Se Eu Pudesse

Cerca de 994 frases e pensamentos: Se Eu Pudesse

Se eu pudesse voltar atrás, nunca teria beijado...
E nunca teria abraçado... Porque de nada vale essa dor!

Leleli Santos

Honestamente, se eu pudesse ser um gênio seria sem graça demais. Adoro me esforçar e me superar a cada dia. Adoro competir comigo mesmo. Eterna luta interna.

Claudimar Maia

Se eu pudesse estar em mais de um lugar ao mesmo tempo, não sentiria saudades dos meus amigos;
Se eu pudesse influenciar todas as pessoas, faria com que ninguem se odiasse
Se eu pudesse escolher minha familia, talvez não tivesse tanto carinho e sabedoria sobre ela
Se eu pudesse escolher meus defeitos, eu seria a pior pessoa do mundo.
Se eu pudesse ter um manual de mim mesmo, trocaria algumas palavras, mas pensaria da mesma forma.
Se eu pudesse nascer de novo, cometeria todos os erros de novo, só que mais cedo.
Se eu pudesse viver para sempre, gostaria de ter várias nacionalidades.
Se eu pudesse viver numa biblioteca, me tornaria mais rico do que o Bill Gates.
Se eu pudesse ter a mais bela voz com toda certeza cantaria só pra você.
Se eu pudesse ver o futuro, talvez você estivesse nele.
Se eu pudesse esquecer você, perderia uma lembrança da minha vida.
Se eu pudesse falar de outras pessoas enquanto escrevo esse poema, me sentiria melhor.
Se eu pudesse faria todos serem pessoas melhores, todos serem amados e amarem.
Se eu pudesse esqueceria você um dia, e nos outros todos o guardaria comigo eu algum lugar que
se eu pudesse eu não me lembraria.

Ezequiel Viapiana

E se eu pudesse... te dava só um beijo
Te namoraria só um dia
Diria sim, só uma vez
Que aí então, eu já poderia morrer.

Dalvan Miotto

Quem me dera poder guardar todas aquelas lagrimas numa canção de amor, quem dera eu pudesse limpar as cores amargas do que vivemos, és tão linda que eu não enxergo meus sentimentos, estou perdido e sozinho, vagando com meus desejos tatuados nas minhas costas; prazer, seu nome era pecado, e eu te conheci intimamente; eu sei do meu vicio, do caos sentimental, das pinturas de sangue na parede do meu quarto, sei do ódio(do que sobrou dele); e em nome do que sinto, te deixarei pra trás, te farei feliz;"Wanderlust", a estrada me levará à lugares que só meu coração já conhece, e não estarei em solidão, me levarei comigo, meu bom amigo; marcharei para o oeste, mudarei minha mente, e liberto como os pássaros buscarei ser feliz.

Helom

Se eu pudesse voltar no tempo para consertar meus erros, eu aproveitaria meu tempo e daria tempo ao tempo, porque todos os meus erros se basearam em meus impulsos desnecessários.

Caroline Reedford

Você nunca acreditou que eu pudesse mudar,
bom agora eu vou, só que não mais pra você.

Mallu Moraes

Se eu pudesse fazer algo para você ficar comigo para sempre, eu faria. Você vale mais que muitas pessoas

JonatasFagundes

Se eu pudesse voltar no tempo eu mudaria sim muitas coisas na minha vida, esse papo de não se arrepender das coisas que fez pra mim é balela.
Eu me arrependo e muito de muita coisa, principalmente de ter me entregado para muita gente que não me merecia, porque hoje perdi um pouco da sensibilidade para enxergar quando alguém me quer de verdade.

Dri Cassimiro

Se eu pudesse escolher.
O que eu seria na vida.
Certamente escolheria.
Em ser o sorriso teu.
Assim pra sempre estaria.
Juntinho ao corpo teu.

Denis

- Se eu pudesse mudar o passado, você jamais apareceria na minha História!

Walnice Anita

Lidei com coisas que eu jamais entenderei. Ah! Se eu pudesse estar em paz.

Charlie Brown Jr

Se eu pudesse pedir uma coisa. Só uma coisa. Qualquer coisa. Eu pediria pra ele abrir os olhos e ver como as consequencias por ele impostas foram desproporcionais aos meus erros. Mas eu não posso pedir nada, e ele não vai abrir os olhos.

Maria Paula Fraga

"Se eu pudesse fazer uma declaração pra você,
de tudo que eu queria, ou não queria, te dizer
não precisaria ler nem ouvir
Pra sentir...

O medo bate fundo em meu coração.
É estranho te querer assim.
É estranho ainda te querer...

