Textos de Lição de Moral

Cerca de 444 textos de Lição de Moral

As Igrejas, ao longo do tempo, criaram o maior dilema para a moral humana: O perdão.
Se o perdão não for concedido, o indivíduo, "sem salvação", torna-se refém da maldade e já punido, antecipadamente por qualquer ato que possa atentar. Se lhe é concedido, fica "livre" para agir, como se nada houvesse acontecido.

Deva Mantovani

Poluição moral

Rios poluídos
Ruas sujas
Ar poluído
Calor aumentar

Mentes poluídas
Corações sujos
Mãos sujas
Ataduras como correntes

Sociedade acomodada
Seus filhos estão com fome
Gerando desgosto e crime
Maldade encoberta pela mídia

Governo medíocre
Moralidade perdida
Perdição que cai em nossas mãos
Criando um mundo cheio de aflições

Nossas mãos estão manchadas de sangue
Sangue de pessoas que matamos no passado
Sangue que corre em nossas veias
E logo depois corre nas ruas

Matamo-nos uns aos outros
Pela sobrevivência absoluta
Sistema maldito
Onde uns tem e outros não tem

Decorrente de nossas escolhas
País decapitado
Voto inconsciente
Decorrente disto

Veja o que acontece
Casas caídas, pessoas nas ruas
Dívidas altas
Capitalismo a solta
Deixe-nos em paz
Tire-nos desta guerra onde nada faz sentido
Doentes estão caídos
Veja o que estão fazendo com seu povo

Sangue do mesmo sangue
Descendentes distantes
Deixe-me dizer isto
Veja o que esta dentro

Não o que esta fora
Preocupe-se com o seu povo
Veja o que seu modo de trabalho esta fazendo conosco
Olhe diretamente nos olhos das crianças que estão nas ruas, veja como falta muita coisa

Depois olhe diretamente nos olhos
De uma criança rica
Pergunte-lhe o que lhe falta na vida
Talvez a única coisa seja alegria

Dei-nos um país melhor
Onde todos sejam felizes
Onde todos sejam iguais
Onde eu e você possamos dizer

“tenho orgulho de ter votado em você”
“Tenho orgulho do que conquistamos”
“Tenho orgulho de dizer, sou feliz”
”Tenho orgulho de ser brasileiro”

Matheus Balbi Gonçalves

Na moral cansei II...

Estou perplexo com o valor que as pessoas se dão...
Quando você estiver com vontade de se vulgarizar lembrem-se:
- você tem sobrenome, tudo que você faz atingirá todos os anos que sua mãe e seu pai sofreram para criar um mundo melhor para você...
- Quer ser vulgar? Espere ficar de maior, saia de sua casa e exponha sua mediocridade...
Depois verifique se ficou algo a sua volta, se alguém se deixou arranhar com sua maneira de ser...
Notou que seus erros acabam com pessoas que não fizeram nada por merecer?
Espere ser pai e mãe para cometer seus erros e depois tente colocar a cabeça no travesseiro, só tente...
Ps- Os melhores assumem e buscam seus sonhos e metas e caráter não se compra no McDonald’s.
E não lave roupa suja dos outros no Face, as suas podem estar mais encardidas...

Professor Glauco Marques

AMARRAS

Queria-saber-fingir...
Seguir-em-frente
Sem-moral-alguma
Levado-pela-corrente
Queria-saber-fingir...
Estar-de-acordo
E-aprender-a-sorrir
Com-a-corda-no-pescoço
Queria-saber-fingir...
Ser-mais-um-careta
Não-sair-da-linha
Andar-em-linha-reta
Queria-saber-fingir...
Estar-de-mãos-atadas
Ser-seu-coligado
Não-ligar-pra-nada
Queria-saber-fingir...
Não-ter-mais-garra
Agarrar-me-às-verdades
E-aceitar-as-amarras
Queria-saber-fingir...
estar-acorrentado
estar-atado
estar-alinhado
estar-ligado
estar-agarrado
Queria-saber-fingir...
Porque-dói desacorrentar-me
Porque-dói desatar-me
Porque-dói desalinhar-me
Porque-dói desligar-me
Porque-dói desgarrar-me
Porque-dói ser eu.

