Trabalhar

Cerca de 613 frases e pensamentos: Trabalhar

O PERFIL DO JOVENS DE HOJE É, MUITO CURTI TRABALHAR POUCO......CELSO.

Celso Barbosa

Odeio

Eu odeio errar,
e odeio que errem comigo.
Odeio odiar
e odeio ter que trabalhar
olhando para o próprio umbigo.

Triste é viver
e ter que esperar
para fazer sentido.
Triste é morrer
e ter a sensação
de não ter vivido.

Angela Natel

Olha,preso precisa trabalhar para poder pagar o luxo e a boa alimentação servida nas peninteciárias.O Estado só teria a lucrar com isso e a sociedade.Além disso,o detento precisa aprender uma profissão e o temor a Deus.Qua as nossas penintenciárias se transformem,pois, em escolas profissionalizantes e as grejas estejam lá dentro para ensinar o homem a amar a Deus.

Adelmar marques marinho

Trabalhar num ambiente triste
Não sorria, aqui não é lugar para isso
Eu quero rir
Vou para um ambiente sombrio
Com doentes, sofrimento, choro, morte
Quero poder rir

Júlio Pereira

A alegria de fazer o bem pra Deus de trabalhar pra ele e ser verdadeiro é a única felicidade verdadeira.

brenda

Estamos cercados por uma sociedade que odeia trabalhar e condena aquele que é rico como ladrão e imoral mas, é uma das mais consumistas do mundo

Wambasten Lima

Eu estou doente, com suspeita de câncer nos ossos, sem poder andar e trabalhar.

Por esse motivo estou devendo a cinco bancos, vivendo com renovação de empréstimos, cujos juros vão além do salário da aposentadoria por invalidez.

Mas escrevo histórias. E você pode vê-las aqui:

http://bit.ly/1gJEU2E

http://bit.ly/1gJIutO

http://bit.ly/1acB89T

José Guimarães

Trabalhar honestamente é a obrigação do vereador Pela fidelidade aos direitos da nossa população...Agora em teoria dizer que é justo os parlamentares de uma cidade ter um aumento de mais de XX % em reajuste salarial e dizer que é justo um aumento (significativo). Na minha opinião é um tapa na cara com luvas de pelíca...

Otávio Conti

No Brasil trabalhar é crime;
Engana o povo é profissão;
Ladrão é Cidadão;
Professor e mendigo;
Estadio é hospital;
Traficante é empresario;
INSS é Banco.

Felipe Vinicius

"Amar,é olhar o amanhã
e só lembra do teu olhar...
É ir trabalhar com
o pensamento em você.
Agente não para um minuto,
de pensar nesse grande amor...
Quando ta com os olhos abertos
sonha com ele acordado...
Depois das coisas do dia a dia,
chegar a hora do encontro...
Desesperada,correu,se veste,se arrumar...
E sair com sorriso no rosto,
e o medo no coração...
E novamente sente o gosto
dos beijos que te tira o ar..
Sobre a luz da lua,
e o brilho das estrelas,
estamos a nos amar."

l.alves

Se trabalhar enobrece o homem, fazê-lo aos domingos o santifica.

Rogério Carvalho

"Trabalhar com segurança é acreditar que você é a ferramenta mais importante para a empresa"

Tiago Quixaberia

O que tem levado pessoas a Trabalhar em Casa pela Internet

Ser sempre umilhado no trabalho, confrontos com os amigos, baixos salários. Veja como ganhar dinheiro na internet.

