Texto de reflexão

Cerca de 1338 texto reflexão Texto de reflexão

“Sob o papel desenho letras,
Que formando palavras montam um texto,
Com um simples olhar pode ser lido,
Mas somente com o coração entendido,
Entre verbos, parágrafos, e símbolos, sentimento envolvido,
A materialização de emoção,
O registro de existência,
Em algumas linhas, vida,
Por alguns versos, amor,
Com a verdade, sonhos,
Em devaneios, desejos,
Pelo caminho, bagagem,
Na estrada, história,
Por um simples lápis...
... Alma.”

Marcio Barbosa Gonçalves

* Fiz esse texto a um ex amigo, que fez parte da minha vida.

Quando cai a noite, é de você que eu lembro, Quando vem a neblina eu relembro os bons momentos que passamos juntos, Eu me lembro que eu disse que jamais iria te deixar que se fosse possível traria a Lua pra selar nossa amizade, mas. Mas veja oque aconteceu, Oque você fez Oque eu ti fiz, Do que adianta eu chorar se isso eu já faço quase todos os dias, Oque você fez, você me jurou um dia nunca me abandonar... Eu nunca signifiquei nada a você? Eu nunca fui nada pra você... Ah isso me deixa tão pra baixo, isso me desgasta , Olha oque fizemos, Naquela noite selamos uma amizade é numa mesma noite terminamos. Sim chegou o fim, Entre nós acabou oque tinha que dar já deu, Eu não vou mais sofrer. Porque você da à mínima, mas para mim eu nunca esqueci, Mas chegou o fim.

Ruan Brendo

Quero começar esse texto com uma frase de um cara bíblico: Paulo.
Ele diz em I Coríntios 13:11: “Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino”. Paulo entendia que é perfeitamente normal agir como criança quando se é uma criança, mas ele termina dizendo: “MAS quando me tornei homem ACABEI com as coisas de menino”.

Como é dificil crescer,
Como é dificil se libertar dos cordões umbilicais que temos.
Quando somos bebês e começamos a caminhar, levamos uma porção de tombos...E por toda a vida somos esses bebês.
Caminhar sobre nossas próprias pernas, nos leva a cometer alguns grandes tombos.
Mas, nunca sozinhos.
Por que tem sempre alguem que está por ali, que Deus enviou para nos orientar.
Nos levantar,
Quando bebês nossos pais,
Nossos irmãos...
Quando na Escola nossos amigos
Quando na Empresa nossos conselheiros(Jorge Piton)
Na Faculdade( Rafela Leal)
Na Vida ( Todos os anjos que nos cercam)

Bom mesmo é crescer, com a luz do amor de todos que nos rodeiam.
Porque depois que EU cresci, abandonei as coisas infantis.
E me permití, olhar para o alto e seguir no amor que Deus colocou na minha essência: VIDA.

Algumas vezes vamos cair sim...
Mas, sempre nos levantaremos!
Por que a essência não muda, nunca!
E lá dentro de nós está a luz, LUZ do amor de DEUS.

Vera Carvalho

Vou confessar pra você, este já é o décimo texto que estou escrevendo.

Mas os outros não ficaram tão bons quanto você.

Enfim a amizade é um sentimento fascinante, pois esse sentimento nos deixa feliz um com os outros.

Nos deixa com saudades,

Nos deixa contar segredos,

Nos deixa preocupados, às vezes,

Nos deixa compartilhar todos os outros sentimentos…

Enfim a amizade é algo muito complexo, mas quando estamos unidos conseguimos desvendar todos os outros sentimentos.

David C. Haubert

Amor a distância (Texto)

O amor, tão belo e delicioso é o amor. Tão frustante é a distância que vem separar dois corações apaixonados. Distância que se não bem aceitada, pode desestruturar um relacionamento. Não todos os relacionamentos. Porque a família é onde o amor prevalece, mesmo a distância sendo entre a terra e o céu. O amor é belo, é um sonho que muitos sonham, mas nem todos realizam. É um segredo oculto pra quem não pode falar, se declarar... O amor pode ser fraco, pode nos deixar abalados, com ciúmes. Mas a distância é quem provará o que realmente cada um sente, pois na distância, o ser apaixonado será julgado mentalmente, julgado para saber se é isso mesmo, se o sentimento é este mesmo, é o amor, mais uma vez o amor.