Apesar de tantas oportunidades que eu tive
Optei por sentir, não, por fugir...

Mas como eu não controlo meus sentimentos
Fico à mingua de falar.
Esperando você me salvar de mim mesmo

Pra você pouco importa o que eu sinto
Mas você não pode me impedir de sentir."

Luís Galdino

Acontece que quando anoitece, o dia se abastece de "Ai se eu pudesse".

Eu me chamo Antônio

Só Por Você


Ah…se eu podesse.
Se eu pudesse colher estrelas,
todo dia eu levaria uma para você.
Se eu pudesse chegar ao sol
eu pegaria um raio de luz só para você.
Se eu pudesse encontrar o pote do arco iris
eu daria todas as cores para você.
Eu faria isso tudo só por você!
Se eu pudesse chamar todos os passarinhos
eu os faria cantar para você.
Se eu pudesse construiria uma montanha só sua para
para que você descansasse mais perto do céu.
Se eu pudesse eu isolaria uma floresta onde só você
pudesse entrar, ir ao seu próprio encontro e respirar a paz.
Eu faria isso tudo só por você!
Se eu pudesse eu lhe levaria todas as alegrias
do Universo naqueles dias em que se sente triste.
Eu criaria um lugar especial feito só para você.
Um lugar onde você pudesse achar serenidade, estar só consigo
e se refazer dos seus cansaços.
Se eu pudesse apagar os seus problemas
eu usaria toda a minha força para faze-los desaparecer.
Eu faria isso tudo só por você!
… Mas não sei colher estrelas, não posso chegar ao sol
nem sei aonde está o pote do arco iris.
Não sei chamar os passarinhos
nem sou capaz de construir montanhas.
Não tenho licença para isolar uma floresta
nem posso livrar você de todos os problemas.
Mas eu sei que posso dar-lhe o que de mais forte existe em mim :
esta vontade de ver você feliz e de estar sempre aí …
… com você até o fim

Desconhecido

Juro que se pudesse, eu te traria pra passar um dia comigo em casa.
Faria comida pra gente, um bom filme, dormiria em teus braços, e depois te levaria pra casa... como se tivesse te encontrado na esquina de sua rua, e te acompanharia até a porta de sua casa, daria um beijo, e com um sorriso no canto da boca, eu diria sem precisar falar nada...Volto logo!

Álefy freitas

Se eu pudesse dar sentido ao que sinto, daria símbolos aos meus sentimentos, formaria uma nova língua, um novo verbo, algo tão sólido quanto à hipocrisia do homem. Traria a superfície o imperfeito, o que ainda não tem forma, o que busca sabor, Aquele que experiência a vida sem ignorar a condição da morte, o que ama sem saber o que ama. O que faz escorrer plasma na ferida que não pode ser cicatrizada, verbalizaria a dor que me faz sentir vivo e o vendo que fere sem machucar.
Se eu pudesse escrever o que sinto, escreveria um livro sem sentido, deixaria páginas em branco por não saber dizer o quero dizer, discriminaria cada pecado perdoado e cada desejo sem vontade alguma. Pularia pautas que não se descrevem e por fim escreveria um conto fictício de alguém que não conheço.
Se eu pudesse falar o que sinto, diria que conheço cada sentimento sem sentido que tenho, cada dor que sei por que dói. Falaria da saudade de quem odeio ter, das magoas que não se curaram, das manchas na pele que o tempo faz lembrar. Sussurraria palavras com a intimidade que gosto de ter e dos afetos que não pude viver por não querer viver. Contaria dos amores que tive e das desilusões que me fizeram sentir mais humano. Falaria de como usar a arrogância em prol de si e sobre o prazer sádico de tem uma mente sarcástica.
Se eu pudesse mostrar o que sinto, mostraria o amor que tenho sobre a vida, a vergonha que sinto por uma timidez que não existe, das resistências por sobrevivência. Mostraria as palavras que fluem entre meus dentes e os sentimentos que levo no estômago. Mostraria a vergonha de minha nudez como pessoa e personificaria a criança que sonha sem dá sentido, que não escreve uma só palavra se motivo, e sobretudo, mostraria sem vergonha o homem que a vida deu nome e orgulho de ter intrínseco em si o inacabado.

Leivânio Rodrigues

Ah!, se eu pudesse te mostrar as flores
Que contam suas cores para a manhã que nasce
Que cheiram no caminho quem falasse
As coisas mais bonitas para a manhã de sol

Ah!, se eu pudesse, no fim do caminho
Achar nosso barquinho e levá-lo ao mar
Ah!, se eu pudesse tanta poesia
Ah!, se eu pudesse, sempre, aquele dia...

Maria Izabel da Silva Thomáz