Textos pra Expressar a Tristeza

Cerca de 1606 textos pra Expressar a Tristeza

Tenho uma vontade de lagarta encasulada
Tenho uma saudade de foto antiga na parede
Tenho um suspiro de partida na estação
Tenho uma dor com cara de choro de criança
Tenho a esperança de uma mala pronta para viagem
Tenho a coragem de bebe engatinhando
Tenho um coração que mesmo doendo vai sempre me avisando
Não desista, tem sempre alguem caminhando na mesma estrada...

Alam Tombini

Despedida

Pq tudo tinha que ser tão difícil
Pq vc sempre na deixou na dúvida
Pq vc nunca demonstrou a mim
o que demonstrei a ti como sempre te amei
Pq tudo tinha que ser tão bom e ao mesmo
cheio de tristeza e dor
É agora acabou ,mas estará na minha alma
a marca desse amor e a cicatriz da dor que a envolveu
Adeus amor

Doce Rosa

Seemann
A angústia, assim como uma despedida de um marinheiro, que dá um beijo apaixonado em sua amada e parte para o horizonte é como me sinto. Mas sou um marinheiro fantasma, que nunca partiu e tem apenas a esperança de um dia achar sua amada, a qual o fará voltar a vida, ao sentimento de antes da partida. Mas enquanto não chega, ele vaga solitariamente e derruba suas lágrimas misturando-as com a água do mar. Tentando desesperadamente, que essa mistura de destino (água) + lágrimas (sentimento) culmine na direção certa de sua amada.
E é assim, aonde alguém nos ama é para onde devemos retornar.

Gilson Miranda Junior

Sentimento tristeza.
O sentimento tristeza
Todo mundo conhece
Mas só tem certeza
Quem dele padece
Começa muito confuso
Como um ponto de interrogação
Um incômodo intruso
Sufocando teu coração
Tem quem seja triste por amor
Ou quem seja triste por envelhecer
Há quem seja por humor
Ou apenas por viver
Quase ninguém a admite
É considerada um pecado
Mas se este sentimento existe
Por que senti-lo é errado?

Gilson Miranda Junior

O vazio vai me consumindo
Porque estou vivendo mesmo?
Eu estou aqui, mas Ele não está comigo
Porque? Me sinto traída e abandonada

Estou em desespero
Quero ser forte,mais forte!!
Me pergunto porque eu não choro mais
Mesmo eu tendo vontade

Volte para mim amor!
Apareça para mim, vamos quebrar nossa maldição!!
Aquela que Deus lanço em nós
Ficaremos juntos e separados pela eternidade

Sofrendo calados,
Procurando um pelo outro no breu
Sem poder nos ver
O pior castigo de todos

Sangue do meu sangue
Jogam pedras em mim
Enquanto sou presa em uma cruz
Sendo sacrificada, como um cordeiro
Sofrer Calados

Sendo soterrada
Talvez se eu morrer eu lhe encontre
Mas se morrer não poderei ter minha estrela da manhã
Pois mortos não geram vidas

O que nos resta é sofrer calados!

Yuki Datenshi

Quando a tristeza bate à porta da alma 17/12/2013
Autoria: Norma Aparecida Silveira de Moraes

Quando a tristeza bate à porta da minha alma
Me faz sentir a imensidão de minha pequenez
Levanto a face, olho para o infinito
Preciso encontrar minha altivez

A melancolia está abalando os meus dias
Fico quieta a esperar por solução
Pois nem tudo podemos fazer
Para resolver uma situação

Sinto-me frágil, não sei o que faço
Fico olhando para o infinito
Mergulho-me na fé em Deus do meu coração
Para que meus dias não se tornem em sinistro

Creio que posso meditar
Confiar na força do pensamento
Em um poder Maior confiar
Que movem o bom sentimento


Lágrimas escondidas caem pela minha face
Não posso com você compartilhar
Também deve estar mergulhado em dor
Não posso contigo contar

