Textos Motivacionais Trabalho

Cerca de 555 textos Motivacionais Trabalho

Estamos chegando ao fim de mais um período de translação do planeta terra, portanto façamos uma retrospectiva:

*Nesse ano você assistiu centenas de aulas
*Trabalhou finais de semana inteiros
*Preparou dezenas de relatórios
*Respondeu a provas, testes e exercícios
*Estudou para vestibulares e concursos

Sim, certamente este ano valeu a pena, você deu literalmente cada gota de suor pela construção do seu futuro.
Tudo regado a muito stress...
E como recompensa ao seu esforço, durante todo esse período a natureza te presenteou...

Em cada manhã o sol te preparou um espetáculo, desejando-lhe boas vindas a um novo hoje e ao se despedir outro show, para comemorar mais um dia da tua existência.
Ao se retirar deu lugar para as estrelas, pequenos pontos de luz bordados no veludo negro do infinito.
Juntamente com a Lua, poetiza iluminada pelo sol que nos brinda com suas diversas fases, dança uma musica diferente em cada uma, nos incentivando a mudar sempre que for preciso.
Sem contar com a sinfonia dos pássaros, o desabrochar das flores, os banhos de chuva, o frescor dos ventos...
Mas durante esses 365 espetáculos anuais e suas inúmeras cenas...

Quantas vezes você parou para contemplar o nascer do Sol?
Admirou a Lua Cheia ou a Minguante?
Respirou o aroma das rosas?
Assistiu o espetáculo do adormecer do sol?
Dos banhos que você tomou, quantos deles vieram diretamente do céu, ou lavaram a sua alma?
Talvez tenha estado ocupado demais comprando perfumes, enquanto as flores desabrochavam. Ouvindo CDs enquanto os pássaros cantavam. Ou assistindo ao cinema, enquanto a lua contava a todos uma linda história de amor e era aplaudida por uma pequena plateia de loucos, aqueles portadores da busca pela felicidade.
Ou talvez você tenha a certeza do amanhã, e por isso economiza o hoje para vivê-lo depois, sem se dar conta de que o agora acabou de passar, e o futuro talvez nem chegue.

Voltando a retrospectiva inicial, quantos dias desse ano você realmente Viveu?


...Já dizia Oscar Wilde :
“Viver é a coisa mais rara do mundo, a maioria das pessoas...apenas existe”

Raysa Lima

Deixamos às vezes coisas que não deviam importar tanto tomarem conta das nossas vidas. Se o trabalho ou qualquer outra coisa chegar num ponto que faça mal, devemos procurar nele algo que nos faça reativar o interesse, ou então, trocá-lo de vez. Ou pelo menos procurar passar mais tempo com as pessoas que amamos e para fazer as coisas que gostamos de fazer. Não devemos esquecer disso nunca.

Seja o escritor da sua vida. Não deixe que o escrevam por você. Pode-se perder histórias fantásticas para contar.