http://www.lindembergsouzadinheironet.com/negocios/o-que-tem-levado-pessoas-trabalhar-em-casa-pela-internet

http://www.lindembergsouzadinheironet.com/

http://www.ainfodicas.com/

Lindemberg Souza

Mais Se Exige a Quem Mais é Dado

Pessoas que estão livres da necessidade de trabalhar em empregos específicos devem se considerar como devotadas a Deus em maior grau.
Grande parte do mundo está livre das necessidades de trabalhar em empregos, e têm o seu tempo e dinheiro à sua própria disposição.
Mas, como ninguém deve viver em seu trabalho de acordo com a sua própria vontade, ou para fins como o de agradar suas próprias extravagâncias, senão fazer todos os seus negócios de tal forma, como se fizesse um serviço para Deus, por isso aqueles que não têm emprego especial, estão muito longe de serem deixados em maior liberdade para viver para si mesmos, para satisfazer suas próprias vontades, e gastarem seu tempo e dinheiro no que quiserem, eles estão sob uma maior obrigação de viver totalmente para Deus em todas as suas ações.
A liberdade de sua condição os coloca numa maior necessidade de sempre escolher, e fazer as melhores coisas.
São aqueles, de quem muito será exigido, porque muito lhes é dado.
Um escravo só pode viver para Deus, de uma forma particular, isto é, pela paciência e submissão religiosa em seu estado de escravidão.
Mas todas as formas de vida santa, todas as instâncias, e todos os tipos de virtude, estão abertos para aqueles que são mestres de si mesmos, de seu tempo e dinheiro.
É portanto, o dever dessas pessoas, fazerem um uso sábio de sua liberdade, para se dedicarem a todos os tipos de virtudes, aspirarem a tudo o que é santo e piedoso, se esforçarem para serem eminentes em todas as boas obras, e para agradarem a Deus na forma mais elevada e mais perfeita; isto é seu dever, tanto serem sábias na condução de si mesmos, quanto ampliarem seus esforços por santidade, como é dever de um escravo se resignar a Deus em seu estado de escravidão.
Você não é um trabalhador, comerciante, nem soldado, considere-se, portanto, como sendo colocado numa condição, guardadas as devidas proporções, como a dos anjos bons, que são enviados para o mundo como espíritos ministradores, para o bem geral da humanidade, para ajudar, proteger e servir em favor daqueles que hão de herdar a salvação.
Como você está mais livre das necessidades comuns dos homens, você deve imitar as perfeições mais elevadas de anjos.
Fosse você Serena, sendo obrigada pelas necessidades da vida, a lavar roupas para fora, para a sua manutenção, ou servir algum patrão que exigisse todo o seu trabalho, isto seria, então, o seu dever de servir e glorificar a Deus, por essa humildade, obediência e fidelidade, como para poder adornar essa condição de vida.
Deveria então ser recomendado ao seu cuidado, melhorar esse talento à sua maior altura. Para que quando chegasse a hora, que a humanidade deveria ser recompensada por seu trabalho pelo grande Juiz dos vivos e dos mortos, você pudesse ser recebido com um “muito bem servo bom e fiel... entra no gozo do teu Senhor.”
Mas, como Deus lhe deu cinco talentos, como ele colocou você acima das necessidades da vida, como ele o deixou nas mãos de si mesmo, na liberdade de escolher os meios mais exaltados e felizes da virtude, como ele lhe enriqueceu com muitos dons da fortuna, e não deixou nada para você fazer, senão fazer o melhor uso da variedade de bênçãos, para tirar o máximo de uma vida curta, para operar a sua própria perfeição, para a honra de Deus, e para o bem do seu próximo; por isso agora é seu dever imitar os maiores servos de Deus, e saber como os santos mais eminentes viveram, e estudar todas as artes e métodos para a perfeição, e não estabelecer limites para o seu amor e gratidão ao Autor generoso de tantas bênçãos.
