Uma carta de Esperança

Cerca de 1575 carta Uma de Esperança

UM ANO NOVO CHEIO DE ESPERANÇA
(Edson Nelson Soares Botelho)
(Selda Kalil)

Mais um ano vindouro de esperanças
De aparências e novas experiências
Buscamos almejar o melhor
Sonhos a serem realizados

Abrimos nossos livros inacabados
Na certeza de lutar pelas oportunidades
Buscamos uma nova chance com harmonia
Na esperança de uma nova sorte sem ironia.

Em parceria com o mundo em busca de soluções
Alimentando-se dos sonhos de um novo amanhã
Acreditando sempre que poderemos vencer

A cada ano um desejo e um sonho inacabado
Todos os anos lutamos por novas conquistas
Na esperança de ser realizados nesse próximo ano

Edson Nelson Soares Botelho

Muita vitima uma tragédia.
Sem comunicação, sem segurança.
Sem paz, Sem esperança.
Sem casa, Sem família.
A insônia porem o cansaço.
A ilusão e a desilusão.
O choro e o alivio.
O sorriso e o ódio.
Os amigos e a perda.
Silencio? Não, não estamos em silêncio, pois a todo o momento esse silêncio é quebrado pelo barulho dos helicópteros que levam vitimas dessa tragédia incalculável.
Esses sentimentos é o que preenche nossos corações nesse momento. Não se sabe o que acontece. Aqui não se tem noticia.
11 de janeiro de 2011, o começo de todos esses sentimentos, a vitória e a derrota...
Depois as noticias...
E finalmente quer saber o que nos conforta? É saber que não estamos sozinhos, dentro de nossos corações estão também, amigos, familiares, até mesmo desconhecidos e principalmente o criador de todas as coisas, Deus.
O único que pode controlar tudo aquilo que ele mesmo criou.

Luana Sevilha

Estou ensaiando sorrisos no espelho
Com esperança de que eles não venham a me deixar.
Estou correndo em círculos de joelhos
Com o desejo que Deus venha a me perdoar.

Estou fechando incessantemente meus olhos
Com o sonho de que venha a lhe encontrar
Estou implorando por um simples conselho
Esperando a sorte que parece nunca chegar.

E sob esse céu cortado por feixes de luz violeta
Peço que o tempo reconstrua os pedaços que perdi
Cantarolo, uso rimas, me finjo de poeta
Tudo para a felicidade não esquecer de mim

Aline Bulla

Uma noite, uma fantasia.
Para que tudo se torne uma grande magia.
A esperança pode ser a ultima a morrer,
Mas é a primeira a crescer,
Dentro de uma mente que brilha como o céu,
Ou mesmo olhos Repletos de felicidades.

Um jardim que flora ao ver o sol,
Um sorriso que se abre ao ver o destino,
Que reflete o paraíso
Para a mágica um segredo,
Para o amor a sintonia de seres possuídos.
Um dia pode houver sol ou chuva
Horas e minutos para todos os segundos
Uma vida inteira para todas as barreiras
Vencidas com simples aplaudes!

Sabrina S. Yamaguchi

esperança...
Não há matéria
Não há sopro
O que está aqui é o halo
A presença fluídica
A gota que me acaricia
O sentido da palavra de ontem
Os pés tocando o chão
A imagem dos teus olhos...

Não há presença real
Embora o que está aqui transcenda
Vá além do real
E se mescle com meu espírito
Que congraça a pele
O seio
O prelúdio da esperança...
Postado por milton às 13:04

Milton Rivaldo

Esperança
A esperança faz com que tenhamos fé no amanhã;
A esperança nos da força para continuar;
A perseverança não deixa a esperança acabar e assim
Desejamos que você tenha muita perseverança para
ir em busca da felicidade, das conquistas e do sucesso.
Não deixe a esperança acabar, pois só assim você vai encontrar o que deseja.
Felicidades em sua nova face de vida.

