Textos para Pai

Cerca de 984 textos para Pai

Espere em Deus, confie no Pai.
Mas lembre-se que sua parte deve ser feita.
Escolha o que pensar.
Pense antes de falar.
É certo que na adversidade, quando tentam usurpar
seu momento, sua vitória,
tudo parece impossível.
Mas faça, Deus está com você,
E Ele vai agir quando se esgotarem suas chances.
A isso dá-se o nome de Milagre.
É apenas uma questão de fé.

Wilsiane Santos

Senhor, não deixe meus sonhos morrerem
Pois sem eles serei como um zumbi
Por favor Pai, não se canses de mim
Pois sem Ti eu não sou nada
Sem Ti, oh Pai, eu sou menos que pó
Não me abandone na minha espera
Mas continue me animando e me confortando
Tu sabes Senhor dos meus medos
Porque é no Seu colo que eu choro a noite
É diante de Ti que eu mostro quem realmente sou
Minhas dúvidas, meus medos, meus complexos e meus sonhos.
Oh Senhor, tu sabes o quanto sou fraco
Mas Tu Senhor és forte, não existe ninguém tão poderoso como o Senhor
Será que algum homem ou anjo pode dizem ao mar abre e o mar se abrir?
Claro que não. Mas o Senhor abriu o mar e acabou com o Egito
Será que algum homem ou anjo pode dizer ao sol onde ele pode iluminar e a chuva onde cair?
Claro que não. Mas o Senhor fazes isso todo dia
Sou fraco Senhor mas sou forte porque estou unido Contigo
Pois o Senhor morreu na cruz por mim e hoje eu sou seu filho.
Tu sabes oh Pai que tento de todo o coração ser um homem justo.
Tu sabes que o que eu mais quero é que Te vejam em mim para que o Senhor seja louvado e adorado.
Mesmo que as vezes, e muitas são essas vezes, eu erre o Senhor me perdoa pois é misericordioso e sabe o quanto eu Te amo.
Eu te peço Senhor, de todo o coração: Não se canses de mim
Não se esqueças de mim oh Pai porque sem Ti eu não tenho porque viver.
Muito obrigado Pai por tudo e por estar comigo
Por ser minha Companhia na aflição
Que o Senhor seja adorado pra sempre, Amém!

III Salmo de Felipe Guilherme Ferreira da Silva

Ei pai, olhe para mim
Pense de novo e converse comigo
Eu cresci de acordo com seus planos ?
Você acha que eu estou perdendo meu tempo
fazendo as coisas que eu quero fazer ?
Mas dói quando você desaprova tudo
E agora eu dou duro para ser bem sucedido
Eu só quero te deixar orgulhoso
Eu nunca vou ser bom o bastante para você
Eu não posso fingir que eu estou bem
E você não pode me mudar

Porque nós perdemos tudo que temos
Nada dura pra sempre
Desculpe,
eu não posso ser perfeito
Agora é tarde demais,
e nós não podemos voltar atrás
Desculpe-me
eu não posso ser perfeito

Eu tento não pensar
Sobre a dor que eu sinto por dentro
Você sabia que era meu herói ?!
Todos os dias que você passou comigo
Agora parecem tão distantes
E parece que você não se importa mais

E agora eu dou duro para ser bem sucedido
Eu só quero te deixar orgulhoso
Eu nunca vou ser bom o bastante para você
Eu não posso suportar outra briga
E nada está bem

Nada vai mudar as coisas que você disse
Nada vai fazer isto ficar bem de novo
Por favor, não vire as costas
Não consigo acreditar que é difícil
só falar com você
Mas você não entende

Simple Plan - Perfect

Saudades de meu pai


Falar sobre pai é falar de amor...

Sentir sua falta é algo inexplicável. Mas, tentarei expressar esta saudades, através dessas humildes palavras com muita dor.
Pai... Sinto falta de:

- Sua voz que me aconselhava com ternura;
- Do seu olhar sereno com doçura;
- De suas mãos me reerguerem quando eu caia;
- De seu abraço que me envolvia;


Pai, com sua proteção eu nada temia!

E seus conselhos eram para o meu bem... Pai eu estou tanta saudades!