Agora, é seu dever transformar seus cinco talentos, em mais cinco, e considerar como o seu tempo, e lazer, e saúde, e dinheiro, podem ser feitos meios felizes de purificar sua própria alma, melhorando seus semelhantes nos caminhos da virtude, e lhe conduzindo finalmente para as maiores alturas da glória eterna.
Deleite-se com o seu serviço, e implore a Deus para adorná-lo com cada graça e perfeição.
Alimente isto com boas obras, tenha paz na solidão, obtenha forças na oração, torne-se sábio com a leitura, ilumine-se por meditação, torne-se terno com amor, adoçado com humildade, humilhando-se com penitência, animando-se com salmos e hinos, e se confortando com reflexões frequentes sobre a glória futura. Mantenha-se na presença de Deus e aprendendo a imitar aqueles anjos guardiões, que apesar de participarem em assuntos humanos, bem como com os mais baixos da humanidade, sempre veem a face de nosso Pai que está nos céus.
Isto, Serena, é a sua profissão. Porque tão certo como Deus é um só Deus, tão certo é que ele tem apenas um comando para toda a humanidade, sejam eles escravos ou livres, ricos ou pobres, e que devem atuar até a excelência da nova natureza que ele lhes deu, para viver pela razão, para andar na luz da religião, para usar tudo com sabedoria, para glorificar a Deus em todos os seus dons e dedicar todas as condições de vida a seu serviço.
Este é um comando único e comum de Deus para toda a humanidade. Se você tem um emprego, você deve ser, portanto, razoável, e piedoso, e santo, no exercício do mesmo, se você tiver tempo e dinheiro, você é obrigado a ser assim razoável, e santo, e piedoso, no uso de todo o seu tempo, e todo o seu dinheiro.
O uso religioso correto de tudo e de todos os talentos, é o dever indispensável de todo o ser, que é capaz de conhecer o certo e o errado.
Porque a razão pela qual devemos fazer alguma coisa, como que para Deus e no que diz respeito ao nosso dever, e sua relação com ele, é a mesma razão pela qual devemos fazer tudo para Deus, e tendo em conta o nosso dever, e sua relação com ele.
Esta que é uma razão para o nosso viver sábio e santo, no cumprimento de todos os nossos negócios, é a mesma razão de nosso viver sábio e santo no uso de todo o nosso dinheiro.
Como temos sempre as mesmas naturezas, e somos em todos os lugares servos do mesmo Deus, e como tudo é igualmente o seu dom, por isso devemos sempre agir de acordo com a razão de nossa natureza, devemos fazer todos as coisas como servos de Deus, devemos viver em qualquer lugar, como em sua presença, devemos usar tudo, como deve ser usado como pertencente a Deus.
Se, portanto, algumas pessoas imaginam, que devem ser sérias e solenes na igreja, mas podem ser tolas e frenéticas em casa, que eles devem viver de acordo com alguma regra no domingo, mas podem gastar os outros dias ao acaso; que eles devem ter alguns momentos de oração, mas podem gastar o resto de seu tempo como bem entenderem, que eles devem dar algum dinheiro na caridade, mas podem desperdiçar o restante conforme lhes der na mente, essas pessoas não têm considerado adequadamente a natureza da religião, ou as verdadeiras razões da Piedade .
Porque aquilo que nos princípios da razão pode ser dito que é bom ser sábio e santo de espírito na Igreja, pode ser dito também que é sempre desejável ter a mesma condição em todos os outros locais.
Aquele que verdadeiramente sabe por que ele deveria gastar todo o tempo bem, sabe, que nunca é permissível jogar fora qualquer momento. Aquele que acertadamente entende a razoabilidade e excelência da Caridade, saberá, que nunca pode ser desculpável perder qualquer parte do nosso dinheiro no orgulho e insensatez, ou em quaisquer despesas desnecessárias.
