Textos de Bebes

Cerca de 11 textos de Bebes

Círculo vicioso

Um dia, milhões de bebês choraram na liberdade uterina do milagre da vida: nasceram. Não vestiram seus corpos, não lhes calçaram sapatos nem lhes deram o conforto do seio materno, antes da posse do sonho infantil, foram rejeitados, ao rigor do abandono.

Um dia, mãozinhas trêmulas, inseguras, sem afeto, bateram na porta do vizinho, procurando abrigo. Não havia ninguém ali para oferecer afeto nem portas havia na pobreza do lado. O menino escorregou na direção da rua.
Um dia, a criança anêmica foi eleita à marginalidade da escura noite e disputava papelões e pães no lixo do depósito público. Aos tapas, cresceu como grão perdido no vão das pedras, sem a mínima possibilidade de sobreviver: sem teto, sem luz, sem chão.

Um dia, o adolescente esperto teve alucinações de vida e o desejo de conferir a sociedade: candidatou-se à luta amarga do subemprego. Alvejado pela falta de habilitação, foi condenado como vagabundo, recebendo etiqueta oficial de mendigo.

Um dia, o adulto desiludido, amargurado, sem emprego, sem referencial, saiu à procura do amor. No escuro, mas cheio de esperanças, foi colecionando portas fechadas pelo caminho. Sem Deus, sem nome, sem avalista, sem discurso, acreditou no “slogan” das campanhas sociais.

Um dia, o menino mal nascido, mal amado, mal educado, não soube cuidar do filho que nem chegou a ver. Não ouviu seu choro. Imaginou apenas que, após nove meses de duríssima gestação, alguém brotara de um rápido encontro, irresponsável, assustado e vazio que sempre ouviu dizer que se chamava amor.

Ivone Boechat

Dois Bebês estavam sentados em seus berços, quando um deles disse ao outro:

“Você é menino ou menina?”

“Eu não sei” disse o outro Bebê, gesticulando com seus bracinhos.

“Eu não sei qual é a diferença.”

“Ah, mas eu sei”, disse o primeiro Bebê, animado.

Ele cuidadosamente se aproximou do bercinho do outro Bebê, levantou o cobertor e entrou debaixo dele… Depois de um minuto, ele reapareceu com um sorrisão no rosto.

“Você é uma menina, e eu sou um menino,” ele disse orgulhosamente.

”Oh, você é tão inteligente!” suspirou a Bebê,”mas como você sabe disso?”

“Ah, isso é moleza!!!” disse o Bebê.” Você tem sapatinhs rosa, e eu tenho sapatinhos azuis!”

Autor desconhecido

O além é um lugar distante.
Tudo vem do além.
Lá onde moram deuses, bebês, anjos e fadas.
O além é um lugar distante,
tudo vai para o além.
É lá que estão também,
aqueles que amamos,
e que forçosamente nos separamos,
fazem passagem para o além...
O além tem vários setores, tem o lugar dos animaizinhos,
e um outro setor hilário "aquele" das meias perdidas...
Mas agora eu me refiro ao mais especial dos especiais,
onde acontecem milagres e transformações.
Avós, velhinhos e todas gentes que já foram,
voltam a ser bebezinhos,
ficam lá brincando, fazendo um tempinho,
nascem de novo, e voltam do distante além.
O nome do além deveria ser berçário...

Berçário é um lugar distante,
tudo vai para o berçário,
e do berçário, tudo vem...

Possivelmente tenhamos descoberto o ponto inicial de tudo.
De lá entre multidão de inocentes,
Deus, cheio de confiança, tenha demarcado este,
como o marco zero do amor...

Romana Blauth

Quando éramos bebês...

Costumo dizer que quando nascemos, estamos no "ponto"...

Mas, os adultos que cuidam de nós, se incubem de ir nos (des) "educando".

Para melhor entender isto, basta recordarmos algumas passagens da nossa infância que demonstram bem certas características que tínhamos e que hoje nos fazem faltam.

Éramos determinados... quando tínhamos uma meta, insistíamos até alcançá-la: aprendemos a andar, após várias tentativas e inúmeros fracassos.

Para atingir nossos objetivos, não nos importávamos com o ridículo: Ficávamos um tempão experimentando sons, fazendo os barulhos mais "esquisitos", até conseguirmos pronunciar palavras e depois frases.

Quando nos sentíamos incomodados, não engolíamos nosso incômodo. Literalmente "botávamos a boca no mundo".