Cássio Jônatas

Todo mundo fala em ética, moral, princípios. E retaliam e/ou criticam políticos. Mas se eu citar exemplos simples como colar na escola ou cortar a fila, não devolver excesso de troco, etc. Muitos dirão que é normal, e não assumirão que estão no mesmo grupo que tanto vão contra e criticam.
Aonde esta a honestidade agora?

Lucas Samuel Costa Pereira

Migalhas da Moral

Estamos vivendo o fim do mundo?
Se estamos vivendo o fim?
Acredito que a todo o momento.
A todo momento algo se vai,
O fim chega para todos, entretanto,
Por que o fim da moral?
Por que o fim dos valores?
Por que o fim de algo que se perpetua?
O fim de geração a geração...
O fim pouco a pouco, gradativo, a prestação, em gotas...
O pai exige do filho...
O filho não exige do filho...
O avô não exige do neto...
E quando tem o seu filho...
O neto não perpetua os valores...
Aliás, neste ponto pouco valem...
Será efeito do tempo?
Serão as migalhas da moral que recebemos,
Fruto da conveniência das gerações passadas?
As incógnitas das equações dos tempos,
Que foram descobertas sem a ajuda de Báscara ou Tales,
Será uma questão matemática a moral?
Será o tempo realmente uma variável, flexível e não constante?
E os valores onde ficam?
Perdem-se quando passados adiante?
Por quê? Se quem conta um conto acrescenta um ponto,
Que pontos não são acrescentados a moral e aos valores?
Serão os pontos invisíveis, ou cegos estamos, ou míopes?
Miopia moral? Será este o diagnóstico?
E se for, a quem procurar?
O oftalmo, o psicólogo, o psicanalista, o matemático?
Os gregos é que não, pois neste momento desejo um pouco de moral,
mas, não sei se as escolas de Platão, Aristóteles e Sócrates,
ainda poderão entender as equações de Keynes,
Economia, ah não... miopia já me basta..
Na miopia ver pouca moral já é demais!
Não quero pensar em pouco dinheiro, já me basta viver.

