Textos sobre Caminhos

Cerca de 912 textos sobre Caminhos

Desejos
Andréia Cristina Guadagnin

Andei por caminhos escuros
Tentando compreender a alma
A alma que tanto sente
Temida pela dor carente
De um amor que não pode acontecer



Turbilhões de anseios e desejos
Que se perderam entre os medos
Das vontades de teu prazer
Fico assim aflita o desejando
Querendo sentir seu corpo
Entre caricias nos amando



Quem dera um dia vivenciar
Tais loucuras que me atormentam
Quem dera satisfazer meu corpo
Com as vontades que se espalha
Pela exaltação que pede calma



Tirar os espinhos do desejo
Alimentar-se com tão sonhados beijos
Beijos seus... Beijos meus
Enfim entregando-me
De corpo e alma nos braços teus.

Andréia Cristina Guadagnin

Não importa quanto diferentes sejam nossos caminhos, pois sempre nos levaram a mesma direção..
Talvez após tanto caminharmos e formos obrigados a parar pelo cansaço, quando não houver mais respiração.
os nossos corpos estiverem fracos demais para continuar..estejamos juntos pra repousar no silêncio da noite...E terminarmos o que nunca deveriamos ter parado....

ana paula

Caminhos...

São tantos caminhos...
Decido!
Bagagens... Pra quê?
Se levo amor no coração

Livre, despojada, desapegada sou

Caminhos comuns me confundem...
Desisto!
Busco o novo...
O imponderável!

Livre, despojada, desapegada vou

São tantos caminhos...
Uns, abrasados pelo fogo do amor
Outros, reverenciados por folhas outonais
Uns, embaçados por lágrimas de dor
Outros, iluminados por centelhas vitais

Íngremes ou brandos caminhos...
Não importa!
O que realmente importa
São os passos, a meta... O amor!

Livre, despojada, desapegada sou

E... Num repente,
Corro riscos, assumo falhas
Acerto passos... Sigo em frente!

Maria Aparecida Giacomini Dóro

Fazer amor é andar por
Caminhos da alma
Com o toque de um beijo
Sem pressa...
Sentir o roçar da mão no ombro
Daquele que caminha ao lado,
Acordar sempre com um
Eu te amo,
Renovado e sincero...
Ver juntos o por do sol,
Em silencio ler um livro
Numa velha poltrona..
Fazer amor é pisar na eternidade,
Fazer estrelas e sentir
O perfume das manhãs,
Sorrisos de sol,
Olhos de mar...
Fazer amor é realizar sonhos,
Viver na consistência do céu...

sonia schmorantz

CAMINHOS...

O que resta na vida de um homem inundado de sonhos (PERSPECTIVA)
Se não calar a boca diante de sua própria razão.Depois de consumado o fato é que somos condenados ao calvário do silencio eterno, mesmo que tenhamos as respostas para tantas indagações.Isso é a chaga derradeira de nossa vida sombreada por constantes desventuras que nos leva a martirizar o pensamento que foi de vão em vão direto para o nosso sujo e desvirtuoso chão.

Wesley Rodrigues Correia

ah vida e feita d escolhas...
temos dois caminhos pra segui
nunca sabemos qual é o certo
a unica certeza q temos e q ñ dá pra volta
só podemos segui em frente
oh caminho cendo o certo ou ñ
vc sempre vai ter a chance de para
pensa...e ver os erros q cometeu e ñ
cometelos mais...
ñ tente conserta o passado mais pense
em futuro diferente!!!!

eu

Q seus caminhos, sejam perfumados
e forrados de pétalas, aveludadas de rosas
Q seus propósitos, sejam alcançados
Sejas tu bendita e vitoriosa
Q seus dias, sejam de alegria
recheados de realizações e conquistas
Q a benção Divina te acompanhe
todos os dias
Q sua vida, seja um motivo
a mais para se querer viver
Q cada passo, seja iluminado e
abençoado. rumo a FELICIDADE
A melhor forma de se desejar
q alguém, seja igual a
nós mesmos é lhe dizendo
BOA SORTE!
Doe seu melhor sorriso!
Esqueça as mágoas! Seja Simples
e Verdadeiro !Deseje o bem sem
saber a quem! Se entregues as
emoções...
Ame com força.VC está a caminho da
Felicidade. O Amor é a energia de
Deus em nós para nós e entre nós!

