Textos sobre Irmão

Cerca de 203 textos sobre Irmão

10 de março de 1950.

Caro irmão Weigh,

Desde longa data venho pensando em escrever-lhe, todavia posterguei fazê-lo uma vez que minhas idéias não estavam amadurecidas o suficiente para tal. Creio, porém ser agora ocasião oportuna. Espero que você humildemente leve isto diante do Senhor.

Receio que as dificuldades das igrejas em Hong Kong e em Cantão serão tremendamente grandes, a saber: a) as dificuldades entre os cooperadores e b) as dificuldades na igreja. Espero que o que abaixo direi, possa, mediante a graça do Senhor, ajudar a modificar a situação nestas duas igrejas.

1) Aqueles que são líderes precisam aprender a amar os outros, a pensar no bem deles, a ter cuidado por eles, a negarem-se a si próprios por causa deles e a dar a eles tudo o que têm. Se alguém não consegue negar-se a si próprio em benefício dos outros, ser-lhe-á impossível conduzir as pessoas pela vereda espiritual. Aprenda a dar aos outros o que você tem, ainda que se sinta como se nada tivesse. Então o Senhor começará a derramar-lhe a Sua bênção.

2) A força interior de um obreiro deveria equiparar-se à sua obra exterior. Esforços em demasia, avanços desnecessários, inquietações, estreitezas, tensões, falta de transbordar, planos humanos e avanços na frente do Senhor, são todas coisas que não devem ocorrer. Se alguém está cheio de abundância em seu interior, tudo o que emana dele é como o fluir de uma corrente de águas, e não existem esforços demasiados de sua parte. É preciso ser de fato um homem espiritual, e não meramente se comportar como um.

3) Aprenda a ouvir outros, ao fazer a sua obra. O ensinamento de Atos 15 consiste no ouvir, isto é, ouvir os pontos de vista de todos os irmãos porque o Espírito Santo poderá falar por meio deles. Seja cuidadoso, pois ao recusar ouvir a voz dos irmãos, você poderá estar deixando de ouvir a voz do Espírito Santo. Todos os cooperadores e presbíteros devem sentar-se para ouvi-los. Dê a eles oportunidades ilimitadas de falar. Seja gentil, seja alguém quebrantado e esteja pronto para ouvir.

4) O problema de muitas pessoas é não estarem quebrantadas. Pode ser que tenham ouvido a respeito do ser "quebrantado", porém o significado disto lhes foge. Se alguém está quebrantado, não tentará chegar às suas próprias decisões no que toca às questões importantes ou aos ensinamentos, não dirá que é capaz de compreender as pessoas ou de fazer coisas, não ousará tomar para si a autoridade ou impor a sua própria autoridade sobre os outros, nem aventurar-se-á a criticar os irmãos ou a tratá-los com presunção. Um irmão quebrantado não tentará autodefender-se nem se remoer por algo que ficou para trás.

5) Não deve haver nas reuniões nenhuma tensão, tampouco na igreja. Com respeito às coisas da igreja, aprenda a não fazer tudo você mesmo. Distribua as tarefas entre os outros e leve-os a aprender a usar a sua própria discrição ao tomar as decisões. Em primeiro lugar, você deve expor-lhes resumidamente os princípios fundamentais a seguirem e depois se certificar de que agiram de acordo. Evite também aparecer demais nas reuniões, caso contrário os irmãos poderão ter a sensação de que você está fazendo tudo sozinho. Aprenda a depositar confiança nos irmãos e a distribuí-la entre eles.

6) O Espírito de Deus não pode ser coagido na igreja. Você tem que ser submisso a Ele, pois, caso contrário, quando Ele cessar de ungi-lo, a igreja se sentirá cansada ou até mesmo enfadada. Se o seu espírito estiver forte, ele alcançará e tomará a audiência em dez minutos; se estiver fraco, não adiantará gritar palavras estrondosas ou gastar um tempo mais longo, o que, inclusive, poderá ser prejudicial.

7) Ao liberar uma mensagem, não a faça demasiadamente longa ou trabalhada caso contrário, o espírito dos santos tenderá a sentir-se enfadado. Não inclua pensamentos superficiais ou afirmações rasteiras no conteúdo da sua mensagem; evite exemplos infantis, bem como raciocínios passíveis de serem considerados pelas pessoas como infantis. Aprenda a concluir a liberação do âmago da mensagem dentro de um período de meia hora. Não imagine que, o fato de estar apreciando a sua própria mensagem, significa que as suas palavras são necessariamente de Deus.

