Saudades de quem está longe

Cerca de 12260 frases e pensamentos: Saudades de quem está longe

Tô com saudade de tu, meu desejo
Tô com saudade do beijo e do mel
Do teu olhar carinhoso
Do teu abraço gostoso
De passear no teu céu
É tão difícil ficar sem você
O teu amor é gostoso demais

Dominguinhos

A Velha Amiga

Conversávamos sobre saudade. E de repente me apercebi de que não tenho saudade de nada. Isso independente de qualquer recordação de felicidade ou de tristeza, de tempo mais feliz, menos feliz. Saudade de nada. Nem da infância querida, nem sequer das borboletas azuis, Casimiro.

Nem mesmo de quem morreu. De quem morreu sinto é falta, o prejuízo da perda, a ausência. A vontade da presença, mas não no passado, e sim presença atual.

Saudade será isso? Queria tê-los aqui, agora. Voltar atrás? Acho que não, nem com eles.

A vida é uma coisa que tem de passar, uma obrigação de que é preciso dar conta. Uma dívida que se vai pagando todos os meses, todos os dias. Parece loucura lamentar o tempo em que se devia muito mais.

Queria ter palavras boas, eficientes, para explicar como é isso de não ter saudades; fazer sentir que estou expirimindo um sentimento real, a humilde, a nua verdade. Você insinua a suspeita de que talvez seja isso uma atitude.

Meu Deus, acha-me capaz de atitudes, pensa que eu me rebaixaria a isso? Pois então eu lhe digo que essa capacidade de morrer de saudades, creio que ela só afeta a quem não cresceu direito; feito uma cobra que se sentisse melhor na pele antiga, não se acomodasse nunca à pele nova. Mas nós, como é que vamos ter saudades de um trapo velho que não nos cabe mais?

Fala que saudade é sensação de perda. Pois é. E eu lhe digo que, pessoalmente, não sinto que perdi nada. Gastei, gastei tempo, emoções, corpo e alma. E gastar não é perder, é usar até consumir.

E não pense que estou a lhe sugerir tragédias. Tirando a média, não tive quinhão por demais pior que o dos outros. Houve muito pedaço duro, mas a vida é assim mesmo, a uns traz os seus golpes mais cedo e a outros mais tarde; no fim, iguala a todos.

Infância sem lágrimas, amada, protegida. Mocidade - mas a mocidade já é de si uma etapa infeliz. Coração inquieto que não sabe o que quer, ou quer demais.

Qual será, nesta vida, o jovem satisfeito? Um jovem pode nos fazer confidências de exaltação, de embriaguez; de felicidade, nunca. Mocidade é a quadra dramática por excelência, o período dos conflitos, dos ajustamentos penosos, dos desajustamentos trágicos. A idade dos suicídios, dos desenganos e, por isso mesmo, dos grandes heroísmos. É o tempo em que a gente quer ser dono do mundo - e ao mesmo tempo sente que sobra nesse mesmo mundo. A idade em que se descobre a solidão irremediável de todos os viventes. Em que se pesam os valores do mundo por uma balança emocional, com medidas baralhadas; um quilo às vezes vale menos do que um grama; e por essas medida, pode-se descobrir a diferença metafísica que há entre uma arroba de chumbo e uma arroba de plumas.

Não sei mesmo como, entre as inúmeras mentiras do mundo, se consegue manter essa mentira maior de todas: a suposta felicidade dos moços. Por mim, sempre tive pena deles, da sua angústia e do seu desamparo. Enquanto esta idade a que chegamos, você e eu, é o tempo da estabilidade e das batalhas ganhas. Já pouco se exige, já pouco se espera. E mesmo quando se exige muito, só se espera o possível. Se as surpresas são poucas, poucos também os desenganos.

A gente vai se aferrando a hábitos, a pessoas e objetos. Ai, um um dos piores tormentos dos jovens é justamente o desapego das coisas, essa instabilidade do querer, a sede do que é novo, o tédio do possuído.

E depois há o capítulo da morte, sempre presente em todas as idades. Com a diferença de que a morte é a amante dos moços e a companheira dos velhos.

Para os jovens ela é abismo e paixão. Para nós, foi se tornando pouco a pouco uma velha amiga, a se anunciar devagarinho: o cabelo branco, a preguiça, a ruga no rosto, a vista fraca, os achaques. Velha amiga que vem de viagem e de cada porto nos manda um postal, para indicar que já embarcou.