O tempo passa lentamente
Quando estamos mergulhados na dor
Não há remédio que cure
Somente o grande amor

A semente da esperança
É o que alivia um pouco o tormento
O viver de boas recordações
Vivenciar cada fase do bom momento

Não somos nada neste mundo
Somos como um grão de areia no mar
Um dia tudo está muito bem
No outro pode tudo mudar

Necessito encontrar forças para ajudar
Encontrar um alento para amenizar
Compor versos de alegria ou dor
É o que ajudam meus dias passar

Quisera ter mais domínio sobre mim
Quisera voar bem lá no alto
Rolar na grama morro abaixo
Da mais alta montanha dar um salto

Ter domínio de minha vida
Ser como o beija-flor
Voando de flor em flor
Sugando o néctar do amor

Quisera ser como aquele rio
Que desce montanha abaixo, serpenteando
Formando belas cachoeiras
Percorrendo o vales livre, margeando

Quisera mesmo ser como o vento
Que leva tudo embora
Viaja longe, assobiando
Vai e vem a qualquer hora

Mas queria mesmo ser o tempo
Ele tudo resolve, faz tudo acontecer
Acomoda, opera milagres
Cura, faz tudo resolver

Meus pensamentos voam muito longe
Buscando a minha paz, de outrora
Nada pode estar perdido...
Vou te encontrar urgente pelo mundo afora

Meu ninho de amor está tão triste
Almas alquebradas pelo sofrimento
Cada qual buscando se equilibrar
Elevando no infinito o pensamento

Deixarei por conta do tempo
Na sua magia do acontecer
Buscando no fundo da alma triste
O sofrimento esquecer

Quisera ser o livro da vida
Para adivinhar a próxima cena
Do compasso que é a vida
Rabiscando cada lenda...

Creio que nada é por acaso
Ficarei então esperando a cura
Destes sentimentos mestiços
Não desistirei da procura...

Meu silêncio falam por mim
Minha flores falam por mim
Minha lágrimas falam por mim
O tempo fala por mim...
16/12/2013

NORMA APARECIDA SILVEIRA DE MORAES

Um dia

Um dia eu estive lá.
Vi você correndo alegremente
Com os cabelos soltos cheirosos
Radiante feliz e sorridente.

Um dia eu vi você.
Pular em meus braços.
Apertar-me tão forte
A mais não poder.

Um dia eu estive lá.
Incontido em tudo.
Desejoso de me afundar
Na meiguice do teu olhar.

Um dia eu vivi lá.
Passeamos abraçados
Vontades e desejos entrelaçados
E ao fundo... O mar.

Um dia contemplamos juntos
O mais lindo entardecer.
Te fizeste tão minha.
Fiz-me tão você.

Um dia eu tive que voltar,
A tristeza foi tanta que me corroeu.
Enquanto meu eu doloria ao retornar
Imagino que você também sofreu.

Moacir LuÌs Araldi

Oi solidão, há tempos que não lhe via, vai bem? pois eu também
sabe o amor? acabou de sair, sempre que ele vai leva o meu sorrir
faz promessas dizendo que não vai voltar, mas sempre esquece algo e volta a me perturbar... chega mansinho sabe? todo jeitosinho, me fazendo carinho e eu caindo, fala pra eu dar uma nova chance que todos merecem ter um romance, sou bobo e acredito e claro acabo abrindo a porta ele sem demora mais uma vez começa sua covardia, porque que eu sei que mais dia menos dia, como numa brincadeira de criança ele se desencanta e mais uma vez choro como criança.

Jam de Assis

Arrumei a casa, fiz uma faxina:

Tirei a poeira dos livros que nunca escrevi
Guardei cada lembrança esquecida em seu álbum
Separei e selecionei cada filme que vivi e revivi.

Organizei meus “antigos novos” sapatos,
aqueles que eu não usei em todas as festas que recusei.
Desfiz as malas de cada viagem perdida
Repassei as horas marcadas
em meio a tantas outras escondidas.