Sem invejar, vejo as pessoas que tem pais, que muitas vezes os maltratam com gestos e palavras, não valorizando-os, então penso:

Pai daria tudo para poder novamente:

- Sua mão segurar;
- Seus miúdos olhos a me contemplar;
- Sua voz ouvir;

E ter uma nova chance de dizer: EU TE AMO!


E ser carinhosa, menos teimosa, ter tempo para conversar os seus assuntos preferidos.


Pai e Mãe... Não deveriam jamais morrer.


Pois, quanto mais se vive é pouco para dizer: Eu te amo PAI!


Quem tem seu pai vivo, não desperdice o tempo, fale sobre o seu amor por ele HOJE... Pois, AMANHÃ pode ser tarde demais...

Marta Green

ALMA NUA

Ó Pai,não deixes que façam de mim
o que da pedra tu fizestes
e que a fria luz da razão
não cale o azul da aura que me vestes.

Dá-me leveza nas mãos
Faze de mim um nobre domador
lançando acordes e versos
dispersos no tempo
pro templo do amor.

Que se tiver que ficar nu
hei de envolver-me em pura poesia
e dela farei minha casa, minha asa
loucura de cada dia.

Dá-me o silêncio da noite
pra ouvir o sapo namorando a lua

Dá-me o direito ao açoite
ao ócio, ao cio
a vadiagem pela rua.

Deixa-me perder a hora
pra ter tempo de encontrar a rima
ver o mundo de dentro pra fora
e a beleza que aflora de baixo pra cima.

Ó Meu Pai, dá-me o direto
de dizer coisa sem sentido
de não ter que ser perfeito
pretérito, sujeito, artigo definido.

De me apaixonar todo dia
de ser mais jovem que meu filho
e ir aprendendo com ele
a magia de nunca perder o brilho.

Virar os dados do destino
de me contradizer, de não ter meta
me reinventar, ser meu próprio Deus
Viver menino, morrer poeta.

Vander Lee

Meu herói.

“Sabe qual é a pior dor de um filho? Ver o pai sofrer.”

A única coisa que seus pais querem de você é que você amadureça, conheça a vida e não tenha medo. – Eles querem ver em você a responsabilidade que possa ousar e crescer na vida, a responsabilidade e a maturidade onde possa andar pelos caminhos sem desistir de viver. – Eles querem que você dê valor a cada tapa na cara que eles levaram na vida, para poderem lhe ensinar que a vida não é fácil e principalmente, para que você não leve os mesmos tapas.

Não lhe dói ver seu pai se decepcionar? Seja com você ou com os outros. – Não lhe dói ver aquela pessoa que pode ser a pior pessoa do mundo – mas que é seu pai – e seu herói – não lhe dói ver ele sofrer? Ah! Em mim parte o coração.

Meu pai – um herói, se eu lhe contasse a vida dele você também o admiraria. Eu não somente o admiro, eu me orgulho dele. E a minha vontade é colocá-lo em um potinho e protegê-lo de cada dor. É essa, realmente essa, a minha vontade em relação a meus pais. Manter-los eternos e protegidos.

Não lhe dói pensar que seu pai pode morrer decepcionado com você? Porque ele não viverá para sempre. – Ele só pede que você tenha amor à vida. Ele só quer que você não passe o que ele passou, nem passe coisas piores. Ele tem vontade de te colocar em um potinho e te proteger, lhe guardar eterno longe da dor e do sofrimento. Ele é seu pai.

Quando ele te vê triste, parte o coração dele. Quando você fica bravo com ele, parte o coração dele. Quando você faz as coisas sem pensar, parte o coração dele. Quando ele ouve suas palavras inoportunas, parte o coração dele. – E ele não precisava disso. Ele não lutou a vida inteira para receber isso de um filho.

Isso não lhe machuca? Saber que ele está decepcionado. Decepcionado com a vida e principalmente, decepcionado com você. – Ele só quer o seu bem. – Ele só quer garantir que você ficará bem quando ele não estiver aqui.

