Turismo

Cerca de 26 frases e pensamentos: Turismo

O sucesso profissional é sonho,
Turismo é a realização

Rinaldo Pedro

O Turismo vai além dos sonhos
e conquista o verdadeiro significado da vida

Rinaldo Pedro

VIAGENS

Por Ordem dos Viajantes da Canabis Sativa,
o Turismo de Aventura foi substituído
pelo Turismo de Idéias Abstratas.
Pacotes de Viagens com roteiros criativos,
inclusos óculos escuros para os de primeira classe
e colírio para a moçada do econômico.

Lou Bertoni

O melhor diretor foi aquele que fez Gran Turismo

Caio Cunha

Boa parte do sucesso profissional
deixará de existir,
a cada sonho de Turismo
deixado para trás

Rinaldo Pedro

"Turismo é a ciência que estuda o fenômeno social ligado a interdisciplinaridade dos serviços,com suporte na busca de interação humana"

Rinaldo Pedro

2013 tá aí e ainda não tenho um carro voador e nem fiz turismo na lua. Decepcionada com o futuro, viu. =/

Tainah Ferreira

A juventude é uma espécie de agente de turismo que vende a ideia de que vale a pena se deslumbrar com o encantamento das viagens mágicas da nossa ignorância. E de brinde, no pacote da viagem, ganhamos a certeza de que possuímos o poder eterno de fazer tudo acontecer, e que tudo é para sempre.

Graça Leal

O turismo é a voz dos caminhos na melodia das viagens: pelo corpo do Mundo.

Joni Baltar

BAHIA UM ESTADO XENOFOBICO QUE VIVE DE TURISMO
AI SE PARA E SE PERGUNTA
AONDE TA O SENTIDO DA VIDA,VAMOS TODOS MORRER
O SENTIDO DA VIDA E ALIMENTAR OS VERMMES

Bruninho Anarquista Bielzinho Facista

A pobreza, devemos mover esforços para erradicá-la, não expô-la AO TURISMO!

F. Rochaferreira

Não podemos seguir permitindo que o Turismo apoie apenas os grandes empresários, deixando de lado a cultura local e regional, os artistas locais tem dificuldades de apresentar seus trabalhos aos Turistas que visitam Foz do Iguaçu anualmente.

Amilton Farias

O turismo é a arte de vender felicidade.

Luciano Baetz

Roberto Cláudio acabou com a Fundação de Cultura, Esporte e Turismo



O prefeito Roberto Cláudio está alinhando à sua gestão aos novos tempos.

Para receber recursos públicos e até empréstimos, as chamadas “rubrícas” precisam ser específicas, diretas a um orgão. A FUNCET tinha funções demais para os tempos modernos.



LEI COMPLEMENTAR N° 0197, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2014.

Dispõe sobre a extinção da Fundação de Cultura, Esporte e Turismo (FUNCET).

FAÇO SABER QUE A CÂMARA MUNICIPAL DE FORTALEZA APROVOU E EU SANCIONO A SEGUINTE LEI COMPLEMENTAR: Art. 1º – Fica extinta a Fundação de Cultura, Esporte e Turismo (FUNCET), fundação pública municipal dotada de personalidade jurídica de direito público, vinculada à Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE).

Art. 2º – Os bens imóveis de propriedade da extinta fundação serão incorporados ao patrimônio do Município de Fortaleza.

Parágrafo Único – Os bens móveis, materiais e equipamentos integrantes do patrimônio da extinta fundação passarão ao patrimônio do Município de Fortaleza e, após inventário, ficarão sob a guarda da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE). Art. 3º – Ficam transferidos os cargos de provimento em comissão da extinta fundação para a Administração Direta do Município de Fortaleza. Parágrafo Único – Fica o Chefe do Poder Executivo autorizado a transformar os cargos em comissão da extinta fundação, sem aumento de despesa, para adequá-los à nomenclatura e atribuições dos cargos em comissão já existentes na Administração Direta.

Art. 4º – O Município de Fortaleza sucederá à fundação extinta em todos seus direitos, créditos e obrigações, decorrentes de lei, ato administrativo ou contrato, bem assim nas demais obrigações

pecuniárias, inclusive nas respectivas receitas, que passarão a ser recolhidas à conta do Tesouro Municipal.

Parágrafo Único – A Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE) adotará as providências necessárias à celebração de termos aditivos, visando à adaptação dos instrumentos contratuais

firmados pela extinta fundação aos preceitos legais que regem os contratos.

Art. 5º – Fica o Chefe do Executivo Municipal autorizado a proceder no orçamento da Prefeitura, mediante Créditos Especiais, às alterações que se fizerem necessárias para as mudanças decorrentes desta Lei.

Parágrafo Único – A Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE) fica autorizada a realizar a execução orçamentária prevista na Lei Orçamentária Anual, consignada em favor da extinta fundação, até que sejam realizados os devidos ajustes orçamentários.

Art. 6º – Esta Lei Complementar entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

PAÇO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE FORTALEZA, em 22 de dezembro de 2014.

Roberto Cláudio Rodrigues Bezerra -

PREFEITO MUNICIPAL DE FORTALEZA.

noticia

Cadê o dinheiro das obras do turismo



Dilma Rousseff passou pelo Ceará e prometeu o dinheiro da requalificação da orla de Fortaleza.

O ministro do turismo à época, Gastão Vieira, veio ao Ceará e, na Avenida Beira Mar, num palanque enorme, assinou um convênio liberando cerca de R$ 239 milhões para a nova Beira mar e em seguida

para construção da praça 31 de março.