BEIJOS PERFUMADOS DE ROSAS♥

Desconhecido

Ousar dizer "não", procurar outros caminhos, ver além do horizonte outras possibilidades e prosseguir com a cabeça erguida é uma atitude que requer muita força interior, pois significa ir contra pessoas, costumes e hábitos que deixamos se instalar no nosso dia-a-dia. Coragem ou ousadia?

Talvez os dois, pois sem ousadia é impossível se ter uma idéia e levá-la adiante; sem coragem não conseguimos forças para lutar pelos nossos ideais e sonhos. Dizem que só os fortes são capazes de tais atos.

Desconhecido

REUNINDO SALMOS
Guarda-me, ó Deus,
faze-me, Senhor, conhecer os teus caminhos,
alivia-me das tribulações do coração,
ensina-me tuas veredas,
não te distancies de mim.

Sei que os justos herdarão a terra,
porque a boca do justo profere sabedoria
e tu o fazes exultar de júbilo,
assim como me fazes ver caminhos de vida.


Mostra-me sempre, Senhor, mostre-me
maravilhas da tua bondade.
Tuas palavras são transparências,
como fortaleza de fé,
Luzes e cores da minha salvação.


Nas tuas mãos,
recebendo meus dias,
com a grandeza de tua bondade.
todos os dias te bendirei.
Senhor, em todo o tempo,
o louvor estará em meus lábios.
Procurarei a paz, buscá-la-ei
empenhado por alcançá-la.
Certificando-me sempre,
alegrando o coração,
exultando de espírito,
meu corpo repousará,
entoando-te hinos.
Entregarei meu caminhar,
salmodiando e cantando louvores.


É por isso,
que de manhã, todas as manhãs,
apresento-te a minha oração e fico esperando.

jorge COMUNIDADE LINDAS MANSAGENS

Deixei que a vida me levasse por caminhos abstratos e perigosos.
Descobri os erros cometendo-os.
Aprendi que tudo na vida tem um custo.
Custo este nem sempre material.
Na maioria das vezes o valor é moral.
Descobri nos amores, que amor verdadeiro é um só.
Aprendi com inúmeros amigos, que amigos de verdade são poucos.
Descobri em inúmeras festas, grandes ilusões.
E mais uma vez aprendi e procurei a calmaria.
Olhando meu reflexo no espelho não vejo apenas um corpo.
Vejo marcas, e com elas historias.
Historias de pouco orgulho, no qual inúmeras odeio.
Arrependimento?
Apenas de não me arrepender de vários erros.
Mais o tempo passa, a gente aprende.
Desculpas que não pedi, favores que não fiz, abraços que não abracei.
Olho o tempo, sinto o vento, me perco em pensamentos.
Só o tempo faz o tempo passar.
Abro os olhos mais não vejo o que deveria ver.
Mais uma vês os mesmos erros, as mesmas farsas.
Será que eu sei quem sou?
Será que eu existo?
Por mais que eu descubra a vida, continuo a me sentir um leigo.
Por mais que eu tento me encontrar, continuo a me perder.
Vivo a espera do acaso.
Este sim irá chegar, vai encontrar a porta aberta e a cama arrumada.
Um dia as escolhas vão acabar.
Vai restar apenas uma porta e não terei mais como errar.
Mais enquanto não abro esta porta derradeira, vou me adiantar.
Perdão a todos que não pedi.
Abraços para todos que não abracei.
Recuperar o que perdi, e devolver o que me apossei.
Construir meu castelo de cartas dentro de uma câmara blindada.
Fazer com que apenas eu poça derruba-lo.
Colocar a culpa apenas em mim.
Pelo resto da vida apenas lamentar.

leonardo ítalo inácio (leo bala)

Dois caminhos, uma chave,
Um estranho, uma porta errada
E eu que pensei que estava a um passo do amor
A vida correndo e eu aqui,
Você era mestre eu aprendiz
No tempo em que solidão andava lá fora
Eu vi o passado voltar,
Depressa pra me machucar
Mas não é medo é só saudade
Que invade e faz morada até

