Textos para Filha

Cerca de 178 textos para Filha

Não sei se viro menina, se viro senhora, se viro todas.
Se viro mãe, se viro filha ou só esposa.
Se viro santa, se viro neutra ou pecadora
Se terapeuta, se paciente, se viro doida
Quem sabe só vire a mesa, a vida do avesso... vire outras
Uma coisa é certa...cedo ou tarde, eu sempre me viro...toda!

Desconhecido

PARABÉNS PELO SEU ANIVERSÁRIO, FILHA
Não é só mais um ano que comemoramos
e sim a dádiva que Deus deu a nós , sua família e amigos que conquistou ao longo desses anos.
por isso estamos todos juntos pra te dizer obrigado por você existir,
e com sua existência aprender com sua alegria ou até mesmo sua tristeza, mais o importante é acordar todos os dias
e saber que você esta entre nós sempre .

A vida tem seus momentos difíceis
Mas tem suas compensações
Os amigos e a família
que estão sempre prontos
para nos auxiliar
As vezes com um carinho, com um abraço
ou com uma palavra de conforto..
Coisas que parecem insignificantes
Mas que tem uma importância tão grande
Faz a diferença entre tantas coisas nesta vida

Que a coragem esteja sempre contigo
Que a alegria impulsione os teus passos.
Que o sol brilhe sempre em tuas aspirações.
E se cair a gente levanta, e se pesar a gente descansa... pra tudo existe uma solução... basta se acalmar, refletir e executar..
Sem nunca perder a fé em Deus!
TE AMO FILHA!

Vasty Frazão

- Mãe , quanto custa seu sonho ?
- Hã ?
- Deixaria de acreditar nele por algum valor ?
-Não filha , sonhos não se vendem .
A falata de explicação da mãe deixa a menina confusa .
- Todos os sonhos mãe ?
- Sim .
- Porque ?
-Porque agente precisa acreditar em algo .
- Isso quer dizer que quanto mais agente acredita em um sonho mais chance de realiza-lo termos ?
- Exatamente .
- Mãe a senhora sonha muito ?
-Hã ?
- Nada não .
A mãe contiunua costurando . Enquanto isso Pollyana senta no chão da sala e abraça forte a boneca Lilica e diz : " Mais eu acredito Lilica . "
- Mãe !
- O que foi agora ?
- Tem alguma doença que faz com que esses nossos sonhos não se realizem ?
- Sim , não é bem uma doença , seria nossa falta de fé .
- E o que é fé ?
- Fé é acreditar naquilo que não se pode ver .
- Mas se não pode ver como acreditar ?
- Tem que ter fé .
Como é issso ?
- Ah Pollyana chega!
-È que eu tava pensando ....
- Pensando o que ?
- Acho que estou doente .
- Não entendi .
- Então posso continuar ...?
- Filha tenho mais o que fazer né .
Pollyana sai , e volta para a sala , e em um cantinho olha nos olhos da boneca e diz :
- Não liga não , um dia você vai falar , andar e respirar é de vagar viu ?
Abraça forte a boneca . - Porque eu acredito ! Minha mãe disse que agente tem que acrditar !

Stephanie Catarino

CONSELHO
De todas as virtudes,minha filha,
Decerto a mais sublime é a caridade.
Parte o teu pão, que o efeito da partilha,
Vale mais que o sabor da outra metade...

Inquieto eu vejo-no teus olhos brilha
Um grande anseio de felicidade...
Baixa esses olhos lindos, pensa e trilha
o caminho do amor e da humildade.

Sê meiga e pura como são as rosas
Do lodo esconde as tuas mãos mimosas,
Nao manchas nele,nunca as tuas mãos...

Que a aventura acharás , se, sem deslizes
Sofreres pela dor dos infelizes,
Como se fossem eles teus irmãos.

João Batista de Oliveira - MG

Curiosa, minha filha Júlia de três anos, perguntou-me com ares de segredo: "Pai; o que é uma surra?". Gaguejei. Baixei a voz e quis saber onde ouvira a palavra. Ouvira de um coleguinha na escola em que a mãe trabalha, que dissera ter levado uma. Pelo tom da voz, a Júlia sabia que não era boa coisa, e certamente o coleguinha surrado não fez boa expressão, ao dar a notícia.
Não tive coragem de dizer. Talvez devesse, não sei o que diriam os "educocratas", mas não tive. Convergi nossa conversa para coisas mais produtivas. É claro que ela saberá logo o que é uma surra, não graças a mim, mas acho que posso adiar um pouco. E na verdade, fico feliz por ter uma filha que vive num mundo (o de nossa casa) que ainda não registrou a palavra em seu glossário.

