Um dia eu te Amei hoje eu te Odeio

Cerca de 2562 frases e pensamentos: Um dia eu te Amei hoje eu te Odeio

Odeio pessoas falsas, demagogas, hipócritas.
Pessoas que vivem de mentira.Que te beijão como Judas.
Tenho muitos defeitos,mas dentre eles não se encaixa a falsidade.
Sou sincera, talvez até de mais.
Mas prefiro ser assim do meu jeito,pois me agrada muito mais.
Ser infantil de vez em quando, palhaça, para fazer os outros sorrirem.
A vida me ensinou muitas coisas e uma delas é o valor de uma amizade verdadeira.
Me ensinou a tratar as pessoas com igualdade, sem preconceito de raça, credo ou cor!!!
Me mostrou que hoje voce tem tudo e amanhã pode não ter nada.
Mas acima de tudo , que você vale pelo que é não pelo que possui.O valor esta no seu coração, nas suas atitudes,pois máscaras caem com o tempo, vc não consegue esconder por muito tempo quem vc realmente é.!!!!Mostre sua essencia !!!

Irene Herman

Odeio o obvio, a certeza, o planejado... Porque adoro desfrutar do TESÃO de uma surpresa!

Leleli Santos

Odeio o obvio, a certeza, o planejado... Porque adoro desfrutar o TESÃO de uma surpresa!

Leleli Santos

Sou exatamente como me vêem totalmente sem clichês.
Um dia me disseram que eu odeio com amor, e como odeio!
Ou será que amo? Cheguei a conclusão de que odiar com
amor é odiar tanto uma pessoa que sua cabeça chegue a doer,
seus olhos cheguem a arder, suas mãos a suar,
e mesmo assim se essa pessoa precisar de você
para ser carregada em suas costas você a carregará.
Odiar com amor, é amar tanto que o ódio é esquecido
e a compaixão é exercida.- Pensei - Ah! se todos
se odiassem com amor...

Amanda Rodrigues

Eu amo seus beijos, odeio sua desconfiança. Eu amo seu carinho, odeio nossa distância. Eu amo o jeito que você me olha, odeio depender de você. Eu amo os seus ciúmes e cuidados, odeio não ser a única a recebe-los. Eu amo seus abraços aleatórios, odeio quando você me faz chorar. Eu amo quando meu cabelo enrosca na sua barba, odeio quando seu sumiço afeta toda a minha vida, inclusive o meu humor. Eu amo quando você me segura pela mão para eu não cair, quando eu não enxergo onde piso, odeio o fato de você não gostar de planos. Eu amo o seu romantismo fora de hora, odeio como esqueço de todas as brigas quando você diz que quer me ver. Eu amo você. I love everything about you that hurts.

Thais Luquez

Já me entreguei pra quem nada queria, já fui o erro de quem gostou de mim. Odeio a falsidade desse mundo, mas as vezes me pergunto se não faço parte.

Itarcio A. L.

Odeio despedidas. Principalmente quando vem junto daquela sensação horrível onde você não sabe se pede para que a pessoa fique ou se vai junto com ela.

Carolina Bensino

” Eu sei que é difícil acreditar nessas palavras clichês que eu tanto odeio ouvir, mas acredite:

Tudo irá melhorar, tudo vai passar, e há um futuro ótimo esperando por você.”

Carolline Milici

Odeio sentimentalismo barato, se for pra fazer drama, que seja um digno de oscar.

Andy

Sou feita de extremos, odeio meio termos.

Ariadne Motta

Odeio ver alguém concordar comigo em algumas coisas por que só assim eu tenho a certeza de que estou redondamente errada.

Clarissa Guerra de Medeiros

Odeio te amar
Odeio que ame outra pessoa
Odeio porque sei que é verdadeiro
Odeio quando me faz perceber o que sinto
Odeio porque cada dia eu insisto
Odeio ter que mudar isto
Odeio viver só isso
Odeio porque é o meu vicio
Odeio não ter te visto
Odeio por simplesmente ter te querido

Bruna Reichter

Eu poderia sair na rua AGORA e gritar: EU TE AMO, Mas odeio hipocrisia!

Ezequias Clarindo

Odeio despedidas. Odeio dar tchau. Odeio chorar. Mas também odeio sofrer. Quero te dizer que esse mundo é injusto demais. Nele vivem pessoas cretinas demais. Já que estou falando no que é demais: fui honesta demais. Talvez esse tenha sido meu maior erro. Mas não sei ser de outra forma.