Adriana Patricia da Costa

Uma Tristeza: a dor de não te ter
Uma Esperança: te encontrar
Uma Alegria: ter conhecido você
Um Mundo: o nosso
Um Olhar: o seu
Um Dia: hoje
Uma Dúvida: o amanhã
Um Desejo: você comigo
Um Momento: Agora
Um Medo: te perder um dia
Um Segredo: te amo
Uma Saudade: de você
Um Sabor: dos teus beijos
Uma Certeza: sempre te amar

Maitê Maia

E eu vou viver, ainda que tentem me impedir

E eu vou ser feliz, ainda que me tirem a esperança

E eu vou cantar, ainda que me tirem o direito de ouvir

E eu vou sorrir, mesmo que na intemperança

E eu vou amar, ainda que seja a mim mesma

Pois podem me tirar tudo, menos meus sentimentos e meu sorriso.

Valéria Bischof

As rugas congeladas nas ruas das cidades
Nas filas esperando por um pouco de esperança
Seus ossos corroídos por anos de servidão
Agora se tornam lixos e um peso social

Suas súplicas por justiça são ignoradas
Perversidade faz parte do jogo do poder
Lágrimas enfeitam as prateleiras dos senhores
Que sentem prazer em destruir seus sonhos

O cheiro putrefato do abandono é um perfume nas narinas dos detentores de capital.

A solidão e o desespero que essas pessoas se encontram animam olhos vorazes por dor.

A crença espalhada de que eles não mais servirão, faz com que até os mesmo se sintam inúteis.

Pessoas sofrem diante de uma nação silenciosa
Controlados pelo sistema não reclamam
Consideram essa fase como parte do processo
E se preparam pra sofrer calado quando chegar sua vez

De cabeça baixa seguem diante do opressor
Que coordena suas vidas medíocres até o fim.
Quando não será mais necessária
Aí seremos todos largados
Sem capacidade viver muito tempo
Além do que planejaram
Pois os recursos dados, não são uma ajuda
Mas sim uma forma de manter-nos fracos sem forças para lutar
E garantir que a nossa morte ainda esteja próxima!!

Rômulo Romanha

Solidão de uma alma infeliz

Alma triste
Vagas sem rumo
Sem esperança, sem amor
Sentindo apenas dor
A dor de ser uma sombra
Escura, vazia
De que todos têm temor

Ó perambulante da escuridão
Ser da solidão
Vazia e amarga fora sua vida
Sem amor, sem paixão
Mas eu te amava
E você me ignorava
Agora ignoro seu corpo
Pálido, caído ao chão
Sangrando as magoas
Que me fizeste sofrer

Ó pobre alma
Fique em seu lugar
Olhando seu cadáver
Caído, morto
Fique no cemitério
Não pare de chorar
Sofra, o que me fizestes sofrer
Não pare de chorar

Morra na vida
Como morreste
No ódio de minha paixão
Não correspondida

Lady Amoraxy

Esperança

Esperança, a princípio parece ser inofensiva
Nos dá a impressão de bom sentimento
Mas só nos trás atitudes contraprodutivas
Que nos deixa presos ao acomodamento

Ela nos dá medo, causa ansiedade
Nos faz pensar demais e agir de menos
Acabamos perdendo a oportunidade
Porque ao fracasso tememos

Esperança, ela tira nossa coragem
Pois temos medo de nos frustrar
Na mente surge aquela terrível imagem,
Onde nos vemos a fracassar

Ela nos faz querer esperar mais um pouco
E nunca saímos dessa fase de espera
Pois por dentro temos esse pessimismo louco
Que a esperança nos gera

Esperança, ela nos faz perfeccionistas
Nos dando um medo terrível da imperfeição
Ela nos torna derrotistas
Pois nunca agiremos com perfeição

Nunca nos sentimos suficientemente preparados
Parece que não vamos obter sucesso como imaginamos
Por isso ficamos ali estagnados
Por medo de imperfeição recuamos

Não devemos agir ansioso,
Isso ajuda na atitude
Não nos deixa temeroso
E nem nos ilude

Devemos agir no instinto de que dará certo,
Sem criar expectativas antes do fato,
Assim deixaremos o sucesso mais perto
E o medo eu mato

O mundo dos sonhos é bom, mas nos engana
A vida deve ser vivida no agora
Eliminando a esperança insana
Que sempre joga nossos objetivos para outrora

