Textos de Desabafo

Cerca de 214 textos de Desabafo

Desabafo de Segunda-feira
"É impossível para o espelho da alma refletir na imaginação alguma coisa que não esteja diante dele. É impossível que o lago tranqüilo mostre em sua. profundeza a imagem de qualquer montanha ou o retrato de qualquer árvore ou nuvem que não exista perto do lago. É impossível que a luz projete na terra a sombra de um objeto que não exista. Nada pode ser visto, ouvido ou de outro modo sentido, sem ter essência real. O resto é excesso. Na luta contra o mal o excesso é bom; quem é moderado em anunciar a verdade está apresentando apenas uma meia-verdade. Esconde a outra metade com receio da cólera do povo. Não vou me surpreender se os "pensadores" disserem de mim: "É um homem de excessos que se volta para o lado mais desagradável da vida e não apresenta nada mais que desgraças e lamentações."

Se não entende, cumpadre, na casa da ignorância não há espelho no qual se possa ver a alma.

A vida, mestre, é uma escuridão que termina na explosão da luz do dia. Sempre!"

Raul Seixas

Um desabafo e uma reflexão, refletir minha vida....Pensar em tudo de bom que aconteceu dentro desse coração!
Saiba que conheci pessoas maravilhosas, capazes de fazer muita coisa boa..
Mas estou tendo que buscar em cada minuto dos meus dias, motivos de alegria e esperança..
Eu escolhi ser feliz e tornar isso possível, com amigos, não perdendo nunca o entusiasmo pela vida e pelo amor...
Mas esta sendo difícil sorrir com vontade de chorar... dizer adeus com vontade de ficar.... e mais difícil ainda esquecer alguém q tanto eu queria amar...

Gustavo André

Desabafo...

É triste saber que um dia eu gostei de você e,
hoje nem mesmo sei o que sinto...
Seu jeito um dia me conquistou, assim como suas
palavras, mas hoje não fazem o mínimo efeito
sobre mim.
Me perdoe pela sinceridade nas palavras...
sei que pareço um pouco agrassiva ,mas é
melhor a mais amarga verdade do que a mais doce
mentira, presiso fazer com que você saiba um pouco
do que eu sinto.
É, você tem razão, eu mudei com você, mas é que eu não
posso mentir algo que nem mesmo eu sei a verdade.
O coração é o pior traiçoeiro, pois, podemos esperar
tudo de qualquer pessoa, menos de nós mesmo.
O coração sempre foi retratado como o mais belo ser...
mas vejo q não é bem assim, ele pode fazer com que você cáia...
Mas nunca fique no chão, levante-se,"não importa em quantos
pedaços seu coração pariu-se, o mundo não pára para que você o
concerte."
Não espere muita coisa de mim, não espere muito do meu coração...
Espere muito mais de você...

Anne Caroline

De tudo o que existiu fica tudo!
Ficam a empatia, os risos, o choro, o medo, o desabafo, os nós desatados e os que atamos também.
Ficam as palavras, as expressões e gestos de afeto e carinho.
Ficam os olhares de cumplicidade e intimidade nos momentos que foram nossos.
Ficam as músicas que não tivemos, as atrapalhadas, as caras de espanto e o medo de magoar com qualquer bobagem impensada.
O toque que a cada dia foi tomando forma mais sincronizada, sem muito desespero. Também fica junto com ele o abraço que foi se tornando cada vez mais apertado fazendo a gente quase entrar na gente.
Ficam os "nãos", os "sins", os "tudo bem" e ficam também os "bóra"! As aulas ficam. Tanto as de "como não fazer" quanto às de "como não ser".
Ficam as longas conversas sobre tudo e nada, sobre eu, sobre você, sobre os outros e sobre nós.
Ficam o silêncio e a troca intensa de emoções que fizemos através dele.
Ficam as broncas acompanhadas de gargalhadas, ficam as piadas engraçadas e as sem graça também. Ficam aquelas que fizemos pensando ao mesmo tempo a mesma coisa sobre a mesma situação. Como tudo isso foi incrível!!
Ficam os sentimentos de cuidado, de carinho, de zelo. Fica cravado no peito o respeito de uma grande e forte "amorizade".
Mas acima de tudo pudera eu dizer pra você: fica?!
Sugiro que modifiquemos e transformemos tudo isso que ficou para continuarmos usufruindo, mas de outra forma. Uma forma mais amena, serena, mas praticável.
Assim, com certeza, a gente vai poder ficar sempre perto!

