Textos de União

Cerca de 124 textos de União

DESISTIR JAMAIS.

Nada é mais importante do que a..
Nossa felicidade.
Nossa união.
Nossa familia.
Nosso amor.
DEUS esta acima de tudo e de todos e com ele em nossos corações venceremos qualquer obstáculo.
Se temos saúde já somos vencedores.. e juntos enfrentaremos tudo e todos.
As vezes ganhamos outras perdemos, mas isso faz parte da vida.
Cada batalha que vencemos é um mérito, a que perdemos nos fortalece para tentar-mos novamente.
A verdade é uma só ( LUTAR SEMPRE, VENCER AS VEZES, DESISTIR JAMAIS )
EU TE AMO E SEMPRE ESTAREI AO SEU LADO.
Minha amada.

Ney Forever

Sex 13/05/11 - 9h - Padre contraria a CNBB e elogia decisão do Supremo que legalizou união de casais gays no Brasil

O frei Gilvander Moreira, padre mineiro da Ordem dos Carmelitas, contrariou a CNBB e elogiou a decisão do Supremo Tribunal Federal sobre a união estável de casais gays. O padre disse que “a causa é justa e vale a pena”. O religioso disse também que recebeu a decisão do STF com alegria, pois é uma vitória dos movimentos e dos grupos que historicamente vêm lutando pelo direito à liberdade sexual homossexual. “Nesse caso, o STF posicionou-se com justiça e equidade. A sociedade está em constante transformação, e esse grupo em questão existe e está no dia a dia vivendo e construindo suas relações à margem da sociedade. Devido a isso, o Direito não podia mais se esconder ou continuar negando esse direito a relações homoafetivas. Foi um exemplo de coragem e cidadania. Tornou-se visível o invisível” – disse o padre Gilvander.

Linartt Vieira

Poder Judiciário da União Federal - Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios - Juízo de Direito da 4ª Vara Cível de Brasília/DF - Processo nº 2008.01.1.108620-6 - IANE CLAUDIA LOURENCO DE ALMEIDA x VILLA PATRICIA EVENTOS LTDA Feito : INTERDICAO.

Sua Execelência o Meritíssimo Juiz de Direito Titular Robson Barbosa de Azevedo decretou a interdição de casa de festas localizada em área residencial

O juiz da 4ª Vara Cível de Brasília decretou a interdição da casa de festas Villa Patrícia Eventos Ltda. Além de determinar que as atividades do estabelecimento sejam cessadas por falta de alvará de funcionamento, o magistrado fixou multa diária de R$ 1 mil caso haja descumprimento da decisão judicial. A casa de festas funciona na área residencial do Setor de Mansões Mata da Anta, no Jardim Botânico.


Uma vizinha do estabelecimento ajuizou a ação em 2008. Naquela ocasião, o juiz deferiu o pedido liminar e determinou o fechamento da Villa Patrícia. A autora alegou que o estabelecimento promove festas de "arromba" todos os finais de semana, até altas horas da madrugada, prejudicando quem reside no local.


Além do barulho, a vizinha destacou que o trânsito nos dias de festa, na via de acesso ao condomínio, fica impraticável, gerando insegurança para os moradores caso ocorra alguma emergência. Segundo ela, toda a vizinhança é contra o funcionamento da casa de eventos e por isso solicitou a aplicação da Lei n.º 1.171 de 24 de julho de 1996, que exige consulta prévia à comunidade local para instalação de estabelecimentos desse tipo.


A ré alegou, em contestação, que se houve omissão na fiscalização da existência ou não de alvará de funcionamento, caberia somente ao Poder Executivo exercer o poder de polícia para interferir nas atividades da casa. Segundo ela, não cabe ao cidadão comum pleitear que a Administração Pública exercite o poder-dever que lhe é inerente, não podendo, portanto, o Poder Judiciário substituir o Poder Executivo no caso em questão. Pediu a extinção do processo sem julgamento do mérito.


Na sentença, o magistrado destacou que o artigo 314 da Lei Orgânica do Distrito Federal prevê, entre as políticas locais de desenvolvimento urbano, "o bem-estar de seus habitantes e a promoção de medidas que visem melhorar a qualidade de vida e a ocupação ordenada do DF". Segundo ele, a jurisprudência uníssona aplicável ao DF afirma que: casas de festas, clubes, associações, igrejas, bares e restaurantes instalados indevidamente em áreas residenciais sem anuência da vizinhança, com ou sem alvará de funcionamento, violam o dispositivo da LODF.