Éramos assumidamente sinceros, curiosos e extremamente desejosos de aprender: Quando tínhamos alguma dúvida, insistíamos em perguntar até que conseguíssemos esclarecê-la.

Pois é... depois, à medida que fomos crescendo fomos (des) aprendendo muitas coisas e assim, perdendo muitas dessas características.

Passamos a ser inseguros e muitas vezes desanimar das nossas metas... abrir mão dos nossos sonhos... a temer fazer papel de ridículo, deixando assim, de alcançarmos muitos dos nossos objetivos... por nos inibirmos... a mentirmos em algumas situações... a ficarmos com dúvidas, temendo fazer o papel de pouco inteligente e ainda aprendemos a nos forçar engolir e remoer várias chateações, para passarmos a imagem de bonzinhos e "legais".

Imagine se o bebê nascesse com todas estas características que foram nos ensinadas?...

Pense nisso.

Maria Aparecida Francisquini

Veja as crianças com quem você cresceu,
Estão com seu bebês, então..
Se amor é doença, porque ainda
não existe uma cura?
As crianças hoje estão sem
brinquedos..
Só arma em mãos.
Pessoas dizem: Escute seu
coração.
Mas como escutar os corações se
eles estão chorando agora?
E os heróis?
E a paz?
Não temos nada mais..
Crescemos e a realidade é outra
Onde sua consciência não tem
nenhum peso..
Olhe, onde estão meus Ídolos?
Em um lugar longe demais da
terra, mas muito próximo de
nós..
E os sonhos?
Tentei realizar, mas foi
impossível, que até desisti.
E aquele vinho nas mãos, que
virou as águas dos olhos..
E a carne apodresceu em três
dias antes da ferida nascer..
E a alma foi lavada e levada..
E hoje o que resta?
Só ficarmos bem..
Do jeito que a vida nos propor..

Alexandre Brandão

* e 15 pessoas
* Mais Informação

Quanto menos comes, bebes, compras livros e vais ao teatro, pensas, amas, teorizas, cantas, sofres, praticas esporte, etc., mais economizas e mais cresce o teu capital. És menos, mas tens mais. Assim todas as paixões e actividades são tragadas pela cobiça.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 13 pessoas
* Mais Informação

A guerra, a princípio, é a esperança de que a gente vai se dar bem; em seguida, é a expectativa de que o outro vai se ferrar; depois, a satisfação de ver que o outro não se deu bem; e finalmente, a surpresa de ver que todo mundo se ferrou.
Karl Kraus

* Adicionar
* Na coleção de 11 pessoas
* Mais Informação

A religião é o suspiro da criança acabrunhada, o coração de um mundo sem coração, assim como também o espírito de uma época sem espírito. Ela é o ópio do povo.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 11 pessoas
* Mais Informação

O dinheiro é a essência alienada do trabalho e da existência do homem; a essência domina-o e ele adora-a.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 11 pessoas
* Mais Informação

A história da sociedade até aos nossos dias é a história da luta de classes.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 10 pessoas
* Mais Informação

A religião é o ópio do povo.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 8 pessoas
* Mais Informação

Tudo o que era sólido se desmancha no ar, tudo o que era sagrado é profanado, e as pessoas são finalmente forçadas a encarar com serenidade sua posição social e suas relações recíprocas.
(Manifesto Comunista)
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 10 pessoas
* Mais Informação

Uma ideia torna-se uma força material quando ganha as massas organizadas.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 7 pessoas
* Mais Informação

As revoluções são a locomotiva da história.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 5 pessoas
* Mais Informação

O segredo do demagogo é de se fazer passar por tão estúpido quanto a sua plateia, para que esta imagine ser tão esperta quanto ele.
Karl Kraus

* Adicionar
* Na coleção de 5 pessoas
* Mais Informação

Se o bicho da seda tecesse para ligar as duas pontas, continuando a ser uma lagarta, seria o assalariado perfeito.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 5 pessoas
* Mais Informação

As ideias dominantes numa época nunca passaram das ideias da classe dominante.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 4 pessoas
* Mais Informação

O ciúme é um latido que atrai os ladrões.
Karl Kraus

* Adicionar
* Na coleção de 4 pessoas
* Mais Informação

O que distingue uma época económica de outra, é menos o que se produziu do que a forma de o produzir.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 4 pessoas
* Mais Informação