Sheila Danadio

DESABAFO DE UMA MULHER MODERNA – CRÔNICA



São 6h00.O despertador canta de galo e eu não tenho forças nem para atirá-lo contra a parede.
Estou tão cansada, não queria ter que trabalhar hoje. Quero ficar em casa, cozinhando, ouvindo música, cantarolando, até. Se tivesse cachorro, passeando pelas redondezas.
Aquário? Olhando os peixinhos nadarem.
Espaço? Fazendo alongamento.
Leite condensado? Brigadeiro...
Tudo menos sair da cama, engatar uma primeira e colocar o cérebro pra funcionar.

Gostaria de saber quem foi a mentecapta, a matriz das feministas que teve a infeliz idéia de reivindicar direitos à mulher e por quê ela fez isso conosco que nascemos depois dela.

Estava tudo tão bom no tempo das nossas avós, elas passavam o dia a bordar, trocar receitas com as amigas, ensinando-se mutuamente segredos de molhos temperos, de remédios caseiros, lendo bons livros das bibliotecas, dos maridos, decorando a casa, podando árvores, plantando flores, colhendo legumes das hortas, educando as crianças, freqüentando saraus, a vida era um grande curso de artesanato, medicina alternativa e culinária.

Aí vem uma “fulaninha” qualquer, que não gostava de sutiã nem tão pouco de espartilho, e contamina as várias outras rebeldes inconseqüentes com idéias mirabolantes sobre 'vamos conquistar o nosso espaço'.

Que espaço, minha filha???!!!!! Você já tinha a casa inteira, o bairro todo, o mundo aos seus pés.

Detinha o domínio completo sobre os homens, eles dependiam de você para comer, vestir, e se exibir para os amigos, que raio de direitos requerer?
Agora eles estão aí, todos confusos, não sabem mais que papéis desempenhar na sociedade, fugindo de nós como o diabo foge da cruz.
Essa brincadeira de vocês acabou é nos enchendo de deveres, isso sim. E nos lançando no calabouço da solteirice aguda.

Antigamente, os casamentos duravam para sempre, tripla jornada era coisa do Bernard do vôlei - e olhe lá, porque naquela época não existia Bernard do vôlei.

Por quê, me digam por quê, um sexo que tinha tudo do bom e do melhor, que só precisava ser frágil, foi se meter a competir com o macharedo?
Olha o tamanho do bíceps deles, e olha o tamanho do nosso.

Tava na cara que isso não ia dar certo!!!
Não agüento mais ser obrigada ao ritual diário de fazer escova, maquiar, passar hidratantes, escolher que roupa vestir, e que sapatos, acessórios usar.
Que perfume combina com meu humor, nem de ter que sair correndo. Ficar engarrafada, correr risco de ser assaltada, de morrer atropelada, passar o dia reta na frente do computador, resolvendo problemas.

Somos fiscalizadas e cobradas por nós mesmas a estar sempre em forma, sem estrias, depiladas, sorridentes, cheirosas, unhas feitas, sem falar no currículo impecável, recheado de mestrados, doutorados, pós-doutorados e especializações (ufffffffffffffffffff!!!!!!!)...

Viramos super mulheres, continuamos a ganhar menos do que eles, lavar, passar,cozinhar e cuidar dos filhos da mesma forma. E ainda temos que dividir as despesas da casa.

Não era muito melhor ter ficado fazendo tricô na cadeira do balanço?

Chega, eu quero alguém que pague as minhas contas, abra a porta para eu passar, puxe a cadeira para eu sentar, me mande flores com cartões cheios de poesia, faça serenatas na minha janela (ai, meu Deus, já são 6:30h, tenho que levantar!), e tem mais, que chegue do trabalho, sente no meu sofá, e diga 'meu bem, me traz uma dose de café, por favor?'.

Descobri que nasci para servir. Vocês pensam que eu to ironizando?????
To falando sério!!!!!!!!
Estou abdicando do meu posto de mulher moderna....
Concordo com esta autora. Ah como eu queria dormir até mais tarde....rsrsrs
Alguém se habilita?

