Textos Motivacionais Trabalho

Cerca de 504 textos Motivacionais Trabalho

Sobre São Thomé das Letras e o Amor - Sabe, as pessoas se vendem no trabalho. Aqui não, se vive como se deve, plantando, colhendo, tomando banho de cachoeira, fazendo arte de forma geral, cada um na sua, feliz do seu jeito, livre acima de tudo, amando tudo e a todos, mesmo sendo todos diferentes, respeitando a natureza, cuidando dos animais, e os animais cuidando dos homens. Se triste na cachoeira passa, tudo é levado embora com suas águas geladas, nunca paradas como um fluxo divino. Se feliz, a cachoeira potencializa, dando felicidade em dobro, triplo... Aqui existe o amor e o amar acima de tudo, aqui existe o respeito no simples bom dia, boa tarde e boa noite. Aqui se dorme cedo e acorda antes do galo cantar, aqui a natureza encanta com suas cores vibrantes, pulsando em tons de azul, amarelo, laranja e vermelho. Aqui existe a conversa simples, o cafezinho, o pão de queijo de cinquenta centavos, com um cigarro de palha descompromissado no cinzeiro, existe o por e o nascer do sol, dando um espetáculo diariamente em tons laranjas. E quando a noite chega, um dos céus mais bonitos do mundo e uma lua cheia vem te abençoar e se pode avistar uma estrela cadente e com ela um pedido: “nunca mais ir embora”, uma lágrima escorre do meu rosto, uma lágrima pelas coisas vivas e verdadeiras, que aqui foi um dos poucos lugares que eu encontrei... É ganhar um presente singelo e sincero, sentir a pessoa naquilo com você e ela ser tão boa que assusta, e ela amar tanto que a torna um anjo. É chorar quando se está indo embora é sentir falta do carinho, de um beijo, de um toque, é amor e é tudo de bom. É ser normal enquanto o mundo doido. Cidade do natural, da paz, amor e Rock N’ Roll. São Thomé das Letras, você é um pedaço do que eu imagino ser o paraíso."

- por Rafael Churai.

Fernanda Villagrán

SOMOS NECESSÁRIOS

Todos nós somos necessários,
somos verdadeiros responsáveis,
por cumprirmos com os nossos
deveres.
Somos necessários...
no amor, família, no trabalho
e em todos os lugares,
que nos dizem respeito.
Somos necessários...
no mundo, para cumprirmos
com a nossa parte.
Zelar de toda a natureza
e dos nossos semelhantes,
com o devido respeito
e consideração...
somos necessários
para praticar ao que é bom...

Autor: Antonio Cícero da Silva(Águia)

Antonio Cícero da Silva(Águia)

Depoimento de um empresário com 43 anos

Algumas pessoas pensam que eu nasci professor, empresário e com o grau de instrução que tenho atualmente.
Bom seria, se fosse assim.
Eu, desde os 6 anos ajudei meu pai e minha mãe na mercearia simples que tínhamos.
Meu pai e mãe, sempre me ensinaram que com honestidade e humildade eu conquistaria o mundo e com este incentivo e força de vontade que sempre me empenhei nos estudos, trabalhei, lavei banheiros, limpei ruas no quartel, sempre me coloquei a disposição para fazer o que fosse preciso em prol da empresa que eu trabalhava.
Isso me possibilitou ganhar credibilidade e consequentemente promoções por onde passei.
Nunca parei de estudar, brincar e tratar as pessoas como eu gostaria de ser tratado.
Conquistei amigos, inimigos, colegas e pessoas que se aproximam apenas para querer tirar algum proveito da minha atual situação ou de meus conhecimentos.
Durante as aulas que ministrei, sempre fiz questão de passar estes ensinamentos para meus alunos, não querendo servir de exemplo para eles, mas apenas para que eles possam perceber que nada cai do céu, mas que com trabalho, humildade, sem vaidade e outros quesitos pessoais tudo se transforma.
O sol nasceu para todos e quem persevera e trabalha muito sempre será abençoado com um imenso "calorão".
Sucesso para você.

