Te Perdi

Cerca de 1858 frases e pensamentos: Te Perdi

Cegos estão meus olhos do mundo, pois perdi o prazer em enxergá-lo.

Rodrigo Gonçalves Rodrigues

Cadê o amor que andava do meu lado?
Cadê a voz que cantava?
Cadê a inspiração?
A poesia?
O soneto?
A canção?
Meu verso sessou
Perdi minha cria
Porque não escrevo mais?
Há quanto tempo não rabisco este papel?
Perdi o céu...
Mas onde o perdi?
No caminho?
Nas lutas?
Ou no romance perdido?
Se for meu está comigo
Se for teu está contigo
Se é do coração...
Só no encontro te encontrarei.

Bruno Abreu

Quantas vezes me perdi num oceano desconhecido tentando me encontrar, foram tantas vezes, que me perdi até em minhas contas, nadando cada vez mais fundo, conhecendo muitos lugares, tantas pessoas. Encontrei-me enfim, quando resolvi mergulhar dentro de mim.

Daniel Sant'Ana Leite

Onde está a minha vida
Se eu te perdi.
Sobrevivo com as lembranças
Que me levam a te.
Sem adeus sem despedida,
Me deixou só aqui.
As lembranças me alimentam,
E me faz existir.
(Nepom Ridna)

NEPOM RIDNA

Quando prestei atençãoe levei a sério, perdi!

fafamaia77

São Tantos " Porque " e eu nem sei porque, o quê Pensar, o quê falar, o quê Fazer, Só Sei Que No Fim Você Me Perdeu
assim Como perdi Você.

Rodrigo Arruda de Araujo (Dhyggo)

Na vida aprendi que tudo se vai , um amor , amigos , parentes porem só basta respirar para senti-los dentro de você . Cada pensamento compartilhado , aventuras , historias, desaventuras , tristezas que você viveu com eles, esta contigo, pare de chorar e cumpra sua missão cada dia ensinar a quem precisa com o que você aprendeu com eles.Nunca deixe de respirar , pois você estará do coração de quem te deu ouvidos.

WESF

Sabes uma coisa?
Vou morrer.
Vou morrer, pela ausência dos teus beijos,
Estou a morrer porque sei que não me amas, porque sei que nunca vais ligar,
Estou a morrer porque finges que não existo, passei a ser invisível.
No entanto parece que ainda sinto o nosso primeiro beijo,
Quando ganhei coragem naquela noite fria e tomei a iniciativa.
Ainda me lembro do frio que senti na barriga, parecia uma criança a beijar pela primeira vez.
Ainda me lembro quando ia ter contigo e esperava á porta de tua casa com uma hora de antecedência, porque não conseguia esconder a ansiedade, mas tu nunca soubeste.
As coisas que tu não sabes, não sabes que ainda choro, choro por não te ter, choro por outro te ter, choro por não me quereres, e choro por não saber.
Nunca soubeste que te desejei da primeira vez que te vi, disse para mim que te ia conquistar, não sabia como, mas ia. Só pedi a deus que estivesses no meu destino porque queria que as coisas dessem certas, deus não me ouviu, que tolo fui em acreditar em divindades
Sinto falta de comermos Sushi no mesmo restaurante de sempre, sinto falta do sabor dos teus lábios, ainda hoje parece que por vezes os sinto na minha boca e passo a língua a umedece-los na esperança de sentir o sabor, o sabor da tua boca.mas já não sinto. Em vez disso estão rugosos e sem vida, tal como o meu coração, sem vida, partido.
Sempre senti que não era teu, nunca fui, nunca me quiseste, ainda hoje não consigo raciocinar esse ponto, tiveste-me e não me quiseste, nunca me quiseste, então porque me aceitaste?
Foste embora de um dia para o outro e eu simplesmente deixei de existir, fiquei só e sem ti, eras tudo para mim, foste a minha maior conquista, preencheste-me com todos os teus defeitos.
Sorrio...
És feliz, és feliz sem mim, finalmente és feliz e eu sorrio, porque te amo.
Sabes, fiquei mais frio, acho que nunca mais vou amar como te amei a ti, olho para as pedras da calçada e faz sentido como encaixam umas nas outras, apesar de todas as imperfeições, encaixam, uma lascadela aqui, outra ali, e acabaram por encaixar, engraçado. Pensei que um dia pudêssemos ser assim, porque nada na vida é perfeito, eu não sou e tu não és, e pensei que os nossos defeitos fossem encaixar uns nos outros,tal e qual as pedras da calçada.
Sorrio...
És feliz, és feliz sem mim, finalmente és feliz e eu sorrio, porque te amo.
Como eu gostava de poder dize-lo ao teu ouvido, fazer uma caricia na tua cara e dizer, AMO-TE! E de seguida olhar-te nos olhos e sorrir...sorrir...apenas porque te amo.