(Autora Desconhecida)

Desconhecido

Minha mulher e eu temos o segredo para fazer um casamento durar:
Duas vezes por semana, vamos a um ótimo restaurante, com uma comida gostosa, uma boa bebida e um bom companheirismo. Ela vai às terças-feiras e eu, às quintas.
Nós também dormimos em camas separadas: a dela é em Fortaleza e a minha, em SP.
Eu levo minha mulher a todos os lugares, mas ela sempre acha o caminho de volta.
Perguntei a ela onde ela gostaria de ir no nosso aniversário de casamento, "em algum lugar que eu não tenha ido há muito tempo!" ela disse. Então, sugeri a cozinha.
Nós sempre andamos de mãos dadas...
Se eu soltar, ela vai às compras!
Ela tem um liquidificador, uma torradeira e uma máquina de fazer pão, tudo elétrico.
Então, ela disse: "nós temos muitos aparelhos, mas não temos lugar pra sentar".
Daí, comprei pra ela uma cadeira elétrica.
Lembrem-se: o casamento é a causa número 1 para o divórcio. Estatisticamente, 100 % dos divórcios começam com o casamento. Eu me casei com a "senhora certa".
Só não sabia que o primeiro nome dela era "sempre".
Já faz 18 meses que não falo com minha esposa. É que não gosto de interrompê-la.
Mas, tenho que admitir: a nossa última briga foi culpa minha.
Ela perguntou: "O que tem na TV?"
E eu disse: "Poeira".

Luis Fernando Veríssimo

Video 2
Notes
Posted 1 week ago

”As pessoas olhavam pra mim e diziam: É impossivel cara, é impossivel você chegar até aqui. Manda eles pra put* que pari*. É possivel sim. É possivel vocês, cada um de vocês que estão aqui hoje. É possivel realizar sonhos de vocês sim. Vocês são capazes. Acreditem em vocês. Você pode cara, se você não acreditar em você, ninguém vai acreditar. Lute pelo seu sonho. Nesse ano, luta por você, que você vai chegar aonde você quer. Eu quero que vocês saibam de uma coisa. A gente vendeu mais de dois milhões de cópias em discos. A gente hoje é ‘os artistas’ número 1 do Brasil. É o que mais faz shows, é o que mais ganha dinheiro, é o que mais ta na mídia. E nós continuamos de Guarulhos… O sucesso não sobe nas cabeças das pessoas não, sobe o sucesso nas cabeças das pessoas fracas, nós não somos pessoas fracas não. Se a gente, se a gente fosse fraco, a gente tinha desistido há 5 anos atras. Quando as pessoas diziam que a gente nunca ia chegar aqui. E nós estamos aqui caralh*. O impossível não existe. Tudo é possível quando vocês querem. Acreditem em vocês, vocês têm força. E quando a música começar, todo mundo pulando junto com a gente em Guarulhos.”

Desabafo de Dinho Mamonas Assasinas

Meu desabafo,minha solidão!

Quando deito pra dormir, com a escuridão da noite, memórias me trazem lembranças de puro sofrimento.
Meu coração partido em pedaços, minha alma morta, e meu corpo enfraquecido.
As lagrimas insistem em descer, estou perdida em um mundo cercado de desgraça, miséria e dor.
Em um mundo desumano onde o único objetivo é ser melhor que os outros, em um mundo onde o amor perdeu o sentido e o ódio reinou.
O amor foi aniquilado do coração do homem, o amor foi despedaçado.
Me sinto melhor no escuro,fico mais à-vontade!
Pois ninguém me ver, onde ninguém pode reparar meus defeitos, onde posso amar sem me preocupar com beleza física, sem saber qual sua cor, seu nome!
Apenas sinto seu calor !
Me sinto bem à-vontade quando estou de preto .
O preto me atrai, me deixa em paz, me anima e me faz pensar em min mesmo.
Gosto de ficar sozinha desse jeito não me sinto traída....
Apenas falo com minha consciência ela me entende, me ajuda, me ensina.
Estou fora de si ,me sinto tão sozinha mesmo quando estou rodeada por milhares de pessoas, mais ninguém me entende,ninguém sabe o que realmente quero .
Meu desejo é tão pequeno...
Sou tão complicada que às vezes nem eu mesma me entendo.
Perdi meu manual fica meio difícil saber como usar!
Preciso de um técnico que possa me ajudar, me ajudar a descobrir como realmente sou.
Um técnico para avaliar meus conceitos, concertar meus defeitos, alegrar minha alma entristecida.
Preciso de um técnico perfeito!
Minha alma esta negra nem eu mesma consigo enxergar, quer dizer nem sei se tenho alma.
Não consigo me descobrir neste mundo escuro, coberto por uma nuvem negra que não quer passar ,com a proporção do tempo ela esta crescendo ,qualquer dia desses essa bomba vai estorar ,e eu não quero estar aqui para ver!
O mundo vai se acabar e eu continuo sozinha, não tem ninguém para me perceber!
Eu quero alguém só para min...
Alguém que me ame e me note no meio da multidão, alguém que tape o buraco negro do meu coração...
Alguém que seja capaz de me arrancar da SOLIDÃO e me fazer feliz,como nunca fui um dia!