Enxuguei toda a tristeza que da janela escorria...
E a despachei.
Não quero encontra-la tão cedo.

Hoje, minha casa está aberta apenas à alegria.
E que seja bem vinda e bem vivida!

Marcia Bandeira

Curioso pensar que um aniversário possa nos deixar tão "pra baixo" como esse aí que acontece dia 25/12.

Talvez seja porque, por mais que tenha a decoração, as luzes, os presentes, as comidas, as bebidas, as músicas, os convidados; falte um detalhe importante nessa festa toda: o aniversariante.

Tainah Ferreira

Lá vem a tal data que nos 'obriga' a parar com a correria e futilidade do dia a dia e nos convida a olharmos 'pra dentro'. Minha modesta e talvez óbvia opinião é que a famosa 'luz' do Natal expõe nosso interior, de forma profunda.

Nesse 'olharmos pra dentro' iremos encontrar de tudo, de bom e de ruim - inclusive nossos buracos do que foi arrancado e vazios do que ainda não foi preenchido.

Então sentimos todo o peso do que quase chegou a ser, do que nunca foi, de quem não volta, de quem está longe, de quem já deveria ter ido embora faz tempo (e ainda tá ali enchendo as paciência), de onde você gostaria de estar, do que você daria tudo pra ter, do orgulho que te impediu de pedir perdão, do perdão que não te pediram por orgulho, da falsidade em volta de muitas mesas, de quem não vai ter nem mesa pra comemorar e assim por diante.

Por mais que isso nos deixe tristes (Natal tem dessas coisas, né...), tente aproveitar o lado bom. Refletir às vezes dói, mas faz bem também. Quem sabe é o 'chacoalhão' que nos falta, para sermos pessoas com mais atitude... atitude pra fazer acontecer o que quase chegou a ser, pra realizar o que nunca foi, pra ir atrás de quem está longe, pra estar onde você gostaria de estar, ter o que você quer ter, superar o orgulho e compartilhar o que você tem com quem precisa.

Um Natal cheio de boas ideias e atitude pra vocês, pensadores!

Tainah Ferreira

MINHA TRISTEZA

Hoje, mais do que outros dias, me sinto triste
Tento buscar alegria, mas parece que ela não existe.
Sigo vivendo em melancolia,
Esperando que amanhã seja um novo dia.
Mas sinto que a tristeza persiste

Apesar de tudo, sigo a vida para frente
Pois quem sabe de repente
A alegria bata em minha porta.
E verá que o que mais importa
É a Deus seguir temente.

Busco aprender em algum provérbio.
Mas sei que até meu amigo Euzébio
Sabe do que passei,
Mas ainda não sei
Porque vivo esse tédio.

Não espero muito da vida,
Só quero a felicidade ainda não tida,
Alegria, saúde e um pouco de sorte,
Força para lutar, antes que chegue a morte,
Para minha última despedida.

Será que somente após a morte
Minha alma se mostrará mais forte,
E que a vida é somente um aprendizado,
Porém quando estamos com o orgulho machucado
Nos queixamos que nos faltou a sorte?

Ou será que queremos de mais
E esquecemos que para se ter paz
devemos viver com simplicidade
Cultivar aquelas velhas amizades
Um dia deixadas para trás?

Só busco a alegria que sustente o meu viver
Pois não basta apenas viver sem saber.
Temos que ter fortes motivos
Para seguirmos bem vivos
Neste mundo de eterno aprender.

Espero que a minha tristeza um dia passe.
Neste mundo de quem sempre nasce
Chorando para o mundo.
O choro mais profundo
Que é o choro de quando se nasce.