Marcelo ULisses

Marcelo ULisses Cordeiro

ÉTICA E MORAL

Tão concomitantemente, podemos observar a evolução humana crescendo de forma alarmante no mundo atual. E com isso, é possível também constatar meios errôneos e condutas totalmente divergentes que podem acarretar em conflitos individuais e/ou grupos de uma sociedade, nação e principalmente universal. Sendo assim, precisamos a cada dia encontrar soluções significativas para nos adaptarmos a tamanha mudança de nossa contemporaneidade e no pós-modernismo. Destarte, o ser humano precisa encontra o ser do “EU”, ou seja, a potência do existir como destacou "Michel Onfray, em seu manifesto hedonista. Além de desenvolver métodos eficazes de atribuir melhorias ética a priori e colocar em prática com a moral a posteriori.
Quando se fala de ética, estamos tratando de um prisma de paixões, emoções e sensações que podem persistir na mente do indivíduo como dilemas existenciais e mediante a isto; observamos o duelo entre esperança e temor. O que quero dizer com isso, é: Continuamente temos a esperança de auferir bons resultados a até mesmo, minimizar os custos e esforços com isso. De um lado, a esperança passa a ser um ganho de potência imensurável a partir de uma situação imaginada que é vantajosa, prazerosa, etc. De outro, temos o temor, que é justamente o inverso, ou seja, o indivíduo se apequena ainda mais diante de uma situação imaginada, diante de uma consequência nefasta que possa lhe acontecer. Por fim, muitas atitudes indignas e desonrosas que observamos acabam sendo vitória da esperança sobre o temor.
Seguindo estes pressupostos, dou-lhe um exemplo que me emociono sempre ao assistir. Um fato que ocorreu no final de 2012, em Navarra, Espanha, e que chegou a tomar proporções extremamente significativas em sua divulgação. Em uma corrida de cross-country, o queniano Abel Mutai, medalha de outro nos três mil metros com obstáculos em Londres, estava a pouca distância da linha de chegada e, confuso com a sinalização, parou para posar para fotos pensando que já havia cumprido a prova. Logo atrás vinha o outro corredor, o espanhol Iván Fernández Anaya. E o que ele fez? Começou a gritar para o queniano ficar atento, mas este não entendia que não havia ainda cruzado a linha de chegada. O espanhol, então, o empurrou em direção à vitória.
Diante de tudo isso, a imprensa toda correu até o corredor espanhol, e um jornalista, perguntou: “Por que o senhor fez isso?”. O espanhol replicou: “Isso o que?”. Ele não havia entendido a pergunta. O jornalista insistiu: “Mas Por que o senhor fez isso? Por que o senhor deixou o queniano ganhar?”. “Eu não o deixei ganhar. Ele ia ganhar”. Sendo sucinto, o jornalista disse que ele poderia ainda ter sido o vencedor, mas o espanhol ainda disse: “Mas qual seria o mérito da minha vitória, qual seria a honra do meu título se eu deixasse que ele perdesse?”. E ainda finalizou: “Se eu ganhasse desse jeito, o que ia falar para minha mãe?”.
Portanto, podemos nos sensibilizar com atos nobres e deveres que deveríamos ter sem nos aproveitar de situações que mesmo nos favorecendo, precisamos ter em mente, que isso pode afetar o outro. E devemos nos ajudar para podermos construir uma sociedade digna de respeito, admiração, amizade e parceria sem tirar vantagem no que não nos pertence.
Diante deste exemplo e complementações, me recordo de uma grande mensagem dita pelo Professor e Filósofo “Mario Sérgio Cortella” em resumo do verdadeiro significado de ética. Para Cortella:
Ética é o conjunto de valores e princípios que usamos para responder a três grandes questões da vida: (1) quero;(2) devo; (3) posso. Nem tudo que eu quero eu posso; nem tudo que eu posso eu devo; e nem tudo que eu devo eu quero. Você tem paz de espírito quando aquilo que você quer é ao mesmo tempo o que você pode e o que você deve.

Assim, a moral seria a práxis a posteriori da ética. Temos a ética a priori dos valores e costumes que são criados por uma família, sociedade e nação que entendem por correto e bom. Não obstante, a moral se baseia por tais princípios descritos na premissa e são totalmente embasados pelas Leis Constitucionais do Estado e dos Países que são unânimes em algumas regras estabelecidas no convívio e interesses universais.

Adriano Farias

com o infinito ao redor

sem saber da chuva que chovia
nem ligar para a moral
dos grandes homens
dormia na rede.
e o dia passava lá fora
sem lembrança
porque o sono não era vida
nem formava história.
sonhava barulho dos sapos
passarinhos e água que caía.
sonhava com uma baía
e uma ilha
com grama do continente
e uma chaminé que soluçava
fumaça azul.
e no sonho ouvia
um galo chorando
o latido longe de um cachorro velho
e os primeiros grilos do mundo.
sonhava com brisa fresca
com sol que não existia
e risadas de meninas.
sonhava os prazeres
carne e espírito
cama e mesa
fluidos, toques e versos.
sonhava beijo e anoitecer
gafieira, pastel, cuba-libre.
dormia.