Porque cada argumento que mostra a sabedoria e excelência da Caridade, prova também a sabedoria de gastar todo o resto do nosso dinheiro. Todo argumento que comprova a sabedoria e razoabilidade de ter momentos de oração, mostra a sabedoria e a razoabilidade de não perder nenhuma parte do nosso tempo.
Se alguém pudesse provar que não precisamos sempre agir como na presença divina, que não precisamos considerar e usar tudo, como dom de Deus, que não precisamos viver sempre pela razão e fazer da Religião o fundamento de todas as nossas ações, os mesmos argumentos provariam, que nunca precisamos agir como que na presença de Deus, nem fazer da religião e da razão a medida de qualquer de nossas ações.
Se, portanto, temos que viver para Deus, em qualquer momento ou em qualquer lugar, devemos viver para ele em todos os momentos e em todos os lugares. Se devemos usar qualquer coisa como um dom de Deus, devemos usar tudo como seu dom. Se devemos fazer qualquer coisa por regras estritas da razão e piedade, devemos fazer tudo da mesma maneira. Porque razão, e sabedoria, e piedade, são as melhores coisas em todos os momentos e em todos os lugares, porque são as melhores coisas, em qualquer momento, ou em qualquer lugar.
Se é a nossa glória e felicidade ter uma natureza racional, que é dotada de sabedoria e razão, que é capaz de imitar a natureza divina, então deve ser a nossa glória e felicidade, melhorar a nossa razão e sabedoria, para atuar até a excelência da nossa natureza racional, e para imitar a Deus em todas as nossas ações, até o máximo do nosso poder. E os que confinam a Religião a tempos e lugares, e a algumas pequenas regras de reclusão, pensam que isto é muito estrito e rigoroso para trazer a religião à vida comum, e fazem disto leis para todas as suas ações e formas de vida, aqueles que pensam assim, não somente erram, mas confundem toda a natureza da religião. Porque, certamente, eles confundem toda a natureza da Religião, porque pensam que podem fazer qualquer parte de sua vida mais fácil, por ser livre dela. Deles pode muito bem ser dito que confundem a natureza de toda a sabedoria, porque não pensam que é desejável, ser sempre sábios. Aquele que não aprendeu a natureza da piedade, pensa muito pouco em ser piedoso em todas as suas ações. Aquele que não entende suficientemente qual é o motivo, não pode desejar sinceramente viver em tudo de acordo com isto.
Se tivéssemos uma religião que consistisse em superstições absurdas, que não levasse em conta a perfeição de nossa nova natureza, as pessoas poderiam bem estar contentes de ter alguma parte de sua vida para ser excluída da mesma.
Mas, como a Religião do Evangelho é o refinamento e elevação exaltação das nossas melhores faculdades, pela operação regeneradora e renovadora do Espírito Santo; uma vez que requer uma vida de maior razão, uma vez que somente nos obriga a usar deste mundo, pela razão pela qual deve ser usado, a viver em tal comportamento digno da glória de seres inteligentes, para andar em sabedoria para a prática da piedade.
Além disso, como Deus é um só e o mesmo ser, sempre agindo como em si mesmo, em conformidade com a sua própria natureza, por isso é o dever de todo ser que ele criou à sua imagem e semelhança, viver de acordo com a nova natureza que ele lhe deu, e sempre agir de acordo com a mesma.
Portanto, é uma lei imutável de Deus, que todo ser racional deve agir razoavelmente em todas as suas ações, não em determinado tempo ou lugar, mas em todas as ocasiões e em todos os lugares (Tanto que os que se opuserem a isto serão condenados por Deus a uma perdição eterna – nota do tradutor).
Esta é uma lei que é como a imutabilidade de Deus, e que nunca pode deixar de existir, tanto quanto Deus não pode deixar de ser o Deus de sabedoria e ordem.
