselho,
ainda, aprovou, por unanimidade, a delegacao de poderes para a Diretoria
Estatutaria firmar todos os documentos necessarios a conclusao desta operacao.

Bolsa de Valores

24/06/2013 16:06 METAL LEVE (LEVE-NM) - ESCLARECIMENTOS

METAL LEVE (LEVE-NM)
DRI: Heiko Pott

Esclarecimentos

Em atencao a consulta da BM&FBOVESPA, a empresa enviou o seguinte:

Ref: Oficio GAE 2.735-13

Prezados Senhores,

Vimos pela presente, e, em atencao as solicitacoes constantes do oficio acima ep
igrafo, no seguinte teor :

Solicitamos esclarecimentos sobre o teor da noticia veiculada no jornal Valor E
conomico, edicao de 20/06/2013, sob o titulo Mahle tera que detalhar vendas de f
iltros hidraulicos a Justica, bem como outras informacoes consideradas important
es.

esclarecer a V.Sas o quanto segue:

a) Por determinacao do MM. Juizo de Direito da Vara Criminal de Mogi Guacu, nos
autos do processo n. 3002410-10.2013.8.26.0362, proposto pela senhora HERICA CRI
STINA FERREIRA DINIZ GONCALVES, o qual corre em SEGREDO DE JUSTICA, expediu-se O
ficio para que os senhores CLAUS HOPPEN E MARCELO BENEVENUTO JARDIM apresentem a
te o dia 25 de cada mes, informacoes devidamente assinadas por ambos dando conta
da venda de filtros hidraulico realizadas pelo grupo Mahle, sob pena de incorre
rem em crime de desobediencia;

b) Em virtude da administracao da Companhia sempre agir com a maxima transparenc
ia ira cumprir o determinado pelo Juizo no prazo determinado; e

c) Entretanto a Companhia sempre o manteve o mercado devidamente informado desse
litigio atraves das divulgacoes que foram levadas a efeito na secao 4.4 ( fator
es de Risco / processos nao sigilosos ) do Formulario de Referencia, paginas 212
e 511 do Prospecto Definitivo de Distribuicao Publica Secundaria de Acoes Ordin
arias em 30 de junho de 2011. Em outubro de 2012 a Comissao de Valores Mobiliari
os (CVM) solicitou a Companhia manifestacao sobre este caso. No que diz respeito
as informacoes prestadas diretamente a CVM, as mesmas foram objeto de resposta
ao Oficio CVM/SEP/GEA-1/n 370/09, bem como no processo CVM RJ 2012-11189. Por fi
m a Companhia esclarece que todos os balancos de suas controladas sao auditados
pelas mesmas empresas de auditoria que emitiram o parecer da mesma, nao existind
o ressalvas que pudessem corroborar os pontos levantados pela socia Herica Gonca
lves na medida cautelar ora proposta que corre em SEGREDO DE JUSTICA.

Bolsa de Valores

"RGPS- ANDERLEY,o aposentado injuriado"


Amigos leitores,

Há alguns dias recebi e-mail do senhor Anderley do Nascimento, amigo meu virtual, a quem muito respeito e admiro. Tem 71 anos de idade, contribuiu para o INPS- agora INSS- sobre o teto do salário de benefício . No entanto, seus proventos não chegam, no momento, nem à metade do valor que deveria receber: são parcos e diminuem a cada ano que passa. É aposentado, óbvio, pelo RGPS.
A sua luta e a sua dor, são as minhas, que têm sido acumuladas durante toda a vida dedicada com amor, afinco e mesmo devoção, na defesa gratuita (é sempre bom repetir) dos direitos dessa classe de cidadãos tão desrespeitada e maltratada por esses governos todos. Não há como deixar de indignar-me. (*)
Entra governo, sai governo, e essa interminável melodia quase monocórdica, mas sem a beleza do Canto Chão Gregoriano – segue, prossegue e para muitos a morte chega antes que recebam o que lhes é devido.
Amigos leitores, se quiserem, podem externar seus pensamentos em comentários: são bem vindos . Podem pensar- como alguns – que não tenho mais idade para ser tão crédula – acreditar que todos à minha volta sejam bons (nisto, na verdade não mais acredito); que sonho como adolescente (isto ainda ocorre, pois a alma – a minha – pelo menos – ainda é confiante e sonhadora como quando era realmente adolescente).
Tenho, na verdade, a alma de meus quinze anos e é esta alma que ainda embala meus sonhos, acreditando poder fazer com que se tornem realidade. É esta mesma alma que me anima a prosseguir e que roga a Deus sempre mais, fortalecer minha fé; que me faz crer mesmo contra as evidências, em dias de JUSTIÇA; que me leva a acreditar existirem criaturas dotadas de Valores e Princípios que, acima e além das leis injustas buscam Justiça e encontram-na em Juízes sérios, capazes e honestos, pois os há.
Quero seguir assim enquanto viver: crer na beleza existente as almas das pessoas que assim as têm: boas, gentis, cheias de solidariedade, amor e compaixão. Todavia, vezes há em que constato ter-me enganado em meu julgamento positivo sobre determinada pessoa, pois não corresponde à realidade. Querendo ou não, profunda tristeza invade minh’alma: chego mesmo a sofrer por ter eu errado em pensar e senti-la boa. Não só isso me dói, mas também lastimo o fato de a pessoa (hipotética) não ter capacidade de perceber e receber com carinho a confiança que nela depositava. São portanto, dois ‘sofreres’: o meu e o que sinto pelo ‘outro’.