"Não bastasse a falta de alvará, a documentação juntada aos autos demonstra que há uma insatisfação por parte dos vizinhos com o funcionamento da empresa ré em área residencial, tendo em vista a natureza dos eventos realizados no local. A interdição é medida que se impõe, tendo em vista que o interesse particular da empresa ré não pode superar o interesse público", afirmou o juiz.


A decisão é de 1ª Instância e cabe recurso.


Fonte: TJDFT

Prof Robson

Casamento vira respeito, amizade, união (em alguns casos)
Um está acostumado com a presença do outro, mas aquela paixão inicial, aquele sentimento envolvente, surpreendente e avassalador deixam de existir. É isso que temos que curtir, quando esse sentimento surge, curtir o momento, aproveitar sem pensar em coisas inúteis, afinal ele passa, vai embora, e é gostoso ter uma historia com alguém, olhar e ver que foi bom, sentir o gostinho e a saudade de todas aquelas aventuras juntos, afinal, Paixão é uma aventura.

Thaís Martins

' A amizade verdadeira, é a união de espíritos afins e corações numa prece, numa experiência inesquecível que -
será levada através da vida, mesmo que os amigos não se-
encontrem mais.
Pois a amizade é um sentimento fiel, de afeição, apreço, entre às pessoas que se estimam."

Nilma Marques Coelho

A união opressiva pode nos distanciar, e ao mesmo tempo nos entrelaçar.
Digo isso, pois muito além de mim mesmo está você, a minha saída o meu coração.
E digo mais, é fantasioso o esclarecimento do meu eu, e dessa razão abstrata o meu sangue se vai, íntimamente, ligeiramente.
Unindo-me.
Um quebra cabeça de alegrias, uma convivência com a paixão, uma substância alucenógena do afeto que prende.

Rafael Jenuino

SENTIDO...

Vida,
algo que perde o sentido se não
existir uma união entre a felicidade e o amor.

Felicidade,
sentimentos que transborda de bons fluídos,
que faz tudo ficar mais facíl,
mais compreensívo,
é uma chave para o sucesso.

Amor,
sentimento que é síncero e verdadeiro,
o mais belo e mais doce desejo,
simples mais ao mesmo tempo complexo.
Como entender? Como explicar?

Dizem...
...que a vida não tem sentido sem o amor e a felicidade.
Mas...
Para que amar?
Para sofrer!
Mas se sofrermos...
Como seremos felizes?
E se formos só felizes não seremos completos,
e assim a vida perde o sentido!

Vanessa Rangel

Imagine um mundo onde a união
é o combustível da humanidade
Um lugar onde a confiança impera,
irradiando harmonia e felicidade
onde cada fôlego de vida
tem em sua face a expressão da felicidade, do amor, da amizade
Um lugar especial, de múltiplas
culturas e belezas onde
o tempero da diversidade
faz toda a diferença.
Este mundo pode estar aonde você quiser, depende de você.

Viviane Duarte

CASAMENTO E UNIÃO
"NÃO CONTE NOS DEDOS OS SEUS ANOS DE CASAMENTO OU DE UNIÃO. ACUMULE-OS NA CONTABILIDADE DO SEU CORAÇÃO, FAÇA O BALANÇO E VEJA O SALDO DO GRANDE BENEFÍCIO QUE LHE PROPORCIONOU: A FAMÍLIA. COM FILHOS, UNINDO-SE A OUTRAS FAMÍLIAS, COM NORAS E GENROS,FORMANDO NOVAS FAMÍLIAS: OS NETOS.É A PERPETUAÇÃO VIVA DA NOSSA EXISTÊNCIA, ESCRITA NO LIVRO DA NOSSA HISTÓRIA E QUE NEM MESMO O TEMPO CONSEGUE APAGAR". autor: Márcio Souza (EU)

Márcio Souza

Luz para o mundo criador de vermes!!!
União aos verdadeiros filhos aceitos!
Crusificai-vos aos que tentarem aniquilar-mos
imortalizando o nome do senhor do mundo
fortificai o exercito de anjos rebeldes
exterminando os que contrariarem a grande sinarquia!
recriando pouco á pouco mundo devastado por seres animalizados!!!