Marcelo Rocha

FELIZ DIA DO TRABALHO
( Profª Lourdes Duarte)

Qualquer que seja o seu trabalho
Todos são dignos e merecem respeito e admiração
Amor, paciência, ética, habilidade e competência
São palavras chaves para o sucesso e perfeição

Faça tudo com atenção, dedicação e amor
E tudo dará certo, pode acreditar
Confie em você e se faça confiar

Quando o trabalho é bem sucedido
Todos irão ganhar
Tanto você como o patrão
O sucesso irá comemorar

Feliz dia do trabalho para vocês
Queridos trabalhadores!

Prof Lourdes Duarte

Ao que trabalha,
Um dia não basta.
O dia passa, sem que veja,
pois, quando acorda os braços,
já estão dormindo, os olhos.
Eles não se cansam de morrer
todo dia.
Não importa se está quente,
ou frio,
Não importa se está doente,
febril.
Faça chuva ou faça sol,
você tem que estar lá,
às 4, 5, 6, 7...
da manhã, que seja !
A gente morre a cada dia,
do mesmo jeito.
Contudo, os preguiçosos
ah... os preguiçosos,
Não tem pressa...
Nada a declarar,
quanto aos preguiçosos,
afinal, a vida é um Fred !

mateus meireles

A maior virtude de um ser humano é ter a capacidade de trabalhar (para enriquecer seus patrões e seus governantes)

O Pior defeito do ser humano é ter tempo para o ócio (considerado preguiça, má vontade, folga. Tempo livre que proporciona ao indivíduo a oportunidade de crescer intelectualmente, de fazer leituras proveitosas e aprofundar seu autoconhecimento.

Fabiana Rodrigues Dias

Maria de João

Alberto Duarte Bezerra

Acorda, vamos Maria,
Você tem que levantar,
São quatro horas, é quase dia,
E você tem que trabalhar.

Acende e bota água no fogo,
E faz o litro de café,
Não esquece de acordar o João,
Que é pra ele ir trabalhar.

Chama também os meninos,
E manda pra escola estudar,
Depois prepara o de comer,
Pra todo mundo almoçar.

Desmancha aquele teu vestido velho,
E faz uma roupa pro Edgar,
Não esquece de amamentar o Tonho,
Que é pra ele não chorar.

Vai lavar roupa e buscar água no rio,
Leva também os meninos pra se banhar,
Quando voltar dá um jeito na casa,
Pra quando o João chegar.

Agora já é noite, deita Maria,
Deita pro João te amar.
Já é tarde, dorme Maria,
Dorme pra acordar.

Alberto Duarte Bezerra

Estamos chegando ao fim de mais um período de translação do planeta terra, portanto façamos uma retrospectiva:

*Nesse ano você assistiu centenas de aulas
*Trabalhou finais de semana inteiros
*Preparou dezenas de relatórios
*Respondeu a provas, testes e exercícios
*Estudou para vestibulares e concursos

Sim, certamente este ano valeu a pena, você deu literalmente cada gota de suor pela construção do seu futuro.
Tudo regado a muito stress...
E como recompensa ao seu esforço, durante todo esse período a natureza te presenteou...

Em cada manhã o sol te preparou um espetáculo, desejando-lhe boas vindas a um novo hoje e ao se despedir outro show, para comemorar mais um dia da tua existência.
Ao se retirar deu lugar para as estrelas, pequenos pontos de luz bordados no veludo negro do infinito.
Juntamente com a Lua, poetiza iluminada pelo sol que nos brinda com suas diversas fases, dança uma musica diferente em cada uma, nos incentivando a mudar sempre que for preciso.
Sem contar com a sinfonia dos pássaros, o desabrochar das flores, os banhos de chuva, o frescor dos ventos...
Mas durante esses 365 espetáculos anuais e suas inúmeras cenas...