Quando, pois, qualquer ser que é dotado de razão, faz uma coisa irrazoável, em qualquer momento, ou em qualquer lugar, ou na utilização de qualquer coisa, ele peca contra a grande lei da sua natureza, abusa de si mesmo, e peca contra Deus , o criador dessa natureza.
(Isto demonstra a condição de profunda miséria em que nos encontramos, naturalmente falando, em razão do pecado original, quando o homem deixou de fazer um uso adequado da razão, e do qual pode ser resgatado para a renovação da sua mente, apenas e exclusivamente pela graça de Jesus Cristo – nota do tradutor).
Aqueles, portanto, que defendem as indulgências ao pecado e vaidades, para qualquer modas tolas, costumes e comportamentos do mundo, se rebelam contra a própria natureza para a qual foram criados (a de serem santos e perfeitos) e se rebelam portanto contra Deus, que nos deu razão para nenhum outro fim, senão a de fazê-la a regra e a medida de todos os nossos modos de vida.
Quando, pois, você é culpado de qualquer tolice ou extravagância, ou de qualquer comportamento vão, não o considere como uma questão pequena, porque pode parecer assim, se comparado a alguns outros pecados, mas o considere, como uma ação contrária à sua natureza, conforme o propósito de Deus relativo à mesma, e então você vai ver que não há nada pequeno, que não é razoável. Porque todas as formas irracionais são contrárias à natureza de todo ser racional, sejam homens ou anjos. Nenhum deles pode ser agradável a Deus, a menos que ajam de acordo com a a razão e a excelência de suas naturezas.
(O autor usa simplesmente a palavra natureza, mas temos usado a expressão nova natureza, em algumas partes, uma vez que é um claro ensino bíblico que a velha natureza está corrompida pelo pecado, e necessitamos de uma nova natureza, adquirida na conversão, pela fé em Cristo, e por ação do Espírito Santo, e esta sim, está perfeita em todas as suas partes, e necessita apenas ser desenvolvida, amadurecida – nota do tradutor).
Nosso bendito Salvador tem claramente voltado nossos pensamentos para este caminho, por fazer esta petição uma parte constante de todas as nossas orações: “Seja feita a tua vontade assim na terra como ela é feita no céu. Uma clara prova, que a obediência dos homens é imitar a obediência dos anjos, e que os seres racionais na Terra, devem viver para Deus, como os seres racionais no Céu que habitam com ele.
Quando, portanto, você imaginasse em sua mente, como os cristãos devem viver para Deus, e em que graus de sabedoria e santidade eles devem usar as coisas desta vida, você não deve olhar para o mundo, mas você deve olhar para Deus, e para a sociedade dos anjos, e pense que sabedoria e santidade se destinam a prepará-lo para tal estado de glória. Você deve olhar para os mais elevados preceitos do Evangelho, você deve examinar a si mesmo pelo espírito de Cristo, você deve pensar como os homens mais sábios no mundo viveram, você deve pensar como almas que partiram viveram, você deve pensar nos graus de sabedoria e santidade que você desejará ter quando você estiver saindo do mundo.
Ora, tudo isso não é alongar o assunto, ou propor a nós mesmos, qualquer perfeição desnecessária. É, senão quase o cumprimento do conselho do apóstolo, onde ele diz: “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento. O que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes, e vistes em mim, isso praticai; e o Deus da paz será convosco.”, Fil 4.8,9.
Porque ninguém pode chegar perto da doutrina desta passagem, senão aquele que se propõe a si mesmo fazer tudo nesta vida como um servo de Deus, para viver pela razão, em tudo o que ele fizer, e para fazer da sabedoria e da santidade do Evangelho, a regra e a medida de seus desejos e ações, e de cada dom de Deus.