Clarissa Corrêa

"Odeio intuição feminina a minha, nunca falha."

Divã

Gravado em mim


Eu odeio esse seu jeito de ser tudo que eu sempre quis.

Odeio esse seu jeito de se vestir, porque ele é exatamente como eu queria que fosse. Odeio seu jeito de falar, de andar, de mentir. Odeio o sorriso dos teus olhos e o som da tua risada. Odeio cada palavra que me lembra você. Odeio as músicas que você escuta, porque eu as tinha feito como nossas. Odeio essa sua mania de sorrir sem jeito quando me pede desculpas. Odeio quando você me faz acreditar em cada palavra que sai da sua boca. Odeio o caramelo que preenche seus olhos. Odeio me perder nesse seu sorriso e não saber me encontrar no final.

Odeio esse seu jeito de ser tudo que eu sempre quis, e não te ter só pra mim. E o maior problema é que tudo isso que me faz te odiar é exatamente a mesma coisa que me faz te amar. Essa tua cara de sono, que fala sem nem saber o que diz; essa tua mania de insistir no que já não tem mais jeito; esse seu jeito de saber me usar, de me conhecer, de me convencer... Parece até que você tinha o meu manual de instruções, porque você sabe me decifrar em cada palavra e pensamento meu.

Mas o que eu mais detesto é quando você desfaz o nó que nos amarrava e vai embora. Me deixa aqui, sem ter nem sequer um porquê. Você vai e eu fico em vão... É como se você levasse junto tudo o que faz parte de mim. Você não pensa nada, só em você mesmo; esquece de tudo e simplesmente vai-se embora... E me deixa aqui, com o coração estendido no varal, secando as feridas e com a esperança já no fim. A esperança vai acabando e você ainda não voltou. O relógio marca os minutos, os minutos vão formando horas, as horas formam dias e você não volta.

É quando, antes que o vento pudesse secar o resto de uma gota de esperança, você chega. Chega com o sorriso que eu mais gosto estampado na cara e com palavras que sempre me convencem. E eu odeio quando você faz isso, porque você sabe que independente de quando chegasse, meu coração ia continuar lá no varal, estendido, só esperando você voltar; você sabe que meu coração está impregnado de você, e que por mais que eu queira, não consigo tirar seu cheiro de lá... Tornou-se permanente em mim.

Eu odeio quando você chega e, tão facilmente, me pega de volta. Odeio saber que não te tenho do mesmo jeito que você me tem. Odeio quando você mistura as palavras e me faz acreditar que seu coração é de todo meu. Odeio o barulho que o silêncio faz quando você some. Odeio esse teu jeito inteiro; da cabeça aos pés, em cada pedaço teu... Odeio teu tudo e teu todo, porque ele ainda me faz te amar como eu já não devia.

Odeio não conseguir te arrancar de mim, desde o dia em que você me mostrou a freqüência que era só nossa... Desde o dia em que eu te transformei numa canção, e te gravei em mim, de um jeito pra nunca mais te perder.

Aline Mariz

Não vou falar nada.
Odeio ser grossa e muito espontânea gratuitamente.

Gabi Matias

Odeio sentir ciúmes. Mas adoro quando você sente de mim.

Dayanna Oliveira

Bipolaridade em frasco.
Eu te amo,mas eu te odeio. Eu te quero,mas tenho nojo de cada palavra que sai da sua boca. Eu sinto sua falta,mas eu te quero o mais longe possivel.
Quem consegue suportar todos esses sentimentos ao mesmo tempo? Eu. Eu consigo ter todos esses sentimentos ao mesmo tempo. Minha confusão que complica se descomplicando.

Marília Daniel

Sempre escolhi ficar. Sempre. Odeio despedidas e odeio ser a pessoa quem fica. Mas por incrível que pareça, não consigo deixar absolutamente ninguém. A palavra Adeus me dá arrepio . A palavra Até logo, consegue me acalmar mas não por muito tempo. Então, quem nasceu para ser abandonada, nunca será a pessoa que abandona. Infelizmente, a ideologia do abandono é essa. Tudo bem, acabei de criar essa ideologia para tentar amenizar um pouco para quem já foi abandonada. Grandes garotas abandonam, não, grandes garotas são abandonadas. Porque elas sim, elas conseguem. Mas não quero ser repetitiva em realação a grandes garotas. Odeio a palavra Abandono. Porque se abandonada é difícil, perder algo nesse abandono é pior ainda

LaylaPeres