Valdemi Cavalcante Teixeira

O PORQUÊ DA SENSAÇÃO DE VAZIO E INSATISFAÇÃO.
Quantas vezes nos pegamos olhando para nós e para nossa vida com a sensação de que FALTA ALGO.
Essa sensação de "incompletude" se dá quando não conseguimos perceber partes importantes de nós mesmos. Ao respirar o ar não parece ir até o fundo dos pulmões, ao olhar não "vemos" de maneira completa, nem nós nem os outros ou as coisas, nada parece estar como deveria ser.
Nos sentimos SEPARADOS DO TODO, mas principalmente de NÓS MESMOS!!
SOLUÇÃO?? A reconexão. Ao limparmos nossos canais perceptivos ( espirito, mente e corpo) tudo voltará a fazer sentido novamente.
Essa limpeza se da através do AMOR ( sentimento e atos).
Para quem não é acostumado a lidar com as nuances e observação dos sentidos fica difícil, pois se tem uma dificuldade de trabalhar com essa ferramentas, daí então, a solução é procurar terapeutas, psicólogos, filosofias, religiões ( não estou aconselhando, apenas falando de formas).
Por mais que há 5 mil anos o hinduismo, xintoismo, budismo ensinem formas de reconexão, e há 2 mil anos o cristianismo nasceu no ocidente, as pessoas preferiram se ater ao ritual religioso e a sua organização clerical e não ao ATO que os livraria dos "vazios da vida": AMAR!
Sim, amar ainda é o melhor remédio, agir em benefício de alguém a forma mais rápida de autorrealização, e agir como se TODOS fossemos UM é a MAGIA QUE NOS LIBERTA da dor e da separação.
E por mais que isso abranja, não significa : "arrume um namorado ou tenha um filho". QUANDO CONSEGUIRMOS AMAR INDISTINTAMENTE INCONDICIONALMENTE E SEM MOTIVOS alguém, isso é amor na mais pura concepção da palavra.
O "vazio" é a vida nos chamando a responsabilidade, a utilidade, na constituição e manutenção do todo.É o universo nos incitando a ação: HÁ ALGO A SER FEITO!Sigam e nesse "algo" encontrarão bem mais do que esperavam.
E não esqueçam: Atos que esperam retribuição ( amar para ser amado, só amar quem me ama, ações que mais tarde me beneficiem...), isso não é amor, é conta corrente, conta poupança ou investimentos futuros ( e duvidosos) em algo ou alguém. O amor verdadeiro simplesmente ama. EXERCITAR ESSE AMOR PURO É a nossa maior missão aqui nessa terra.

Edolesia

Edolesia Andreazza

28/12/2013
Engraçado...
Quando vou até você, você me trata mal
Se quero sua presença, é porque quero que você viva minha vida...
Em outros momentos você diz que é chato estar ao meu lado...
Até que chega o momento que EU canso, canso de tanto desamor, de tanta falta de reciprocidade, e VOCÊ, transforma isso no fato de eu não falar mais com você....
só fui quem eu queria que você fosse, e quando fui você me achou insuportável........

Luis Ricardo Teiga Ramalho

Se a lua nossa desce o canto no alpendre
eu sobre o som daquela noite triste
escorro em prantos - uma dor que existe -
a melodia que me sai do ventre.

Canto a certeza de só ter em mente
O que nos braços o desejo clama.
Há dor maior que essa, de quem ama,
que emudece o ato que se sente?
DOR DE POETA, DOR DE PALHAÇO

Eu amo ao ponto de me dar ao sim,
de me vestir de ais, de ser o nunca,
o todo, o meio, começo... enfim.

Eu amo ao tanto que não cabe em mim,
Sonho o instante que não chega; junca.
Meço o começo, mas o que tenho é fim.

