Sábado

Cerca de 381 frases e pensamentos: Sábado

Namorar você é minha segunda intenção. A primeira é ser feliz na sua cama de solteiro, um sábado inteiro.

Gabito Nunes

Todo mundo espera alguma coisa de um sábado à noite. Eu espero você.

Eu Te Amo Hoje

A semana toda no empenho das tarefas, na ansiedade de que no sábado e no domingo, tudo seja melhor do que os outros finais de semana...

Edu Lazaro

Se eu pudesse viveria um eterno sábado à noite, onde tudo pode mudar.

Felipe Mascarenhas - Ben

Madrugada de sábado é tipo aquele horário reservado pra você ficar relembrando de coisas, pessoas, momentos, lugares, cheiros e sensações que devia esquecer, ficar ouvindo músicas depressivas, relendo mensagens e históricos antigos, se culpando por as coisas não terem dado certo e etc.

Pablo Reis Expresiones

Déjà vu Piegas das Noites de Sábado que Nos Toca no Volume Máximo do Silencio..."

..."Na vida tudo é uma questão de comunicar-se sim ou sim...Declare-se para si mesmo e faça o mundo ouvir seu tom de voz..."

Ana Tereza de Araújo Bulcão

Não importa se é segunda-feira ou sábado, a cada dia que eu acordo, fico feliz com mais uma oportunidade de viver e lutar pela realização dos meus sonhos.

Willian Felipe F.P.

Neste fim de semana,
Eu iria ela vinha,
Horas marcadas não tinha.

Foi assim na sexta,
Sábado durante dia,
Sol muito irradiava, brilhava.

Neste sentido ,
Imaginei um fim de semana lindo,
Brilhante formoso ensolarado,
Nele, poderia termos nos encontrado.

Como sempre rápido ele muito voava,
Batidas no meu coração pensava , olhava , imaginava,
Dentre isto tudo sabe ler meus olhos , por este motivo no ar parava.

Benedito basilio

Bom Dia...........................................hoje é sábado!!


Só alegria.................ulalá!!
E a cada novo dia, renova uma esperança!

Pule...cante...dance...grite!
Fça o que tiver vontade...comemore...vc está vivo!!
Dê um chute em tudo o que for negativo......xô baixo astral!!!
Seja lá o que for que vc vier a fazer neste sabadão...que seja com muito amor!

E quero hoje que vc seja feliz...feliz...feliz e feliz!!!
E um fds SUPIMPA!!

Beijinho pra vc......rs...

Dulce J misteriosa

vou levando uma vida sem cor onde a felicidade só vem no sábado e no domingo

junior

Amiga Dora
Gorete Salvador

Nesses últimos meses uma pessoa tão próxima a mim...
Todo sábado...estamos juntas...
E admiro você...
Você talvez não saiba mais muitas vezes você
Foi a pessoa mais presente...
Aquela que diz:
Não vai embora...e eu fiquei...
Fiquei por que você é minha amiga...

E nesse dia não poderia faltar
Um PARABENSSSSSSSSS PRA VOCE!!!!!!!!!
Seja feliz hoje e sempre....beijos

Ass: Gorete
30/05/08

gorete salvador

Clima maluco

Dia de sábado dia quente eu to lembrando você
Com cabelo presos reclamando do calor quando
O tempo fecha o ar divide espaço com a água
O tempo refresca

Você solta o cabelo e diz agora to com frio
Só seus braços pra me deixar na temperatura
Que eu quero
Nós abraçamos fazemos amor
Deitados na cama ou chão onde tivermos
Você Me diz eu ti amo digo também o mesmo

Tomamos um banho pra refrescar o corpo que queima igual brasa
Imagino o que seria de mim sem você nessas tardes quentes e frias
Onde eu ti amo e você me ama
E nos deixamos levar pelo tempo e o clima
Adoro esse clima maluco igual a mim por você