Glycon

Status!
Existe um abismo entre a união entre duas pessoas que queiram dividir emoções, preocupações e realizações com status no Facebook.
Mudar seus status só classifica na maioria das vezes sexo e muito mal feito, diga-se de passagem.
Pense bem, seu futuro depende de classificar o que é união e que tipo de caráter você quer perpetuar em sua família.

Professor Glauco Marques

o corpo faz-se
de fragmentos em união constante

tenta o equilíbrio
a harmonia
a força

membros
boca
e língua de sal
em frémito e movimento

o que é fascínio contradiz-se
mas seduz

tenta relacionar-se sedento
por criar um espaço que desfragmenta
em desafios encontros e desencontros



in "Meditações sobre a palavra" (um tributo a Ramos Rosa, o poeta do presente absoluto), editora Temas Originais, do poeta Alvaro Giesta

Alvaro Giesta

As penas

Enquanto escrevo um poema
Observo uma bela ave azul
Pousar em minha pena

Da união dessas duas
Uma nova pena em mim surge
Vendo aquelas nuas

Quem dera pudesse fazer
Da minha escura pena
Uma ave a voar e viver

Mas como não consigo
Apenas olho a pintura
Da ave e seu amigo

Do céu, do meu peito e minha mão
As três penas se unem
E embelezam a minha visão.

Rodolfo Mair Coelho

De almas sinceras a união sincera
Nada há que impeça: amor não é amor
Se quando encontra obstáculos se altera
Ou se vacila ao mínimo temor.

Amor é um marco eterno, dominante,
Que encara a tempestade com bravura;
É astro que norteia a vela errante
Cujo valor se ignora, lá na altura.

Amor não teme o tempo, muito embora
Seu alfanje não poupe a mocidade;
Amor não se transforma de hora em hora,

Antes se afirma, para a eternidade.
Se isto é falso, e que é falso alguém provou,
Eu não sou poeta, e ninguém nunca amou.

Willian Shakespeare.

Amizade que surgiu da profissão.
O tempo fortaleceu essa união
Hoje é uma irmã de coração.
Felicidade por ter te encontrado.

Aliadas em qualquer situação.
Seja sol ou chuva, tem emoção.
Confidencias de dores e amores
Reconheço a sua dedicação.

São muitas risadas e presepadas
Que merecem ser guardadas.
Lembranças de viagens e folia.
Jamais poderia ser sem você.

Não há roteiro e nem cobranças
Essa amizade é como uma dança
Seguida pelo som e compasso
É franco o respeito de ambas.

Entrego a Deus meu pedido
Que realize seus desejos.
Nunca lhe falte determinação.

O tempo e o vento podem mudar
Nossas escolhas tentar nos apartar
O amor e a amizade leal sempre haverá.

Quívia Bispo

ARTA DE AMOR

Sterea

Quando me escolheste, nos primórdias de uma união eterna, eu era ainda jovem e intocada virgem, que rasgaste em requebros de viril paixão.
O teu beijo húmido percorreu-me de azul os meigos contornos, os abismos de perdição, os relevos generosos. Tinhas pressa de chegar ao êxtase da foz, ao tempero de sal, mas mesmo assim te deixaste perder nos meus sinuosos jogos de sedução, e eu, avara de ti, lacei-te, enlacei-te e deslacei-te a meu mel-prazer e a teu bel-prazer...
Às vezes, engrossado por raivas que te são sangue do teu sangue, inundas-me as orlas confiantes do teu toque, por norma meigo, e arrastas destruição e medos. Tantas vezes!... De todas eu te perdoo, fiel, e tu, arrependido, voltas ao (meu) teu leito, fertilizando de carícias redobradas as minhas margens emersas.
De tanto amor é feita a nossa história! Amor e perdão, paixão e languidez, suor e folia, vinhos e frutos, verdes e ocres, ouro e ruby!...
Cantam esse amor as gentes simples que nos veneram os laços: súbditos fiéis que te seguem o cortejo de real imponência e te aclamam azul, por reflexão do céu que te coroa; serventes dedicados, que me modelam as vestes, me cuidam a beleza e me nomeiam d'ouro...
Abençoados por Deus, somos supremo e fértil enlace, e as nossas bodas renovam-se sempre, a cada ano, em faustos festejos e brindes de vinho fino...

Autor desconhecido

Ficar ou namorar?