By: Srta.Betinha
Roberta Pires
Criado em ,05/03/08

Srta.Betinha (Roberta Pires)

DESABAFO DESCONTENTE




as vezes a tristeza me faz muito refletir
é uma insegurança que só faz sofrer
vontade que apareça um sinal pra valer
que me tome as incertezas,dizer o que fazer


não vivo o presente pensando no futuro
tenho medo fracasso que pode acontecer
é por isso que sinto a falta na ausência
socorro esperado que nunca vem aparecer


quero a felicidade bem dentro de mim
só tenho vácuo,perguntas a interrogar
por que em tudo reclamo da vida
solidão mortal para sempre viver?


Intensamente imploro por um pouco de carinho
atenção para os detalhes que posso dizer
sentir sensações de pura harmonia
desejo deixar de ser uma pessoa infeliz

Gaudrya Tonaco

Desabafo de um solitário.

Mais uma noite cai e eu estou aqui mais uma vez no meu quarto, ao lado de um rádio ouvindo músicas as quais me fazem viajar em um mundo completamente esquecido, porém meu. Esquecido ao ponto de não ter com quem dividir essas palavras que ao se juntarem formam verdades que nos fazem lembrar de coisas ou fatos que marcaram muito nossa vida, vida a qual muitas vezes mal vividas, talvez por falta de um alguém ou até mesmo pelo fato de não termos coragem de assumir um amor...
O sono bate, as palavras somem, os olhos pesam... mas de uma coisa ainda tenho plena consciência, de que no dia seguinte será da mesma maneira como foi o ontem...
Será que minha vida só se resume a isso?
Será que um dia, seja perto, seja lonje, poderei ou deixarão eu viver minha vida da maneira que me for mais suficiente para me sentir realmente feliz?
Trago comigo a seguinte frase: "Felicidade não existe, o que existe são bons momentos partilhados com pessoas especiais que nos fazem sentir bem e que não duram muito tempo!"
Infelizmente, felicidade não é para todos, pois nem todos vivem da maneira que gostaria de viver para poder se sentir feliz.
Tudo no mundo depende de uma segunda pessoa para tentarmos sermos felizes, apesar de que a felicidade tem que estar dentro de nós mesmos e não nas pessoas, pois as pessoas apenas nos completam!

Alessandro Ferraro

Desabafo sem Hipocrisia (Dedicado a Amy Winehouse)

Não sou exemplo pra ninguém
Meus pecados vão além
Do que a consciência
Pode condenar

Minha fé,
Não remove montanhas
E a determinação,
Deixa muito a desejar

Os pensamentos,
Nada elevados,
Encontram-se
Constantemente deturpados

As muitas idéias loucas
Que mal consigo lembrar
Transformam-se em coisa pouca
Ao meu despertar

Os sonhos...
Foram por água abaixo
Da mesma forma que não me encaixo
Perante normas sociais

E me consola uma dose
Da mais forte bebida
Para lembrar o quão fraco
Sou nessa vida

E quem sabe um dia
Esse desabafo sem hipocrisia
Ainda vá parar
Em algum jornal

(Obtuário 23/07/2011 -
cantora britânica
Amy Winehouse
foi encontrada MORTA
em seu apartamento de Londres,
causa: SUICÍDIO A LONGO PRAZO!!!!!)

