Tenha Calma

Cerca de 6304 frases e pensamentos: Tenha Calma

Sorria! mesmo que tenha que esconder a dor...

claudia

Não tenha medo de dar grandes passos. Não se pode atravessar o abismo com dois pulinhos.

David Lloyd George

Quer conquistar uma garota qualquer? Tenha dinheiro fama e um carro. Quer conquistar a garota certa? Seja amável, paciente, carinhoso e tenha caráter.

Paolla Cristiny

eu que sou frágil ao extremo – embora tenha força suficiente para permanecer -, quando sou vazio desértico, me desfaço em mil pedaços que são levados pelo vento… Mas o tempo reconstrói; o tempo modifica; o tempo recolhe os nossos vazios; o tempo reúne os nossos pedaços e recompõe a nossa essência. Esse tempo que reconhece o nosso imenso valor diante da vida. Esse tempo é amor que ilumina desertos!

Erica Gaião

Não implore e nem mendigue a atenção de ninguém; Primeiramente tenha Amor próprio. Pessoa nenhuma que não queira te dar atenção merece que você faça questão de tê-la.
Seja sempre mais você.

Cative e faça por onde merecer atenção apenas de quem te mostre valor e quem te dê valor, quem valha a pena e tenha sentimentos nobres, mas lembre-se antes de certificar-se se esse alguém realmente merece ser cativado. Para todo o resto, não dê tanta importância; Esteja nem aí.

Clara Furtado

"Não tenha pena dos mortos, tenha pena dos vivos e acima de tudo daqueles que vivem sem amor."

Alvo Dumbledore. HP 72

Quero mudar minha vida. Tenho 19 anos, é tempo de fazer alguma coisa. Talvez eu tenha medo demais, e isso chama-se covardia. Fico me perdendo em páginas de diários, em pensamentos e temores, e o tempo vai passando. Covardia é uma palavra feia. Receio de enfrentar a vida cara a cara. Descobri que não me busco ou, se me busco, é sem vontade nenhuma de me achar, mudando de caminho cada vez que percebo a luz. Fuga, o tempo todo fuga, intercalada por períodos de reconhecimento. Suavizada às vezes, mas sempre fuga.

Caio Fernando Abreu

Lá na infância
Qualquer pessoa que já tenha se separado e tenha filhos sabe como a gente se preocupa com a reação deles e procura amenizar qualquer estrago provocado por essa desestruturação. É preciso munir-se de muito respeito, delicadeza e amor para que essa ruptura seja bem assimilada e não produza traumas e inseguranças.

Muito do que somos hoje, do que sofremos e do que superamos, tem a ver com aquele lugar chamado "infância", que nem sempre é um paraíso. Por mais que tenhamos brincado e recebido afeto, é lá na infância que começamos a nos formar e a nos deformar através de medos, dúvidas, sensações de abandono e, principalmente, através da busca de identidade.

Por tudo isso, estou até agora encantada com a leitura de Marcas de Nascença, fenomenal livro da canadense Nancy Huston e que deixo como dica antes de sair de férias. O livro é narrado por quatro crianças de uma mesma família, em épocas diferentes, todas quando tinham seis anos: primeiro, um garotinho totalmente presunçoso, morador da Califórnia, em 2004. Depois, o relato do pai dele, quando este também tinha seis anos, em 1982. A seguir, a avó, em 1962, e por fim a bisavó, em 1944. Ou seja, é um romance genealogicamente invertido, começando logo após o 11 de Setembro e terminando durante a Segunda Guerra Mundial, mas é também um romance psicanalítico, e é aí que se torna genial: relata com bom humor e sem sentimentalismo todo o caldeirão de emoções da infância, mostrando como nossas feridas infantis seguem abertas a longo prazo, como as fendas familiares determinam nossos futuros ódios e preconceitos e como somos "construídos" a partir das nossas dores e das nossas ilusões. Mas tudo isso numa narrativa sem ranço, absolutamente cativante, diria até alegre, mesmo diante dessas pequenas tragédias íntimas.
A autora é bastante conhecida fora do Brasil e ela própria, aos seis anos, foi abandonada pela mãe, o que explica muito do seu fascínio sobre as marcas que a infância nos impõe vida afora. É incrível como ela consegue traduzir os pensamentos infantis (que muitas vezes são adultos demais para a idade dos personagens, mas tudo bem), demonstrando que toda criança é uma observadora perspicaz do universo e que não despreza nada do que capta: toda informação e todo sentimento será transformado em traço de personalidade.