Demétrio Sena - Magé-RJ.

Por muitas vezes me senti sem lugar na família

Filha do meio, de um lado a primogênita, o cérebro da família e claramente a preferida da mamãe e do outro o caçulinha homem, a cara do pai. Eu queria meu lugar ao sol, mesmo sendo dramática e mais sofredora que a Maria da novela mexicana
Faltava perfeição, nobreza, coragem e visão, faltava autoestima e maturidade nossa de cada dia para ver que nada mais era do que competição e comparação. O fato de o meu irmão precisar de uma chuteira daquele valor naquela época não implicaria um presente no mesmo valor de algo que eu não estava precisando no momento, mas era a vítima, a adotada, a coitada, caso isso não acontecesse.
Passava a semana toda rabugenta e afastada, apesar da infância superfeliz na bola da Suframa, no jambeiro da casa de minha vó, me recusava a falar sobre o que estava perturbando e evitava todas as alternativas de aproximação com a minha mãe, era próxima não tão próxima.
Cresci achando que deveria ser recompensada por dedicação, faz parte do processo esperar retorno de algo positivo e me distanciava a cada negativa sofrida.
Para imenso alívio da família amadureci rapidinho ao decidir morar sozinha, andando com as próprias pernas apareceu um clarão nos meus olhos do quanto era injusto com a minha família quase perfeita e o mau humor foi embora e a síndrome de coitada também. Hoje agradeço pelos nãos que recebi, pela desigualdade na criação, sim não somos iguais, para alguns filhos é preciso firmeza para botar para estudar, já para outros nem precisa mandar estudar, agradeço pelas frustrações, pelas tristezas e pelo meu drama, isso me fortaleceu um bocado.

Arcise Câmara

Minha filha querida!
Kathleen, falar sobre você é fácil, difícil é encontrar palavras para descrevê-la no papel, mais vou tentar.
A cada segundo, cada minuto, cada hora e dia que passa eu fico mais feliz e orgulhosa por ver você crescendo assim tão bonita, inteligente e saudável.
Você é doce, amiga, mãe, sim às vezes é a minha mãe, sabia?
Companheira de todas as horas, sempre está do meu lado, me apoiando e me dando forças. Fico pensando como seria chata a minha vida se não fosse você.
Kathleen, quando você nasceu fiquei pensando como vou ser capaz de cuidar de uma menina tão pequena e frágil, não sabia que aquela garotinha pequenina e frágil um dia iria se tornar uma pessoa tão forte e capaz de superar obstáculos que a vida oferece.
Se Papai do céu deixasse eu seguiria à sua frente retirando do seu caminho as dificuldades e deixaria apenas flores.
Você é a minha LUA, linda e brilhante que ilumina meus dias, me tirando da escuridão, tão pequena e ao mesmo tempo tão grande. Deus foi muito generoso comigo, quando me deu filhas maravilhosas ou como já dizia a sua avó M.N.M.
Sei que, às vezes, brigamos, falamos e dizemos coisas que nos arrependemos, mas sei que no fundo só queremos o bem uma da outra.
Nunca esqueça que você é a razão do meu viver, meu amor, meu orgulho, minha fortaleza e a minha felicidade.
Que Deus lhe abençoe sempre.
Você minha filha querida.
Te amo muito!!!

Hildenice Ribeiro da Silva

- Mãe, tô namorando.
- Hum, com quem filha?
- Aquele menino, filho da maria.
- Oh meu deus, diga que é mentira, o filho da maria?, não quero, não da certo, pode terminar isso hoje mesmo, vou falar com seu pai.
- Mas porque eu não posso?
- A família dele é pobre, ele não tem nada, como você vai ser feliz, você não quis o filho dos andrade, menino de boa família, rico, te daria uma vida boa, ótimos presentes, fique com ele.
- Mas não é ele que eu amo, que me faz feliz, que arranca meus melhores beijos e sorrisos, e me faz um bem enorme.
- Não importa, você tem que pensar no seu futuro, já pro quarto, de castigo, vou falar com seu pai.

Fiz um pequeno resumo da realidade o que vivemos. Está voltando a época em que os pais tentavam escolher com quem suas filhas e filhos iriam namorar e casar, de acordo com quem era a família do rapaz e quanto de riqueza ele tinha, não importando se a filha estava de acordo ou feliz. Mas até mesmo naquele tempo isso não dava certo, imagine agora. Não eduque seu filho para ser rico, eduque-o para ser feliz. Assim, ele saberá o valor das coisas e não o seu preço.