Felipe de Lima 24/07/2011

Felipe de Lima 24072011

Um ultimo adeus..,

Quero que entenda,que isso é só um desabafo. Cada linha aqui contida foi escrita a base de pedaços de mim retirados. Como uma criança que cutuca seu machucado para deixa-lo ali exposto por mais alguns dias,única e simplesmente pelo fato das casquinhas ' coçarem ' enquanto cicatrizam.
Nada aqui é para magoar,ferir ou ofender. É só o que há em mim a tempos,guardado, escondido.
Não que eu seja ruim e que não o ame mais, nada disso.Pelo contrario, o amo desesperadamente por isso aqui abro mão da minha felicidade para vê-lo seguir em paz e feliz.
Essa historia de esperar, alimentando esperança já cansou, tanto pra um como para o outro. Eu cansei de esperar e você cansou de me ver esperar.
Por isso à partir de agora é o que chamo de fim definitivo. Eu tentei ser paciente, tentei esperar com todo o meu coração, mas enquanto os dias passaram meu coração despedaçava junto dele.Tentei prometer a mim que ter você por perto como amigo era melhor que não ter, mas cheguei à difícil conclusão de que isso não é verdade.Dói mais.
Então, com o coração apertado dou aqui meu adeus, mesmo que temporário apenas pelo tempo em que eu não conseguir vê-lo como alguém que deixou apenas lembranças, só enquanto eu necessitar do seu amor para o meu coração bater. Eu volto, um dia eu prometo voltar. Mas até lá, não pense em mim como alguém que apenas chorou sua ausência e sim alguém que te amou e precisou se afastar para encarar as coisas como você encarou desde o inicio.Dói, mas esquecer talvez tenha se tornado uma necessidade,pelo menos para mim.
Não quero nunca mais ouvir que me ama enquanto te tenho longe, distante como alguém que jamais fez parte da minha historia, enquanto divide a sua historia ou pelo menos dias dela com outro alguém. Que não seja ninguém em especifico, mas ainda sim... Alguém que não eu !
Vou embora e dessa vez não da sua cidade, mas sim do seu convívio, abandono, desisto.. chame como quiser. Mas aqui deixo de fazer parte de qualquer canto da sua vida e deixo também que vá.. que siga.. e não espero que olhe para trás, o momento disso acontecer passou, como uma leve brisa nos nossos rostos enquanto caminhávamos um dia junto pela praia. Tocou em cada um de nós, mas passou.
Se nada,até agora se resolveu, não serão mais alguns meses que resolverão. Vou embora, de uma vez e espero que me deixe ir.Egoismo à essa altura de nada adiantará. Não pertencemos mais um ao outro,alias acho que isso nunca aconteceu, amei-te sempre com liberdade.Então com a mesma,deixo-o .

Thamires Viel Agostini

Amigo
Sabe calar à hora certa
Meu desabafo escuta
Fala a sábia palavra
Aquela que preciso ouvir
É o sepulcro onde deposito meus segredos
É a fonte
Onde reabasteço meu ego
Acolhe minhas mágoas
Me reanima
Ri comigo
O riso mais sem graça
Escancara a boca
Com a minha gargalhada
Vara comigo noites
As alegres noitadas
Chora comigo
A lágrima sentida
Nas noites mal dormidas
Companheiro de solidões
O prório bolso abre,repartindo
Quando o meu está vazio
Amigos são tão poucos
Se restar apenas um
Que seja tão grande
Que me baste.