Eric Ventura

Sobre São Thomé das Letras e o Amor - Sabe, as pessoas se vendem no trabalho. Aqui não, se vive como se deve, plantando, colhendo, tomando banho de cachoeira, fazendo arte de forma geral, cada um na sua, feliz do seu jeito, livre acima de tudo, amando tudo e a todos, mesmo sendo todos diferentes, respeitando a natureza, cuidando dos animais, e os animais cuidando dos homens. Se triste na cachoeira passa, tudo é levado embora com suas águas geladas, nunca paradas como um fluxo divino. Se feliz, a cachoeira potencializa, dando felicidade em dobro, triplo... Aqui existe o amor e o amar acima de tudo, aqui existe o respeito no simples bom dia, boa tarde e boa noite. Aqui se dorme cedo e acorda antes do galo cantar, aqui a natureza encanta com suas cores vibrantes, pulsando em tons de azul, amarelo, laranja e vermelho. Aqui existe a conversa simples, o cafezinho, o pão de queijo de cinquenta centavos, com um cigarro de palha descompromissado no cinzeiro, existe o por e o nascer do sol, dando um espetáculo diariamente em tons laranjas. E quando a noite chega, um dos céus mais bonitos do mundo e uma lua cheia vem te abençoar e se pode avistar uma estrela cadente e com ela um pedido: “nunca mais ir embora”, uma lágrima escorre do meu rosto, uma lágrima pelas coisas vivas e verdadeiras, que aqui foi um dos poucos lugares que eu encontrei... É ganhar um presente singelo e sincero, sentir a pessoa naquilo com você e ela ser tão boa que assusta, e ela amar tanto que a torna um anjo. É chorar quando se está indo embora é sentir falta do carinho, de um beijo, de um toque, é amor e é tudo de bom. É ser normal enquanto o mundo doido. Cidade do natural, da paz, amor e Rock N’ Roll. São Thomé das Letras, você é um pedaço do que eu imagino ser o paraíso."

- por Rafael Churai.

Fernanda Villagrán

GOVERNE COM DELICADEZA

Não precisamos de diagnósticos, mas sim de diálogos.Todo mundo tem uma filosofia de vida pessoal, tendemos a formá-la na medida em que vivemos e adquirimos cumulativamente as experiências.
As pessoas vêm cada vez mais passando por dificuldades que as deixam “imobilizadas”, ou pelo menos acham que estão em tal estado. Lançar-se sobre os fatos passados das suas vidas procurando causas de suas dificuldades atual é mais problemático, visto que pode haver conexões que não conseguem ver. Alguns acontecimentos podem ser esquecidos e detalhes irrelevantes são relembrados.
Primeiro devemos nos recordar que não somos donos da verdade e que cada pessoa, por mais que se pareçam, possui uma experiência de vida única o que não nos permite julgar o que outro deve fazer ou deixar de fazer.
Não busque diagnósticos, poupe problemas usando a experiência e a razão para escolher o melhor caminho a se seguir, arquive o que aprendeu e use.
Busque dialogar. Nós nascemos livres, todavia somos todos dependentes um do outro o que nos torna acorrentados. Somos interligados. Vivemos num meio social que temos que nos adequar ao tal. Nosso primeiro contato é com a célula social, a família.
Se governe, viver em sociedade não se trata apenas de ser gentil para que ninguém queira apunhalá-lo pelas costas. No caminho superior, as suas costas simplesmente não estão acessíveis, porque você já tem bem fundamentada sua filosofia de vida.

RaqueelRosa

O porquê de eu não acreditar (tanto) no trabalho em equipe:

- Sempre tem alguém que quer se sobressair (principalmente quando tem alguém que se destaca naturalmente, sem ter tido a intenção).
- Nem todos almejam o mesmo resultado, ou acreditam no mesmo caminho para tal.
- A maioria só se mostra pró-ativa quando o resultado esperado está próximo, já que alguém percorreu sozinho grande parte do trajeto.
- Os créditos são quase sempre igualados, independente se alguém fez mais.
- Grande parte das pessoas escolhem o caminho mais curto, mais fácil, mesmo não sendo honesto.
- Algumas pessoas têm mais predisposição do que outras, umas pensam de forma mais lógica do que outras, umas têm mais sensibilidade do que outras, umas têm mais força (física, moral, social, econômica, cultural) do que outras; mas, frente a um problema, a grande maioria se deixa levar pelo orgulho, vaidade, inveja e egoísmo.
- Se deu certo, o crédito é igual para todos. Se deu errado, alguém tem que levar a culpa (e quase sempre a culpa vai para quem se esforçou mais).

A justiça no trabalho em equipe é a última condicional a ser levada em conta (quando o é), principalmente em equipes de trabalhos com base no lucro.