8) Uma tentação com que freqüentemente nos deparamos numa reunião de oração é querer liberar uma mensagem ou falar por tempo demasiado. Uma reunião de oração deve ser consagrada à oração; muito falatório levará à sensação de sentir-se lesado, com o que a reunião se tornará um fracasso.

9) A obra em Kuling, Fukien, em 1948, foi um caso excepcional. Os obreiros precisam aprender muito antes de assumirem uma posição onde tenham de lidar com problemas ou com pessoas. Com um aprendizado inadequado, um conhecimento insuficiente, um quebrantamento incompleto e um juízo indigno de confiança, seremos incompetentes para lidar com os outros. Não tire conclusões precipitadas; mesmo quando se estás prestes a fazer algo, deve-se fazê-lo com temor e tremor. Não trate com leviandade as coisas espirituais. Pondere-as no coração.

10) Aprenda a não confiar unicamente nos seus próprios juízos. O que se considera correto pode não sê-lo; o que se considera errado, do mesmo modo pode não sê-lo. Se alguém está determinado a aprender com humildade, levará pelo menos alguns poucos anos para terminar de fazê-lo. Portanto, por ora, você não deve confiar demasiadamente em si mesmo ou estar muito seguro a respeito do seu modo de pensar.

11) É perigoso às pessoas na igreja seguirem as suas decisões antes de você ter atingido o estado de maturidade. O Senhor operará em você para tratar com os seus pensamentos e para quebrantá-lo antes que você possa compreender a vontade de Deus e ser, então, a Sua autoridade. A autoridade baseia-se no conhecimento da vontade de Deus. Onde não esteja manifestada a vontade e o propósito de Deus, não há autoridade.

12) A capacidade de um servo de Deus deve ser constantemente expandida por Ele. Penso que Ele está fazendo isto atualmente; não é preciso que você olhe para dentro de si, já que isto o levaria a sentir-se desanimado. Pode ser que Deus deseje que você assuma a responsabilidade da liderança. Quanto à obra em Hong Kong, é possível que alguns irmãos venham a sentir-se impelidos a juntar-se a ela. Creio que devemos descansar quanto a esta questão.

No Senhor Nee To-Sheng (Watchman Nee)

Amizade...
Amigos são simplesmente irmãos que o nosso coração escolhe e acolhe...
Amigo é irmão sem laço de sangue... Sem grau de parentesco, mas com grau de amor...
Amigo é aquele que mesmo que vá doer te fala a verdade, mas jamais te abandona...
Amigo te ama... Respeita-te...
Amigo são simplesmente pessoas que Deus põe no seu caminho como anjos... A zelar por você.
A distancia não separa uma amizade... Por que mesmo a distancia você sabe que pode contar...
Amigo é a pessoa que mesmo que seja tarde você quer ligar... Amigo sempre te diz que vai dar certo, não por que quer te consolar, mas por que confia que você pode fazer melhor...
Amigo te impulsiona... Diz-te que é vencedor... Amigo mesmo sempre esteve ao nosso lado...
Mesmo que não tenha percebido ele sempre esteve lá... Quietinho... Todas as vezes que você precisou... Ele estava lá... Mesmo que você não reconhecido o valor dele... Ele jamais deixou você desamparado...
Amigo é o verdadeiro significado de amor eterno...
Amigos que passaram por nossa vida. Se não permaneceram por que nunca foi amizade...
Amigo é aquele que é seu amigo... Quando não te sobra amigo algum...
Mas antes de esperar ter amigo... É bom mesmo ser amigo de alguém... Que valorizamos e sentimos bem...
Não espere amigos seja amigo também...

felicity Secret

Quando você evita a contenda, fofoca,mentira, e evita falar mal do irmão, você adora.
Quando você ajuda o próximo você adora.
Quando você renuncia o pecado você adora.
Porque a adoração não se limita a quatro paredes (Igreja), ou a louvores que entoa a Deus achando que é suficiente.
Adoração é muito mais que isso é um ESTILO DE VIDA.
E infelizmente tem muitos que se declaram ADORADORES, mas não tem os atributos que um verdadeiro ADORADOR do Deus vivo deve ter.
Se você se declara um adorador, adote um estilo de vida que possa condizer com tal.