Um ser apaixonado sabe o que se passa na sua cabeça quando seu amor vai embora, ou está longe. Sabe que terá de enfrentar várias barreiras para superar essa dor de ter que ficar longe de quem ama. Mais essa mesma distância é o que vai dizer o quanto um ama o outro. O quanto existe confiança nessa relação. Confiança de superar os limites do corpo, pra resistir aos desejos que aparecerá. Desejos muitas vezes irresistíveis, desejo de um corpo, de uma boca, de uma noite. Mas é pra isso que serve o amor a distância, pra combater esses desejos e se limitar apenas para um ser. Ser este, que confiou numa força abstrata do companheiro, uma força capaz de aguentar grandes laços de amor, capaz de de dar nó numa eternidade de amor.

Ricardo Araujo (ricardocbjr)

De manhã vou te acordar com cheirinhos e beijos...
Tomaremos café, leremos um texto qualquer...
E, por um pouquinho, daremos rédeas soltas aos desejos
Que porventura nos apanhem.

À tarde, depois das obrigações, sentaremos no chão
Da sala, assistiremos a um filme de ação,
E prometo não interrompê-lo com perguntas irritantes...
Depois dele serão nossos todos os outros instantes

Daquela tardinha.
Depois se vai o sol,
Chegaremos à noitinha

E, se não houver outras obrigações,
Prepararei contigo um delicioso jantar,
Após o qual... Bem, deixa pra lá...

Gooldemberg Saraiva

BILHETE ENCONTRADO NA PRAIA

"Queria agora compor um texto com um milhão de palavras que pudessem descrever exatamente como me sinto e porque eu assim me sinto. Gostaria também que essas mesmas palavras pudessem fazer justiça ao teu nome, a tua beleza, ao teu olhar, ao teu perfume, a tudo que a ti se refere. Que elas pudessem mostrar ao mundo o quanto pra mim você é importante. Após lê-las, eu gostaria que todos pudessem olhar pra você, florzinha, orgulhosos de que num mundo tão imperfeito foi o tempo capaz de trazê-la à existência. Desconfio que se essa façanha eu conseguisse, e com um milhão de palavras te descrevesse, as pessoas que as lessem talvez até te confundissem com um anjo, certos de que você, meu amor, só pode mesmo ser de cima. Porque tu és perfeita demais para nascer entre humanos. No final, depois de tanto pensar, não consegui encontrar outras palavras que não essas, que explicam porque assim te vejo e porque assim me sinto, e queira Deus possa eu um dia dizê-las docemente aos teus ouvidos: EU TE AMO."

Um certo alguém

Não expliquei ao final, pois trata-se de um texto que pode ter diversas explicações que se encaixam em nosso dia-a-dia. Encaixe no teu, e viva melhor ;)


O PASSAGEIRO


Nossa vida é semelhante a um ônibus em movimento, onde os passageiros embarcam para uma longa viagem, ansiosos pela chegada ao seu destino final. Durante a viagem um passageiro que sentava-se na primeira poltrona - essa era muito aconchegante pois as demais eram muito apertadas - desce no meio do caminho, e um outro vendo isso pensou consigo: - Vou esperar o ônibus parar, e nessa próxima parada sentar me no lugar dele. Assim não corro risco de se desequilibrar.

Sendo assim o ônibus fez sua primeira parada, e o passageiro se levanta e vai ocupar o 1º lugar, mas ao chegar presencia que ele já foi ocupado por outra pessoa que sentou-se quando o ônibus ainda estava em movimento, quase chegando no ponto. O passageiro desolado volta para ocupar o seu lugar anterior, só que para sua surpresa ele também já tinha sido ocupado por outra pessoa que achou aquele lugar mais aconchegante que o dela.
Não restou ao passageiro voltar ao último banco, e ainda com o ônibus em movimento, e ocupar o último lugar, deixado por aquele que ocupou a sua poltrona.


Tirem suas conclusões.

Rafael Porfirio da Conceição

CANTATA 147 DE J.S.BACH
JESUS, ALEGRIA DOS HOMENS

TRADUÇÃO LIVRE DO TEXTO

Texto
A maior parte do texto usado na cantata 147 é de Salomão Franck, enquanto os textos originais do 6º e 10º movimento foram escritos por Martin Janus em 1661. O texto do 10º movimento é inspirado no versículo bíblico que cita:…no Teu nome e na Tua memória está o desejo da nossa alma.

(Cântico de confiança na proteção Divina)[3]
Coração e boca e atitude e vida

1. Coro
Coração e boca e ações e vida
Devem dar testemunho de Cristo
Sem medo nem hipocrisia,
Pois ele é Deus e Salvador.