Sonia Batista

Desabafo

Francamente não sei como explicar, e tambem nao adiantaria nada se o seu "Para sempre" nao for igual ao meu.
É como se eu não soubesse o porque de estar aqui, é como se eu fechasse os olhos e tudo isso nao passasse de coisas que nao tem o porque de estarem onde estão.
Sabe quando a cabeça luta contra tudo a sua volta e seu coração insiste naquela melâncolia monotôna?
Sabe quando tudo parece real, só que é igual quando se esta dormindo, e quando se toca, estava apenas sonhando?
Se eu pudesse definir o amor, eu diria que é como voce dizer que ama Paris, sem sequer ter ido até lá, é como se voce nao soubesse oque é o amor realmente, mas voce sabe que ele esta ali, voce o sente de alguma forma, já a desilusão não se enquadra em nenhum ritual, ela eu definiria como "imprevisivel".É como se voce ficasse com sono quando nao se pode dormir, e ficar como uma energia e tanto quando a cama esta ao seu lado..Alias, nao sei o porque estou falando isso aqui, sendo que a pergunta que mexe com todos meus intintos é: O porque de tudo isso?
Porque este quarto rosa quando tudo na minha mente esta obscuro? sem respostas?
Porque será que tenho que sorrir quando na verdade eu quero chorar?
Porque arrumar a bagunça do meu quarto quando na verdade a parte mais importante do meu corpo esta confusa, minha cabeça?
Porque existem as estrelas se quando a nuvem chega elas desaparecem?
Será que é para termos a certeza de que ela sempre voltara a brilhar? Mas a questão é...e se não brilhar?
Para que falarmos que algo é Para sempre se nao temos a certeza?
Porque temos que nos preocupar com o final, se o começo nao esta nem começando?
porque acender a luz do quarto quando o resto da casa esta no escuro?
sera que estamos tentando esconder algo?
Pra que as lembranças se elas prejudicam o coração?
Porque as crianças insistem em desenhar casinhas na floresta? Ah, já sei, talvez esses desenhos deram inicio às favelas ou nós que estamos sonhando demais?
Oque estamos tentando disfarçar? O que sera que nos machuca tanto?
As vezes pelo simples fato de citarmos essa palavra ja machuca.
Certamente a melhor forma de viver é olhar para o final para entendermos o começo e o presente, mas como isso é possivel se no final todas nós estaremos mortos?
Pra que criar seu mundo de fantasia se o carnaval já passou?
Pra que se mostrar forte se voce esta acabado por dentro?
Pra que insistir em algo no qual ja nos mostra o final?
Será que ainda temos a esperança de que algo mude a esta altura do campeonato?
As vezes nem eu sei direito quem sou, e falar de amor, já tornou-se algo perigoso...
Porque será que o amor nos faz sofrer sendo que, Poxa, era pra ser a coisa mais bonita do mundo, será que é realmente de amor que estamos falando, ou algo parecido?
Quantas perguntas né?
Mas a questao é : se nao existissem as perguntas, quem precisaria das respostas?
Respostas que ninguem sabe se um dia vai chegar, e se talvez algum dia chegar, certamente sera no final...
Mas, no final nao estariamos Mortos? (risos)

Deborah Oliveira

Desabafoconfuso
O mundo cruel tornou-me a vida insana , pois obstáculos freqüentes e maiores me derrubam, as vezes chego a questionar minha existência, então se sou mesmo humana
Porque não ajo como tal , quero mudar mais não consigo, quero sorrir mais choro, quero ter Deus perto de min mais o afasto.
Sou incompreensível, perturbada não consigo se quer acreditar em min, estou fraca e mais fraca tenho medo de ficar sozinha as vezes eu tento cometer loucuras.
Cai no chão e não consigo levantar-me, olhos pra todos os lados e ninguém por perto, me desleraço em lágrimas e continuo no chão úmido e sujo, meu corpo aos poucos perde sua cor viva e estonteante pois é contagiosa a tristeza em meu coração, falo sozinha estou perdendo a fé!!!, em momentos de crise imagens frias e passadas repetem sem dó na minha mente pareço estar vivendo tudo de novo, meu Deus porque sou assim?!?!?!, não sei se foi minhas escolhas erradas, me arrependo de estar aqui agora..
Na lama.....

Juliana Soares

Carta de desabafo

Sabe esta é a primeira vez que uso o Word desde que o instalei em meu computador e venho a usá-lo para libertar da minha cabeça alguns de meus sentimentos que já tentei de vans maneiras liberá-los de mim já tentei lutar com alguma pessoa na academia, pois eu faço karate (afinal não sou covarde o suficiente para arranjar uma briga na rua com que tenho certeza não seria páreo para mim procurei alguém forte para até mesmo talvez apanhar, pois a dor física eu sei como suportar e destruir, eliminá-la de mim), já tentei beber (mais o álcool não mata a sede nem embriaga um coração tão triste que só o faria alegre com á embriagues). Bem esta é minha ultima tentativa sinto-me como se tivessem arrancado meu coração com as minhas próprias mãos e apesar disso tento parecer que estou bem, pois ninguém tem culpa pelo que eu sinto mais já não consigo suportar, pois a cada minuto minha mente vaga e lembro-me de palavras fortes que me fizeram ficar assim e como se eu entendesse a dor da margarida quando é arrancada por uma pessoa apaixonada de seu solo fértil apenas para aquela pessoa brincar com suas pétalas arrancando uma por uma até que a margarida não passa de mais um pedaço do que ela já fora e por fim quando já não e necessária descartada ao relento para apodrecer em meio as ervas para no fim ser apenas um pedaço de planta seca sem vida sem cor sem nada vendo enquanto apodrece suas companheiras flores crescendo bonitas e fortes, pois tiveram a sorte de escaparem da mão da menina apaixonada que lhe arrancou a vida com uma tortura lenta e calculada entre palavras de sim ou não que no final a ela mesmo pouco importava, pois já estava feliz.