Adriana Sydor

Amanhecer sonho vagabundo
Desleixado com essa moral...
Burgueses que trolados sejam
Nas serpentes da realidade,
Somos a sobriedade de alguns segundos
Maltratados pelo simples ato ser
Não nascer no berço de ouro...
Sempre foi e será o apogeu,
Como tantos somos muitos abandonados...
Viver um momento simplesmente
por mais um tempo, sorrir e ate chorar...
Entres magoas do mundo...puro,
Fruto do destino perdido...
Na imensidão de tantos desejos...
Seja o desespero de minha alma...
No desperdício da fome que...
Nunca se cala diante tantas coisas belas
Se encontra no profundo do teu coração.
Porque não é possível encontrar facilmente...
No momento que começa não tem fim....
Com uma dor que deseja e assim lhe
Da prazer no meio do tempo que tudo parou.

Celso Roberto Nadilo

Às vezes, temos a “obrigação moral” de ter que continuar a manter contato com aqueles parentes que nos ferem, incomodam, penalizam.
Eles são família, sem dúvida, mas devemos considerar que o que realmente importa nesta vida é ser feliz e ter um equilíbrio interno. Uma paz interior.
Se aquele ou aqueles familiares violarem os nossos direitos, devemos estabelecer certa distância. A maior virtude de uma família é aceitar uns aos outros como são, em harmonia, com amor e respeito.

Desconhecido

O insano

Junte o útil ao agradável,
O infiel e o profano,
A moral e a ética,
O amor e o humano.

Se fosse simples não mais seria bonito,
O amor mensurável não serve,
Não eleva nem agrada ao espírito.

Não peço-te permissão,
Nem te digo que foi escolha.
É mais uma imposição do destino que nos entreolha.
Sinto-te distante,
Como um grito no vazio.
Vozes oscilantes, de uma mente inerte em meio ao frio.

Se sob a penumbra cinzenta recai a noite,
Me faria eu desnecessária.
Colmada por súplicas infiéis e de glória empavesada.
Num sóbrio recanto me conduz
A paisagem já atravessada.
Gestos secos e sem luz.
Alma distante, intocada.

O contraste ideal existente.
Olhos negros estes teus,
Fariam estrelas terem inveja deste tal brilho fosco.
Apenas sigo a linha do horizonte, ignorando vertentes.
Meras súplicas abandonadas,
Pudor inexistente,
Vidas separadas.

Colecionador de amor tu és.
Obra de vidas passadas.
Colecionador de dor tu és.
Portador de histórias equivocadas.

Afundo-me em teus males, mergulho em teus receios,
Bebo da fonte dos teus medos.
Jogo-me por inteiro.

Ainda que louca, desvairada,
Entendo-te um pouco.
Vives para os outros,
Pensas nos outros.
Ah meu bem, pense em mim!