Esperança é como uma barreira
Que faz você querer, mas te impede de agir
Te mostra como é bom conseguir o que se queira
Mas também como dói se você não conseguir

Esperança é um sentimento para fracos
Nunca mais quero a sentir
Com ela cortarei meus laços
Para parar de sonhar e começar a agir

Promessius - Vinícius Hermano Petri de Carvalho

"Venha, luz!
Acrescente calor aos meus dias;
Esperança aos meus questionamentos;
Cores ao pensamentos cinzentos;
E às dores, ah!, as dores...
Dê a elas um remédio bem potente,
Daqueles a que nem o touro mais forte é resistente;
Pra que eu possa sentir a força da sua magia,
Pra eu me banhar na sua energia,
E contagiar, a quem estiver por perto, com a minha alegria".

Mais em lavinialins.blogspot.com

Lavínia Lins

Vivo com a esperança que você volte.

Sei que já faz tempo que você se foi.

Mas tenho a certeza que você não se esqueceu de mim,

Como eu também não me esqueci de você…

Não sei se voltarás em um ano ou em uma vida,

Mas não me importo com o tempo que leve.

Só me importo com o tempo que vou estar em seu lado.

Esta espera esta sendo uma tortura,

Mas por você tudo vale apena.

David C. Haubert

O amor é palavra.
O amor é sentimento.
O amor é imagem.
O amor é silêncio.
O amor é esperança.
O amor é espera.
O amor é paciência.
O amor é vivência.
O amor é experiência.
O amor é pai.
O amor é mãe.
O amor é irmão.
O amor é amigo.
O amor é conselho.
O amor é ouvido.
O amor é recordação.
O amor é beleza.
O amor é conhecimento.
O amor é realização.
O amor é aproximação.
O amor é compreensão.
O amor é entendimento.
O amor é conciliação.
O amor é satisfação com o outro.
O amor é entender o outro.
O amor é compreender o outro.
O amor é comemorar com o outro.
O amor é necessitar que os outros compreendam o amor e exercitar a paciência para esperar que isso aconteça.
O amor é um estímulo que nasce e quer que o conheçamos em todos os seus detalhes e realizações para sermos verdadeiramente felizes. É uma realidade que nos espera,sem pressa, dentro do nosso coração e dentro da nossa mente.
O amor é infinito e necessário.

Fabio Savatin

CARTA AO PRÍNCIPE

"Afasto as dores do corpo, na esperança de que as da alma sigam o mesmo destino
À minha volta, um palácio de pedras tenta me proteger dos maus cavaleiros
Em contrapartida, passam pela minha porta, sem chances de entrar, os nobres e honrosos senhores, possíveis candidatos a me proporcionar a tão desejada felicidade
Por entre as fortes e inquebráveis paredes, escorrem lágrimas de solidão e desamor, vencendo o chão frio e as escadas de incontáveis degraus
De tão protegida, acabei me tornando frágil e vulnerável
Sem defesas para as minhas próprias indagações, questiono a minha história, tão diferente dos contos protagonizados por belas e doces princesas
Onde estarão o príncipe e o seu cavalo nevado?
Quando, da janela, ouvirei as suas declarações de amor sem fim?
Enquanto a contemplação não vem, vou me conformando em sonhar, noites a fio, com os beijos e afagos daquele que, um dia, será o dono do meu reino".

Mais em lavinialins.blogspot.com

Lavínia Lins

Que a esperança seja devastada dos corações
que o medo tome conta das almas inquietantes
e que a ferida seja amputada dos pensamentos.

Não quero ter esperança quero vivê-la.
Os homens que buscam a esperança estão morrendo em sua mediocridade.Desculpam-se consigo mesmos pelo tempo que perderam, sabendo que nunca recuperarão o tempo passado. Parece que há o prazer na dor e como que cutucando a ferida cicatrizada tiram a casquinha para ver o sangue jorrar novamente.

Aí está o medo das almas inquietantes, deparar-se com a verdade. A verdade da existência, da solidão... E, re-conhecer isso é o primeiro passo para a superação.

Não deixaremos de ser só enquanto não re-conhecermos o "status quo" de existir, a solidão. Não há remédios nem receitas caseiras há somente a abertura para a relação.
A relação com o outro que nos tira de nós mesmos e nos lança no campo de outro. Ser para um outro nos faz ser para nós mesmos.