Mais se disse que me sinto apenas como a margarida impotente e frágil pelos acontecimentos a minha volta estaria muito melhor do que estou porque ela possui a dignidade de poder mostrar a sua dor e estar à vista tal dor para que fique claro o que sente e eu não possuo no momento tal poder então sofro calado e invisível embebido em minha raiva devastado pela minha fúria sabendo que a única coisa que eu posso fazer e olhar para o meu infinito interno e me ver fazendo o que quase não noto mais faço sempre que me volto ao meu eu exterior chorando e no meio de tentativas vans de realmente esquecer o que sinto mentindo para mim e para os outros me deparo sempre com um obvio motivo pelo qual não consigo entender como a falta do conhecer quem está há tanto tempo ao seu lado pode doer tanto, pois e tão bom não saber nada do que saber um pouco tão doloroso que lhe faz querer saber mais e mais e a cada mais que você sabe mais dói e a quanto mais você não sabe te dilacera inteiro.

Aquele que já foi magoado se protege para não ser magoado novamente e quando isso se repete ao invés de como o obvio em todas as experiências da vida tendes sempre a ficar mais forte, neste caso você tende a ficar mais vulnerável.

Acho que se eu continuar a escrever este relato apenas vai mostra minhas fraquezas, pois sou um fraco eu mesmo vejo isso em mim, mais o pior e saber que quem e ler isso ficaram pelo menos um pouco triste, pois ira conhecer minha dor então neste momento venho colocar este texto para uma língua que não e a minha para que meus conterrâneos vejam mais não entendam o que tenho a dizer como a margarida que grita para que suas amigas tentem fugir da menina para não estarem como ela mais suas amigas já não escuta sua voz fraca de tão longe a quem ler e entender obrigado uma parte de mim mora em seu coração e desculpe por te dar um relato de vida tão ruim.

Paulo Henrique de O. Rodrigues

Desabafo

Como pode?
Ah, meu Deus! Como pode?
Apaixonar-se por um sonho,
Como pode?
Apaixonar-se por palavras,
Como pode?

Ainda sonho com o toque da tua mão
Não foi nada pra você
Mas foi tudo para mim

Por que tenho que ficar aqui
E fingir que você não é nada pra mim?
Por que tenho que esquecer tudo o que houve
Se ao certo não houve nada?

Naquela escuridão eu só via você
Sentia teu cheiro de longe
E as imagens que passavam a minha frente
Eram apenas meus sonhos

Como pode mudar assim,
De melhores amigos a inimigos mortais?
Bem que eu queria te matar
Quem sabe assim você saía de mim

Por favor, não fala mais comigo
Cada palavra sua
É uma esperança que eu não posso ter

Não liga pro meu choro
Essas lágrimas são por você
E não para você

Não ligue se eu disser mais uma vez que Te Amo
Preciso disso para não morrer de dor
Deixa-me dizer o que você já sabe:
Eu te amo te amo, te amo e te amo

Por favor
Sai daqui!
Vai embora enquanto há tempo!
Não me deixa te prender aqui

Tua presença sem teu toque
Me enfraquece
Me enlouquece
E eu não posso mais

Some da minha vida!
Me deixa em paz!
Se não quer me salvar,
Droga! Me deixa em paz!

Sua amizade me machuca
É ainda pior que sua indiferença
Me ame ou me odeie
O meio termo me destrói

Acaba logo com essa farsa
Entendo tanto de mentira quanto você
Você não sabe me entender
E eu a você menos ainda

Vai, diz logo o que quer dizer
Que o teu mundo não é igual ao meu
Que você é melhor sem mim
E que uma louca não merece seu amor

Para de fingir que você me entende
Para com essa cara de inteligente
Quando você para pra pensar
Só arranja uma forma de me magoar

Desliga-te de mim
Já que eu não posso fazê-lo
Faz-me te odiar um pouquinho
Faz-me esquecer que Te Amo

Que chegue logo a hora da partida
Não posso mais ficar aqui
Assim, tão perto de ti
Assim, tão longe de ti
Ou isso acaba de vez
Ou eu acabo de vez

Misu Sakushi

Desabafo

E então quando você se esquece,
o mundo vem e te ataca
num golpe de surpresa fria.