Quantas vezes você parou para contemplar o nascer do Sol?
Admirou a Lua Cheia ou a Minguante?
Respirou o aroma das rosas?
Assistiu o espetáculo do adormecer do sol?
Dos banhos que você tomou, quantos deles vieram diretamente do céu, ou lavaram a sua alma?
Talvez tenha estado ocupado demais comprando perfumes, enquanto as flores desabrochavam. Ouvindo CDs enquanto os pássaros cantavam. Ou assistindo ao cinema, enquanto a lua contava a todos uma linda história de amor e era aplaudida por uma pequena plateia de loucos, aqueles portadores da busca pela felicidade.
Ou talvez você tenha a certeza do amanhã, e por isso economiza o hoje para vivê-lo depois, sem se dar conta de que o agora acabou de passar, e o futuro talvez nem chegue.

Voltando a retrospectiva inicial, quantos dias desse ano você realmente Viveu?


...Já dizia Oscar Wilde :
“Viver é a coisa mais rara do mundo, a maioria das pessoas...apenas existe”

Raysa Lima

GOVERNE COM DELICADEZA

Não precisamos de diagnósticos, mas sim de diálogos.Todo mundo tem uma filosofia de vida pessoal, tendemos a formá-la na medida em que vivemos e adquirimos cumulativamente as experiências.
As pessoas vêm cada vez mais passando por dificuldades que as deixam “imobilizadas”, ou pelo menos acham que estão em tal estado. Lançar-se sobre os fatos passados das suas vidas procurando causas de suas dificuldades atual é mais problemático, visto que pode haver conexões que não conseguem ver. Alguns acontecimentos podem ser esquecidos e detalhes irrelevantes são relembrados.
Primeiro devemos nos recordar que não somos donos da verdade e que cada pessoa, por mais que se pareçam, possui uma experiência de vida única o que não nos permite julgar o que outro deve fazer ou deixar de fazer.
Não busque diagnósticos, poupe problemas usando a experiência e a razão para escolher o melhor caminho a se seguir, arquive o que aprendeu e use.
Busque dialogar. Nós nascemos livres, todavia somos todos dependentes um do outro o que nos torna acorrentados. Somos interligados. Vivemos num meio social que temos que nos adequar ao tal. Nosso primeiro contato é com a célula social, a família.
Se governe, viver em sociedade não se trata apenas de ser gentil para que ninguém queira apunhalá-lo pelas costas. No caminho superior, as suas costas simplesmente não estão acessíveis, porque você já tem bem fundamentada sua filosofia de vida.

RaqueelRosa

Todas as noites antes de dormir agradeço a Deus por mais um dia de vida,
A cada dia de vida agradeço por mais um dia com alimento,
A cada alimento agradeço pelo meu trabalho que o o obtêm,
A cada tarefa realizada agradeço pela minha saúde para faze-la,
A cada suspiro saudável agradeço por mais um dia de vitória!

Roberto Godoy

Unira-nos em conjuntura, e não apartara, o apartamento
Espaço à parte, outro mundo de todo o Mundo, parte tímida,
envergonhada, diante da alegria, celebrara com contentamento
a lembrança que perdura, porém, o momento que finda.

No auge de candura, antes da ausência, sofrera na partida
E com os trépidos balouços, soluçara a tristeza como lamento
Arfara como quem chora, em um dia, dores de toda uma vida
Acreditara mesmo ser o derradeiro, tamanho era o tormento

Embora comprimido pela abstinência da amizade
Nada passara pela mente e coração, só saudade
Sozinho, mesmo acompanhado, cemitério na cabeça

Apreciara tumbas inertes e folhas dançantes, sem pressa
Passado algum tempo, fora-se o vendaval, sem alarde
Sentou a neblina, desvanecera o cemitério, perdera a tarde

Maludico

A dor no corpo passou
A vela apagou.
A mente se encontra a vagar
Sou pega a chorar.

Não vivo mais do passado
Sou sacrificado.
São muitas as preocupações
Sensações.

Cansada de tanto pensar,
Caminhar.
Sou pega em desilusões
Tradições.

Trabalho na mente cansada
Não sei de mais nada.
Calor que umedece meu corpo
Estou morto.

Angela Natel

Ser gente

Me aproximo do animalesco nesta vida
Prá tentar me humanizar.
Sou tentada a largar a minha lida
No intento de um muro derrubar.

Perdão, segurança, liberdade.
Utopia de uma vida surreal.
Aprendendo com o que sofre de vaidade
Me rasgo inteira neste mundo desigual.

