Sentimentos

Cerca de 8624 frases e pensamentos: Sentimentos

Às vezes, num momento de sufoco,
nos sentimos mergulhados na escuridão
dos sentimentos negativos.
Os problemas nos parecem mais graves
e as soluções mais difíceis.
Mas, na verdade, nada está escuro
ao nosso redor.
A ansiedade é que nos tira a capacidade
de perceber a luz.

Desconhecido

De meus sentimentos, restaram apenas mágoas e palavras não ditas. O passado não importa mais, só importam as lembranças de que um dia eu capaz de amar alguém, e enquanto houver o silêncio das palavras e o som de uma música que marcou alguma coisa importante, eu vou lembrar de tudo o que houve entre nós e desejar que eu possa transformar meu passado em algo, no futuro, bom e gostoso de lembrar.

Desconhecido

"Que esse amor só cresça. Que teu sorriso sempre apareça. Que a felicidade sempre esteja presente. Que esse amor nunca saia da gente."

Verbalizando-sentimentos (via verbalizando-sentimentos)

Me assusto com beijos cheios de desejos e vazios de sentimentos
Me espanto com facilidade de brincar com os sentimentos alheios em prol das sensações momentâneas
Me enojo com palavras ditas com mel para encobrir o veneno de uma cilada
Me enlouqueço com a efemeridade dos amores práticos
Me causa repúdio a beleza vazia comercializada
Me revolto com uso desenfreado do ser humano... e a normalidade de atitudes egoístas e hipócritas!
Me entristeço, me reinvento e me protejo...

reinvento sensações sentimentos

Em algum momento da vida, alguém pede para ser seu amigo, seu confidente ou seu amor...
Seu coração, então, rende-se ao encanto das palavras pronunciadas, das ações realizadas, das promessas feitas.
Acontece que este mesmo coração começa a gerar expectativas sobre tais fatos, sobre o que outro coração lhe faz sentir, lhe faz sonhar... Essas anciedades acabam sendo frustadas quando percebe-se que esta pessoa não é tudo aquilo que se imagina que seja.
E o interessante é que quando se dar conta, estar-se totalmente envolvido com esse tal sentimento: a decepção.
Vale relatar que sempre iremos nos decepcionar com as pessoas, porque na verdade elas não são tão perfeitas. Até porque ninguém é perfeito. Todos temos falhas e estas nos tiram a perfeição e nos fazem de algum modo decepcionar a alguém.
Diante disto, então, vivamos a vida com intensidade, caminhemos olhando para frente, passando por cima das pedras e vencendo os obstáculos que nos são lançados.
Saíamos da toca, do lugar que nos causou frustação.
Vivamos.
Ação e reação!
Esta é a melhor solução.

Sentimentos do coração

Afinidade é um dos poucos sentimentos que resistem ao tempo e ao depois. A afinidade não é o mais brilhante, mas o mais sutil, delicado e penetrante dos sentimentos. E o mais independente também. Não importa o tempo, a ausência, os adiamentos, as distâncias, as impossibilidades. Quando há afinidade, qualquer reencontro retoma a relação, o diálogo, a conversa, o afeto no exato ponto em que foi interrompido. Ter afinidade é muito raro. Mas quando existe não precisa de códigos verbais para se manifestar. Existia antes do conhecimento, irradia durante e permanece depois que as pessoas deixaram de estar juntas. Afinidade é ficar longe pensando parecido a respeito dos mesmos fatos que impressionam, comovem ou mobilizam. É ficar conversando sem trocar palavras, é receber o que vem do outro com aceitação anterior ao entendimento. Não é sentir nem sentir contra... Nem sentir para... Nem sentir por... Nem sentir pelo... Afinidade é sentir com. Sentir com é não ter necessidade de explicar o que está sentindo. É olhar e perceber... É mais calar do que falar, ou, quando falar, jamais explicar: apenas afirmar. Afinidade é ter perdas semelhantes e iguais esperanças. É conversar no silêncio, tanto nas possibilidades exercidas quanto das impossibilidades vividas. Afinidade é retomar a relação no ponto em que parou sem lamentar o tempo de separação. Porque tempo e separação nunca existiram, foram apenas oportunidades dadas pela vida.

Artur da Távola

O verdadeiro revolucionário é movido por grandes sentimentos de amor. Não existe um revolucionário autêntico sem está qualidade.