Não lhe dói saber que um dia você não o verá mais? E quando ele esteve aqui você não fez de tudo e nem o possível para vê-lo feliz? Não lhe dói saber que ele fez de tudo para te ver feliz e hoje ele não ter certeza que fez tudo certo? Ah! A mim dói. A mim machuca. Parte meu coração.

“Pai. Perdão por eu às vezes ser tão pequena. Perdão pela vida que lhe machuca, eu queria lhe protegê-lo, você é meu herói. Pai, eu não quero perder você, muito menos a minha mãe. Vocês me criaram e apesar de todos os problemas, lágrimas e dor, vocês me amaram. E mais, mais do que isso, me amaram do jeito de vocês. Além disso, me ensinaram a amar. – Pai, eu prometo não lhe decepcionar. – I will exceed expectations.”

Porque hoje chegaram dizendo a ele: “Seu filho estava bêbado ontem, acabado”. Como será que ele se sentiu? Ele talvez prefira não ver que seu menininho está desperdiçando a sua vida. – Porque um dia, quando você nasceu, você o fez a pessoa mais feliz do mundo e essa foi a única vez em que ele ficou feliz ao te ver chorar. - Ele não gosta de ouvir as mentiras que contam de você.

Você não chorou quando ele partiu e lhe disse com lágrimas escorrendo nos olhos: “Filho, eu queria ter lhe dado o mundo”. Oh! Eu chorei. – Porque nós sabemos o que é querer ganhar o mundo e ele sabia o que é querer dividir o mundo com alguém.

Não lhe dói saber que você tenta mas no fundo não faz grande coisa, não faz o que seu pai espera de você? Porque no fundo, você tem medo. – Doce amigo, a vida é uma aventura. Daqui nada se leva, então construa a sua própria vida e não viva a vida de seus pais. Meu doce amigo, você é maior do que pensa, por isso cresça – supere as expectativas. E mais, muito mais do que isso, supere seus heróis. – Eles irão se orgulhar de você.

Gabriella Beth Invitti

Se não aceito todos como meus irmãos,
Não posso dizer "PAI NOSSO".
Se digo "QUE ESTAIS NOS CÉUS",
Não posso amar tesouros na terra.
Se louvo dizendo "SANTIFICADO SEJA O VOSSO NOME",
A minha fé não pode ser por interesse.
Se peço 'VENHA A NÓS O VOSSO REINO",
Tenho de amá-lo sobre todas as coisas.
Se quero que "SEJA FEITA A VOSSA VONTADE",
Não posso satisfazer apenas os meus desejos.
Como dizer "O PÃO NOSSO DE CADA DIA NOS DAI HOJE",
Se não reparto o meu pão com os necessitados.
Como pedir "PERDOAI AS NOSSAS OFENSAS ASSIM COMO NÓS
PERDOAMOS A QUEM NOS TEM OFENDIDOS",
Se continuo ofendendo e não perdoando o meu próximo.
Como suplicar "E NÃO DEIXEIS CAIR EM TENTAÇÃO
MAS LIVRAI-NOS DO MAL",
Se nada faço para o mundo melhorar.
Como dizer "AMÉM",
Se meus lábios enganam meu coração.

JOSE AUGUSTO CAVALCANTE

Kurt Staden



Parece nome de nazista... e era.


Meu pai tinha um amigo, chamado Kurt Staden.


Um alemão de quase sessenta anos, que combatera na frente Russa, na segunda grande guerra.


Esse alemão, andava apoiado em duas bengalas, tinha o rosto todo deformado e um ar austéro.


São Paulo antigamente talvez fosse um pouco mais fria do que é hoje. Por várias vezes vi o Senhor Kurt, sempre de sobre-tudo.


Pouco falava da guerra, mas quando falava reunia à sua volta muitas pessoas.


Uma destas vezes parei e resolvi escutar um pouco o que dizia.


Falou que ficou mais de um ano em uma trincheira em Leningrado; que o frio era horrível e que a carnificina era indescritível.


Os russos atacavam com muitos homens, e os alemães entrincheirados, varriam os batalhões com metralhadoras ponto 50.


Os cadáveres ficavam lá.


O cheiro da morte era insuportável.