E assim é como nascer ou morrer,
nada mais natural
Inevitável, se sofre um dia.

Depois calejar e ser insignificante a dor...

Estou pronta pra um amanhã melhor,
"depois da tempestade, vem a calmaria."

Leila Antonelli

Desabafo



Queria poder ouvir a voz do coração,
Mas deixaram ele mudo,
E meu peito arde como uma queimadura de terceiro grau.
Desde que me forcei á fazer
Tudo aquilo que tem me trazido dor.

Não adianta lutar quando já se sabe
Que os olhos, não conseguem produzir lágrimas.
Mas nada acabou,
Durmo toda noite esperando a alegria
Por que esperança não existe mais,
E o sentimento que sustenta a alma
Se tornou meu leito.

Gostaria de saber o que vc sente,
Se é gostoso voltar ao próprio vômito
E machucar quem não merece.

Enquanto isso fecho os olhos
E tento abrir o coração,
Para que possa prevalecer a consciência
E para que as minhas lágrimas não se tornem geladas
Como meu sentimento por você.

Antônio Carlos Baena

DESABAFO
... E o tempo foi passando e eu sofrendo cada vez mais, poxa como chorei!
Chorei das vezes que você me colocou para fora de sua vida e de sua casa.
Chorei das tantas vezes que ti ligava e simplesmente você desligava o telefone para não ouvir minha voz... Muito fácil para você né? Simplesmente você ia dormir e eu continuava a chorar.
Chorei... Das vezes que ti perguntava como tinha sido seu dia de serviço e como uma flecha apontada diretamente para mim retrucavas: para que quer saber? Isso não ti interessa. “Você tem que aprender a separar as coisas”
Chorei... Na passagem de ano novo, aqui sozinha pronta ti esperando e me renegaste.
Chorei... Por muitos domingos sozinha, pois você sempre ia embora e eu implorava por você caída por de trás da porta.
Chorei por você demais, gritei por seu nome inúmeras vezes, mas você estava sempre longe por isso não conseguia ouvir.
Não posso esquecer de minhas lágrimas quando por diversas vezes fiquei de longe ti vigiando, pedindo a Deus para que viesse até mim me abraçasse e beijasse mas você nunca veio, continuava com seus amigos conversando e rindo.
Chorei por palavras que pronunciou, e tantas humilhações...
Você me negou seus carinhos, seus beijos, sua vida a mim.
A minha submissão e medo eram companheiros certos!
Amar e perdoar ao mesmo tempo é difícil, agente cansa.
Poxa! Como quis você pra mim, só pra mim... Sei que tinha medo... Mas eu prometi que eu iria cuidar de você... Pena que não acreditou.
Larguei tudo, enfrentei minha família e amigos... E não adiantou nada.
Um dia resolvi enfrentar a situação de frente e ti mostrar que o mundo não girava ao redor de seu umbigo.. . Aí tudo começou a mudar, pena que eu já não era mais a mesma, pois estava esgotada, cansada, já não tinha as preocupações antigas.
Passei a olhar mais pra mim e menos para você. Reaprendi que para você gostar de mim eu precisaria a me amar novamente... Demorou mas passei a me dar valor.
E aí? Você também passou a me dar valor... Mas acho que foi tarde.
Você havia destruído todos meus sonhos, minha vontade de ser feliz ao seu lado, minha vontade de ti amar...
É claro que nunca posso dizer que não tive momentos maravilhosos ao seu lado. Apaixonei-me primeiramente por sua voz ao telefone, depois por você e seu corpo. Nunca amei ninguém assim e não amarei mais.
Temos personalidades fortes, por isso que chegamos a esse ponto.
Meu coração diz que sou sua e devo ficar com você até o último dia de minha vida, mas minha cabeça diz que preciso de equilíbrio e paz de espírito, não tenho necessidade de passar por certas situações.
Sinto falta do cheiro do seu corpo, de você entrelaçada em mim...
Mas as coisas devem continuar como estão, vamos tentar... É difícil, mas vamos continuar afastados.
Apesar de tudo penso em você a todo instante, sinto sua falta, tenho saudades AMO VOCÊ apesar dos pesares.

Edilene Pereira Gonçalves