2. Recitativo (tenor)
Bendita boca!
Maria dá a conhecer o íntimo de sua alma
Com gratidão e louvores;
Ela desata a falar, espontaneamente,
Das maravilhas que o Senhor operara
Por meio dela, sua serva.
Ó raça humana,
Escrava de Satanás e dos pecados,
Tu és livre — através da manifestação viva de Cristo,
Desse fardo e dessa subserviência.
Contudo, tua boca e tua índole rebelde
insistem em negar tal bondade.
Não te esqueças, pois, que, segundo as Escrituras,
Um terrível julgamento te espera.

3. Ária (contralto)
Não te envergonhes, ó Alma,
De confessar teu Salvador,
Para que ele possa chamar-te noiva
Perante a face do Pai!
Porquanto aquele que sobre a terra
Temerariamente o renega
Será por ele renegado,
Quando ele vier em glória.

4. Recitativo (baixo)
A obstinação cega os poderosos,
Até que do seu trono os lance a mão do Altíssimo.
Esta mão porém se erguerá,
Ainda que diante dela trema a esfera terrestre,
Em favor dos mansos e dos humildes,
Os quais serão salvos.
Ó cristãos bem-aventurados,
Ide, preparai-vos,
Pois é chegada a hora oportuna,
Pois é chegado o dia da redenção;
Vosso corpo e espírito,
O Salvador quer revesti-los com os dons da credulidade.
Ide, invocai-o com lúbrico desejo,
A fim de o acolherdes firmes na fé!

5. Ária (soprano)
Prepara, ó Jesus, ainda hoje, a tua vinda!
Cobre os recônditos do coração, da alma,
E contempla-me com os olhos da graça.

6. Coral
Bem-aventurado sou, porque tenho Jesus.
Oh, quão firmemente eu o seguro,
Para que traga refrigério ao meu coração,
quando estou triste e abatido.
Eu tenho Jesus, que me ama
e a si mesmo se entregou por mim.
Ah! Por isso não o deixarei,
Mesmo que meu coração se quebre.

7. Ária (tenor)
Ajuda-me, Senhor, ajuda-me a reconhecer-te
No bem e no mal, na alegria e no sofrimento,
E que eu possa chamar-te Salvador
Com fé e serenidade;
Que meu coração arda sempre de amor por ti.

8. Recitativo (contralto)
A mão forte do Altíssimo age
Até nos confins da terra.
João deve encher-se do Espírito:
Já no ventre de sua mãe
Envolvem-no os laços do amor,
E o fazem conhecer o seu Senhor,
Embora ainda não possa nomeá-lo;
Ele se agita, pula, salta,
Fazendo que Isabel confesse um milagre,
E que dos lábios de Maria brotem cânticos de alegria.
Ó Justos, se vós percebeis a fraqueza da carne,
E tendes vosso coração ardendo,
E contudo vossos lábios ainda não professam o Redentor,
Deus vos dará forças,
E alevantará o poder do espírito em vós,
Para que com júbilo e louvores o exalteis.

9. Ária (baixo)
Cantarei os prodígios de Jesus,
E levarei até ele a oferenda dos meus lábios.
A minha carne frágil,
Subjugará ele, pelo seu próprio amor,
E a minha voz mundana,
Mediante o seu fogo sagrado

10. Coral
Jesus continua sendo minha alegria,
o conforto e a seiva do meu coração
Jesus refreia a minha tristeza,
Ele é a força da minha vida
É o deleite e o sol dos meus olhos,
O tesouro e a grande felicidade da minha alma,
Por isso, eu não deixarei ir Jesus
do meu coração e da minha presença.

Salomão Frank e Martin Janus

Texto: tragédia em dezembro de 2012

O natal perde o sentido...sinto muito...
Fico entristecida diante de tragédias...ainda mais quando envolvem as crianças...
Meu coração chora... não consigo segurar as lágrimas...
São vinte as crianças que um jovem... a vida interrompeu...
Embora seja tão longe... um país distante de mim... de nós...
Sinto as dores na carne, porque convivo com crianças...
Pura são as crianças...jamais fariam o mesmo...
Existem seres humanos covardes, sem pena...sem alma.
Se apegar a Deus ...e pedir que encaminhe essas almas...
Que ampare as famílias... não me satisfaz...parece que falta algo e sangra ...
Meu espírito não aceita e dói...e remoê...e machuca...
Existem fatos que por mais que tente explicar...fica um vazio... e dói...e remoê...
As pessoas não vão evoluir ...enquanto não entenderem... que vidas não se compra...
As leis da vida andam muito duras... consumir é preciso...não necessário...
Dores... as dores da vida...
Uma criança... duas crianças...três crianças...quatro crianças...cinco crianças...
Seis criança... sete crianças...oito crianças...nove crianças...dez crianças...
Onze criança... doze crianças...treze crianças...quatorze crianças...quinze crianças...
Dezesseis criança... dezessete crianças...dezoito crianças...dezenove crianças...
Vinte...
Que tristeza... daí me compreensão para perdoar uma alma...uma outra alma...
Que um dia foi criança...
Por enquanto... estou de luto...