(Crônica publicada no jornal "O Estado de São Paulo" - 13/01/2001)

Rachel de Queiroz

Saudade

Não vou fazer poemas, e nem discursar sobre o amor...
Me sinto preso em minh’alma
pois não consigo esquecer a dor

Uma dor de saudade intensa, que se ameniza com lembranças plenas
Percebo que nada é importante, apenas lembrando das cenas
Que um dia tive a meu favor

Declaro ao mundo e a mim mesmo, que sempre pensar em você
É algo saudável e sereno, que mesmo pela distância
Me vejo junto da trama, mesmo sabendo que a Dama

Não sabe se me escolher, será feliz com a vida , ou será feliz com a morte
Pois tendo um rumo ou um norte
Dispensa toda a plumagem, pois o que importa não é a imagem

E sim a vida interna, juntamente com a minha sorte
De tê-la como consorte, cônjuge do mesmo pleito
E cúmplice do que eu sinto, sabendo que eu sou seu eleito.

Eu amo você profundamente...!

Sérgio Lumas

A distância e a saudade já são realidades que gritam em mim.

Aurélio Ramos

Você se foi e levou contigo meu coração . Maldita distância , maldita saudade. Quem diz que a gente é amor de verão , tá enganado , a gente tá longe , mas o coração tá perto , a gente tá longe , mas nosso amor nos une , a gente tá longe , mas eu continuo te esperando.

Rayssa Barreto

Se sentimos saudades de um lugar em tão pouco tempo depois de deixá-lo, é por que é nesse lugar que nosso coração está.

Nattan Poire

DISTÂNCIA/SAUDADE.
Se quiser saber a distância que o separa de um ente querido, olhe para dentro do seu peito e o verá sempre no fundo do seu coração.

Márcio Souza

As dores e decepcões fazem a gente trocar amizade e saudade por orgulho e distancia. Não por importância, mas por segurança mesmo

Wilton Júnior Psicólogo

Quando se ama, a distãncia, por menor que seja, sempre é grande. Tão grande quanto a saudade.

Rutra Larama

A distância da saudade conjugal pode ser medida, declarada e abreviada pelo desejos de um coração apaixonado.

Helgir Girodo

Se a distância vier e a saudade não se manifestar.. melhor rever as opções.

Grazielle Dias

Suspiros profundos que trazem
a pesada bagagem de saudade...
Sem explicações de o porquê
tudo ser assim, mas quem foi
que disse que a distância nos
impõe o fim? O fim está longe
de acontecer e agora nos resta
aplaudir mais um amanhecer!

Lah Gouvêa

Lais Mariah Arruda

A saudade pode se transformar no alimento do amor que mesmo a distância sendo da vida, nos aproxima quando amamos de verdade e a dor passa a ser passageira

Jader Amadi

A distância física maltrata e faz doer de saudade. Mas a distância sentimental... Ah! Essa esfola e estraçalha o seu coração!

Ilanna Rêgo

A saudade é
Pura maldade
Que a distância
Inventou

Jean augusto

Eu me pergunto o porque de nao ter te conhecido antes, pelo menos um tempo suficiente pra poder te convencer de que teu lugar é ao meu lado, assim te levaria comigo pra onde quer que eu fosse. Eu te levaria agora mesmo comigo, mas nossas metas nao são as mesmas, nossos rumos são outro. Se eu te conhecesse antes, nós teríamos criado objetivos, sonhos. Sonhos que fariam com que crescêssemos juntos. Pego-me sonhando acordada com um futuro lindo contigo. As vezes esqueço que não posso chorar, mas é inevitável. Desde o inicio eu sabia o desfecho dessa história, mas não parecia realidade, e só percebemos o tamanho do problema quando o coração apertou. O coração chorou. Queria aproveitar estes últimos instantes sorrindo ao teu lado, olhando pro mar, e me perdendo em teus beijos, mas tudo o que consigo nesse momento é chorar. Eu não posso chorar! Não agora que ainda te tenho, mesmo que por pouco, perto de mim. Precisamos ser fortes e sorrir. Sorrir por todos os momentos bons que passamos juntos, e por podermos nos conhecer. Aprendi contigo, dei gargalhadas, e até senti ciúmes tolos. Eu só tinha medo de te perder. Quero que saiba que vou te levar pra sempre comigo, em meu coração. Vou lembrar do teu cheiro, do teu sorriso, do teu cabelo, da tua voz, e sentirei a maior saudade que tu possa imaginar.

Byanca Vilain