Marcelo Gutierrez

Bom se for pra contar depois da meia noite de sabado, assistimos noivas em guerra, depois encantada, ficamos na internet, a bruh dormiu em casa.
Quando acordei ela tinha sumido, porque tava passando mal :S OSSO !
Dormimos até MUITO TARDE, fomos pra represa, jogamos truco, voltamos e fomos na academia com a Ana Paula, jantamos, ficamos na internet, fomos ao açai se encontrar com a a Amandinha, Lelo, Gui, e um mlk sei lá da onde. Minha irma viu eles fumando, dá nada, to ligada que ela dá uns pega de vez em quando ! :D
Bom, estamos aqui, sem fazer nada. e FIM :D

- Então pra que criar atalhos, se existe um só caminho, existe um só camino . .pois tudo nos é dado só nos falta fé *

Beijos, Bruh e Gabi !

06.07.2009

Pra Meu Sorriso Germinar
Sábado, 05/07/2008 - 12:47 — Sirlei Passolongo
8login Eu sei que mais do que ninguém me conheces
E sabes o que vai dentro de mim
Sabes dos meus sonhos e alegrias
Dos meus segredos e das minhas agonias...
Eu sei que em tuas mãos estou segura
Nas horas que te clamo és minha cura
E mesmo quando não te chamo estás por perto
Envolve-me em teus braços quando durmo
Leva-me pela mão quando amanhece... Eu sei
És meu manto quando nada mais me aquece
És minha luz quando tudo evanesce...
Eu sei que estás sempre a me zelar
De um jeito único que só um Pai pode zelar
Por isso, coloco-me na tua presença
Pra dizer que eu preciso do teu colo
Que sou apenas uma sementinha neste solo
E preciso de Ti pra meu sorriso germinar.

(Sirlei L. Passolongo)

Sirlei L Passolongo

Soneto de Sábado Square

E se a pessoa em que você sempre confiou de repente lhe parecesse estranha?
E se ela te atingisse no coração, dilacerando suas entranhas?
E se a pessoa que você sempre foi fosse posta em prova?
Falso é uma ova!

Você pode percorrer de dó até o si,
mas agora com certeza não fico mais aqui
se meu desejo agora é sumir,
não mais alimentarei o seu bisturi.

Ser jogado contra a parede
enquanto você descansa numa rede,
beba mais um copo, você não tem sede?

Somente eu tenho satisfação do que faço
se nessa cama de gato, nesse embaraço
minha verdade eu caço!

Marcel Henriques

Um sábado pacato......de um dezembro deserto, típico de Curitiba.

Um ar gelado, em pleno verão acanhado, regado com o sol que reluz nos ventos encanados por entre prédios e rostos fechados, sob as calçadas varridas.

É como se de repente os anos voltassem, e as fotos tomassem conta da cidade, sem as vaidades dos ilustres desconhecidos nas calçadas, onde as árvores e flores se misturam aos monumentos.

Mesmo em dias de verão, o frio prevalece sob o som triste que repousa discretamente no silêncio da morosidade da pressa, enquanto o nervosismo dos passos suados surpreende-se com os calafrios das sombras estacadas nos cantos vazios.

Os desesperos solitários dos transeuntes que perambulam nas praças, com suas feições amarradas entre fachadas de caras geladas, esbarram em sorrisos disfarçados, quase forçados e mal concentrados, em um sábado pacato, de um dezembro deserto, típico de Curitiba.

Robinson Klaesius

Sim, ás vezes ele me dói. Num sábado a tarde, ele me dói. Pós uma noite inteira de sonhos. Eu acho de verdade que amei, não sei quanto e até quando, mas me lembro dele, quando ele me dói. num sábado a tarde. Mas olho pela minha varanda o sol de uma vida inteira pela frente. Não será a última vez que alguém me dói, não será a última vez que irei amar...
Sigo...
"Olha o sol lá fora", digo pra mim mesma.

Lara Bottas