(Refrão)
Esse tempo longe me fez ver
O quanto o amor da gente é bom
E se fica tarde eu pego telefone e ouço o som
Que vem da sua voz, tá de manha
Até
Esse tempo longe me fez ver
O quanto o amor da gente é bom
E se fica tarde eu pego o telefone e ouço o som
Que vem da sua voz, tá de manhã

A vida correndo eu aqui
Você era o mestre eu aprendiz
No tempo em que a solidão andava lá fora
Eu vi o passado voltar
Depressa pra me machucar
Mas não é medo é só saudade
Que invade e faz morada até

(Refrão)

Dois caminhos, uma chave
Um estranho na porta errada

Babado novo (Mestre e aprendiz)

Seu sorriso me fez viajar, a percorrer caminhos que desconhecia
Tua alegria me contagiou
Amo o seu cheiro

Deixa eu te abraçar
Eu quero te cuidar

Sei que está perdida
Precisa de ajuda

Medo todos tem, e por que não teria
Precisamos enfrentar

Não se arrependa
Faça, se errar corra atrás

Siga pela primeira vez, tente se ouvir
O amor falar

Tenha fé, vai dar certo
Eu estou aqui esperando, a sua volta.

Acredite no amor
Sem ele não é capaz
De encontrar
O caminho que te faz sorrir.

De está chance
Não vai se arrepender
Por que você tentou.

Cícero Ribas

Oração da Semana...

Deus, durante essa semana, abençoe meus caminhos. Que eu tenha sabedoria para trilhar somente a estrada da verdade, da justiça, da compaixão e da humildade. Que eu saiba fazer das minhas dificuldades, um motivo a mais para lutar, vencer e me tornar uma melhor. Que eu tenha um olhar sensível para ver as possibilidades que a vida me oferece, que em meio as aflições diárias, eu não perca minha fé e minha convicção que eu posso, posso sim, porque o Senhor é por mim!

((Priscilla Rodighiero Mirandoli))

Priscilla Rodighiero

NÃO VIVA DE PASSADO

Ao longo de nossas vidas percorremos caminhos estranhos aos que buscamos, e enfrentamos situações inesperadas, principalmente porque Deus não executa suas obras conforme nossos planos.
Todos nós temos uma história, mas nem sempre ela é marcada por capítulos agradáveis. Isto porque somos seres errantes, e também mutantes: mudamos nossa aparência ao envelhecermos, mudamos nosso pensamento, nosso comportamento. Vivemos constantes transformações e, às vezes pra melhor, às vezes pra pior, dependendo do ponto de vista de quem nos observa ou critica.
Ninguém entra em um rio duas vezes, porque se entrar novamente, o rio não é mais o mesmo e a pessoa também já mudou. Creia na mudança das pessoas, elas vivem uma metamorfose contínua. Seja corresponsável pela evolução delas, acredite que até o caráter de alguém pode evoluir, e, dependendo do seu comportamento em relação a elas, poderá evoluir pro bem.

Se o homem é um produto do meio, cerque-o de coisas boas para que ele passe se comportar com decência e passe a produzir amor, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade e sinta-se feliz por ter feito a sua parte nesta transformação.

Se por algum motivo alguém não for mais digno de sua confiança, pare e faça uma auto avaliação e veja se você também não o traiu de alguma forma, - a traição não é apenas o “adultério”, cujo comportamento é pra muitas pessoas o único defeito de um ser humano -, pois existem várias formas de traição e uma delas é odiar uma pessoa e conviver com ela fingindo amor. Estas pessoas são frias e calculistas e são capazes de qualquer coisa pra se vingar e por isto são consideradas perigosas. Um sorriso falso é o ápice da hipocrisia. Então seja autêntico. O fato de você não adulterar, não lhe dar o direito de fazer o que quiser com a outra pessoa, inclusive hostilizar, humilhar... Entre outras coisas.