Thaylla Cavalcante

AS CONSEQUÊNCIAS DA MORAL INTRODUZIDA NA IGREJA MODERNA
Editor: Lovemore Barnabé Nkhoma
Amigos eu estive afastado por um bom tempo, um longo tempo. Seria franco dizer que eu tenho vivido o que poderíamos chamar de uma outra cultura, uma cultura bem mais simples do que a que tenho observado aqui. Isso não quer dizer que não tenhamos problemas donde venho, temos sim. Sabemos que todas as pessoas nascem com a natureza pecadora, e todos nós como ovelhas fora do rebanho, nos afastamos do Senhor nosso Deus.
No entanto gostaria de dizer que, o estilo de vida que tenho observado aqui nestes últimos dias, tem sido no mínimo estarrecedor. no terceiro capitulo da segunda carta de Paulo a Timóteo, Paulo nos avisa sobre os últimos dias; nos versículos de 1 a 5, a escritura diz que nos últimos dias os homens serão egoístas, orgulhosos, sem afecto uns pelos outros, mal-agradecidos, profanos, amantes do prazer mais do que amantes de Deus, e a lista prossegue.
Pelo que eu vi, o estado dessa sociedade actual me lembra os dias de Noé pouco mais antes da entrada na arca, e também muito de Sodoma e Gomorra, o pecado parece estar fragante e tao evidente agora como era naquela época, certamente estes devem ser os últimos dias a que Paulo se refere, e a segunda vinda do nosso Senhor Jesus Cristo está eminente.
Por favor não me interpretem mal amigos, eu não estou me colocando em uma posição moral elevado do que qualquer um aqui, eu também falhei contra o Senhor de muitas maneiras, na verdade me sinto parcialmente culpado. Nestes últimos dias me dei conta de como estive errado, em pensar que podíamos transformar a sociedade através dos ensinamentos do Senhor sem o Senhor dos ensinamentos. O Senhor Deus que criou todas as coisas, parece ter sido eliminado de nossas escolas, do governo, dos negócios, é atacado nas artes em sua diversão e através destas brilhantes invenções do radio, da televisão, e do cinema o demónio conseguiu instalar pensamentos e ideias pecaminosas e alternativas nas mentes das pessoas, de tal forma que Jesus Cristo e o que Ele fez, o que Ele foi, o que Ele defende e o que Ele é, se perdeu, se perdeu.
Meus amigos eu os incito conveniência, como eu mesmo fiz na semana passada a repensar a vossa relação com Deus através de Cristo. Por favor sejam claros de que realmente os senhores se submeteram a Jesus e O receberam em suas vidas como vosso Senhor e salvador pessoal. Sabemos que Jesus não salvará nenhum homem que não possa comandar, e se os senhores estão fazendo um jogo de fingimento junto ao Senhor esta noite, se sabem que la no fundo dos vossos corações não se submeteram verdadeiramente a Ele ou se não tem a certeza de sua posição junto a Cristo agora é o momento de se redimir junto a Deus e se entregar a Cristo que morreu por nossos pecados, para salvar vidas do sofrimento eterno que virá, o julgamento final virá sobre a humanidade e aqueles que não se colocarem ao lado de Cristo. Vamos aproveitar este momento para renovar nosso propósito e nosso compromisso e ser um povo que irá viver por Cristo e que dirá a nossos semelhantes sobre Seu acto de amor eterno.
Eu peço desculpa por falar de uma forma tão veramente esta noite, mas são coisas que estão no meu coração e que temo que permaneceram por um longo tempo, a verdade é que todos nós viveremos eternamente e passaremos a eternidade quer na presença do nosso Senhor ou em um lugar sombrio que a bíblia chama de “lago de fogo”. Se não o fizeram por favor entreguem a vossa vida ao Senhor Jesus Cristo agora, sua eternidade dependerá disso. Acho que falei o bastante.
Por: RECUPERANDO O EVANGELHO do filme A Jornada, Uma Viagem Pelo Tempo

Lovemore Barnabé

Adoradores do sangue
famintos por uma alma mortal,
dejetos da sociedade,
aonde esta moral?
se a conhece a despreza!
no fardo dessa vida momentânea
de senso critico é apenas parte da carne...
do desejo inflamado,
na língua da besta que nos consome,
as virtudes que tanto afloram,
na sobriedade dessas pobres almas...
espíritos vendidos pela vaidade
dos pecados mais profanos...
condenados para sempre.

Celso Roberto Nadilo

LONA DA PELE

Demétrio Sena, Magé - RJ.

Moralismos não cabem na minha moral;
minhas retas são tortas, é assim que vou,
porque sou a vontade que domina os atos
e não cabe no circo das formalidades...
O que temo é ferir; é causar sofrimento;
é frustrar esperanças; destruir um sonho;
ser medonho, incorreto, manipulador
ou alguém evasivo; que não é quem mostra...
Não há plástica e tinta sobre minha essência
nem almejo a decência dos inquisidores,
a roupagem tecida pela hipocrisia...
Sou a livre mensagem da própria expressão;
coração que palpita sobre a flor da pele;
pago todas as pétalas dos meus pecados..