Jarbas Santos

A Ressurreição da Filha de Jairo e a Cura Uma Mulher Enferma – Mateus 9.18-26

“18 Enquanto ainda lhes dizia essas coisas, eis que chegou um chefe da sinagoga e o adorou, dizendo: Minha filha acaba de falecer; mas vem, impõe-lhe a tua mão, e ela viverá.
19 Levantou-se, pois, Jesus, e o foi seguindo, ele e os seus discípulos.
20 E eis que certa mulher, que havia doze anos padecia de uma hemorragia, chegou por detrás dele e tocou-lhe a orla do manto;
21 porque dizia consigo: Se eu tão-somente tocar-lhe o manto, ficarei sã.
22 Mas Jesus, voltando-se e vendo-a, disse: Tem ânimo, filha, a tua fé te salvou. E desde aquela hora a mulher ficou sã.
23 Quando Jesus chegou à casa daquele chefe, e viu os tocadores de flauta e a multidão em alvoroço,
24 disse; retirai-vos; porque a menina não está morta, mas dorme. E riam-se dele.
25 Tendo-se feito sair o povo, entrou Jesus, tomou a menina pela mão, e ela se levantou.
26 E espalhou-se a notícia disso por toda aquela terra.” (Mateus 9.18-26)

Nos textos paralelos de Marcos e Lucas (Mc 5.21-26; Lc 8.40-52) nos é informado que o nome deste chefe da sinagoga era Jairo. A história da ressurreição da sua filha está entrelaçada com a da cura da mulher que sofria de hemorragia, porque esta cura foi efetuada pelo Senhor quando se encontrava a caminho da casa de Jairo.
É interessante observar que o evangelho de Marcos registra que a menina que foi ressuscitada tinha doze anos de idade, e a mulher que foi curada tinha hemorragia há doze anos.
Jesus estava diante de dois casos impossíveis de serem resolvidos pelos homens, o primeiro (cura da hemorragia) do qual os médicos da época não estavam conseguindo curar há doze anos; e o segundo, que será impossível aos médicos de qualquer época, a saber: ressuscitar alguém que tenha morrido.
Seria de se esperar que a mulher tivesse confiança para tocar em Jesus para ser curada, porque até então, ele havia realizado inumeráveis milagres de cura; mas como não havia ainda ressuscitado nenhum morto, foi grande a fé que o chefe da sinagoga, Jairo, teve nEle para que ressuscitasse sua filha dentre os mortos.
A cura da hemorragia daquela mulher ajudaria a fortalecer a fé de Jairo, porque de tudo o que podemos ver nos relatos paralelos de Marcos e Lucas, tão logo Jesus terminou de encorajar a mulher que fora curada, dizendo-lhe que a sua fé nEle lhe havia salvado, chegaram pessoas da casa de Jairo dizendo-lhe que não incomodasse mais ao Senhor, porque a sua filha tinha realmente morrido.
Percebendo que estas palavras haviam produzido um golpe em Jairo, nosso Senhor lhe encorajou dizendo que não temesse e continuasse crendo.
Assim se dá conosco, sempre que recorremos a Jesus em busca de auxílio, porque se Satanás e os demônios não se anteciparem tentando nos dissuadir de importunar o Senhor, fazendo-o com sugestões dirigidas diretamente às nossas mentes, para que duvidemos e enfraqueçamos na fé, eles o farão através da agência de pessoas, ainda que sejam as da nossa própria casa.
Quão importante é pois, ficar firme na nossa fé no Senhor, e não dar ouvido a qualquer ação contrária à fé que nos venha com o intuito de colocá-la à prova.
Sabendo que a provação da fé de Jairo ainda prosseguiria em sua casa, o Senhor não permitiu que entrassem no quarto onde a menina se encontrava, senão somente seus pais, e Pedro, Tiago e João.
Os escarnecedores e incrédulos que haviam rido, quando Jesus disse que a menina não estava morta, mas apenas dormia, tiveram que ficar do lado de fora, porque não lhes seria dada a honra de verem a menina sendo ressuscitada e levantada pelo poder de Deus.
Foi apenas com a palavra de ordem que Jesus pronunciou em aramaico “Talita cumi”, que significa ”menina levanta-te” que Ele a ressuscitou, enquanto a firmava pela mão.
Aqueles que estavam alvoroçados e os tocadores de flauta, que entoavam cânticos de lamento, porque não tinham nenhuma esperança e em ninguém em quem confiar na hora da morte, tiveram que silenciar diante do milagre que o Senhor realizou.
Sosseguemos portanto, os nossos corações, mesmo na hora da morte daqueles que conhecem ao Senhor, daqueles que têm fé no Seu nome, porque têm dEle a promessa da ressurreição futura, conforme o poder que demonstrou em Seu ministério terreno, ressuscitando não somente esta menina, como também a outros, para que saibamos que Ele mesmo é a ressurreição e a vida.
Por isso, vê a morte diferentemente de nós, como um sono profundo e longo, porque somente Ele tem a autoridade para nos despertar deste tipo de sono.
Os incrédulos que estavam na casa de Jairo não puderam ver como a menina foi ressuscitada, mas tiveram que se calar diante da evidência de que havia sido trazida de novo à vida, e assim, esta notícia foi espalhada por toda aquela terra, dando ocasião para que muitos viessem a crer futuramente no Senhor.