O prefeito Roberto Cláudio não esconde sua preocupação com o empobrecimento do governo Federal e o contingenciamento das verbas e tenta de todas formas liberar algum dinheiro para tocar as obras.

Vale ressaltar que a contrapartida da prefeitura já foi aplicada. Esta semana Roberto Cláudio bateu na porta do Ministério do Turismo. Nada de grana, só promessas.

noticia

Salmito eleito, quem assumiria o turismo de Fortaleza?



Está aberto um empregão na Prefeitura de Fortaleza. O cargo de Secretário é uma jóia da coroa, pela mídia, conforto de executar trabalho de atrair turistas, gerar negócios, movimentar a indústria do serviço.

O cargão por enquanto está sem dono. Já se fala em muitos candidatos para o posto. Como Roberto Cláudio e Camilo Santana vão trabalhar integrados, pode ser que o nome saia de uma composição. Qual o destino de Bismarck Maia, o competente secretário de Turismo? E a Patrícia Macêdo? Roberto Cláudio pretende promover outro vereador ao posto?



ATO N° 2508/2014 – GP – O PREFEITO MUNICIPAL DE FORTALEZA, no uso de suas atribuições legais. RESOLVE exonerar a pedido, nos termos do art. 41, item II da Lei nº 6.794, de 27.12.1990, do Estatuto dos Servidores do Município de Fortaleza, publicado no DOM nº 9.526 – Suplemento de 02.01.1991, JOÃO SALMITO FILHO, do cargo em comissão de SECRETÁRIO, simbologia S-1, do(a) GABINETE DO SECRETARIO, integrante da estrutura administrativa do(a) SECRETARIA MUNICIPAL DE TURISMO DE FORTALEZA, constante do Quadro Permanente – Anexo II – Cargos em Comissão, a partir de 17.11.2014. GABINETE DO PREFEITO MUNICIPAL DE FORTALEZA, em 18 de novembro de 2014.

Roberto Cláudio Rodrigues Bezerra – PREFEITO DE FORTALEZA.

Philipe Theophilo Nottingham – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO.

noticia

Você até pode viajar através de um livro, a passagem até é mais em conta, mas não conte com tato, olfato, paladar e audição nessa "viagem".

Frederico Spaniol

Por que o Brasil, com tanto potencial turístico, atualmente ocupa a 11ª posição no ranking de turistas estrangeiros de acordo com o último levantamento da Organização Mundial de Turismo?
Rinaldo Pedro - Especialista em Turismo.
Na minha opinião, a falta de infraestrutura na recepção de turistas é a causa principal deste baixo número de visitantes. Poucos lugares do país estão preparados para este serviço, mas a grande maioria deixa a desejar. Esta problemática já tem início na legislação brasileira que não dá suporte merecido para os profissionais da área. As potências mundiais investem pesado no Turismo e são bem correspondidas, destacam seus valores históricos e suas identidades, profissionais deste setor são hábeis em dois ou mais idiomas, fazem investimentos elevados em diversas áreas com sinergia, valorizam os principais pontos turísticos com uso da tecnologia em favor da apreciação externa, acesso e segurança. Enfim, estes elementos citados são os principais atrativos para aqueles que desejam se deslocar para um bom entretenimento e investimento no bem estar pessoal. A França, país que mais recebe turistas no mundo, em 2011 e 2012 recepcionou em torno de 40% da população do Brasil (80 milhões de turistas), Os Estados Unidos e a China, 62 e 57 milhões, respectivamente, contra ínfimos 5,67 milhões do nosso país. Necessitamos de mais projetos e, acima de tudo, ação pública, sabendo que o turista satisfeito volta e traz seus amigos. O Brasil tem um elevado valor histórico, cultural, artístico e potencial natural a ser bem explorado, com capacitação de profissionais e, principalmente, com a valorização destes com ajuda do Município, Estado e Governo Federal, ou seja, teria tudo para estar no topo, mas parece que ainda vai demorar. Portanto, vamos fazer a nossa parte.

Rinaldo Pedro

VIAJAR...
é NAVEGAR no imaginário,
é BUSCAR o sonho,
é ALIVIAR a alma

Rinaldo Pedro

No oriente médio, um turista brasileiro encontra um velhinho caminhando pelas areias do deserto, e questiona-o:

- Se o senhor conhecesse o nosso pais, não ficaria aqui nem um minuto. No Brasil há muito verde, muita coisa bonita, e aqui é somente essa imensidão de deserto.

O ancião não gostou das palavras do seu interlocutor:

- Qual é a cabeça que coça mais, a do cabeludo ou a do careca?

O turista se apressou na sua resposta:

- Acho que a do cabeludo.

E o velhinho sorrindo, justificou o motivo de sua indagação:

- Então? A nossa terra pode parecer estéril na aparência, mas no seu bojo há muito petróleo. No entanto, um território que se mostra próspero na aparência vive cheio de problemas. Outra diferença entre o deserto e uma terra coberta de arbustos, é que aqui aprendemos a valorizar uma palmeira como se ela fosse uma imensa floresta. Diferentemente de vocês brasileiros que aprenderam a valorizar a Amazônia como se ela fosse uma palmeira.

O forasteiro ainda quis contra-argumentar e falar também dos problemas milenares daqueles povos do oriente com a disputa de território, mas achou melhor ficar calado para não receber uma lição ainda maior.

Juahrez Alves