Vera Medeiros

Eu sou fria, sou sem graça e muitas outras coisas das quais não ficariam tão bem em um texto, não estou escrevendo pra te dar moral, é pra ver se consigo calar isso que existe dentro de mim. Eu não posso gritar para o mundo, eu não sou tão corajosa, não uso as roupas que tenho vontade de usar. Eu não me importo com meus sentimentos, eles são casas sujas, eu não zelo por eles, eu não me importo mesmo, eu pareço ter mas, é bem lá no fundo que eu tenho algo pequeno, não foi o que sobrou, é o que tenho desde que eu sou eu mesma.
Eu não quero que cresça porque vai doer mais. Mas que droga, eu sinto ódio por parte disso, não faço meu mundo girar em torno disso até porque, eu sei que tem mais coisas em jogo.
Eu não gosto quando eu entro na piscina e as pessoas jogam água no meu rosto, eu não gosto de andar na chuva, eu sinto agonia. E a verdade é que eu gosto do verão mas não consigo me acostumar com meus braços colando de tanto suor.Eu não posso ficar calada, sozinha e chateada, sou muito auto-destrutiva, quase todas as meninas são assim, mas me olho mais como um ser humano do que como uma mulher.Eu gosto de acordar e ficar na cama me espreguiçando, gosto de dormir com o cabelo solto, eu adoro comer pão esquentado na chapa com bastante manteiga derretida.Eu gosto de assistir desenho com meu irmão e saber do que ele gosta e como ele pensa.Gosto daquela brisa gostosa e fria que o anoitecer traz, gosto da cama da minha mãe.
De sentar e jogar cartas e rir e só, ter coisas pra conversar, falar sobre tudo com alguém.Ter liberdades que eu declararia só minhas, não quero enxergar com os mesmos olhos que todos vêem, eu aprendi.Eu gosto de objetos que me expressem e de músicas e gestos e assim sucessivamente , '' Não sufoque''.
Mesmo quando eu não sei o que escrever eu tenho algo que precisa ser escrito , está num lugar bem escondido do meu cérebro, tudo que eu encontro por lá eu tenho que colocar no papel.Agora, eu não tenho nada para escrever mas eu tinha muita coisa acumulada.Olha, não me compara, só porque faço coisas erradas , ou nem sempre , isso não quer dizer que sou uma má pessoa. Eu só fiz o que eu tive desejo, eu me entreguei nas palavras e se uma pessoa me conhece bem sabe que às vezes me comporto como um ''tormento''.Eu não gosto do que eu sou e do que eu faço, mas parece necessário pra mim, não faço coisas tão ruins, me gabo por não conhecer o mundo direito, eu tenho que passar por tantas e tantas coisas ainda.
A única vontade que sinto é me mudar, pra bem longe, procurar quem sente minha falta , mas vai doer porque vou saber que por mais que as pessoas não saibam, eu faço uma diferença enorme na vida delas, às vezes em anonimato, dói saber que a pessoa que te chama de inútil foi a mesma pela qual você lutou. No final de todo o meu dia eu só peço perdão mas sabendo que quem deveria pedir perdão não dá a miníma pra minha existência.
E agora, venha até a mim e perceba como estou ... sorrindo!