Quem não morria pelos petardos e balas, morriam de fome, pois era impossível manter logística de abastecimento de alimentos naquele inverno tão rigoroso.


Desta forma, começaram a comer animais, ratos e por fim, o canibalismo.


Comiam parte dos cadáveres para que pudessem sobreviver.


Os russos em maior número, em determinado momento, começaram a avançar; no rolo compressor chegaram até Berlim.


Tanto era o ódio, que no avanço russo, inúmeras alemãs foram estupradas e mortas.


O Senhor Kurt foi salvo pela Cruz Vermelha, semi morto.


Era apenas um soldado seguindo ordens.


Perdeu uma perna pelo frio intenso e outra quase totalmente destroçada por estilhaços de bomba.


O Senhor Kurt tinha um olhar triste e sempre fitava o infinito, como se estivesse procurando algo que tivesse desaparecido da sua vida.


O Senhor Kurt faleceu no final dos anos 60, aproximadamente há 25 anos após ao término da guerra, sozinho e longe da velha Alemanha.

Roberto dos Santos Vaz

Amar ao próximo como a si mesmo


Este, como todos vocês sabem, é um dos mandamentos do nosso Pai. Mas, algum de vocês já parou para pensar se praticam este mandamento com outras pessoas. Especialmente as que vocês dizem amar de verdade?
Como é esse amor ao próximo? É através de uma ajuda financeira numa hora de necessidade, de um encontro num bar para um bate papo, de um longo telefonema para abrandar as mágoas e dores do outro, através de um carinho ou um gesto de afeto?

O que vocês pensam que uma pessoa que passa por um período de tristeza ou dor profunda precisa? Só disso?

Sem dúvida todos estes atos e ações ajudam muito, mas não são suficientes, porque são temporários e passageiros...
Até porque, com o tempo, se tornam cansativos, repetitivos e esquecidos. Ou lembrados através de cobranças como: Mas você ainda está assim, triste, sem animação de viver? O que mais você precisa para melhorar? O que é que você pretende da sua vida? Viver infeliz? Você parece não querer ser feliz!

O natural, até pelas ocupações diárias de cada um, pela vida familiar de cada um, pelas atribuições do dia a dia, é que pensamos que fizemos o que podíamos. O que estava ao nosso alcance. O resto é com a pessoa!

Agora eu pergunto: Quem não deseja ser feliz? Viver plenamente?

Penso que o que falta a essas pessoas é o amor do outro como a ele próprio – amar ao próximo como a si mesmo! Sem dúvida é um ato de entrega, de dedicação, de dar sem esperar nada em troca... É estender a mão – através dos atos e ações acima citados, mas muito mais que isso! É manter as mãos dadas! É acolher, por no colo, ajudar no lugar de cobrar, dar no lugar de pedir. É ter paciência – muita paciência e, amparar muitas vezes de perto e outras, com o tempo, aos poucos, com um pouco mais de distância. Mas, acompanhar e amparar sempre!


Está certo que a felicidade está dentro de cada um, que a motivação é algo que vem de dentro para fora. Mas, o ambiente que nos cerca interfere e muito.

Luciana Horta

.Nínguém pode abrir mão do poder de escolha
.
Os seus parentes, o pai, a mãe, os filhos tem tudo a ver com você. As encrencas que vc tem em casa também estão certas. São pra vc praticar a paciência:

- Ah, mas eu pelejo para ajudar esse parente meu. Há anos que eu sofro e não consigo. É o filho que me dá problema....

Isso é para vc aprender a conviver com as pessoas sem se meter. Essa é uma das coisas mais dificeis. Se a gente gosta da pessoa, acha que ela é um pedaço nosso e que , por isso, tem o direito de dizer:

- Você não pode ser assim, pq vai sofrer muito. Você tem que mudar.

A gente não pode querer impor a nossa realidade para o outro, mesmo que seja com a perspectiva de salvar e de ajudar, pq o homem sempre age com boa intenção. Mas a gente não percebe que o outro tem o direito de ir pelo caminho que ele escolheu e que desse direito ele não vai abdicar.

Por isso, quanto mais vc é impositor, menos a pessoa o escuta, por mais que vc possa ter razão. A pessoa tem esse direito e vai exercer o direito de fazer o que ela quer, de seguir o caminho que ela quiser.