Edilâine Paquini

Emmanuel querido irmão tantas saudades, lembras-te quando brincavamos a fingir que eramos namorados para escandalizar as pessoas, quando nadávamos na piscina fluvial? Quando estávamos no atlier do pai? Quando me mostravas carinhosamente as tuas colecções de chocolates? Não sei porque a vida
Insistiu em separar-nos. São mistérios!

Linda de Ceriz

CICLOS


...E então Ele teria proclamado:
Nada temas irmão amado,
Tudo que imaginavas perdido,
Não se perdeu ainda
E nem se perderá jamais.
O fim do mar,
Não lançará sua derradeira onda
E a terra não dará seu último fruto.
Não aceites como sendo o fim
Aquilo que poderá ter sido apenas
O início de um novo ciclo.
Milênios e milênios se passarão
E nada terá se alterado.
Tu, irmão, procurarás
Viver de forma harmoniosa
Com as coisas divinas
Pois jamais se separarás delas.
Quando a morte vos abraçar,
Terás cumprido apenas parte
De sua caminhada,
Novamente a natureza te sorrirá
E terás voltado ao convívio
Com os feitos do Criador,
Ainda que em outras esferas.

José Marcos Barbosa

26-10-08

Hoje eu fui visitar meu irmão na cadeia, eli ta muito bem ta área social onde só ficam os presos com bom comportamento, eu levei meu violão pra eli afinar e pra mi passar uma dicas. O amigo deli que também esta preso arrebento minha primeira corda duas vezes, haha, mais eli arrumou o que é um alivio, eu fui com a minha mãe.O melhor de tudo é que falta pouco tempo pra eli sair de la tomara que eli saia antes do natal!!!
Depois de visitar meu irmão minha mãe e eu ligamos para meu pai, eli foi nos buscar, chegamos em casa e eu ja comecei a pedir um doce para minha mãe fezer, haha, bom ela não fez, mais eu e meus pais fomos em uma padaria ai compramos bolo e salgados, ai eu pedi pra ir na sorveteria que umas 2 quadras de casa, hahaha, fomos então ai voltamos para casa e comemos o que compramos na padaria, aaa eu esuqeci não falei o meu sorvete, foi morango com maracujá, uns dos meus predilétos. Foi um bom domingo.
Amanha tenho aula, e pra falar a verdade não muito afim de ir, mas tenho neh hehe!

Janaina de Moraes

Ser irmão é ser o quê?
Uma presença a decifrar mais tarde, com saudade?
Cada Irmão é diferente!
São seis ou são seiscentas distâncias
Que se cruzam e se dilatam ao mesmo tempo.
A mesma casa e o mesmo lar são vistos por olhos diferentes!!!!
Ainda com todas essas controversas
O mesmo sangue corre nas veias
E é nas diferenças, que sempre vamos encontrar pontos de similaridade...
Feliz dia do Irmão!

Por: Marta Cristina Oliveira

Marta Cristina Oliveira

Até o fim.

Aqui estou ao seu lado...
Me veja, como mais do que um amigo...
Mais do que um irmão...

E quando à densa noite,
descer sobre nós...fria e escura...
Abrigue-se no calor do meu corpo.

Segure forte minhas mãos,
faça dos meus, os seus olhos;
e eles nos guiarão...

Para longe do medo...
Sempre contigo,
até o fim.

Marcel Cout

- O que é meu irmão?!
Eu sei o que te agrada
E o que te dói
E o que te dói
É preciso estar tranquilo
Pra se olhar dentro do espelho
Refletir

- O que é?
Seja você quem for
Eu te conheço muito bem
Isso faz bem pra mim
Isso faz bem pra vida
Onde quer que vá
Eu vou estar também
Eu vou me lembrar
Daquela canção que diz
Parapapapa...
Bendito
Encontro
Na vida
Amigo
É tão forte quanto o vento quando sopra
tronco forte que não quebra, não entorta
Podes crer, podes crer
Eu tô falando de amizade ♫