Joao Mario

Perdi muito tempo e agora vou correr atrás do tempo perdido, passar a valorizar quem sempre esteve comigo.

Inacio Andre

Neste ano, perdi as contas de quantas vezes aceitei desculpas.
Quantas vezes, agradeci por uma boa ação a mim prestada.
Perdi as contas de quantas vezes fiquei magoado ou chateado por coisas banáis.
hoje, parei pra pensar no que posso fazer no ano que vem, e simplesmente descobri que tudo o que fiz ainda foi pouco.
E que simplesmente, tenho que ter paciência e: desculpar, perdoar e agradecer muito mais.
Pois todo ser humano comete falhas, e um dia sei que cometerei as minhas também.
Espero não receber o perdão, quero apenas sua compreensão.(Vieira)

Narciso Vieira Lima

Dessa vez eu perdi.

RaqueelRosa

"Perdi o chão, perdi a razão, perdi a emoção, perdi o encantamento, me perdi, te perdi. Por qual razão não sei. Só sei, que ficará para sempre dentro de mim, comigo."

(Flávia Abib)

Flávia Abib

Clarão?

Eu perdi a visão,
Quando te olhei
Fundo nos olhos.

Francismar Prestes Leal

Fins?

De tão cansado,
Perdi os medos,
Perdi os meios.

Francismar Prestes Leal

Não sou máquina.

A estrada?
Perdi o fio
Da meada.

Francismar Prestes Leal

Me perdi, talvez de propósito
Com o intuito de fugir
Do meu próprio propósito
Me perdi, tentei esquecer
Tudo aquilo que um dia quis ser
Labirinto terrível, melhor voltar
Pés lá no céu não conseguem andar

Tainá Wolff

Me perdi no seu olhar em meio a tantas preocupações.

JaianeRodrigues

Acorde-on.

Perdi o sono,
Mas ainda não
Perdi o sonho.

Francismar Prestes Leal

Perda!

Eu não sei...
Porque o perdi!
Mas eu sei bem,
porque te amei!

Dayse Sene

Assim como qualquer outra pessoa, eu já fiz muitas coisas na vida. Eu já chorei quando não mais suportava uma dor, já quis desistir quando não via saída alguma, já ri de coisas bobas e já ri quando não pudia. Amei pessoas queridas e outras que nem tanto. Já ajudei e já fui ajudada, eu já doei e também já recebi. Perdi muitas batalhas, perdi pessoas importantes, perdi tempo lutando por coisas que mais tarde não me trariam retorno algum mas, nessas percas eu também ganhei. E em meio a tantos altos e baixos, nessa imensa montanha-russa que é a vida devo dizer que eu aprendi muito. Aprendi que amores podem ser facilmente confundidos com ilusões, aprendi que muitas vezes as pessoas escondem sua verdadeira face, que devemos confiar mais em si mesmo e depender bem menos de opiniões externas, devemos deixar as coisas simplesmente fluírem de vez em quando e se preocupar menos se as coisas vão ou não dar certo. Devemos nos importar mais com gestos simples de carinho, uma conversa interessante e construtiva, uma companhia agradável, um sorriso sincero e um olhar que nos acolha ao invés de julgar. Devemos amar o simples, pois, é ele que dá sentido à vida. É ele que revela a verdadeira face de uma pessoa é o simples que mostra a quem devemos agradar e a quem devemos deixar em segundo plano. Aprendi que sonhos são importantes para estabelecer uma meta mas que nada adianta que ficar apenas no mundo das ideias. Aprendi que amizades verdadeiras continuam florindo mesmo que você esqueça de rega-las, que os dias são limitados e as pessoas de maior valor são as mais raras de encontrar e que, portanto, você deve guardá-las com cuidado e afeição. Aprendi que um sorriso pode salvar o dia de alguém, pode aquecer um coração frio e iluminar o que perdeu sua luz. Aprendi que guardar sentimentos ruins pesam muito na bagagem e que, portanto, é necessário perdoar e esquecer para que nossa caminhada seja mais leve, que é apenas desta forma que podemos deitar em nossas camas em paz, com a mente tranquila e o coração alegre.

Fabiana Andrioli