E na verdade, a realidade é uma só: as pessoas só te procuram quando precisam, e mantêm proximidade enquanto for conveniente. Pessoas predispostas a ajudar estão fadadas a solidão em seus momentos difíceis. Nessas horas, todo mundo simplesmente desaparece. E você não vê a quem recorrer... "Não posso, não dá, não sei"... Depois de tantos 'nãos', automaticamente você vai diminuindo a distribuição de 'sins'...

E aí???

Fim do trabalho em equipe!

Ket Antonio

Apenas o trabalho honrado nobilita o homem, e somente pelo trabalho o homem pode servir à família, aos amigos e à sociedade.
As pessoas que trabalham arduamente com honestidade e as vezes por falta de recursos fracassam estão definitivamente sendo melhores do que as de não fazer o bem e o conseguem.

DOUGLAS FORT

"Ser professor não é fácil", ouço isso sempre e as vezes concordo, mas nenhum trabalho é fácil, todo trabalho exige esforço e dedicação para ter um bom resultado.
Eu amo o meu trabalho, muitos podem até pensar que é loucura dizer isso, mas eu entro em cada sala, e não olho pras coisas ruins, acho que o que vale a pena é o que merece atenção, então eu olho para o rosto dos meus alunos e vejo um brilho particular nos olhos de cada um, posso sentir que cada mente daquelas esta cheia de sonhos, vontade de vencer na vida, de ser feliz, e não existe maldade nisso por mais que o aluno seja um aluno indisciplinado, ele só precisa de uma chance e de alguém que o ensine o melhor caminho a ser seguido.
Cada aluno é como um céu, por mais que as vezes esteja nublado, sabemos que por trás das suas nuvens, tem um sol brilhando.

Miriam C. Marchesi

Com a casa em ordem!!

O sujeito estava namorando a morena mais gostosa do bairro, aquela qual todo mundo gostaria de dar uns amassos.
E logo já anunciaram casamento...

Mas, depois de alguns meses de paixão, a rotina tomou conta do casamento.

- Amorzinho - disse a morena
- a torneira da pia está quebrada. Você não vai consertar?
- Eu não, eu não sou encanador! - responde o marido.

Depois de alguns dias:
- Amorzinho, os ladrilhos do banheiro estão soltos, você não vai consertar?
- Cê tá doida! Eu não sou pedreiro!

Mais alguns dias:
- Amorzinho, meu guarda-roupas está com problema, você não vai consertar?
- Cê ta maluca! Eu não sou marceneiro!

Um dia o sujeito teve que ir viajar por uma semana.
E quando voltou encontrou tudo consertado.

- Quem consertou a pia? - perguntou o marido.
- O Sampaio - respondeu a morena.

- E os ladrilhos do banheiro?
- O Sampaio também.
- E a porta do nosso guarda-roupas?
- Ora, o Sampaio!!!

- Mas onde você arrumou dinheiro para pagar o Sampaio, se eu não deixei dinheiro para você?

- Ah, meu bem, quando eu perguntei como poderia pagar, ele me disse que eu tinha duas opções: ou fazia alguns pasteizinhos ou ia pra cama com ele...

- Aquele ordinário! Eu mato aquele desgraçado! Como é que ele fala assim com você? Quantos pasteizinhos ele comeu?
- Cê tá louco? Eu não sou cozinheira!!

(autor desconhecido) Sidãofc

Sobre o trabalho

Utopia, uma constante evolução humana. No trabalho é preciso valorizar o tempo que se gasta com ele na busca do reconhecimento não pelos lucros gerados mas pela satisfação humana; não vejo um trabalho valer a pena se não emocionar por sua grandeza e contribuição para a vida das pessoas... Acredito que quando for reconhecido é porque fiz algo que ensinou muita gente a viver melhor e não porque dei lucros a quem financia bombas e armas...