Pelo tempo que me gasto trabalhando
Sou questionada e tratada sem valor
Quando aviso que ao sair estou ajudando
Não entendem minha prova de amor.

Quando o erro vem do outro não se julga
A intenção é o que prova seu valor
Quando o erro vem de mim, se põe a culpa
Não importa que me cause tanta dor.

O que não percebo ao meu redor
É a humanização que se defende
Produtividade vem de meu suor
Mas o caminho que eu faço não se entende.

Sinalizo o que preciso prá viver
E tento equilibrar a situação
Que seja eu se alguém vir a perder
Nome, posse ou titulação.

Por isso agora tenho buscado chegar mais perto
Do que privado foi de liberdade, de uma vida decente.
Prá que, de algum jeito, fique mais claro o certo
Prá que de uma vez por todas eu vire gente.

Angela Natel

Deixamos às vezes coisas que não deviam importar tanto tomarem conta das nossas vidas. Se o trabalho ou qualquer outra coisa chegar num ponto que faça mal, devemos procurar nele algo que nos faça reativar o interesse, ou então, trocá-lo de vez. Ou pelo menos procurar passar mais tempo com as pessoas que amamos e para fazer as coisas que gostamos de fazer. Não devemos esquecer disso nunca.

Seja o escritor da sua vida. Não deixe que o escrevam por você. Pode-se perder histórias fantásticas para contar.

Eric Ventura

Em todos os presídios deve haver trabalho para os presos. Trabalhando eles terão o seu sustento com dignidade.
Criminosos não devem se tornar um peso para a sociedade.
A sociedade honesta e legal não pode ser penalizada pelos crimes cometidos pelos cidadãos desleais, traidores, enganadores, ladrões, assassinos, imorais, e facínoras. Não é justo que paguem pelo sustento daqueles que lhes agrediram ou mataram.
Quem não trabalhar, morrerá de fome.
Quem não pagar os danos causados, morrerá tentando.
Quem não mudar, morrerá preso.

Elcio Souza Geremias

O QUE DETERMINA MEU VALOR ?

Apesar de ouvir o tempo inteiro que “ Isso é normal” , me causa estranheza ser “medido” pelo que possuo, se tenho carro, o que eu visto , qual o meu celular, o quanto ganho, o que eu faço etc. É comum sermos ignorados quando não passamos na avaliação de quem nos observa, entendo que todos julgam de uma maneira ou de outra, mas isso esta indo além do aceitável. Não sou o que possuo de material, sou o resultado de todas as experiências que vivenciei e o que possuo de mais valioso é meu intelecto.

Eu me recuso, meu valor não será determinado assim.

Não estou pregando a favor da pobreza material para que se alcancem bens espirituais, isso eu deixo para os tolos. Sim, eu desejo ter um belo carro esportivo, sim eu desejo um celular de última geração, sim eu quero roupas de qualidade, sim eu quero ter um salário maior, sim eu desejo trabalhar menos e ganhar mais. Quem não quer ?. Vivemos num pais de impostos abusivos, de educação e saúde sucateadas, onde a desigualdade é maquiada descaradamente com a velha política do pão e circo, é bolsa otário, é avenida idiota e por ai vamos ladeira abaixo.

Eu me recuso, meu valor não será determinado assim.

A mídia nos diz para consumir determinado produto e sutilmente ( as vezes é na cara mesmo) nos rotulam de imbecis se não o comprarmos. Isso é ofensivo ? Claro que é ofensivo, Num pais que cobra imposto de renda sobre três salários mínimos isso deveria ser crime. O garoto da favela assiste na TV que se ele não possuir aquele produto ele é um perdedor ( o famoso loser americano), então é natural que ele queira, afinal ele não deseja ser um perdedor como seu pai e sua mãe. E como obter, por exemplo, um Iphone ? Catando latinha ? Claro que não, o
negocio é “meter o cano”.

Eu me recuso, meu valor não será determinado assim.