Amor que eu nunca vi igual...
...Amor que não se mede. ♥

Samuel Alves

O amigo-irmão é aquele que podemos deitar no ombro e confiar completamente nele. A amizade entre um homem e uma mulher pode existir sim sem que haja a necessidade de ter segundas intenções. Mas ainda é difícil fazer com que as pessoas acreditem nisso. Para mim não foi um processo fácil, pois eu também estava com o mesmo pensamento das outras pessoas...Eu sempre dizia que amizade entre homem e mulher não existe sem interesses. Enfim, amigo-irmão é aquele que é necessário a uma mulher, pois nada como o homem para nos dar a palavra certa sobre o outro homem. O ponto de vista masculino nos ajuda a agir de maneira diferente e sem muitas 'nóias'. O amigo-irmão é aquele que te respeita e olha com o amor do irmão e te protege nos dias de angústia. É muito bom poder abraçar, conversar e se abrir com o amigo sem ter medo dos julgamentos, pois ele sempre é sincero e nos avalia de maneira a nos ajudar e não nos punir.
Toda mulher deveria ter um amigo-irmão.

Cristiane Galvão

( este poema é dedicado
ao meu mais q amigo e irmão:
AQUILES LEANDRO DA PIEDADE.)
Am still missing
u so much dear friend

Aqui, aculá. Sempre houve pessoas espetaculares;
cujos feitos eu fui testemunha ocular.
Que nunca foram capas de jornais, mais ñ eram pessoas banais.
pessoas q ñ se iludiam com o carnaval,
pois eram diferentes dos demais;
estes sim foram os meus heróis nacionais.
pessoas estás q marcaram uma era,
q enfrentaram, brava e estoicamente feras.
Pessoas efémeras, q nunca eram os últimos nas fileiras.
Que também sofrem,erram, mais nunca se desesperam.
Pessoas estas q morreram, mais q seus feitos e legados continuam impregnados nesta terra,
assim como o oxigênio na atmosfera.
Pessoas que não eram gênios, nem seniores,
mais que com sua força e vontade indomável,
derrubaram e transplantaram , barreira;
e como recompensa, aquele q prometeu a vida eterna,
terá saudade dele,e o chamará, e ele voltará, e com certeza comigo se encontrará,
e dali pra frente para sempre feliz será.

Hisley Prisley

Querido irmão

Jamais esquecerei a nossa infância e de tudo que passamos e de todos os momentos que esteve ao meu lado, dos sorrisos, das lágrimas, da dor e da felicidade.
Já passamos por cada situação que, sinceramente, Já tivemos algumas brigas por motivos tão pequenos, muitas vezes não concordávamos um com o outro a gente se afastava por alguns dias. Entre nós poderíamos acontecer de tudo, mas sempre acreditei que tínhamos um amor verdadeiro. Hoje, olhando para trás vejo que de certa forma tudo foi para o nosso crescermos, para um aprendizado de vida.
Eu poderia ter dito muitas coisas, mas acho que palavras não eram o suficiente para expressar o tamanho da minha admiração que sempre tive por você. Sempre acreditei em você, em seu potencial e sempre pedi a Deus para que você alcançasse as melhores coisas da vida o bastante para ter sucesso, e você conseguiu... Como eu ficava maravilhado pelo seu esforço e determinação para alcançar seus objetivos. Para toda luta, sempre há uma vitória e você foi para mim uma pessoa vitoriosa.
Queria eu estar ao meu lado neste momento para te pedir desculpas pelos meus erros, pelos momentos que te deixei triste, pelos momentos que te fiz chorar, pelos momentos que falei palavras duras, pelos momentos que não te ajudei, e por todos os momentos que de alguma forma eu te deixei mal, mas tenha toda certeza que foi tentando acertar. Acredite eu sempre quis o melhor para você, por que sempre te amei e sempre te amarei meu querido irmão.

Marcos de Camargo

Desde pequenos somos preparados para aprender !!!
Não importa se é por nossos pais,irmão,ou amigos e ao contrario que você pense que não vai jogar,já estar jogando,com a vida,com a morte,no seu dia dia,na sua noite e principalmente sempre com a sorte,será usado,usará ,blefará,apostará...
Quando,necessário sim aprenderá querendo ou não !!!
Apostará tudo quando for preciso,não importa,pois viver e um jogo e pior o mais arriscado,porque se apostar tudo corre o risco de não ter nada para apostar após um mal resultado e se blefar de mais uma hora não terá pra onde corre !!!!!!