Jean Carlos Sestrem

O Roceiro
Pelas paredes gretadas
Mugidouras vacas deitadas
Paciente e ruminante
Observava, ele via
O amanhecer no horizonte
Lá vem a barra do dia.
Acorda mulher, acorda Lia
O algor cobria de neve o chão
Que frio!... Virgem Maria
Levanta mulher, coragem e opinião
No poleiro, não tem mais galinha
Façamos junto a oração
Salva-nos, ajuda-nos oh!... mãe rainha
Opinião! Opinião! Exclama
Com mãos calejadas o rosto lava
Descalço, pisa n' água, na lama
Se não fosse ele, homem chorava
Sorrindo, alegre, a vida leva
Mulher!... este frio é geada
Mas enquanto o café côa
Amolo minha enxada
Pois, não gosto, não fico a toa
Também trato das bicharadas
Dos porquinhos e da marrôa
Marido o café tá coado
Vem beber senão esfria
O roceiro vem afoitado
Não vim antes, não sabia
Bebe e pega seu machado
Nossa lenha não vai ao dia.
É triste; não sei ler, sou tapado
Amanhã preciso de arrogo
Marido!... me dá licença
Vou por feijão no fogo
Desculpe, arrogo não é doença
Fala logo com seu sogro
Meu pai tem clemência.
A tarefa d' manhã terminada
O roceiro vai sossegado
Cachimbo na boca e na mão a enxada
Também no ombro o machado
Derrubar a matarada
Onde tudo é plantado
Descalço, nos trieiros, na saroba
Alegre, cantando, não tango
Pula, um bicho, é cobra
Foi engano é um calango
Que bela mata e gigante peroba
Roço, queimo e planto morango
O céu, a serra enfumaçada
Dos roceiros a história narra
Árvores deitadas, folhas esturricadas
Por todo lado zumbido de cigarra
É tempo agora de queimadas
Quase tristeza o roceiro agarra
Vamos urgente aproveitar
Chegou a flor do mandacaru
O sol não vai mais esquentar
Que fumaça! Foge o inhambu
Nossa roça vou por fogo, queimar
Essa chuva não vai pegá-la cru
Mulher!... Vamos agora plantar
Arroz, milho, mandioca e feijão
Se o pai do céu nos ajudar
Vamos fazer um farturão
A nossa fé não pode, não vai faltar
Não esquecendo da oração
Na roça tudo é dureza
Lá dá praga pra chuchu
O prejuízo é quase certeza
Corre perigo da cobra urutu
Formiga, cupim é da natureza
Destruidores, passo preto e tatu
Quando planto, sou feliz
O tatu, mandioca e milho ranca
O roceiro não maldiz
E por Deus, não adianta
Formiga nas folhas, cupim na raiz
E vem o sol virgem mãe santa
Chega então a colheita
Houve grande resultado
Labuta, sofre, não deita
Corajoso, alegre vai o coitado
Uma boa cama ele enjeita
Foice no ombro, fazer novo roçado
A história do roceiro
Ela é indeterminada
Bolso limpo sem dinheiro
E a ele não falta nada
Veste algodão e sempre caseiro
Crê em Deus, crendice e fada.

Josias Pereira Bahia

Depoimento de um empresário com 43 anos

Algumas pessoas pensam que eu nasci professor, empresário e com o grau de instrução que tenho atualmente.
Bom seria, se fosse assim.
Eu, desde os 6 anos ajudei meu pai e minha mãe na mercearia simples que tínhamos.
Meu pai e mãe, sempre me ensinaram que com honestidade e humildade eu conquistaria o mundo e com este incentivo e força de vontade que sempre me empenhei nos estudos, trabalhei, lavei banheiros, limpei ruas no quartel, sempre me coloquei a disposição para fazer o que fosse preciso em prol da empresa que eu trabalhava.
Isso me possibilitou ganhar credibilidade e consequentemente promoções por onde passei.
Nunca parei de estudar, brincar e tratar as pessoas como eu gostaria de ser tratado.
Conquistei amigos, inimigos, colegas e pessoas que se aproximam apenas para querer tirar algum proveito da minha atual situação ou de meus conhecimentos.
Durante as aulas que ministrei, sempre fiz questão de passar estes ensinamentos para meus alunos, não querendo servir de exemplo para eles, mas apenas para que eles possam perceber que nada cai do céu, mas que com trabalho, humildade, sem vaidade e outros quesitos pessoais tudo se transforma.
O sol nasceu para todos e quem persevera e trabalha muito sempre será abençoado com um imenso "calorão".
Sucesso para você.