A violência é fruto desse sistema e é triste ver o que acontece com a educação atual. Temos uma massa ignorante sendo corrompida e manipulada pelos interesses de poucos. E aos poucos que pensam meus pêsames. Seremos arrastados pela maré da ignorância.

Eu me recuso, meu valor não será determinado assim.

Estas são palavras soltas, visões turvas , pensamentos desconexos e caminhos tortuosos de alguém que ousa pensar por conta própria, se fosse linear, claro, preciso e reto, não seriam meus.

Carlos Jorge

Faça o que você gosta.
Se capacite naquilo que você gosta.
Incentive as pessoas a fazer o que gosta.
Trabalhe porque gosta e não por dinheiro.
Gaste o dinheiro com aquilo que você gosta.
Lembre-se, dinheiro é consequência de um trabalho bem feito.
Trabalho bem feito é consequência de um trabalho com prazer.
Entenda, se você quer algo, acredite em sua capacidade e valorize as pessoas que te apoiam, pois assim, tudo ficará mais fácil.
Deus dando saúde, felicidade e força, o resto é com você!

Alex Husfor

Como admirar uma pessoa que só reclama de acordar cedo, só reclama de ter que trabalhar e só pensa em férias e feriado?
Eu gosto de gente que gosta de ir atrás do melhor. Gente que faz acontecer, que sonha, que tem objetivos na vida e faça por onde eles realizarem.

Eu afasto de pessoas acomodadas e preguiçosas, porque são justamente estas pessoas que goram nossos objetivos alcançados. São pessoas que acham que o que conquistamos vêm da sorte e não por ter lutado.

A única coisa que cai do céu é chuva, e mesmo assim, está em falta.

Cris Paulino

Querido trabalho duro, eu costumava odiar você,
Quando você me chamava, eu ouvia, mas eu corria para longe de você.
Quando eu sabia que você viria, eu costumava me esconder de você,
Quando você influenciava os outros a falarem comigo,
Eu rapidamente inventava desculpas para ficar longe de você.
Com medo da dor pois eu não queria me machucar, com medo de falhar, então eu nem queria tentar.
Com medo do seu nome, pelo que você já fez com outros.
Quem você pensa que é?
Fazendo-me ter tanto medo de você?
Reflexo no espelho, sombras por trás de mim.
Eu dou um passo, e você continua na minha frente.
Suor no meu rosto, lagrimas nos meus olhos, eu continuo seguindo em frente.
Eu já ouvi dizer que você não mente, você torna pessoas pobres em pessoas ricas, zero em 10.
Existe algo que você não possa fazer?
Agora olhe para mim!
Você me fez quem eu sou hoje.
E por causa de você, Eu tenho essa atitude de nunca perder, nunca desistir.
Desistir?
Isso não esta no meu vocabulário.
Quando eles desistem, eu sigo em frente.
Quando eles dormem, eu me esforço mais.
Quando eles dizem que eu não posso e fazem pouco de mim, eu mostro que eu posso.
Quando eu falo dos meus sonhos e eles dão risada, eu tenho a certeza de que rirei por ultimo.
Eu sou um perseguidor de sonhos,
isso significa que corro atrás dos meus sonhos e não nos sonhos dos outros.
Só eu mesmo posso me derrotar.
Sou eu contra esse trabalho em que me coloquei.
Não há derrota!
Eu não vou perder!
Eu cheguei até aqui, e eu não irei parar agora.
Ó, trabalho duro,
Meu pai estava certo sobre você, você vale a pena,
e por causa disso eu amo você.
Como posso não te amar?
Eu não me escondo mais de você,
Eu estou esperando você.
E por falar nisso, onde você está?
Eu preciso de você, por que no trabalho duro...
eu confio.

Desconhecido

O CLAMOR D'OS SEM TRABALHO

As fábricas encerradas,
Fechadas as oficinas;
Só estão escancaradas
As mil bocas pequeninas,
As mil bocas adoráveis,
Dos filhos dos miseráveis!

É o trabalho um dever
A que o Homem foi sujeito?
Nós julgamo-lo um direito.
Qual será maior pesar:
Pedir pão e não o ter,
Ou não ter onde o ganhar?

Roberto Eduardo da Costa Macedo