Morpheu Lyma

Essa é uma das graças do sofrimento, entender o coração do nosso irmão. E quem mais sofreu por nós entende nosso coração, aproveite e mergulhe seu coração, entregue seu sofrimento aos pés da cruz e veja a graça de ressuscitar com Cristo, ressuscitar pro amor e pra amar. Vc pode ser melhor a partir do seu sofrimento, a escolha é sua ou se revolta ou se renova.
Paz de Cristo e o amor de Maria seja a luz da sua vida!
Obs. Se sua vida não vai bem guarde com carinho este momento um dia dará testemunho para que outros possam se erguer.

Odair Souza

Deixe que o Irmão Vento leve de ti somente as pétalas de paz, luz e amor existentes em sua alma. Rogue que esta brisa, leve e agradável, acaricie cada coração existente neste Universo, secando para sempre as lágrimas caídas dos olhares entristecidos. Enquanto às pétalas secas, regue-as com esperança, para que um dia possam nascer novamente.
E quando tu, meu irmão, receber as sementes de amor que o Vento trouxer, semeias com mais amor ainda, e permita que o Vento leve em suas viagens outras sementes, para que um dia possamos, enfim, colher a Paz!

Wesley De Sousa Gonçalez

Ok, o que é ter um irmão?
Ter um irmão não é compartilhar em seu DNA genes parecidos ou compatíveis. Não é nascer da mesma mãe e nem ter o mesmo pai. Não é simplesmente chamar de irmão, não é simplesmente cuidar, não é simplesmente ter que aturar como só um irmão consegue. Ter um irmão não é bater, nem xingar, nem apesar de todas as desavenças aplaudir de pé sua apresentação dos Saltimbancos no colégio. Ter um irmão não é pegar no colo pra se fazer de forte, não é encher o saco, roubar a comida e nem derramar o refrigerante. Ter um irmão não é sair pra passear no shopping, visitar o papai Noel, rir da cara dos outros, derramar pipoca no cinema e nem ver filmes de terror para assustar quando o outro dorme.
Ter um irmão é fazer com que a alma compareça em seu estado mais limpo, puro, suave, verdadeiro, aconchegante, amoroso e bom quando sente-se o cheiro do perfume. Ter um irmão é encontrar outra alma que te compreende pelo olhar, é saber que aquela alma te faz bem só por existir. É confiar, contar segredos, esquecer todos eles e enterra-los junto a todos os problemas. É, também, colocar a cabeça no travesseiro e rezar pra que ele fique em paz, pra que os anjos o guardem quando não puder estar por perto o dia todo. Ter um irmão é ter um amigo. Ter um amigo é ter um irmão. Ter um conhecido é existir, e saber que sua presença é notada pela sociedade. Ter um irmão é saber perdoar, é não abandonar, é proteger e defender contra o mal. Ter um irmão é só pra quem merece, é só pra quem sabe, é só pra quem deve.
Ter um irmão não precisa ver nascer, nem ser mais velho ou mais novo, só precisa ter. precisa existir, não precisa comparecer, mas precisa amar, precisa sentir, precisa precisar. Ter um irmão é ter carinho, ternura e ser gente. Ter um irmão é responsabilidade, e só quem ama entende.