Natalia M. de Oliveira

Texto escrito e encontrado na última folha do caderno.
— Há quem diga que não existe amor à primeira vista, há pessoas que dizem que amor é algo tão confuso à ponto de chorar, e após um tempo, sorrir. Existem certas histórias de amor que são escritas assim; Brigas, desentendimentos, lágrimas, porém, também, sorrisos verdadeiros, abraços fortes e calorosos, beijos intensos. Há quem diga que isso não passa de amor passageiro, dizendo que o primeiro amor é sempre um fracasso. Não! Não é um fracasso. Fracassa, desiste, quem quer, porém, com paciência e carinho o primeiro amor se torna algo incrível. Não é fácil de esquecer daquele primeiro beijo que foi dado, não é fácil parar de pensar que tudo que realmente desejava, era ele(a) ao seu lado. É confuso, eu confesso. É estranho, sim. Para quem nunca amou, é até diferente, se é que me entende. Afinal, borboletas você começa à sentir no estômago, e já não suporta à ideia de ver alguém próximo da pessoa que você ama. Sabe, começa a acontecer aquelas briguinhas bobas que no final da tarde se tornam beijos carinhosos, palavras fofas e declarações de amor, demonstrando arrependimento e sussurrando baixinho, sabe? Perto do ouvido: ‘Eu tenho medo de perder você’. É tão clichê, mas é tão lindo quem vive um amor assim. É, é feliz quem têm um amor assim. Tão sincero. Costumam dizer que nada é para sempre, que o para sempre, sempre acaba. Isso é algo assustador. Principalmente pra quem vive e depende de outra pessoa para ser feliz. Imagina só como seria se tudo acabasse… Oh meu Deus, dói só de imaginar presenciar uma história de amor acabar. É, é assim. Quem ama, realmente fica sem ideia do que aconteceria ao ver a pessoa que ama, virando as costas indo embora. Bem, me dizem que o jeito é não desanimar. E pensar positivo, afinal, nada irá pra frente se negativo, começar a pensar. Existem textos explicando as pessoas o que seria o amor… Mas me responda, o que é o amor? Eu sei, tentei explicar, mas vejo que a minha tentativa fracassou. É, desconfio que apesar de tentar, o amor, eu nunca conseguirei explicar… Mas é assim, é o amor. E isso? Ah, isso acabou se tornando um resumo de tudo que eu vivo, entende? Borboletas no estômago, declarações, beijos… É, é isso.

Maria Eduarda Gonçalves

Faço esse texto, tentando representar um pouquinho todas as suas fãs, que não são poucas, vou fazer isso falando tudo o que eu senti, pois tenho certeza que todas se sentiram como eu.
Tudo começou quando o cantor goiano Diego Falk entrou para a garagem do Faustão com seu vídeo “Quero Você”. A primeira etapa era fácil, tínhamos que clicar nas 5 estrelinhas todos os dias, e o Diego se classificaria.
Alguns meses depois já no final de novembro, recebemos a notícia de que o Diego Falk seria escolhido para participar de uma votação que determinava “O garagista da semana” podíamos votar todos os dias, quantas vezes quisessemos. O Diego, fez twittcams para animar a galera que votava com ele, passamos dias e noites inteiras, em busca de conquistarmos o prêmio que seria a ida do Diego no Faustão, e claro depois de muita dedicação, e luta ganhamos.
Passado algumas semanas, recebemos outra grande notícia, o Diego estaria concorrendo “Melhor Garagista dos Melhores” essa sim, foi bem disputada. Passamos dias inteiros votando, sem comer; noites mal dormidas, isso quando dormíamos, e assim foi desde o dia 09 de dezembro de 2011 até o dia 15 de dezembro, nos último dia pensamos que não iríamos conseguir mais essa vitória, mas continuamos correndo atrás do nosso sonho. O Diego sempre confiante, nos passando mensagens de paz, amor, felicidade e esperança, mesmo quando estávamos perto de perder. Votamos, mesmo com dor, com sono ou fome, votamos com todas as forças que tínhamos.
Pessoas entravam na nossa twitcam para insultar nosso ídolo e nossa família, e mesmo assim o Diego continuou forte, ignorando qualquer tipo de comentário e nos pedindo para não perder tempo respondendo.
No último dia estávamos perdendo com 3% de diferença, e fomos votando, votando... até conseguirmos empatar, mas claro não foi só com a Família Falk que contamos, contamos com a ajuda da Família Munhoz, Família F292, Fã Clubes do Nx e muitos outros que nos ajudaram muito.
Faltando vinte minutos para o horário pré-visto para acabar a votação, contamos com a ajuda do Gu Munhoz e do Rafa da F292 fazendo twitcam, para pedir votos, o que fez com que nós virássemos o jogo, e ganhasse mais essa luta.
Depois de 06 dias votando, sem parar, vimos o resultado, vimos a nossa vitória. E pela primeira vez vimos o nosso Ídolo Diego Falk chorando, por ter conquistado essa batalha tão competida, podíamos ver nas suas lágrimas a felicidade de ter conquistado esse prêmio. E as noites mal dormidas, ou sem dormir; as fomes que passamos; as dores que sentíamos em todo o corpo, era muito pequeno diante de um choro de felicidade como esse. Tudo que passamos nesses 06 dias valeram muito à pena, nada se comparava ao tamanho da nossa felicidade ao realizar um sonho não só seu Diego, como nosso também.Nesses 06 dias, choramos, gritamos, pulamos, mas no último dia quando recebemos o resultado de todo aquele esforço, sentíamos algo muito mais forte, que nos fazia arrepiar, chorar, gritar , pular, enfim uma mistura de tudo junto, pois vimos que nada foi em vão, que cada esforço valeu a pena.
Com 06 dias vendo e ouvindo você todos os dias, reconhecemos mais uma vez, a pessoa humilde, calma, alegre, carinhoso com os fãs, e que acima de tudo nunca desiste dos seus sonhos. E pelo menos eu Diego, tenho você como um exemplo de vida, aprendi com você a nunca desistir dos meus sonhos.
Diego, eu queria apenas te agradecer por ser exatamente do jeito que você é, por ser esse ídolo maravilhoso, e por me fazer sentir a pessoa mais orgulhosa do mundo por ter você como ídolo, por ter você como AMIGO, por ter você sempre por perto.
Aah, e quando você for lá no Faustão e ficar famoso, não esquece da Dessa aqui não, porque ela te ama muito, e não daria conta de ficar longe de você.
Enfim Diego, você me traz paz, amor, felicidade, e muitos outros sentimentos bonitos. Se você está feliz, eu sorrio junto contigo, se você está triste, eu vou estar triste com você, e nunca se esqueça que pode contar comigo sempre, mesmo que seja de madrugada, kk e não se esqueça que: eu te amo muito, muuito, muuuito !! s2

