Tag opinião

1 - 25 do total de 353 com a tag opinião

Aceita o conselho dos outros, mas nunca desistas da tua própria opinião.

William Shakespeare

Não deixe o barulho da opinião dos outros abafar sua voz interior. E mais importante, tenha a coragem de seguir seu coração e sua intuição. Eles de alguma forma já sabem o que você realmente quer se tornar. Tudo o mais é secundário.

Steve Jobs

Quero dizer agora o oposto do que eu disse antes
Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante
Do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo...

Raul Seixas

Eu jamais iria para a fogueira por uma opinião minha, afinal, não tenho certeza alguma. Porém, eu iria pelo direito de ter e mudar de opinião, quantas vezes eu quisesse.

Friedrich Nietzsche

Ter opiniões é estar vendido a si mesmo. Não ter opiniões é existir. Ter todas as opiniões é ser poeta.

Fernando Pessoa

Mude suas opiniões, mantenha seus princípios. Troque suas folhas, mantenha suas raízes.

Victor Hugo

Nunca discuta, não convencerá ninguém. As opiniões são como os pregos; quanto mais se martelam, mais se enterram.

Alexandre Dumas (filho)

Quem nunca altera a sua opinião é como a água parada e começa a criar répteis no espírito.

William Blake

Levar insidiosamente o próximo a uma boa opinião de nós e, depois, acreditar piamente nessa boa opinião: quem consegue imitar nesta habilidade as mulheres?

Friedrich Nietzsche

Não existe opinião pública, existe opinião publicada.

Winston Churchill

Não se pode formar bom conceito de quem não tem boa opinião de pessoa alguma.

Marquês de Maricá

O fato de uma opinião ser amplamente compartilhada não é nenhuma evidência de que não seja completamente absurda; de fato, tendo-se em vista a maioria da humanidade, é mais provável que uma opinião difundida seja tola do que sensata.

Bertrand Russell

Acredita no teu próprio pensamento. Senão amanhã um estranho dirá com magistral bom senso, exatamente o que pensamos e sentimos desde sempre, e seremos forçados a receber de outrem, envergonhados, a nossa própria opinião.

Ralph Waldo Emerson

Mudar de opinião e seguir quem te corrige é também o comportamento do homem livre.

Marco Aurélio

Não condene a opinião do outro porque ela difere da sua. Vocês dois podem estar errados.

Dandemis

Se você não estiver preparado para a opinião alheia nunca estará preparado para o sucesso, pois ele é feito assim de altos e baixos, de valor somente aquilo que realmente é importante, o resto é obrigatório ignorar.

Hélène Françoise

Liberdade de expressão é você ser livre para falar o que quiser, e eu ser livre para não querer te ouvir.

Geovani Rodrigues

A pessoa que não sente prazer com um bom romance, seja cavalheiro ou dama, só pode ser intoleravelmente estúpida.”

Jane Austen

Por um mundo com mais pessoas que procurem controlar e compreender melhor suas próprias vidas ao invés de olhar para a dos outros e descarregar facilmente suas opiniões pessoais, com mais olho no olho, escuta, interesse real no outro, ao invés de julgamentos fáceis e "eu te amo" vazios, com maior acúmulo de sorrisos, gentilezas, leveza, do que de pontos no currículo...

Patrícia Pinheiro

Respeitar a opinião dos outros é questão de maturidade; O que não significa que você nega seus princípios ou não defende seu ponto de vista sobre determinado assunto.

Alex Verly

Quanto mais agente amadurece, mais a opinião dos outros se torna irrelevante...

Clarissa Corrêa

Eu acho que deveria continuar um segredo. Um segredo uma vez explicado perde todo o seu charme, e todo o seu perigo."

Jane Austen

Aprender que não somos o centro das atenções, que as pessoas não existem para realizar as nossas vontades e que a minha opinião não é melhor que a de todos, estes são pilares para os relacionamentos familiares, de trabalho e de amizade.

Núbia Siqueira

A forma inteligente de manter as pessoas passivas e obedientes é limitar estritamente o espectro da opinião aceitável, mas permitir um debate intenso dentro daquele espectro.

Noam Chomsky

Intimidade

As pessoas vivem toda a sua vida a acreditar no que os outros dizem, dependentes dos outros. É por isso que têm tanto medo da opinião dos outros. Se eles pensam que você é mau, torna-se mau. Se o condenam, começa a condenar-se. Se dizem que é pecador, começa a sentir-se culpado. E, como depende da opinião deles, é obrigado a conformar-se constantemente com as suas opiniões; senão eles mudarão de opinião. Ora isso cria uma escravidão, uma escravidão muito subtil. Se quiser ser considerado bom, digno, belo, inteligente, tem de fazer concessões, tem de se comprometer continuamente com as pessoas de quem depende.

E levanta-se um outro problema. Como há muitas pessoas, elas estão sempre a alimentar a sua mente com diferentes tipos de opiniões — opiniões conflituosas, ainda por cima. Uma opinião a contradizer outra opinião — daí que exista uma grande confusão dentro de si. Uma pessoa diz que você é muito inteligente, outra pessoa diz-lhe que é estúpido. Como decidir? Então fica dividido. Fica com dúvidas sobre si próprio, sobre quem é... uma ondulação. E a complexidade é muito grande, porque há milhares de pessoas à sua volta.

Você está em contato com muitas pessoas e cada uma delas mete a sua ideia na sua mente. E ninguém o conhece — nem você mesmo se conhece —, pelo que toda essa coleção se amontoa dentro de si. É uma situação de enlouquecer. Tem muitas vozes dentro de si. Sempre que se pergunta quem é, surgem muitas respostas.
Algumas dessas respostas serão da sua mãe, outras serão do seu pai, outras ainda do professor, e assim por diante e assim sucessivamente, e é impossível decidir qual delas é a resposta certa. Como decidir? Qual o critério? É aqui que o homem se perde. Chama-se a isto ignorância de si próprio.

Mas como depende dos outros, tem medo de entrar na solidão — porque no momento em que começar a entrar na solidão começará a ter muito medo de se perder. Em primeiro lugar, você não se tem a si próprio, mas, qualquer que seja o eu que criou a partir da opinião dos outros, tem de o deixar para trás. Daí que seja muito assustador interiorizar-se. Quanto mais fundo for, menos saberá quem é. É por isso que quando procura conhecer-se realmente a si próprio, antes de o conseguir terá de abandonar todas as ideias que tem sobre o seu eu. Haverá um hiato, haverá uma espécie de coisa nenhuma. Tornar-se-á uma não-entidade. Sentir-se-á completamente perdido, porque tudo o que conhece deixará de ser relevante e aquilo que é relevante ainda não conhece.

Osho