São feridas que devem ser amputadas das mentes e corações: a "esperança desculpante" e o "medo dos inquietantes".
Ver o mundo do jeito que ele é, confuso, sem sentido pronto, e gerador da insegurança e do medo, não seja motivo de desespero, mas da verdadeira esperança.
A esperança que não espera nada, nem ninguém... que vive o des(não)-espero do outro e a esperança de si em si mesmo com um outro.

Mizael de Jesus L. Silva (Mizaj7)

Esperança

Espera baseada na possibilidade de que algo que se deseja muito aconteça; ação de confiar na possibilidade de que alguma coisa boa poderá acontecer;

Algo ou alguém em que ou em quem se coloca uma expectativa;

Tudo o que possa estar relacionado com o que é ilusório, utópico;

Virtude que completa as três virtudes teologais: fé, caridade e esperança;

Para mim uma forma de sofrer em silêncio, a última lágrima, o último suspiro antes da certeza que todo o tempo que se esperou, na verdade nunca passou de um sonho não realizado, de um objetivo não alcançado, ou se assim preferir de uma vã espera*nça.

Alexandre Leonardo

Vazio, esperança: Mamãe.: Sentei no vão da porta e encarei a separação de madeira que a levava ao corredor, senti um frio passageiro, um vento propriamente, não achava aquele um momento muito apropriado para você chegar, senti aquele vazio tomar conta de meu estômago.
-Mamãe é você?
Lembro-me das suas palavras de antes de partir: “Filha, dirão a você que eu faleci, que não estou mais presente aí em seu mundo. Mas peço-lhe filha, que não acredite, eu passarei uns dias fora, e assim que der eu volto para casa e prometo cuidar de ti.” – Onde você esta mamãe? Você não está aqui agora por quê? Eu precisava de ti nesse momento. Fechei meus olhos, mantive a calma e a proximidade, senti sua mão acariciar meus cabelos. O vento se foi, a sensação também e tudo o que restou foi o vazio. Você não está mais aqui, é.

Hozana Teixeira - A dreamer defeated

Ainda temos a sutil e essencial esperança de quem vive,
Que não apenas passa pela Terra e assiste ao espetáculo da existência,
Mas desempenha seu papel e muda vidas, constrói sonhos,
faz a diferença onde quer que passe e floresce o jardim de alguém e torna mais brilhante a luz das estrelas,
ainda que apenas em sua pequena imensidão...

Agny Tayná Mota

E até hoje, quando olho pra trás, procuro insensantimente você. Na esperança, de quem sabe, você estar alí atrás de mim. Pra me pedir perdão por tudo que me fez e dizer o quanto me ama.
Admito que chego até a ensaiar algumas mazelas falsas pra te dizer quando você me pedir o meu amor de volta. Ensaio vários tipos de “não” , “agora não”, “você me machucou demais”, “vou pensar, mas não tenha esperanças”, mas no final eu aceitaria você de volta quando você me dissesse um lindo – Eu te amo.
Ilusão á toa.
Você nunca está atrás de mim, em minha frente, ou ao meu lado… Sempre dentro de mim, e só.
Quando fecho os olhos posso sentir o seu cheiro ao me abraçar, e sinto de verdade um aperto dentro de mim. A dor fica tão grande e tão forte que me abraça e a minha saudade me trás o seu cheiro.
Até procuro em outros homens uma parte de você, aquela parte que se faz necessária dentro de mim. Mas por melhor que eles sejam, nunca tem aquilo que você tem… Suas qualidades, seus defeitos, seu jeito.
Você se perpetuou dentro de mim, não consigo te tirar de mim, de dentro do meu coração. E ás vezes, até acredito que alguma coisa possa ser eterna. Quem sabe o amor seja eterno… Quem sabe ele acabe mais rápido que a gente imagine… Quem sabe ele se vá quando a gente se esquece dele… Quem sabe a gente não queira deixar ele ir… Quem sabe?
É isso, perguntas sem respostas. O amor é uma eterna incógnita, talvez por isso o queiramos e odiemos tanto!

Paloma Almeida