Andressa Reis (Dessavreis)

E se…

E se começasse esse texto com: “E se …”, o que iriam achar ? E se não começasse assim, iniciasse de um jeito diferente, bem mais estranho, como eu ? Não sei. E se eu pular esse parte, estou errando ? Creio que não. E se eu te disser agora, que eu queria que muita coisa voltasse a ser como antes, você acreditaria em mim ? E se eu te disser que, apesar de tudo, eu ainda te amo, você confiaria nisso ? Em palavras ? E se eu te mostrar ? Confiaria agora ? E se eu fizer teu nome no muro, envolto num coração ? Confiaria então ? Confie. E se eu te fizer um carinho ? Se eu te beijar e depois ficar agarradinho ? E se começassemos uma história ? E se essa história fosse de amor ? E se, de repente, começassemos a namorar ? E se meu coração começasse a acelerar quando te ver ? E se faltasse o ar ao sentir teu cheiro ? E se eu me perdesse do mundo, quando estou com você ? E se você viesse na minha casa ? E se deitasse na minha cama ? E se, nesta, fizemos amor ? E se eu te dissesse, agora, que você é o amor da minha vida ? E se eu te disser que quero você sempre comigo ? E se eu pudesse te fazer a pessoa mais feliz do mundo ? Ficaria comigo ? Seria minha ? Não como objeto, mas como amor, seria o meu ? E se, quando estivessemos felizes, o mundo desabasse ? Ficaria ao meu lado ? E se você fosse meu mundo ? O que eu faria ? E se essa história toda fosse verdade ? E se o meu mundo, realmente, desabasse ? E se você se fosse ? O que seria de mim ? E se você não estiver mais aqui ? O que vou fazer ? E se eu me desesperar sem ti ? E se eu não sobreviver ? E se você voltasse, como ia ser ? Porque não volta ? Porque ?

carlos junior

Talvez seja cedo demais para eu te escrever um texto, mas só quero que você saiba como é bom te olhar, te admirar assim de pertinho, porque até então só tinha lhe visto pelo facebook. Meu Deus, como você é ainda mais lindo de perto, e ficaria tão bem do meu lado. Mas eu preciso me conter, porque talvez você nem saiba quem eu sou, eu estava tão diferente naquela foto. E por isso deixei o silencio tomar as rédeas da situação.
A verdade é que o silencio era meu escudo para evitar uma aproximação, mas o sentimento veio antes que eu quisesse lhe evitar. E no momento que você sorriu, meu medo foi aprisionado. E você estava ali, sozinho, parado na minha frente. Minha vontade era correr pra te abraçar e pedir que não me soltasse nunca mais. E me passou pela cabeça o quanto eu, você, o seu telescópio e o céu poderíamos ser absurdamente felizes juntos.
E quando eu vou ver, já estou pensando demais e escrevendo um texto pra você, como fiz com todos os outros que passaram pela minha vida. Mas eu queria que dessa vez desse certo, já cansei do prólogo e queria que você não fizesse parte dele, porque queria termina-lo e partir para o primeiro capitulo. Você não imagina, não tem ideia de o quanto tenho pensado em você. Talvez você nem venha a ler isso, mas eu queria deixar em palavras o quanto gosto de você. Não é amor, é só um gostar de uma pessoa diferente e que consegue aprisionar meus medos. E caso você leia, um convite para o meu primeiro capitulo.