Quando o ser humano quer impor, quando ele quer negar ao outro esse poder, essa liberdade, esse direito, o outro também se nega a ouví-lo. Nega-se a seguir a sua orientação e nega o seu apoio, nem que isso lhe doa, pq ele nao pode perder o seu direito de escolha.
Você, que impõe, que briga, que fica doutrinando, que fala, fala e deixa os filhos com as orelhas quentes, saiba que isso só serve para vc exercitar o seu comando, que ainda está muito primitivo. As pessoas não funcionam quando os outros querem dominar a sua vontade, o seu direito natural, que é o de escolher e de fazer o que querem. Não adianta assustar, amedrontar os filhos:

- Eu ponho você na rua. Não dou mais dinheiro. Vou pôr você pra trabalhar.

Essas ameaças só fazem com que a revolta cresça. E que o espírito viva à base do medo, em vez de viver à base do entendimento, da compreensão, do porquê das coisas.

.Se ele não está entendendo, vc precisa criar uma situação para que possa sentir a experiência dele, para descobrir as verdades que vai ter que descobrir por si mesmo.

A gente quer salvar o outro, mas ninguém salva ninguém. Cada um tem que fazer o proprio salvamento, porque esse é o imperativo da vida. Se tiver jeito, a gente pode até ajudar bastante, mas se nao tiver, só atrapalha.

Eu vejo que, as vezes, a pessoa que está me pedindo ajuda é a causadora do proprio distúrbio. É ela que causa o distúrbio no filho. A mulher que se queixa do marido é a que causa o distúrbio no marido. Que coisa não??
Sempre que há um queixoso, significa que ele está compromissado com aquilo que é o objeto da sua queixa. Poque é ele mesmo quem provoca aquilo na vida dele.
Como a vida é não?? Não dá pra escapar, não.

Calunga

Pai Nosso

"Pai nosso..."
- Jesus. (Mateus, 6:9.)

A grandeza da prece dominical nunca será devidamente compreendida por nós que lhe recebemos as lições divinas.

Cada palavra, dentro dela, tem a fulguração de sublime luz.

De início, o Mestre Divino lança-lhe os fundamentos em Deus, ensinando que o Supremo Doador da Vida deve construir, para nós todos, o princípio e a finalidade de nossas tarefas.

É necessário começar e continuar em Deus, associando nossos impulsos ao plano divino, a fim de que nosso trabalho não se perca no movimento ruinoso ou inútil.

O Espírito Universal do Pai há de presidir-nos o mais humilde esforço, na ação de pensar e falar, ensinar e fazer.

Em seguida, com um simples pronome possessivo, o Mestre exalta a comunidade.

Depois de Deus, a Humanidade será o tema fundamental de nossas vidas.

Compreenderemos as necessidades e as aflições, os males e as lutas de todos os que nos cercam ou estaremos segregados no egoísmo primitivista.

Todos os triunfos e fracassos que iluminam e obscurecem a Terra pertencem-nos, de algum modo.

Os soluços de um hemisfério repercutem no outro.

A dor do vizinho é uma advertência para a nossa casa.

O erro de um irmão, examinado nos fundamentos, é igualmente nosso, porque somos componentes imperfeitos de uma sociedade menos perfeita, gerando causas perigosas e, por isso, tragédias e falhas dos outros afetam-nos por dentro.

Quando entendemos semelhante realidade, o "império do eu" passa a incorporar-se por célula bendita à vida santificante.

Sem amor a Deus e à Humanidade, não estamos suficientemente seguros na oração.

Pai nosso... - disse Jesus para começar.

Pai do Universo... Nosso Mundo...

Sem nos associarmos aos propósitos do Pai, na pequenina tarefa que nos foi permitido executar, nossa prece será, muitas vezes, simples repetição do "eu quero", invariavelmente cheio de desejos, mas quase sempre vazio de sensatez e de amor.

Xavier Francisco Cândido

Intimidade
Li em um banner promocional: Que momento, ao lado de seu pai, voce gostaria de ter gravado?