Entendo que não se deve conviver com alguém em função do seu passado, e que não se deve julgar as pessoas pelo que elas foram ontem sem lhe dar chances de recomeçar, mas julgar pelo que são hoje. Acredite que qualquer pessoa é capaz de mudar de vida. E se alguém do seu lado mudou e agora é uma pessoa má, - não olhe para traz em busca de sua bondade, você está seguindo em frente rumo ao futuro e jamais vai encontrar-se com o que passou - encare-o e lhe ajude melhorar, porque o que passou ficou no tempo. Mas se a mudança é pra melhor e ela é agora do bem, olhe nos seus olhos e diga-lhe que está feliz pela sua nova vida e aproveite o presente para usufruir destes bons momentos e sonhar com o futuro. Cristo por muitas vezes encerrava seu perdão dizendo: “... vá e não peques mais” ... E perdoava não só sete vezes, mas setenta vezes sete. Não podemos ser exatamente como Cristo é, mas temos o dever sim de perdoar as pessoas, pois o perdão é um direito delas.

Não conviva com as pessoas em função de seus defeitos, mas observe melhor suas qualidades porque elas podem ser coadjuvantes no processo da comunhão para uma convivência pacífica e harmoniosa. Perdoe e aprenda a pedir perdão, porque todo mundo comete erros... Todo mundo! Até você! Reconhecer um erro e pedir perdão não é defeito, mas é uma atitude louvável dos humildes. Os arrogantes são orgulhosos, não admitem seus erros e consideram-se donos de todas as razões.

- É Perdoando que merecemos perdão, perdoar e pedir perdão é um ato de humildade e uma pessoa assim erradia paz entre os que a cercam.
- O orgulho separa as pessoas, a humildade as une.
- A arrogância e a prepotência não condizem com o que Deus espera das suas criaturas.
- O perdão e o arrependimento purifica a alma e uma alma suja nos leva à infelicidade, porém uma alma limpa nos leva a um estado de paz de espírito.

Enfim, viva o presente, compartilhe cada instante do agora com as pessoas que você ama e das quais você espera ser correspondida e convide-a para serem mutuamente felizes, sem mácula e sem rancor, pois saiba que muitos ao seu redor são carentes de carinhos e dependem da sua felicidade para também viverem felizes e confiantes.
Não trate as pessoas segundo os preconceitos que você têm em relação a elas, tenha cuidado com as conclusões precipitadas para que as pessoas não paguem pelo que não devem. Esta atitude também costuma deixar marcas irreparáveis.

“Aqueles que não conseguem mudar de opinião não conseguem mudar nada”.
George Bernard Shaw


... Viva intensamente o presente para não ter que enfrentar os fantasmas do passado
Tiny Willy

“Apague a luz do passado e busque a Cristo para acender o farol do seu presente, assim você trilha o agora com segurança e ainda ilumina o futuro”.
Sebastião Monteiro

Sebastião Monteiro

E de repente me ví 40 ...

Me vi mais solta, me vi mais eu ...
De repente descobri caminhos , descobri atalhos , aconteceu ..
Descobri prazeres , labirintos que achava extintos no escuro breu ...
Me vi mais gente, em novas cores, novos amores...
Senti minha pele arder desejos , e minha boca sorver mais beijos !
Descobri minha alma mais leve e solta , como se fosse um beija flor ...
Senti carências , superei ausências , sentí mais gosto em fazer amor!
Descobri meu corpo , tesudo, louco , ansiar afoito por mais e mais ...


Aos 40 me descobri Mulher ....