Luiza Rocha

Texto.

Eu vejo as árvores verdes, rosas vermelhas também.
Eu as vejo florescer para nós dois.
E eu penso comigo... que mundo maravilhoso
Eu vejo os céus azuis e as nuvens tão brancas...
O brilho abençoado do dia, e a escuridão sagrada da boa noite
E eu penso comigo... que mundo maravilhoso
As cores do arco-íris, tão bonitas nos céus.
Vejo amigos apertando as mãos, dizendo: "como você vai?"
Eles realmente dizem: "eu te amo!"
Eu ouço bebês chorando, eu os vejo crescer...
Eles aprenderão muito mais que eu jamais saberei
E eu penso comigo... que mundo maravilhoso.."
Obrigada Senhor!!!

Maria da Consolação.

TEXTO SOBRE FAZER ESCOLHAS


Somos humanos, seres pensantes e estamos à mercê das incertezas diárias da vida. É um ciclo natural.
Fazer escolhas nunca precisou ser fácil, principalmente as mais decisivas. Porque não é mesmo, todos sabem que não.

O fato é: escolher por mudar a atual situação te faz mais feliz? Dá-te mais segurança? Enche-te de expectativas? De esperanças? Faz-te sonhar com um futuro maravilhoso? Se a resposta for sim, você já sabe o que fazer. Seguir em frente nunca foi errado e se em tudo há um propósito, Papai do Céu te iluminará a cada caminho trilhado, não tenha dúvidas. Não há tempo perdido, há tempo de aprendizado e superação.

Erga a cabeça, mantenha os pés firmes no chão e vá viver intensamente! Tem um mundo enorme e todo especial lá fora, somente à sua espera. Quem te ama te entende e dará todo suporte necessário para enfrentar as noites traiçoeiras. Agora, ser feliz só depende de você e você só depende de suas escolhas.

Fica a dica.

Caroline Aleixo (Aleishow)

Texto de Páscoa redigido para celebração na Imobiliária Casa Grande Netimoveis

Se existe algo que me fascina na vida são os ciclos; acho fantástico. Eles nos possibilitam tentar acertar, e ser feliz. No entanto se errarmos e fracassarmos, podemos encerra-lo e iniciar outro, com novas perspectivas, novos sonhos, novos planos, novos ideais. Tornam-se ritos e é justamente por isto que os ritos são tão importantes. Podemos notá-los até mesmo na natureza, onde há um princípio de nascer, desenvolver e padecer. Nós todos os dias despertamos, escrevemos uma página da nossa história e ao fim do dia podemos decidir se ao seguinte amanhecer daremos continuidade a este capítulo ou o encerraremos para iniciar outro.
O rito da páscoa restringe-se a algumas religiões, mas o espírito da páscoa é universal e se faz presente para toda a humanidade. Não obstante às crenças, devemos nos permitir sermos guiados pelos exemplos d'Aquele que tornou-se o divisor da história no decorrer dos tempos. Seus ensinamentos foram de tamanha sabedoria que em qualquer tempo e espaço é possível contextualizar-se e identificar-se com algum ensinamento de Jesus.
Em nosso ambiente de trabalho vivenciamos a cada dia uma páscoa, sem ao menos darmo-nos conta disto. Este espaço é a extensão da nossa casa, da nossa família. Passamos a maior parte do dia com as pessoas que aqui encontramos. Portanto é mais do que imprescindível exercitarmos competências como a tolerância, a paciência, a compreensão, a solidariedade, a justiça, etc.
Aceitar aquilo que nos é diferente é um desafio, mas este ideal quando atingido é algo lindíssimo, pois de repente descobrimos que as pessoas não devem ser como nós queremos que elas sejam, mas que cada qual traz em si um leque imenso de virtudes e defeitos. Os defeitos podemos ajudá-la a melhorar sem ter que condená-la por isto. As virtudes devemos não só admirar como também integrar ao meu estilo de vida. Bons exemplos nunca são descabidos.
É necessário rasgar a alma e dispensar os sentimentos ruins que tem ocupado um espaço que deveria ser usado para humildade, perdão, generosidade e amor. É pelo perdão que a humanidade ganha redenção dos teus erros.
Enfim, a páscoa então é esta oportunidade que temos para refletir e rever nossos próprios conceitos sobre a vida, os sentimentos, comportamentos; pensar possibilidades; libertarmo-nos dos preconceitos e renovarmos as esperanças num futuro que construímos a cada momento no desafio de sermos fieis à justiça, a honestidade, a paz; em busca de alteridade.
Desta forma cumpriremos com simplicidade nosso papel de co-criadores no processo de evolução da Humanidade... experimentando assim o verdadeiro significado da Páscoa que é a passagem para uma vida nova, a renovação; com muita paz e serenidade em nossos corações!