Hoje, cheio de saudade,
Sem ter momento nenhum pra recordar,
Sem ter imagem, sem ter sorriso,
Qualquer jeitinho bom de ele falar,
Eu so queria um minuto
Pertinho do pai querido
Que a saudade me levou,
Que o amor deixou comigo,
E de quem eu já nem sei
Me separar.

Luis Tavares

[Meu Pai Dizia]

Um dia foram pais carinhosos,
Hoje não são mais do que idosos.
Pelos aprendizes são mal tratados,
Vivendo uma vida de aposentados.

Em um dia foram mestres,
No outro foram fardos.
Membros de um grupo desgarrado,
Pais da evolução, filhos da perdição.

E o velho retirante se coloca a caminhar,
Na busca por um fio do passado a restaurar,
Passado em que sentiu orgulho de viver,
Viveu e assumiu paixões no entardecer,
Sem medo do escuro dominar sua clareza,
Usou toda a artimanha era o rei da esperteza,
Não detinha um centavo mais foi o mestre da nobreza.

Ouvimos os murmúrios, aprendemos os martírios,
Sentimos o perfume mergulhando sobre os lírios,
E no final da trilha te sobraram dois destinos,
Ou o asilo ou o exílio, mas eu prefiro o Sol Divino,

Um dia eu ouvi meu Pai dizer:
Só morre de verdade quem não viver,
Porque quem vive e faz por merecer,
Jamais verá o eterno anoitecer.

Um belo dia !
Meu Pai dizia...

Michel F.M.

Sorriso entre o pai e a filha
Abraços entre amigos e irmãos
Paisagens de união no verão
Do mundo e seus encontros profundos...
Do beijo molhado, do abraço suado
Do olhar de uma mãe para um filho...
Do vento no rosto.
Da formatura esperada e venerada
Da corrida...
Da chegada de uma vida para esta vida...
Das esquinas
Da neblina
E até da partida, que pensa que terá outro encontro...
na verdade era só despedida.
Os momentos correm como o vento
E o tempo escorre por entre o vão da porta...
Mas tem uma máquina, a máquina do tempo que para qualquer
doce
amargo
lento
forte momento...
Fotografa, retratando o retrato da vida de todos...
Deixando transparecer até sentimentos...
Assim é a fotografia, como a poesia...
Eterna, eterna...

Camila Senna

A brisa que vem do mar já não pode me alcançar
Só peço ao pai que me devolva o bem estar
Pois tenho fé em cristo que a luz me guiará
E assim quem sabe ao disfrutar desse luar
A lua que me fascina, hoje ela pode me mostrar
Que o ódio mata só o amor que pode nos salvar
Mantendo minha fé eu sei que um dia eu chego lá
E a brisa que vem do mar, e a brisa que vem do mar

Cone Crew Diretoria

minhas reverências ao grande pai da Economia Clássica ADAM SMITH, o qual escreveu obras tão fascinantes como "A riqueza das nações" em 1776, um visionário nato. um trecho do livro "Não é da benevolência do açougueiro, cervejeiro e do padeiro que espero meu jantar e sim de seus próprios interesses." Adam Smith afirmava que o desenvolvimento econômico é movido pelo interesse individual das pessoas.

Se não fosse os próprios interesses individuais das pessoas em ganhar dinheiro, será que estavam se esforçando para construir tecnologias cada vez mais avançadas para facilitar o trabalho humano? só para o bem estar da sociedade? gastar tempo e dinheiro em pesquisas sem ter a expectativa de obter lucros futuros? Não, não estariam se esforçando se não fosse capaz de ter lucros futuros com as invenções.

Ana Paula BarrosAdam Smith

Pai, Papai, Papi, Paizinho, Paizão.

Eu te amo de montão.

Porque é coisa de pai assistir futebol com os filhos, é coisa de pai ensinar a andar de bicicleta, a nadar, a guiar, a se defender verbalmente ou não. é coisa de pai não gostar de genro, achar que a filha vai ser pra sempre a sua menininha. é coisa de pai amar incondicionalmente e sempre te apoiar quando você esta certa ou errada. é coisa do meu pai ser o melhor pai do mundo, me amar do jeitinho que eu sou até porque eu sou do jeitinho que ele é. é coisa do meu pai esse amor que não cabe em mim, só porque eu o amo demais.