Mário Silveira

A tristeza em sorrisos

Já não sei como me aguento, diante de cada situação que vivo, sou só um adolescente, tudo isso deveria ser alegre, mais oque vejo é triste, olho para os lados buscando entender o por que de tudo isso, Deus não queria que fosse desse jeito.
As pessoas então cada vez mais frias, não tem sentimento, simplesmente só se importam consigo mesmo, eu choro com um sorriso no rosto, tentando esconder tudo que sinto, não quero preocupar ninguém, neste corpo com sorriso o espirito esta triste, o inimigo faz festa dança e rir das nossas caras, aonde esta o papel de amor em tudo isso ?
Se esquecem do ensinamento dos mestres dos mestres e se dizem entendedores da palavra, quanta hipocrisia, estão falando coisas que não vivem, isso faz meu coração transbordar em tristeza, a melanconia me corrompe estou só com meu refugio, pois sei que ele é o único que nunca me deixo triste. Eu só quero ver aonde tudo isso vai dar, pois o meu tempo esta acabando nesse jardim aonde as rosas que pensei ser lindas, estão todas precisando de cuidados.

mfpescador

Sou tão eu mesmo
que nem sei mais quem eu sou....

Perdido em meio a tantas desilusões
deixado por mim mesmo,
Afogado pela secura da umidade
O nexo da incoerência
Encaixada perfeitamente no anarcoide do pensamento.

Ora, quem poderia imaginar que você,
tão bom em nada, e ruim em tudo,
poderia fazer a merda mais perfeita.

Seu sorriso em meio as lágrimas
de tortura não são mais sadios e límpidos como antes...
Se tornaram apenas lágrimas...

Mas a tortura ao fim quando chega,
Se torna apenas sorrisos...
Ao menos é o que se espera.

Kelver Machado Vargas

Triste mesmo é quando não amamos a nós mesmos.
É, pois as vezes chamamos de amor aquilo que acreditamos sentir pelos outros. Não por nós mesmos.
Aquilo que muitas vezes, ou quase sempre, egoísta, impomos ao outro. Como parte daquilo que chamamos também de entrega.
E cobramos.
Chamamos de amor aquela parte que achamos que estamos doando, mas apenas emprestamos a prazo. As vezes, com juros.
Triste mesmo, é vomitar doçuras, escrever purezas e na vida, na rua, no olho, emitir desprezo, amargura, egoísmo.
Triste mesmo é achar que amor é ensinar. Quando quase sempre, é aprender.
Triste é quando buscamos amor naquilo que não é nosso, e nunca será. Quando tudo que nos pertence, escolhemos ignorar.
Triste é não ver o amor transbordando ao nosso redor. Para valorizar aquele amor minguado, quase implorado daqueles ou daquilo que não ha nunca de nos afagar.
Triste. E o amor, não deveria ser triste.

Fabia Homobono

SÓ UM PINGO

Um pingo de chuva pode predizer uma tempestade;
Um pingo na pia, virar insônia;
Um pingo no i, esclarecimento ou satisfação.

Um pingo de gente, pode vir a se formar um grande líder;
Um pingo de molho, na camisa branca, fim de festa;
Um pingo de perfume, repulsa ou sedução.

Um pingo de lágrima, expressar alegria.
Um pingo de lágrima, exprimir tristeza.
Um pingo de lágrima, significar saudade.
Um pingo de lágrima, traduzir solidão.

Vou beber uma pinga com mel, gelo e limão.

Rogerio Dutra

TUDO FAZ PARTE DA VIDA
Autor: Antônio Ademir Fernandes
(Nenê)
Alegria e tristeza
Tudo faz parte da vida
Não é moleza
Às vezes a alma ferida
Por uma desilusão
Faz-se loucuras sem motivo
Perde-se a razão
Num ato explosivo
Não desanime a vida é assim
Tudo passa, renasce a esperança.
Tudo se renova enfim
O amor é lindo
Se não deu certo
Outro amor é bem-vindo
Não fique deserto
Sempre há outro caminho
Um novo começo
Com mais amor, mais carinho.
Ser feliz não tem preço
A vida é um imenso jardim
Sempre surge uma nova flor
Pra enfeitar a vida, enfim
Somos a semente do amor.

Antonio Ademir Fernandes