Comecei falando de separação, que é o fantasma familiar mais comum, mas há diversas outras questões que são consideradas "linhas de falha" pela autora e que são transmitidas de geração para geração. Permissividade demais gerando criaturinhas manipuladoras, mudanças constantes de endereço e de cidade provocando um desenraizamento perturbador, o testemunho constante de brigas entre pessoas que se dizem amar, promessas não-cumpridas, pais que trabalham excessivamente, a religião despertando culpas, a política induzindo a discordâncias e exílios, até mesmo uma boneca muito desejada que nunca chegou às nossas mãos: tudo o que nos aconteceu na infância ou o que não nos aconteceu acaba deixando marcas para sempre. Fazer o quê? Em vez de tentar escapar de certas lembranças, o melhor é mergulhar nelas e voltar à tona com menos desespero e mais sabedoria. Todos temos nossas dores de estimação. O que nos diferencia uns dos outros é a capacidade de conviver amigavelmente com elas.

Martha Medeiros

Simplicidade, simplicidade, simplicidade! Tenha dois ou três afazeres e não cem ou mil; em vez de um milhão, conte meia dúzia... No meio desse mar agitado da vida civilizada há tantas nuvens, tempestades, areias movediças e mil e um itens a considerar, que o ser humano tem que se orientar - se ele não afundar e definitivamente acabar não fazendo sua parte - por uma técnica simples de previsão, além de ser um grande calculista para ter sucesso. Simplifique, simplifique.

Henry D. Thoreau

O que eu mais ouço por aí é:

Quer romance? compre um livro.
Quer fidelidade? tenha um cachorro.
Quer amor? volte para casa dos seus pais


Aprendi nos livros que os romances que li para se tornarem possíveis só dependeria de mim, das minhas atitudes...
Descobri que só a fidelidade do meu cão não me bastava e que para eu ter a fidelidade de alguém eu precisava ser fiel a mim mesma, foi aí que eu descobri o que eu realmente queria...
Bem o amor dos meus pais poderia ser suficiente para mim... mas foi aí que eu conheci um homem maravilhoso
que por obra de Deus entrou em minha vida e que me ama sei que não na mesma intensidade do amor que meus pais tem por mim... mas me ama do jeito que eu sempre quis ser amada por um homem.

Com isso tive a certeza que tudo o que eu li nos livros era possível sim...
Viver um amor puro e verdadeiro com companheirismo, cumplicidade não é tão difícil.
E que com o amor dos meus pais e dele eu seria, seria não... eu sou muito feliz!

Por isso leia os livros, dê valor ao seu cão e ame bastante os seus pais... um dia quem sabe você encontra uma pessoa especial assim como eu encontrei
e verá que tudo isso que eu disse é possível, só depende de você...

E que você seja muito feliz

Fernanda Chamas

Você tem um diamante em seu coração, uma luz que brilha mais que as estrelas, não tenha medo de ser tudo o que você é

Miley Cyrus

A ciência é, portanto, uma perversão de si mesma, a menos que tenha como fim último, melhorar a humanidade

Nikola Tesla

As vezes quando não conquistamos algo, não é que não tenha sido a vontade de Deus não conquistá-lo, e sim, que não nos organizamos para isso.
Encare o fato de que você é responsável por suas falhas e desacertos.
Insista, continue correndo atrás dos seus sonhos, pare somente para beber água.
Valorize o que há de melhor em você e tente melhorar naquilo em que você não vai bem.
Mostre-se mais, deixe que as pessoas te vejam como você é. Nada de fantasias.
Seja autêntico, intenso e verdadeiro.
Tenha o poder de iluminar o ambiente com sua presença.
Acenda o olhar das pessoas quando estiver falando com elas.
Vamos? Você consegue.

Quelubia Coelho

Sonhe, tenha pesadelos se necessário for, mas sonhe.

Patrícia Galvão

Se existe mesmo um Deus, em algum lugar por aí,espero que ele tenha coisas mais importantes para fazer do que se preocupar com o fato de eu beber uísque ou comer carne de porco.

Khaled Hosseini

Tenha uma mente que os caminhos são experiências para a
evolução. Permita-se errar. E abençoe seu erro, aproveitando
cada aprendizado que ele traz a você

Luiz Antônio Gasparetto

Não tenha tanto medo de Amar.é importante ter muita coragem para correr o risco de viver.O Amor é um exercício continuo da vida.Não procure ser diferente, seja apenas você.A razão de viver é a emoção de sentir, e a razão de sentir é a emoção de viver!

Adineiva de Jesus da Silva Inácio

"Nada acontece à alguém que a natureza não o tenha preparado para aguentar!!"

O gladiador

Encare com vibração a vida, tenha classe nas derrotas, humildade nas vitórias e, tenha sempre à flor da pele a ousadia e a ética!

Carlos Roberto Sabbi

Aprende com teus erros, tenha humildade, reconheça o valor das pessoas, seja honesto e creia em Deus. Provavelmente você será feliz agora...

Fernando Toscano