B.

Tainara Bullara

Conta a história de uma jovem que tinha um relacionamento difícil com o pai. Quase nunca conversavam, mas surgiu a oportunidade de viajarem juntos de carro e ela imaginou que seria um bom momento para se aproximarem. Durante o trajeto, o pai, que estava na direção, comentou sobre a sujeira e degradação de um córrego que acompanhava a estrada. A garota olhou para o córrego a seu lado e viu águas límpidas, um cenário de paraiso. E teve a certeza de que ela e o pai realmente não tinham a mesma visão da vida. Seguiram a viagem sem trocar mais palavras." Muitos anos depois, esta mulher fez a mesma viagem, pela mesma estrada, desta vez com uma amiga. Estando agora ao volante, ela surpreendeu-se: do lado esquerdo, o córrego era realmente feio e poluído, como seu pai havia descrito, ao contrário do belo córrego que ficava do lado direito da pista. E uma tristeza profunda se abateu sobre ela por não ter levado em consideração o então comentário de seu pai, que a esta altura já havia falecido.Parece uma parábola, mas acontece todo dia: a gente só tem olhos para o que mostra a nossa janela, nunca a janela do outro. O que a gente vê é o que vale, não importa que alguém bem perto esteja vendo algo diferente.A mesma estrada, para uns, é infinita, e para outros, curta. Para uns, o pedágio sai caro; para outros, não pesa no bolso. Boa parte dos brasileiros acredita que o país está melhorando, enquanto que a outra perdeu totalmente a esperança. Alguns celebram a tecnologia como um fator evolutivo da sociedade, outros lamentam que as relações humanas estejam tão frias. Uns enxergam nossa cultura estagnada, outros aplaudem a crescente diversidade. Cada um gruda o nariz na sua janela, na sua própria paisagem.Eu costumo dar uma espiada no ângulo de visão do vizinho. Me deixa menos enclausurada nos meus próprios pontos de vista, mas, em contrapartida, me tira a certeza de tudo. Dependendo de onde se esteja posicionado, a razão pode estar do nosso lado, mas a perderemos assim que trocarmos de lugar. Só possuindo uma visão de 360 graus para nos declararmos sábios. E a sabedoria recomenda que falemos menos, que batamos menos o martelo e que sejamos menos enfáticos, pois todos estão certos e todos estão errados em algum aspecto da análise. É o triunfo da dúvida.

Martha Medeiros

-Romeu..Ah Romeu...Por que és tu Romeu? Renega teu pai e recusa teu nome,mas se não for possível,jura que me ama e não serei mais um Capuleto.Só o teu nome é meu inimigo.Tu és o que és e não um Montague.O que é um Montague? Nem mão,nem pé,nem braço,nem face,nenhuma parte pertencente a um homem..Oh tenha outro nome..o que é um nome? A flor que se chama rosa se lhe dermos outro nome deixa de ter perfume? Por favor Romeu,seja meu Romeu e guarda para ti o teu nome que o título vale mais...Ah Romeu renuncia o teu nome e em vez dele que não faz parte de ti fica comigo[...]

William Shakespeare

Eu também gostaria de ter conhecido meu trisavô, gostaria que meu pai me acompanhasse mais um pouco, gostaria sobretudo que Matilde me sobrevivesse, e não o contrário. Não sei se existe um destino, se alguém o fia, enrola, corta. Nos dedos de alguma fiandeira, provavelmente a linha da vida de Matilde seria de fibra melhor que a minha, e mais extensa. Mas muitas vezes uma vida para no meio do caminho, não por ser a linha curta, e sim tortuosa. Depois que me deixou, nem posso imaginar quantas aflições Matilde teve em sua existência. Sei que a minha se alongou além do suportável, como linha que se esgarça. Sem Matilde, eu andava por aí chorando alto, talvez como aqueles escravos libertos de que se fala. Era como se a cada passo eu me rasgasse um pouco, por¬que minha pele tinha ficado presa naquela mulher.

Chico Buarque