Demétrio Sena - Magé-RJ.

(UM MUNDO DE VALORES E ESQUECIDO POR PRINCÍPIOS.)
SATANÁS NÃO E CONTRA A BOA MORAL ENSINADA HOJE NO MUNDO.
ELE SE OPÕE A JESUS CRISTO E SEUS ENSINAMENTOS ,
MUITOS USAM A MORAL PARA ATRAÍREM AS PESSOAS MAIS OS ENSINAMENTOS DE HOJE SÃO CONTRADITÓRIOS AOS PRINCÍPIOS BÍBLICOS.
MAIS A QUESTÃO MAIS IMPORTANTE NA CRISTANDADE
E A AUTORIDADE DE CRISTO, E SUA DOUTRINA
E SATANÁS ESTA TENTANDO FRUSTAR ESSA AUTORIDADE DISTORCENDO ESSA DOUTRINA CONFUNDINDO A MENTE DE ALGUMAS PESSOAS. E CRENTES.
OS ENSINAMENTOS HUMANO ESTA DEIXANDO DE LADO OS PRINCÍPIOS BÍBLICOS E FAMILIARES CONVENCENDO OS PROFESSORES DE ESCOLAS FACULDADE ETC ENSINAR AOS NOSSOS FILHOS ADOLESCENTE E JOVENS SOMENTE A MORAL ,
VEJAM E OBSERVAMOS ALGUMAS FAMÍLIAS DE HOJE ESTÃO ENFRAQUECIDAS PERDERAM A ADMINISTRAÇÃO E O ALTO CONTROLE DENTRO DE SUAS CASAS TANTO OS PAIS QUANTO OS FILHOS, NINGUÉM RESPEITAM MAIS NINGUÉM,
OS FILHOS TEM COMO PAI UMA TELEVISÃO E COMO MÃE A INTERNET FILHO MÃE E PAI JÁ NÃO SE REÚNEM MAIS NÃO HA CONVERSAS REUNIÕES ACORDO DENTRO DOS LARES.
HOJE ALGUNS RECÉM CASADOS NÃO DURAM MAIS DE UM ANO DE MATRIMONIO, OS JOVENS ESTÃO MAIS DESRESPEITOSOS LOGO CEDO PELA INFLUENCIA CONHECEM O CRACK ,ARMAS O ROUBO MATAM SE SEGAM EM BUSCA DE UMA VÃ ALEGRIA,
ISSO E SOMENTE O RESULTADO PELO FATO DE QUE A HUMANIDADE TEM SE ESQUECIDO DO REAL VALOR DE CRISTO E SEUS MANDAMENTOS .
PRECISAMOS DE PARAR UM POUCO E REFLETIRMOS SOBRE NOS , NOSSOS ATOS TEM NOS GERADO UM CARÁTER APROVADO POR DEUS ACEITO POR JESUS E PRATICADO PARA NOSSO BENEFICIO DO NOSSO PRÓXIMO E DE NOSSOS SEMELHANTES
TUDO QUE NOS PLANTAMOS NOS VAMOS COLHER E ALGUNS DEUS NÃO TERÁ POR INOCENTE OS QUE DESVALORIZAM E ABANDONAM OS ENSINAMENTOS DE DEUS E O REAL VALOR DE SUA DOUTRINA EM NOSSAS VIDAS E NA NOSSA FAMÍLIA,
ISSO E MUITO IMPORTANTE E NÃO VOS ESCREVO POR ESCREVER, NO FUNDO TERÁ ALGO SATISFATÓRIO DE MELHORIA, QUE DESPERTARA EM VOCÊ, COMO DESPERTOU EM MIM ESSA VONTADE DE AUTO ANALISE SERA QUE DEUS TEM SE AGRADADO DE MIM ? PERGUNTE A ELE VOCÊ TAMBÉM,?
ACREDITE SE NÃO CRERMOS EM DEUS SERA MUITO DIFÍCIL VIVERMOS EM PAZ COM NOSSOS SEMELHANTES AMIGOS E FILHOS.
A BÍBLIA DIZ QUE TEMER A DEUS E O INICIO DE TODA SABEDORIA,
SE EU VOCÊ E A SOCIEDADE NÃO ACREDITAMOS EM DEUS TEMAMOS OU NOS REVERENCIAMOS A DEUS OQUE MAIS PODEMOS ESPERAR OS ACONTECIMENTOS ESTÃO AI E SÃO MUITO REAIS