Marlise Julião

O conto dos dois caminhos

Eu estava perdida em sofrimento, solidão e agonia. Desejava tanto a morte quanto a luz do dia. Já não sabia se amava mais a vida ou se desejava mais a morte. Só que eu era covarde. Tão covarde que eu não sabia viver e nem morrer. Tinha medo da vida e da morte. E eu vivia vazia, parada nessa encruzilhada. Olhava para os dois caminhos, sem saber qual seguir. Então peguei a direita, o caminho da vida. Fiquei tão apreensiva que eu chegava a subir nos barrancos da vida, só para não entrar de cabeça nessa estrada. Olhava para todos os cantos, todas as sombras... Eu prossegui pelo caminho da vida solitariamente. Durante algum tempo... Mas, ao decorrer desse, eu encontrei outras pessoas nesse caminho. Pessoas como eu. Que também haviam parado na encruzilhada e que também haviam ficado indecisas. Conheci um senhor que havia dito que havia conhecido um homem sofredor, como nós dois. Esse homem optou pelo caminho da esquerda, o da morte. E o senhor me disse que não sabia por quê. E eu lhe disse que também não sabia. Então nós rimos, aquele riso triste. E então o senhor começou a narrar-me sua história de vida. Disse-me que, quando tinha a minha idade, também havia chegado na primeira encruzilhada. Nesse instante, arregalei os olhos. E o senhor entendeu porquê. E ele disse-me para não me assustar, pois no decorrer deste caminho eu hei de encontrar mais encruzilhadas como essa primeira. E eu perguntei-lhe como ele sabia disso, sendo que nós dois estávamos apenas no início do caminho da vida. Ele me disse que ele já não estrava mais no início. Disse-me que havia nascido, prosseguido feliz e chegado à primeira das encruzilhadas. Disse-me que passou pela vida e que a seguiu até encontrar outras tantas encruzilhadas, iguais à primeira. E disse-me que, como eu podia observar, ele havia optado sempre pela vida, mesmo desejando também a morte. Ele me disse que a única certeza que tinha nessa vida era que um dia ele teria de seguir o caminho da morte, mesmo querendo ou não. E então ele me disse que não havia porque em apressar o fim, já que ele viria de qualquer jeito. Ele me disse, então, que optou pela vida porque queria saber mais sobre ela. Queria encontrar, no fim disso tudo, mais uma vez a alegria que sentia ao ser criança. Perguntei como ele sabia que a encontraria. Ele me disse que não sabia. Perguntei, então, se ele havia encontrado. Ele me disse que sim, mas que já à havia perdido. Ao me ver com um olhar desentendido, ele disse à mim que havia encontrado o amor. E então eu perguntei a ele por que ele havia voltado. Ele me disse que não tinha mais o que viver. Que sua vida já estava no fim e que jamais encontraria felicidade nessa, já que seu grande amor se fora. Ele me disse que optou por voltar, apenas para narrar aos outros, como eu, suas histórias. Disse também que queria terminar no início. Que gostaria de morrer na primeira encruzilhada. Que esperaria pela morte ali mesmo. Disse-me que estava apenas voltando no tempo. E disse-me também que queria prosseguir, antes que esse já não o deixasse mais fazê-lo. Assim, o velho me disse um adeus e se foi. E eu prossegui meu caminho, desejando, lá no fundo, encontrar a alegria. Prossegui. Após um tempo, encontrei um garotinho. Estava escondido no meio do mato que crescia pelo barranco em que eu andava. Ele se escondia da vida, mas ela não o deixava. Perguntei a ele por que se escondia. Ele me disse que era a vida quem se escondia dele, e não o contrário. Ele me disse que a vida é que não quis ser gentil com ele. Ele era tão pobre com um rato. Era sujo e imundo. Olhei para ele e disse-lhe que a vida também não me é gentil, mas eu não desisti de conquista-la. Disse à ele para prosseguir que um dia daria certo. Dei então um abraço bem forte no garoto sujo e prossegui. Ao olhar para trás, vi que ele sorria. Eu continuei andando. O tempo passou. Encontrei pelo caminho água, comida e ar fresco. Encontrei o necessário para continuar vivendo. Mas não encontrei a alegria que, lá atrás, aquele velho senhor dizia ter encontrado. Eu, hoje, sou tão velha quanto ele. Estou tão cansada que resolvi parar na próxima encruzilhada que me vier. E farei a mesma coisa que fez aquele velho. Vou ficar parada na encruzilhada, pensando na vida e na morte. Esperando-a chegar. Pensando em como fui feliz antes da primeira encruzilhada. Tudo porque eu tinha conhecido a alegria que um dia aquele velho sentiu. Eu só não dei a sorte que ele deu. Eu apenas vi a alegria andando ao longe, já o velho pode abraça-la. Ele pode amar e ser amado. Já eu, parei na primeira parte, na primeira encruzilhada.