Os homens fazem a sua própria história, mas não o fazem como querem... a tradição de todas as gerações mortas oprime como um pesadelo o cérebro dos vivos.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 4 pessoas
* Mais Informação

A tortura deu lugar às descobertas mecânicas mais engenhosas, cuja produção dá trabalho a uma imensidade de honestos artesãos.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 3 pessoas
* Mais Informação

Educação é aquilo que a maior parte das pessoas recebe, muitos transmitem e poucos possuem.
Karl Kraus

* Adicionar
* Na coleção de 3 pessoas
* Mais Informação

O amor e a arte não abraçam o que é belo, mas o que justamente com esse abraço se torna belo.
Karl Kraus

* Adicionar
* Na coleção de 3 pessoas
* Mais Informação

O diabo é um otimista se acredita que pode piorar as pessoas.
Karl Kraus

* Adicionar
* Na coleção de 3 pessoas
* Mais Informação

Os operários não têm pátria.
Karl Marx

* Adicionar
* Na coleção de 3 pessoas
* Mais Informação

A mulher existe para que o homem se torne inteligente graças a ela.
Karl Kraus

* Adicionar
* Na coleção de 2 pessoas
* Mais Informação

Escolho o meu inimigo pelo alcance da minha flecha.
Karl Kraus

* Adicionar
* Na coleção de 2 pessoas
* Mais Informação

Páginas: 1 2 3 Próxima

kaul max

Bébés de 1974, 1986, UE,CEE,Benelux
O pobre e o Rico, o espirito critico

Illustration :
Quando se leva os meninos a passear
A minha chave de cha nao vai a praia
Estou a falar de passear pelo estrangeiro
Quer dizer por fora
Na ponte da Alma pouco intéressa a Diana
No Louvre,no castelo historias de princesas
Bancos para descansar
Pois a noite foi curta
Praxa, o enterro da gata, hôtels, bebidas
Bem vindo da aldeia de raiano
Um que canta, joga zweka, alegre escuteiro
Interessado, attente, acordado,curioso
Das historias contadas pela ...guerra 14-17
Pois nada de iPod nunca foi a Dallas,SXB,Barca, OPO, Gaia para beber uma ginja com Tom Cruise em Top Gun ou Rain Man
De mobile ta claro quero fugir
Da Horta esta felizmente a melhor sopa
Comem galos com colher de ouro na boca
Ajudam os país no face sao especialistas
Da bolsa, borla, Cunha por acaso nao conheces ninguem ?
Educacao civica,filosofia,para os cientistas
Ou amena para tirar 10 pois na conta na média com licenca PECO des culpa,
Bolonaise formam e formataram 180 ECTs
O numerus clausus, kesako
Vamos falar com o snr Doctor agente se ha consulats...
Quando custa abrir um libro ha Bds agora Cabu esta na moda e o clube Disney
Centro do cérébro-spinal so abrangir
Com 20 vezes a dose scanner homéopathie
Tenho faculdade de escrever fui trabalhar
Com 2 neurones a luta Tom cruiser e Dustin Hoffmann um filme de gaijos com CHU chupa and Luft ballons com o DGs *****
Pouco intéressa fiz o meu trabalho
Sonhei do viajante, as viajens formam a juventude...
Putas d'Ève haver muitas, linguas de cobra
Na cama ou ca fora nao sei custa a luz a vir
Tenha pied à de delas alguns fazem
Isto para sustentar o agregado,o l'AR
Pois o marido d'Ève...em qualquer parto do mundo. E isto.
Sou estrangeira mas vivo no berco
Interogacao sobre o sentido, as guerras que esta feita contra nosso amor
Obrigada de me dizer quanto tempo
Ainda ha de sofrer. Responda a noite e dias...que chamo e ele ouve. E voce ?
Prefiro o refugio muitas esperancas na nova generacao, Compostelle es Muito perto nao interesse vamos a Fatima pagar os émoluments do povo que tem notion, humildade... O significado

estefaniaDelson e danieluzitanio

Somos fáceis de decifrar quando bebês. Um choro significa fome… Outro choro, significa cansaço. A coisa dificulta quando viramos adultos. Começamos a esconder os nossos sentimentos. Erguemos barreiras. Chegamos ao ponto de não sabermos os que as pessoas sentem. Sem querer, nos tornamos mestres do disfarce.