Marcelo Rocha

30 DE OUTUBRO DIA DO COMERCIÁRIO:
Não importa as emoções que trazemos de casa, na hora do trabalho temos que sorrir, temos que passar o que existe de melhor, sem poder transparecer os problemas diários que carregamos... Temos que engolir sapo, aguentar o mau humor do Gerente, a cobrança do Patrão com as cotas e metas e até a colega chata e briguenta rsrs....
Todo dia saímos de casa com um leão pra matar, no dia que vendemos a sensação de dever cumprido é estampada no rosto, já em dias difíceis é a cabeça volta baixa e o olhar vago....
Falam que é fácil vender. pois não é preciso nada além de sorrir e gostar de conversar, mas não é assim... Somos uma espécie em extinção, pois somos dotados de um sentimento que transforma a vida das pessoas e mesmo nossos clientes lá em suas casas abrem um sorriso quando olham no espelho usando algo que os fez se sentirem melhor...
A humanidade cada vez mais escondida em maquinas e redes virtuais, somos reais, apertamos sua mão, falamos com vc e resolvemos seu problema... E até viramos seu amigo... Somos Comerciários.... Ficar num balcão é para quem tem talento e competência de enfrentar tudo isso e muito mais, não existem faculdades que ensinem nossa profissão, pois ela vem no sangue... Através desse pessoal que trabalha comigo a anos eu transmito a todos os comerciários os mais sinceros parabéns, pois somos a categoria que põem movimento a tudo aquilo que a industria fabrica, fomentamos a economia e somos ainda uma uma das ultimas profissões humanizadas e cheia de sentimentos! Sorria sempre...

Hudson Pessini

Feliz, simples assim!

Eu estou feliz por que notei que as formigas continuam trabalhando no meu jardim.
Eu estou feliz por que notei que o beija-flor continua a me visitar, mesmo eu não trocando a água.
Eu estou feliz por que minha árvore da felicidade poupa água porque sabe que esqueço de regá-la.
Estou feliz por que, antes de dormir, sempre ouço o mesmo cachorro latir.
Eu estou feliz por que, todo dia ao sair para o trabalho, encontro minha vizinha com seu cachorro me dando bom dia.
Eu estou feliz por que o porteiro do meu trabalho faz questão de me chamar pelo nome e, gentilmente, abre o portão pra mim.
Eu estou feliz por que a moça que faz café, não é apenas a moça que faz café, é minha amiga!
Eu estou feliz por que, toda a tarde quando volto do trabalho, a senhora do primeiro andar me acena da janela.
Eu estou feliz por que, todo dia, a moça da loja de conveniência me pergunta sobre meu dia e o nome do meu esmalte.
Eu estou feliz por que notei que meu pai gosta de cozinhar pra mim.
Eu estou feliz por que meu amor não desiste de mim.
Eu estou feliz por que vejo que meu irmão e minha cunhada trabalham pra continuarem felizes.
Eu estou feliz por que acho graça dos meus amigos no bate papo do celular, eles continuam tentando diminuir a distância.

Eu estou feliz por que percebi as coisas simples que me acontecem todos os dias e, de certa, forma me lembram que, pra estar feliz, é uma questão de ponto de vista.

P.PÁL

BATE NESSA PORTA, AMOR!