Fernando de Amorim Araújo

Não é uma Rosa

Gostaria de começar a escrever esse texto expondo suas características, das quais, eu acho incrível, ou, simplesmente falar como te acho deslumbrante, poderia começar a falar de sua beleza cativante, ou também poderia começar a falar de seu jeito perante meus olhos.

Por que uma rosa é bonita? Por que falaram? ou por que simplesmente vemos com nossos olhos a beleza delicada que ela mostra nas suas pétalas? Mais nem todas as rosas são bonitas e algumas são bonitas e não são bonitas a certos olhares. Mais nem todos acham rosas bonitas, mesmo elas sendo belas e perfeitas. Posso dizer então em virtude tudo isso que mulheres são como rosas, em virtude delas serem bonitas.

Ah, estava falando de você, e comecei a falar de rosas, beleza, e pensamentos sobre rosas, será se estou querendo falar que você é uma rosa? Não, ou, melhor, sim. Em virtude dessa comparação. pode se achar uma hipotética tremenda. Mais você é uma bela rosa da qual mesmo não podendo sentir, cheirar ou vê de bem perto. Consigo descrever nessas sublimes linhas o que meus olhos vêem, o que transparece de forma simplória ao lhe vê e desde quando te conheci, só não havia chegado a uma afirmação tão óbvia.

Antes de começar a pensar várias coisas e achar que tudo isso está incompleto e que vejo apenas um lado, digo, até as rosas tem espinhos, sim, rosas não são só rosas, rosas são rosas com espinhos também, alguns evitam tocá-las por medo de se machucar, ou simplesmente por não achar que deve se tocar. Rosas devem ser tocadas de uma forma delicada, e não deve ignorar os espinhos. Agora você pergunta-se, eu tenho espinhos? não, pode ter o que chamam de lado negativo, algumas falhas, se rosas tem, porque você não teria.

Não, você não é uma rosa, é como uma rosa, você tem sim, lindas características, podem até não dizer de uma forma tão explícita, tem um jeito delicado de ser, ou até mesmo bruto de ser comparados com outras rosas, mais não faz que não seja uma rosa. Bonitas palavras, belas, conquistam, encantam, mais aqui não quero isso de forma direta, quero que através dessas palavras entendam, o que eu vejo em você, que você pode até mesmo depois disso tudo olhar-se no espelho e perguntar, será tudo isso? Enquanto faz essas perguntas, já disse que sim, deixe de teimosia.

Mesmo que o meu tato nunca te sinta rosa, meus olhos, meu pensar, meu desejar, meu viver te sente delicadamente há muito tempo. Não, não sou louco e nem doido, não tenho medo de expressar tudo isso, não tenho medo de viver. Tenho medo de não viver. Tinha medo de que nunca poderia te dizer que você é como uma rosa

Rafael Deleon

Vou procurado às palavras certas para esse texto, afirmo que não sei exatamente o que pretendo escrever, más a cada palavra escrita, vou descobrindo o real sentido desse texto. As palavras viraram as minhas, mais sinceras amigas. Estão tudo e motivo para escrever algo.Termino esse texto com o seguinte pensamento,
VOCÊ DE IMEDIATO PODE NÃO SABE O RUMO QUE QUEIRA TOMAR NA SUA VIDA ,MAS A GRAÇA DE VIVER E DESCOBRIR AS RESPOSTAS NÓS PRÓPRIOS ERROS.

Maycon Olyver