Não é sempre fácil se expressar. Às vezes, você precisa ser forçado. Mas, às vezes, é melhor não se expressar. Fazer-se de mudo. Mesmo quando todo o seu corpo implora para se libertar. Então, feche a matraca, guarde o segredo, e encontre outros meios para ser feliz.

Meredith Grey

No ventre de uma mãe havia dois bebês. Um perguntou ao outro: "Você acredita em vida após o parto?" O outro respondeu: -É claro. Tem que haver algo após o parto. Talvez nós estejamos aqui para nos preparar para o que virá mais tarde. "Bobagem", disse o primeiro. "Que tipo de vida seria esta?" O segundo disse: -Eu não sei, mas haverá mais luz do que aqui. Talvez nós poderemos andar com as nossas próprias pernas e comer com nossas bocas. Talvez teremos outros sentidos que não podemos entender agora.- O primeiro retrucou: "Isto é um absurdo. O cordão umbilical nos fornece nutrição e tudo o mais de que precisamos.O cordão umbilical é muito curto. A vida após o parto está fora de cogitação." O segundo insistiu: -Bem, eu acho que há alguma coisa e talvez seja diferente do que é aqui. Talvez a gente não vá mais precisar deste tubo físico.- O primeiro contestou: "Bobagem, e além disso, se há realmente vida após o parto, então, por que ninguém jamais voltou de lá? -Bem, eu não sei-, disse o segundo, -mas certamente vamos encontrar a Mamãe e ela vai cuidar de nós.- O primeiro respondeu: "Mamãe, você realmente acredita em Mamãe? Isto é ridículo. Se a Mamãe existe, então, onde ela está agora?" O segundo disse: -Ela está ao nosso redor. Estamos cercados por ela. Nós somos dela. É nela que vivemos. Sem ela este mundo não seria e não poderia existir.- Disse o primeiro: "Bem, eu não posso vê-la, então, é lógico que ela não existe." Ao que o segundo respondeu: -Às vezes, quando você está em silêncio, se você se concentrar e realmente ouvir, você poderá perceber a presença dela e ouvir sua voz amorosa-.

Riva Almeida

No ventre de uma mãe havia dois bebês. Um perguntou ao outro: "Você acredita em vida após o parto?" O outro respondeu: -É claro. Tem que haver algo após o parto. Talvez nós estejamos aqui para nos preparar para o que virá mais tarde. "Bobagem", disse o primeiro. "Que tipo de vida seria esta?" O segundo disse: -Eu não sei, mas haverá mais luz do que aqui. Talvez nós poderemos andar com as nossas próprias pernas e comer com nossas bocas. Talvez teremos outros sentidos que não podemos entender agora.- O primeiro retrucou: "Isto é um absurdo. O cordão umbilical nos fornece nutrição e tudo o mais de que precisamos.O cordão umbilical é muito curto. A vida após o parto está fora de cogitação." O segundo insistiu: -Bem, eu acho que há alguma coisa e talvez seja diferente do que é aqui. Talvez a gente não vá mais precisar deste tubo físico.- O primeiro contestou: "Bobagem, e além disso, se há realmente vida após o parto, então, por que ninguém jamais voltou de lá? -Bem, eu não sei-, disse o segundo, -mas certamente vamos encontrar a Mamãe e ela vai cuidar de nós.- O primeiro respondeu: "Mamãe, você realmente acredita em Mamãe? Isto é ridículo. Se a Mamãe existe, então, onde ela está agora?" O segundo disse: -Ela está ao nosso redor. Estamos cercados por ela. Nós somos dela. É nela que vivemos. Sem ela este mundo não seria e não poderia existir.- Disse o primeiro: "Bem, eu não posso vê-la, então, é lógico que ela não existe." Ao que o segundo respondeu: -Às vezes, quando você está em silêncio, se você se concentrar e realmente ouvir, você poderá perceber a presença dela e ouvir sua voz amorosa-.

Riva Almeida

Pouco me importaria, caso as pessoas que admiro, triturem bebês(por exemplo). Continuaria lhes rendendo a devida reverência pelo que me fez admirá-las inicialmente. Me recuso a bitolar meus sentidos por políticas e ideologias. Devemos amar/admirar as pessoas pelo que nos inspiram(seja no aspecto que for), e não pelas concessões que fazem para serem populares. A irrelevância das afeições humanas confirma o axioma de que é melhor ser temido do que amado, pois a afeição dura(bem menos) do que o medo. (Sérgio Pacca)

Sergio Pacca