Dá pra sentir o impacto da diferença, o impacto do amor, da união comprometida, unida...
Namoro envolve dia a dia, aquela coisa de mimo, aquele comprometimento...por mais que digam por aí que ficar é gostoso, eu acho que ficar é uma brincadeira que dói muito, o coração muitas vezes saí machucado...
Não consigo viver pela metade ou me entregar pela metade, se me envolvo com alguém ,me entrego por inteiro, sou verdadeiro, sem mais nem menos, apenas cheio de mim, cheio de meus ideais, caráter e não vivo de mentiras (ficar), tentando enganar meu corãção.

Ezequiel Fagundes

O verdadeiro matrimônio é
aquele que brota da descoberta
da idetificação com o outro,e a
união física é apenas o sacramento pelo qual isso é
confirmado.A coisa não se dà
no sentido contràrio,do
interesse físico que depois se
torne espirituallizado.Começa
com o impacto espiritual
do amor.(...)

Josefh Campbell

Meu amor , Os trilhos do amor , da uniao , da vida que fez nos encontrar-mos.
E em um ano , Esses trilhos seguirao firmes , iluminados, com um destino sem fim.
Todavia que as vezes teves paradas desagradavel.
Mais com a força do nosso amor e nossa compreensao conseguimos superar qualquer obstaculo que colocaram em nossa frente.

Agora este ano , Nós nao nos veremos como antes, se isso ira ser bom ou ruim nao sei.
Mais obviamente que eu continuarei te amando.
Os trilhos do Destino que nos uniu , que nos fez tao felizes, hoje esta com ironia conosco.
Querendo nos afastar , O Trilho nao nos leva para longe do amor.
Estou te pedindo , nao nos deixe afastar-mos.

Você pode trilhar um caminho diferente para cada um de nos , mas , que a cada tempo do dia , Que pares em uma estaçao , A estaçao do amor, E que neste momento unico seje de pura alegria e virtude.

O trilho do Destino , Nao Destrua o que você um dia construiu.

Pois o seu destino para conosco e indeterminado , e prospero.

Te peço , um pouco de ajuda, Nao nos deixe cairmos na escuridao.

Pois com você , ENCONTRAMOS A NOSSA ESTRADA.

A ESTRADA PARA UM FUTURO LINDO E PROSPERO.

NOS PRENDA NOS TRILHOS DO AMOR E O QUE EU TE PEÇO!

Pedro Furtado

Na realidade, foi um casamento muito mais de conveniência do que qualquer outra coisa. Foi a união da carência com a falta de ar, de espaço para crescer e do não suportar o ambiente da casa dos pais. Não era essa a meta de vida de qualquer casal, casaram-se com o primeiro homem/mulher gentil que apareceu, era mais ou menos óbvio que não ia durar muito, e foi exatamente isso que aconteceu. Divorciaram-se a 6 anos. Um queria o couro do outro no avesso. Tenho coisas mais agradáveis pra pensar... Nunca daria certo os dois trabalhando juntos, estando juntos sempre, de dia e de noite. Sempre tive notícias que na maioria das vezes não dava certo, depois de um tempo acabava o amor e a empresa. Não é nada fácil destruir um castelo de sonhos. A inteligência nem sempre consegue filtrar as informações e o que era um simples conselho era interpretado como crítica destrutiva. Tinham prantos convulsivos, sem nenhuma razão definida, era apenas uma descarga de adrenalina que inundara seus corpos, tudo sem controle, tudo fora dos eixos. Respirava-se fundo, tentaram por várias vezes abstrair o que os tornavam infelizes, sem sucesso algum, eles corriam em direção contrária ao seu casamento. O medo, o pavor e a impotência perante ao divórcio estendiam tais momentos por mais alguns meses. Como poderia o amor vencer tanto ódio, tanta cegura e tamanha teimosia? Como fazê-los entender e enxergar o óbvio? Como poderia amar um ao outro com tanta emoção negativa? No entanto, havia carinho, eram um casal quente, sensual, cheios de bom humor e sonhadores, eram capazes de oferecer rosas e presentes sem nenhum motivo aparente, só o de agradar e fazer feliz o amado, só pelo prazer de ver feliz o outro. O casamento não é ausência de liberdade, era preciso que aquele casal entendesse a parte bela do casamento. não era preciso seguir preceitos religiosos para direcionar comportamentos, era preciso apenas aceitar o diferente, respeitar opiniões perceber a distinção dos direitos iguais.
Ambos reconheceram a derrota, a falta de ideias e o radicalismo que afundou o casamento. Faltou o meio termo, o altruísmo, faltou o amor em toda sua essência.

Arcise Câmara