Silvio Dutra

O Tomate e as Relações Humanas

Outro dia, minha secretária estava fazendo o prato de minha filha, para almoçar, e na montagem, vi que ela não havia colocado nenhuma verdura. Questionada, ela disse que minha filha não gostava de tomate no feijão, por isso ela estava tirando um a um. Reclamei, e dei a orientação de que sempre ponha verdura no prato dela. Ela pode não comer, mas saberá sempre que tomate e outras tantas frutas, verduras e legumes, dão sabor à comida. Acho que o problema de muitas pessoas é que só enxergam o que querem ou do que gostam, isso porque alguém ficou escondendo o tomate ou a cebola. Com o tempo, passamos a ter dificuldade de aceitar o que nos desagrada. No trabalho, por exemplo, temos que lidar com pessoas amáveis e outras intragáveis. A vida é assim. Tenho amigos que detestam mas tigar a cebola, e dizem odiar cebola. Tantos pratos levam cebola; logo, o saber está lá, apenas a textura foi alterada. Portanto, para aqueles que preferem sempre as mesmas coisas e os mesmos gostos e os mesmos lugares, sugiro que aceite um pouco a ideia de sair da rotina (zona de conforto) e busque provar novos sabores. Expor as diferenças é a mais simples forma de aceitá-las. Desafio alguém a cozinhar sem verduras e legumes, pois dão um sabor e aroma incríveis aos pratos. Acho que as pessoas são assim: cada uma a seu modo acrescenta de alguma maneira no sabor e aroma da vida do outro. Ser só é possível em relação ao outro.

Vlader Nobre

Morena, 25 anos, filha de um burguês que vivia viajando pelas praias do litoral, bebia sozinha em um restaurante francês no meio da cidade, perto do bar do Chico, onde o pai costumava ir tomar alguns drinks de vez em quando.
Ele havia acabado de sair da academia, um pouco mais novo, mas se achava bastante experiente na arte da vida e em seguir sua lenda pessoal, havia marcado um Happy Hour com os amigos, todos desmarcaram, um teve um problema em casa, outro apenas não respondeu, decidiu ir sozinho, precisava comemorar a nova conquista de trabalho.
O lugar era pouco iluminado parecia um cenário de filme, mas sem os atores, tinha algumas mesas e um garçom que chamava Antonio e trabalhava ali desde os 17 anos.

Ela pensava de novo em amor, na casa, nos dois filhos que queria ter.
Ele só conseguia pensar no trabalho e se perguntou o que uma mulher daquelas estaria fazendo ali.

Ela se perguntava a mesma coisa e daí algo aconteceu...

Marco Lafico

Filha(o)... eu sei que está doendo , eu sei que está difícil , mas não desista pois tua vitória vai chegar , eu agora estou quebrando todos os laços de Satanás na tua vida ele quer te derrotar mas não vai conseguir , pois tu és Minha e quem é meu ninguém toca, aguente mais um pouco pois tua vitória está próxima, nunca deixe de ler minhas palavras, continue louvando a mim , continue orando , seja sempre sincera pois isso me agrada fale sempre a verdade , nunca mentira , nunca esqueça meus mandamentos, as provas pode ser grande , mas lembre-se eu sou MAIOR e Eu te amo muito.