Yasmim Moura

MEMÓRIAS DE UM NATAL PASSADO

Quando era criança, na noite de Natal, eu e o meu irmão partia-mos nozes e avelãs no chão de cimento da cozinha, à luz do candeeiro, enquanto a minha mãe se ocupava das coisas que as mães fazem.
Depois, quando o meu pai chegava, jantava-mos como sempre e seguia-se, propriamente, a cerimónia de Natal. Naquela noite o meu pai trazia um bolo-rei e uma garrafa de vinho do Porto.
Sentados à mesa, abria-se a garrafa de vinho do porto e partia-se o bolo em fatias. O meu irmão e eu disputava-mos o brinde do bolo-rei comendo o mais rápido possível na expectativa de nos calhar em sorte não a fava, mas sim o almejado brinde!
Eu não gostava daquele bolo, mas naquele tempo a gente “não sabia o que era gostar”, como dizia a minha mãe quando nos punha o prato á frente. Assim acostumada, engolia rapidamente as fatias para não sentir o sabor e ser a primeira a encontrar o brinde.
O meu pai, deleitava-se com o copito de vinho do Porto e observava calado as nossas criancices.
Depois, vencedor e derrotado continuavam felizes, na expectativa da verdadeira magia do Natal. Púnhamos o nosso sapato na chaminé, (eu punha a bota de borracha, que era maior), para que, á meia-noite o menino Jesus pusesse a prenda.
Íamos para a cama excitados, mas queríamos dormir para o tempo passar depressa e ser logo de manhã. Mal o sol nascia, corria-mos direitos ao sapatinho para ver o que o menino Jesus tinha la deixado.
Lembro-me de chegar junto á chaminé e encontrar o maior chocolate que alguma vez tivera visto ou ousara imaginar existir. O meu irmão, quatro anos mais velho, explicou-me que era de Espanha, que era uma terra muito longe onde havia dessas coisas que não havia cá.
O mano é que sabia tudo e, por isso, satisfeita com a resposta e ainda mais com o presente, levei o dia todo para conseguir comê-lo a saborear cada pedacinho devagar!
Depois, não me lembro quando, o meu irmão contou-me que não era o menino Jesus que punha a prenda no sapatinho, mas sim o nosso pai. Eu não acreditei e fui perguntar-lhe.
O meu pai, que gostava ainda mais daquilo do que nos, respondeu de imediato que não, que era mentira do meu irmão, que ele sabia lá, pois se estava a dormir…
Com a pulga atras da orelha, no Natal seguinte decidi ficar de vigília, para ver se apanhava o meu pai em flagrante, ou via o Menino. Mas os olhos pesavam e, contra minha vontade e sem dar por isso, adormecia sempre e nunca chegava a apurar a verdade.
Na idade dos porquês, havia outro mistério á volta da prenda de natal. É que eu ouvia dizer aos miúdos la da rua, que eram todos os que eu conhecia no mundo, que lhes mandavam escrever uma carta ao menino Jesus a pedir o que queriam receber. Maravilhada com tal perspetiva, apressei-me a aprender a ler e a escrever com a D. Adelina, que era uma senhora que tomava conta da gente quando a nossa mãe tinha que ir trabalhar e que tinha a 4ª classe, por isso era muito respeitada sobre os assuntos da escrita e das contas.
Antes de entrar para a escola primária já sabia ler e escrever mas isso não era suficiente.
Faltava ainda arranjar maneira de fazer chegar a carta ao seu destino. Para mim, aquilo não resultou: da lista de brinquedos que eu conhecia, não estava nenhum no meu sapato.
Questionada, a minha mãe, que tinha ficado encarregue de dar a carta ao Sr. Carteiro, disse-me que o menino Jesus só dava prendas boas aos meninos que se portavam bem. Mas eu já era uma menina crescida, já tinha entrado para a escola primária (em 1974) e sabia que os que recebiam brinquedos eram diferentes de mim noutras coisas também.
E foi então que, depois de ler a carta dos Direitos da Criança que estava afixada na porta da sala de aula, soube de tudo. Senti-me triste, zangada e confusa: Porque é que escreviam coisas certas e as deixavam ser erradas? Eles eram grandes, podiam fazer tudo! Se estava escrito ali na porta da escola era porque era verdade e importante, igual para todas as crianças como dizia na Carta. Que tínhamos direito a um pai e uma mãe lembro-me. A partir dali todas as coisas que a que a criança tinha direito, eu não tinha, e isso eram por culpa de alguém. Experimentei pela primeira vez um sentimento que hoje sei chamar-se injustiça.
Tranquilizei-me com o pensamento de que um dia viria alguém importante e faria com que tudo aquilo se cumprisse. E eu aí esperar. Era criança, tinha muito tempo: nascera a minha consciência cívica.
Compreendi que os adultos diziam as coisas que deviam ser, mas não eram como eles diziam. Nesta compreensão confusa do mundo escrevi nesse primeiro ano na escola a minha carta ao menino Jesus e deixei-a eu mesma no sapatinho. Era um bilhete maior que o sapato e dizia assim:

“Menino Jesus
Obrigada pela prenda.
Vou pensar em ti todas as noites mesmo depois do natal passar e espero por ti no natal que vem. Gosto muito de ti.
Adeus.”
E rezei a Deus que, houvesse ou não menino Jesus para por a prenda no sapatinho, me trouxesse todas as noites o meu pai para casa.