Tradução e adaptação feitas pelo Pr Silvio Dutra, do quinto capitulo do livro de William Law, em domínio público, intitulado Uma Chamada Séria a Uma Vida Santa e Devota. William Law, foi professor e mentor por vários anos de John e Charles Wesley, George Whitefield – principais atores do grande avivamento do século XVIII, que se espalhou por todo o mundo - Henry Venn, Thomas Scott e Thomas Adam, entre outros, que foram profundamente afetados por sua vida consagrada a Deus, e sobretudo pelo conteúdo deste livro.

william Law

TRABALHAR EM EQUIPE

“NENHUM DE NÓS É TÃO BOM QUANTO TODOS NÓS JUNTOS!”


É chegada NOVA ERA, tempo de recomeçar a rever conceitos e valores.
O ser humano é extremamente dependente dos seus semelhantes, pois nenhuma pessoa consegue viver sem depender de ninguém, o calçado, a camisa, o alimento, tudo que necessitamos teve o trabalho e a mão de obra de uma outra pessoa que muitas vezes nem conhecemos, mas de certa forma essa pessoa nos favoreceu...

O único lugar que o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário.
Disse então um filósofo... “O sucesso é 90% de transpiração e 10% de inspiração”

Resumindo, é preciso correr riscos, pois somente aquele que nunca se arriscou não perdeu nada, mas também nunca ganhou e nunca ganhará, assuma suas atitudes, abrace uma causa, ajude uma pessoa, seja mais honesto, seja mais persistente, porque talvez isso faça toda a diferença. Pode ser que a diferença seja sentida na vida de alguém que você ajudou, pode ser que você mesmo sinta, ou não, o importante é fazer as coisas corretas, porque o tempo que se GANHA para fazer o certo é o mesmo tempo que se PERDE para fazer errado!
Não procure o culpado, procure a solução...não aponte nem critique... se não puder ajudar não seja duro com os erros dos outros...não julgue para não ser julgado!

A grande semelhança que existe entre pessoas de grande sucesso e as que estão iniciando, é que as grandes pessoas um dia foram pequenas e as pequenas vivem sonhando em ser grande...porém, as que estão acima certamente fizeram por merecer...entre a teoria e a prática existe um abismo, precisamos dar o primeiro passo, pensar que todos somos da mesma EQUIPE, o individualismo não faz mais parte da atualidade, empresas que têm funcionários individualistas se perdem no caminho e todos perdem com isso, inclusive VOCÊ.

Venda serviços/produtos, isso é uma arte, mas não venda ilusões e mentiras porque isso é sinônimo de problemas e possíveis devoluções, passe a ser especialista em vendas, leia mais livros, atente-se a concorrência, seja distinto, o empreendedor americano Tom Piters disse: “Na área de vendas, quem não for distinto, será extinto!”

Nilson Dias Junior

Quero trabalhar para viver , não viver para o trabalho

Priscilla yamamoto

Se você é egocêntrico, você pode trabalhar este defeito, mudá-lo e transformar-se em alguém melhor, porém se você perde um grande amor que é o seu tudo, ai não existe tempo para recomeçar, pois tem sentimentos e pessoas que somente passam em nossa vida uma única vez e não existe outra oportunidade.

Lindomar Batista

Lindo mesmo é o que Deus está fazendo bem aqui dentro do meu coração...
Um trabalhar tão grande que palavras não poderiam descrever...
Tão belo pois tira de mim todas as cinzas e as transforma em jardins de paz, de graça , de uma beleza que só Ele que me criou, que sabe tudo a meu respeito poderia fazer..
Digo isto não porque já tenha alcançado , mudado tudo em mim... não continuo nesse processo de Deus em minha vida...
Continuo nesse crescimento em direção a ser cada dia mais parecido(a) com Ele ... mais próximo (a) do Seu coração...

Abençoado domingo a todos ... <3
Débora Aggio

debora Aggio

Canção de um menino quando sua mãe saiu pra trabalhar.

Não tenho tesouros escondidos,
não tenho olho de vidro,
nem perna de pau.

Nem barco pra mar,
nem barco voador.
Não tenho amigos,
nem tive um grande amor.

Não pedi:
Estibordo, alçar velas.
Nem
sequestrai aquela donzela.

Nem sei se sou pirata,
apenas finjo que sou,
sozinho num quarto de hotel
onde agora sonhando estou.

Pensando que destruí batalhões.
Sendo que nem destas paredes consigo me livrar,
se não, com meu coração a desejar.

João Paulo Borges

"Aqueles que não permitem que Deus trabalhe neles, nunca podem trabalhar para Ele."

MGT