PAULO RICARDO PEREIRA

Se os lobos fossem homens.,,
haveria mais civilização,mais moral ??
como seria este país......melhor ou pior,
muitos consideram a nossa humildade com fraqueza.!
Enquanto o nosso país vive num mar de lama...
os senhores da guerra forjaram as suas leis
para escravizar-nos,
somos deixados à sua mercê que nos ameaçam,
despem-nos a alma ,sem dó nem piedade.!
As leis não são mais respeitadas..
o desrespeito é total.!
Esta realidade em que vivemos das muitas..
informações que chegam ate nós são manipuladas,
pelos senhores da guerra sem escrúpulos ,
só pensam no lucro ,desprezam a humanidade,
rasgam a carne de todos aqueles que são escravos ,
dependentes do seu emprego,
sem ele não conseguiam sobreviver,
alimentar a família que tanto depende.
Somos escravos de um sistema,que nos manipula,
escraviza,suga-nos o sangue e parece que gostamos,.....
Se os lobos fossem homens seríamos..
manipulados escravizados ou não..?

isabelRibeiroFonseca

A moral foi a maior dádiva concebida pela espiritualidade ,sem ela não visamos nada além da posse ,da busca incansável pelo TER ,em um tempo regido pelo socialismo deixamos de lado a ânsia de saber o real motivo de estarmos aqui.
Cada dia que passa é uma oportunidade a menos de SER aquilo que estamos pré destinados ,de transcender todas as expectativas ,basta apenas enxergar o efeito ilusório causado pela promiscuidade das ''verdades'' ditas pelos domadores de mente ... Liberte-se ,revolucione a maneira de pensar alimente cada dia mais o desejo do bem estar comum ,transpareça a sua verdadeira essência e tudo irá conspirar ao seu favor.

Pedro Junior

Como dói

Como dói perceber e sentir a moral e a indignação seletiva.
Como dói o preconceito e a ignorância.
Como dói ver os homens segregados pela cultura, pela religião, pela raça.
Como dói!!
Dói tanto que sufoca, pesa e faz chorar.
Dói tanto que paralisa e imediatamente mobiliza.
Dói tanto, como dói.

Eloiza Aparecida Wilhelms

Pessoas são livros que a gente encontra.
Tem livros que a gente quer ler, e tem livros que a gente não quer.
Tem livros que são confusos, e tem livros que são claros.
Tem livros que ensinam lições duras. Tem livros que são comédia.
Tem livros que são baseados em fatos. Tem livros que são baseados em sentimentos.
Tem livros que a gente perde... e às vezes não acha ninguém que devolva.
Tem livros que a gente desiste de ler no meio, e tem livros que a gente vai até o fim!
Tem livros que nos prendem e não queremos que acabe nunca mais.
Tem todos os tipos de livros!
Tem livros que são todos os tipos num só.
Como descobrir se um livro vale a pena?
É necessário vontade, tempo e paciência para ler toda a história.

Eveline S C Leite

De repente você nota que tudo muda; e o que significava muito para você, se torna praticamente nada.
Aprende a conduzir seus sentimentos, valorizar suas vitórias, a se reerguer após suas quedas e derrotas. Em fim, você amadurece.
De repente, você nota que tudo muda; e o que significava tão pouco para você, agora se torna tudo, diante de sua maturidade adquirida.

Gabriel Moretti