Sabrina Niehues

As aparências enganam até as mais esclarecidas mentes. E muito fácil ser levados por caminhos que não contrastam com seu modo de agir ou pensar. A eloquência é, e sempre foi pelo vis cidadãos de um estado ou povo, uma falsa maneira de contribuição civil.
São raras as vezes que paramos, pensamos e compreendemos os complicados mecanismos que atuam para a concepção de uma eloquência logica e desinteressada, a priori, de recompensas e riquezas, em busca de bem estar material, muitas as vezes desnecessárias.
Como tenho feito constantemente, através de estudos filosóficos e de grandes tempos perdidos em elucubrações sobre algum determinado e abrangente tema, que me abate na maioria das vezes, sou levado a concluir, sempre, que não basta estarmos aqui vivos, achar que somos livres, correr em busca de poderes e riquezas, sermos promíscuos na maioria das vezes, sentimos medo, medo de nós mesmos, acharmos como Hobbes que "O homem é o lobo do homem". Isto significa liberdade ou um estado permanente e imperceptível de repressão humana? Basta querer ser livre para sermos felizes? Não! Nunca neste século ou quem sabe nos tempos vindouros teremos está tal liberdade; Liberdade de expressão; Liberdade espiritual; Liberdade Civil; Liberdade material sem anseios acima do necessário.
São coisas ou matérias até certo ponto incompreensíveis pelas eloquências que somos constantemente obrigados ou levados a admitir, sem a chance de escolhermos ou apegarmo-nos pelo qual achamos, CORRETO OU CERTO.

Júlio Weber Maciel

Ah,Meu Amor,
Você Sabe Que Desde Sempre Optei Pelo Bem
E Que Me Recuso A Andar Por Caminhos Que Não Da Sinceridade E Do Amor.
É Neles Que Me Sinto Confortável,
Como Se Todo Mundo Fosse A Minha Casa...
... Tal Como Fazia Da Sua, Minha Também.

Então...
... Não Esqueça...

Que O Meu Abraço É Quente E Apertado,
Que O Meu Sorriso É Também De Olhar,
Que O Meu Melhor Lugar Do Mundo É Em Você
E Que O Meu Beijo...
... Ah, Você Sabe, É De Olhos Fechados...
Que É Pra Eu Sempre Poder Sonhar Mais Um Tantinho...
... Depois.

E Aí, Se Possível,
... Sorria, De Cantinho...

E, Se Der, Senta Aqui Do Meu Ladinho,
Senta...
Que É Pro Meu Olhar Tornar A Conversar Com O Seu...
E, No Silêncio Das Nossas Palavras,
Faz Meu Coração Perdoar A Sua Boca...
... Faz...
Porque Embora Ainda Ouça O Que Você Me Disse...
E Esteja Doendo, Muito...
Tudo Que Eu Ainda Mais Quero
É Repousar A Minha Mão Na Sua
É Ouvir A Gente Se Dizer...
...Mais Uma Vez...
...Simplesmente...

Katja Fuxreiter

Caminhos(in)versos


Desnudam-me a arte, o espelho, o tempo e os trilhos.
Mostram-me quem sou, quem não sou,
quem poderia ter sido...
Quem não deveria ser de jeito nenhum!

Ao reverberar em mim, a arte, faz surgir a poesia.
No espelho, meu corpo adquire forma,
enquanto desconforma a vida em sua imensa sabedoria,
conforma-se meu corpo, na silhueta errante refletida no espelho.

O tempo, dá-me, os limites de que preciso.
Na exatidão de teu agir, molda-me a seu bel-prazer
com a precisão cirúrgica de um bisturi.

Os trilhos são os descaminhos, os segredos guardados, os espinhos.
Neles, sigo em apresentação solo, sem platéia ou aplausos
sigo, errante como sempre, e fazendo um monte de merda.

J.W.Papa

Lamentar ou tentar reviver o passado repetindo os mesmos
caminhos que não deram em nada, não traz mudanças.
A ira e o rancor tampouco.
Contar a história de um ângulo que nos beneficie em
detrimento de outros distribuindo culpas e atraindo compaixão também não.
Melhor é aceitar os erros (tentativas de acertos!) e aprender com eles.
A vida pede honestidade consigo mesmo e aceitação dos fatos.
Se uma ou várias oportunidades foram perdidas é preciso
acreditar que outras virão e estaremos mais sábios e
cuidadosos para não perdê-las.

Silvana Lance