Nisa


Setúbal, 29 de Novembro de 2012

Dionísia Cesário

Caminhada da Vida

É por isso que te digo irmão;se mostre
Se você não tem coragem;não devia estar aqui!
A vida nesse mundo é uma passagem,caminhada longa e sem destino,
As vezes parece que nem tem fim!
Você não pediu pra nascer;mais ta aqui.E pense,você não está sozinho nessa...
A final Os morto também não queria morrer!

Só de Pensar

Ter um irmão é ter, pra sempre, um amigo, lembranças boas e ruins,diferenças não muito compreendida,estas diferenças que acaba quando se lembra com segurança que em outro coração você é eterno amado e respeitado.
Muito difícil explicar, escrever, descrever ou falar boa sorte na sua jornada .EU TE AMO!

Amilton Honório Apolonio

Comentário de I Tessalonicenses 3.2

Por João Calvino

“2 E enviamos Timóteo, nosso irmão, e ministro de Deus, e nosso cooperador no evangelho de Cristo, para vos confortar e vos exortar acerca da vossa fé;”
“3. Para que ninguém se comova por estas tribulações; porque vós mesmos sabeis que para isto fomos ordenados,”

“Nosso irmão”. Paulo designa a Timóteo esses sinais de recomendação, a fim de mostrar com a maior clareza o quanto estava inclinado a considerar o bem-estar deles; pois, se lhes houvesse enviado uma pessoa comum, isto não poderia ter lhes fornecido tanta assistência; e, porquanto Paulo teria feito isto sem inconveniência para si, ele não teria dado nenhuma prova distintiva do seu cuidado paternal por eles. Por outro lado, é algo notável que ele se prive de um irmão e cooperador, e alguém que, conforme declara em Fp 2:20, não encontrara igual – porquanto todos visavam à promoção dos seus próprios interesses. Ao mesmo tempo, ele assegura autoridade para a doutrina que eles haviam recebido de Timóteo, a fim de que permanecesse mais profundamente gravada na memória deles.
Contudo, é com um bom motivo que ele diz que havia enviado Timóteo com este objetivo – para que recebessem uma confirmação da sua fé através do seu exemplo. Eles poderiam ser intimidados por relatos desagradáveis quanto a perseguições; mas a constância destemida de Paulo era tanto mais adequada para animá-los, impedindo-os de recuarem. E, certamente, a comunhão que deveria subsistir entre os santos e membros de Cristo se estende até aqui – que a fé de um é a consolação de outros. Assim, quando os tessalonicenses ouviram que Paulo seguia com zelo infatigável, e pela força da fé superava todos os perigos e todas as dificuldades, e que a sua fé continuava vitoriosa em toda a parte contra Satanás e o mundo, isto lhes trouxe não pequena consolação. Ainda mais especialmente nós devemos, ou ao menos deveríamos, ser estimulados pelos exemplos daqueles por quem somos instruídos na fé, conforme é dito no final da Epístola aos Hebreus (Hb 13:7). Paulo, portanto, quer dizer que eles deveriam ser fortalecidos pelo seu exemplo, não recuando sob as aflições. Já que, de qualquer forma, eles poderiam ter ficado ofendidos, se Paulo tivesse nutrido um temor a fim de que nem todos recuassem sob perseguições (porquanto isto teria sido uma evidência de excessiva desconfiança), ele suaviza esta aspereza dizendo: para que ninguém, ou, para que nenhum (verso 3). Havia, contudo, um bom motivo para temer isto, uma vez que em toda a sociedade sempre existem pessoas fracas.

----------------------------------------------------------------------
http://www.verdadeevida.org/
Textos, áudios e vídeos sobre a interpretação da Bíblia e a vida cristã.

http://livrosbiblia.blogspot.com.br/
Textos sobre a interpretação dos livros do Velho Testamento.

http://livrono.blogspot.com.br/
Textos sobre a interpretação dos livros do Novo Testamento.

http://retornoevangelho.blogspot.com.br/
Textos sobre a vida cristã.

http://poesiasdoevangelho.blogspot.com.br/
Textos em forma de poesia sobre a vida cristã.

http://rtnovideoevangelho.blogspot.com.br/
Vídeos sobre a interpretação da Bíblia, a vida cristã e louvores.

http://aguardandovj.blogspot.com.br/
Textos e vídeos sobre o tempo do fim e a volta de Jesus.

Calvino