O Amor é um camarada que bate em todas as portas
Mas longe de ser bobo, respeita.
Pois se ele entrar na porta que é território de outro sentimento
Esse sentimento deixa de existir
Então o Amor respeita. Dá liberdade de todos existirem
Mas bate na porta…toca a campainha, faz serenata
Não para o sentimento deixar a casa que mora
Mas para as pessoas que estão dentro daquela residência
Saírem pelas portas se assim desejarem
Para irem de encontro com ele, o Amor
Junto com o Amor, existem sentimentos que também não tem casa
São sentimentos que vivem livres, seja à luz do sol quanto à luz das estrelas
Quem sai da porta, encontra com eles:
Amor, Felicidade, Humildade, Compaixão, Fé, Verdade, Sabedoria, Simplicidade.
É uma grande família unida.
Mas o Amor, Ah, ao Amor. Ele é sem vergonha.
Bate sim na porta de todas as casas que não é bem vindo.
Ele bate na casa do Ódio.
Toca a campainha da Tristeza.
Faz serenata para a Inveja e o Ciúmes
Manda flores para a Arrogância
Deixa uma carta para a Indecisão
Joga pedrinhas na janela do Medo
Ele não faz isso porque gosta de irritar.
Nem tampouco causar danos/malefícios aos moradores
Mas ele faz porque presta serviços para uma empresa chamada Vida
E a proprietária, Dona Esperança lhe ofereceu essa tarefa:
- Agora é seu trabalho, buscar os viajantes
Que se hospedaram nessas casas afim de aprender alguma coisa.
Bata nessas portas todos os dias, mas lembre-se cada um tem seu tempo
Se um não vai em sua companhia hoje, em outro dia tenha certeza que virá
E são por esses dias que se faz necessário que você esteja presente todos os dias.

Lúcia Fernandes Bonito

O poder na gestão de um chefe!
Chefe é saber liderar com respeito e procurar deixar legados e ensinamentos aos seus funcionários. Um bom chefe sabe coordenar, organizar, distribuir funções, buscar soluções, orientar e decidir. Pena que a maioria confunde a liderança de uma equipe com ser superior aos seus funcionários. Esquece que para ser respeitado pelos seus subordinados basta ser um ser humano admirável.
Ser um ser admirável é colocar o trabalho prático com inteligência, saber organizar grupos para fazer a diferença e alcançar seus objetivos.
Quer ser reconhecido pelo seu poder chefe? Aprenda então solucionar problemas com sabedoria sem passar por cima de ninguém. Aprenda discutir e pensar em conjunto. O melhor chefe é aquele que não agrada a todos, mas aquele que vê o funcionário como ser humano, que tem problemas, que erra e também aprende quando um bom chefe ensina e proporciona um ambiente de trabalho digno e agradável. O chefe será compensado por sua equipe quando ele plantar soluções e não desavenças no ambiente profissional.

Kelly Patrícia

As vezes nos sentimos sem forças, cansados, sem vontade, principalmente quando somos solteiros.
Quando vem os filhos e estes necessitam da minha força e dedicação, o cansaço e a preguiça deixo de lado movido pela vontade de dar o melhor para eles, uma boa escola, conforto, uma boa faculdade, uma boa profissão, nestas horas, arregaço as mangas e coloca mãos à obra.

HELIORP

Passam-se os dias e nem sempre paramos para observar como está o funcionamento da nossa "roda da vida", ou seja, se ela está rodando em seu funcionamento pleno ou se está estagnada em apenas uma vertente (financeira, familiar, sentimental, saúde, trabalho, intelectual, social ou espiritual), impedindo que o conjunto se desenvolva da maneira ideal.

A busca do "equilíbrio" é o que faz com que a roda gire e com que a vida siga seu curso na forma mais harmônica, tranquila, em paz e feliz possíveis... De tempos em tempos, é bom parar para analisar o cotidiano, avaliar os resultados (entendendo alguns porquês) e estabelecer metas.