Com amor teu PAI (DEUS )*--*

Mirelly Pereira

FILHA
Rick e Renner
Composição: Rick Hoje eu parei pra escrever Alguma coisa assim sobre você E simplesmente me deixei levar Pela emoção de poder lhe falar No dia em que você nasceu Vinda do amor de sua mãe e eu Um lindo presente que o Senhor nos
deu A realidade de um sonho meu E quando você chorou Deus me ensinou uma nova canção Seus olhos de um anjo pequeno Iam se fazendo minha religião Coisas que de mim não saem A primeira vez que me chamou de pai Vou lhe confessar agora minha filha Com você eu aprendi que um homem
tem que ter família 15 anos faz agora É de alegria que meus olhos choram Meu pequeno anjo que agora fascina Para mim vai ser sempre minha
menina Filha onde você vai Pode não sobrar um lugar pro seu pai Mas tenha certeza que eu vou sempre
estar Perto de você onde quer que vá Não é que eu vá te vigiar Não é que eu queira ser seu dono Isso é só um cuidado de pai Filha eu te amo. E quando você chorou Deus me ensinou uma nova canção Seus olhos de um anjo pequeno Iam se fazendo minha religião Coisas que de mim não saem A primeira vez que me chamou de pai Vou lhe confessar agora minha filha Com você eu aprendi que um homem
tem que ter família

Rick e Renner

Filha querida!

Aproveite o dia de hoje que ele é todo seu! Saiba que mesmo crescendo tão rápido, continuará para sempre nossa filhinha querida, nossa princesinha. Que você continue sua jornada sempre com um sorriso no rosto, mostrando sempre o seu melhor em tudo que fizer.

Que viva todas as fases da sua vida como deve ser, pois tudo tem sua hora e ela chega sempre no tempo certo.

Você nos enche de orgulho, filha linda! Te amamos!

Papai e Mamãe

Dri

A IGNORÂNCIA É MÃE DA ADMIRAÇÃO E AVÓ DA CIÊNCIA...

"A admiração é filha da ignorância, porque ninguém se admira senão das coisas que ignora, principalmente se são grandes; e mãe da ciência, porque admirados os homens das coisas que ignoram, inquirem e investigam as causas delas até as alcançar, e isto é o que se chama ciência".

António Vieira

FILHA MINHA

Filha minha, eu te espero
Vem para meus braços, vem me abraçar
Preciso te ter aqui
Preciso olhar teus olhos
E dizer pra ti, te amo
És minha querida, és a minha filha

Como eu te quero
Como eu te adoro

Filha vem, para meus braços me abraçar
Para o meu colo se deitar
Pois eu quero acalmar
Suas ansiedades, e também suas tristezas
Traga o teu coração que eu o curarei.

Adriana Paulino

Adriana Paulino

" Pai,contando a história da Chapeuzinho pra filha na primeira noite: "Era uma vez...Num lugar Muito distante a chapeuzinho vermelho levantou muito cedo...

"contando a história pela quarta noite: "Eraumaveznumlugarmutiodestanteachapéuzinhovermelhoselevantoumuitocedo... fim!!!

Camila Mallioco

Minha filha tem 19 anos e eu tenho 49, portanto sou 30 anos mais velho que ela e tenho duas vezes a idade dela mais 11 anos.

Daqui a um ano ela terá 20 anos e eu 50 e continuarei tendo o duas vezes mais a idade dela mais 10 anos.

Daqui 11 anos eu terei 60 anos e ela 30 anos e terei apenas o dobro da idade dela.

Estaria eu parando no tempo ou ela avançando?

Janicelio

Sou filha de DEUS,
Eu ando de mãos dadas com DEUS.
DEUS É MINHA FORÇA E MEU ESCUDO.
Eu ando apostando nos caminhos mais bonitos,
nos abraços mais sinceros, e nos amigos mais irmãos...
Passei a colecionar só o que me faz melhor...
e subtrair o que em mim, não acrescenta nada...
Sou filha de DEUS, tenho FÉ, e é com ela que eu vou
até.........lá!

...

sonia solange da silveira ssolsevilha poetisa do cerrado

MÃE DE TODAS AS HORAS

A mãe amiga
A mãe irmã
A mãe que é filha
E a mãe que é pai...

A rosa mais perfumada
A árvore mais floreada
A mais doce bala de hortelã
Aquela que deixa o seu gosto
E que nunca mais vai embora...

Mãe
É o bolo mais enfeitado
É o sorriso mais aberto
É guarda que está sempre por perto
É o amor que se resume no corpo da mulher
E todos os outros sentimentos...
Que se resumem em uma só palavra...

Mãe de todas as horas!

Na tristeza ou na alegria
Quando há noite
Quando há dia
É carinho que ultrapassa a mais impenetrável barreira
A morte, traiçoeira
Que insiste em chegar

Mãe
É poesia que não tem fim
É coração que nunca para de bater
E eu, filho que nunca cansa de saber
Que és a mãe das mães
A que Deus escolheu pra mim!

A escultura de um anjo
Que os céus mandaram pra baixo
Pra que existisse alegria
Pra que existisse o que todos merecem
O amor infinito
E inesgotável de uma mãe!

Leonardo Gazzoni