Che Guevara

A quem tem bons sentimentos a beleza,
o perfume e até a vida.
Em tudo uma rosa é pura e benevolente
Apenas para defender-se é que ela usa os seus espinhos.

Augusto Branco

Um poema é a expressão de idÉias ou de sentimentos em linguagem que ninguém emprega, pois que ninguém fala em verso.

Fernando Pessoa

Como alguém pode provocar tantos sentimentos mesmo estando longe?

Renato Russo

O ser humano não consegue viver sem paixão. E a paixão é o estado no qual todos os seus sentimentos e ideias se encontram no mesmo espírito. Tu podes pensar, quase ao contrário, que é o estado em que um sentimento se torna todo-poderoso, um único sentimento que atrai a si todos os outros - um arrebatamento! Não, não querias dizer nada? Seja como for, é assim. Também é assim. Mas a força de uma tal paixão é imparável. Os sentimentos e as ideias só ganham continuidade quando se apoiam uns nos outros, na sua totalidade, têm de se orientar no mesmo sentido e arrastam-se uns aos outros. E o ser humano tenta por todos os meios, pela droga, pela ilusão, pela sugestão, pela crença, pela convicção, por vezes apenas recorrendo ao efeito simplificador da estupidez, criar um estado semelhante àquele. Acredita nas ideias, não por elas às vezes serem verdadeiras, mas porque tem de acreditar em alguma coisa. Porque tem de manter os afectos em ordem. Porque tem de tapar com alguma ilusão o buraco entre as paredes da vida, para não deixar que os seus sentimentos se espalhem ao vento. O caminho certo seria o de, em vez de se entregar a estados ilusórios, procurar pelo menos as condições da autêntica paixão. Mas, feitas as contas, embora o número de decisões que dependem do sentimento seja infinitamente superior ao daquelas que se podem tomar com a pura razão, e todos os acontecimentos decisivos para a humanidade nasçam da imaginação, só as questões da razão se mostram ordenadas de forma suprapessoal; para o resto, nunca se fez nada que mereça o nome de esforço comum ou que sugira sequer a consciência da sua desesperada necessidade.

Robert Musil

Seus sentimentos, magoados sem que elas o percebessem, mas vivazes, o segredo de sua existência, tornavam-na exceções curiosas naquela reunião de pessoas cuja a vida era puramente material.

Honoré de Balzac

Certos sentimentos não tem explicações e certas explicações são os sentimentos.

Pequena Sereia

Os sentimentos são os mesmo e as sensações também, mas a forma de demonstrar é muito diferente.

Pequena Sereia

Entrou na minha vida sem pedir licença, bagunçou meus sentimentos e depois foi embora sem nem me avisar. Por que?

Pequena Sereia

Os sentimentos que você não consegue evitar, são os que você menos quer sentir. Não é?

Pequena Sereia

“Foram os livros que me deram consciência da amplitude dos sentimentos. Foram os livros que me justificaram como ser humano. Foram os livros que destruíram um a um meus preconceitos. Foram os livros que me deram vontade de viajar. Foram os livros que me tornaram mais tolerante com as diferenças.”

Martha Medeiros

O amor é certo, o ódio é errado e o resto é uma montanha de outros sentimentos, uma solidão gigantesca, muita confusão, desassossego, saudades cortantes, necessidade de afeto e urgências sexuais que não se adaptam as regras do bom comportamento.

Martha Medeiros

Mesmo as pessoas felizes precisam reavaliar escolhas, confirmar sentimentos, renovar os votos. Apaixonar-se de novo pelo mesmo marido ou pela mesma mulher nem sempre dá conta disso. Eles já conhecem todos os nossos truques, sabem contra o que a gente briga, e no momento o que precisamos é de alguém virgem de nós, que permita a recriação de nós mesmos. Precisamos nos apaixonar para justamente corrigir o que fizemos de errado enquanto compartilhávamos a vida com nossos parceiros. Sem que isso signifique abrir mão deles.
Isso explica o fato de as pessoas sentirem necessidade de relações paralelas mesmo estando felizes com a oficial. Explica, mas não alivia. Como é complicado viver.

Martha Medeiros

Jamais os moralistas conseguirão fazer compreender toda a influência que os sentimentos exercem sobre os interesses. Essa influência é tão poderosa como a dos interesses sobre os sentimentos. Todas as leis da natureza têm um duplo efeito, em sentido inverso um do outro.

Honoré de Balzac