A "surpresa" é que, com um pequeno descuido, esse resultado pode sofrer variações gritantes em curto espaço de tempo, impactando diretamente no nosso humor, pensamentos, atitudes e sentimento de realização.

Sim! Em um dado momento, é comum constatar que a tal "roda" mais se parece com uma seta ou um extraterrestre do que com um círculo! Nesse caso, as anteninhas de alerta levantam e entra em prática o planejamento para que drásticas mudanças possam ocorrer.

Área a área vai sendo analisada e, inevitavelmente, conclui-se que decisões, escolhas e renúncias deverão ocorrer.

Algumas delas doem (e muito!), mas devem ser tomadas em prol do pleno funcionamento daquela área específica e, principalmente, do impacto que isso tem no conjunto... para que a "roda da vida" não seja impedida de prosseguir seu curso, rumo ao equilíbrio e à realização.

A primeira palavra que me vem à mente ao pensar em "realização" é "unidade", ou seja, "todo", "inteiro". Assim, mais do que pensar na vida como simplesmente uma "roda" conforme menciona a maioria dos livros (e como citei até aqui), creio que em todas as vertentes da nossa vida deva haver uma "roda" própria, cujos componentes envolvidos se tornem um todo único que, juntos, são capazes de fazer funcionar a "engrenagem da vida"! Fácil nada é, mas ainda creio em alguns princípios que, aliados ao diálogo, à vontade e à disposição de "fazer virar", tornem essa tarefa possível.

Fernanda Simões Rodrigues

O legal de amar é que quando a pessoa se abre, quem ganha é quem ama, quem dá.
Aquele recebe ganha também, mas muito mais prazer há na colheita, do que no que foi plantado.
A conquista de um terreno e o trabalho ao plantar é maior para o que o fez desde o principio do que aquele que viu os grãos apanhados e expostos a venda somente, foi lá e comprou.
Aquele que compra, tem, e se sente satisfeito por ter e sim gozará de felicidade.
Mas aquele que conquistou e plantou, muito mais valor dará a esse amor, novo e futuro.

Lorena Batista

Início de uma nova China
Em 04 de dezembro de 1982 seria promulgada a nova Constituição chinesa. A principal modificação dizia que o sistema socialista de propriedade substituiria o sistema de exploração do homem pelo homem, aplicando o princípio de "a cada um, segundo a sua habilidade e a cada um, segundo o seu trabalho". // A República Popular da China adota nova Constituição, que estabelece uma ditadura do proletariado.

Terra

Intenção

Você desconfia da minha índole
Pronuncia meu nome em vão
Distorce minhas palavras
Desonra minhas atitudes

Só porque

Eu mexo na maldade
Eu te mostro a sujeira
Eu desço até os demônios
Eu vou e te levo até o fundo do poço

Quando eu mexo na maldade
É para você ver que ela não é maior
Que a bondade que carregas na Alma

Quando eu lhe mostro a sujeira
Venho com o pano e lhe ofereço
Ajuda para o serviço. Limpando teus caminhos

Quando eu desço até o que você chama de demônio
É a oportunidade que lhe dou de conhecê-los
Para que parem de assombrar um ao outro
Com medos infundados

Quando te levo no fundo do poço
É porque sei do calor dos combates que vive diariamente
E também sei que é só lá que tem água nova
Para te aliviar dessa angústia

É desconfortável
Mas hoje você tá bem, não é fio?
Está melhor que antes
Mudou
Aprendeu
Cresceu
Está mais forte
Tem mais ânimo
Tá com mais estima por si

Agora só falta curar o preconceito
É ou não é, fio?

Você acha que um médico é doente,
Por que tem que lidar com doença?

Que gari é imundo,
Por que tem que lidar com a sujeira?

Isso é só trabalho, fio.
Quem a gente é de verdade é o coração que fala.

Ou você também acha que palhaço tem vida boa
Só porque vive na palhaçada?

Lúcia Fernandes Bonito