Pois bem, amigos leitores: abaixo lerão o e-mail do amigo ANDERLEY PIMENTA, que se auto intitula – e com toda a razão: “O Aposentado Injuriado” . Pode parecer piada para alguns dos leitores. Garanto-lhes, no entanto, que é realmente como ele se sente e como se sentem todos os demais que, como ele, contribuíram sobre o tetodo salário de benefício do INSS e estão a receber migalhas. Esse Direito à indignação, ninguém nos pode tirar.
O e-mail abaixo é a resposta que o ANDERLEY envia para um amigo que o convidara para participar de mais um partido político dos aposentados. Leiam-no e tentem colocarem-se em seu lugar. Se conseguirem isso fazer, verão o quão certo está o senhor Anderley.
Mirna Cavalcanti de Albuquerque

(*) Certa feita, em Congresso de Direito Previdenciário realizado no Norte, ao apresentar minha tese, referi-me ao problema de caixa sempre mencionado pelos governos todos – ser ocasionado pelos valores pagos aos aposentados e pensionistas. Disse para mais de 700 pessoas que o referido problema seria facilmente resolvido: em vez de matarem os aposentados aos poucos, os exterminassem de uma só vez – pagaria o governo apenas a pensão ao cônjuge supérstite (o que sobrevivesse ao morto). Tal medida resultaria em grande economia para os cofres do Estado, já que, à época, caberia ao viúvo ou viúva, 50% dos já miseráveis proventos do falecido. O auditório ficou perplexo. O Ministro (penso que era o Stephanes), nada disse – aliás, ninguém disse coisa alguma. Se nada consegui, lavei a alma que, aliás, continua indignada com tudo o que ocorre quando tentam sufocar a verdade com mentiras, esquecendo-se que mais cedo ou mais tarde, ela aflora.

E-mail do Senhor Anderley Pimenta

Sei que sua luta em prol dos aposentados e pensionistas em geral tem que ser valorizada sempre. Tenho porém, minhas divergências com relação a alguns fatos e serei o mais breve possível, tentando resumir o que percebo nas manobras políticas que hoje dificultam as reais intenções das entidades referidas que nos representam.
Precisamos de um partido? Precisamos. Agora: confiar nesse partido é que é ‘o problema’, principalmente quando até hoje COPAB, FEDERAÇÕES, ASSOCIAÇÕES e SINDICATOS nada conseguiram de concreto com relação aos projetos e vetos "ENGAVETADOS" que, se implementados beneficiariam mais de 8 milhões de aposentados e pensionistas. Na minha opinião, Warley não é lider coisa nenhuma. Já venho acompanhando seu trabalho, e não demonstra confiança para dirigir a COPAB- que dirá um partido político!
Porque digo isso? Quando se investe em alguma coisa, se espera bons resultados. O Sr. sabe que nada conseguimos tendo Warley da COPAB. NEM apoio "aparentemente" de um Senador da República que também perdeu a confiança que eu tinha nele, culminando em aceitar o jogo do governo na questão do salário mínimo.
Sr Luiz: são mais de 16 anos que os aposentados
"VAGABUNDOS", estão esperando algo concreto dos que se dizem nos representar. Teria muito mais coisas a dizer, e vou terminar dizendo o seguinte:
Precisamos de um partido, precisamos que a COPAB e Federações nos devolvam o que nos roubaram, (são coniventes com os engavetamentos dos PLs)... E prova disso é que não vão para o Congresso e para a mídia e atuam no sentido de fazerem valer os nossos Direitos Constitucionais? Particularmente falando, eu até me filiaria ao partido, se: o veto aos 16,67%/2006 fosse derrubado ou pelo menos dois dos três Projetos de Leis- PLs fossem aprovados em meu beneficio, garantindo que o fator previdenciário não me atinge. É outro problema para quem já está aposentado. Digo-lhe ainda: tenho mais é que pensar primeiro em mim. Afinal são 71 anos de idade. Os mais jovens, têm toda uma vida pela frente.
Agora: filiar-me a um partido cujo presidente é ainda presidente da COPAB, fica dificil acreditar- nada fez como presidente da Confederação – que esperar do mesmo como presidente desse partido?
Quanto ao Paulo Paim, só agora menciono seu nome.
Anderley Pimenta

RGPS aposentadorias pensões Anderley Pimenta.Mirna Cavalcanti valores aposentadorias

Que tenhamos espíritos bons para a busca da humanidade.
Que não julgue pelos os valores e pela a moral, pois, nada está acima ou abaixo do homem.
Não há preceitos que venha fazer-ti especial frente ao Outro. Sejamos simples, pois estamos longe da pureza das flores perenes.

Rafael Bastos Ferreira