Rimas Engraçadas

Cerca de 330 frases e pensamentos: Rimas Engraçadas

Carlos Drummond de Andrade uma de minhas maiores inspirações... suas rimas são facinantes assim como seus poemas que cativam e envolvem, muita gente e embala ainda muitos casais'....Sz'

Thayná A. Dias

Poesia não é feita só de rimas e sim de palavras que saem do intimo de cada poeta

jorgely alves feitosa

A natureza é a mais perfeita poesia de rimas visuais que Deus declama à nós.

Laíza Reis

O Que Seria

Os poemas, são apenas um aperitivo do que sinto...
As rimas, apenas uma amostra do que faço...
Os sentimentos expostos, são demonstrativos vivos...
Cada ênfase, um charme...
As contradições, um enigma...
O que realmente sinto, nada inventado...
Apenas o Amor de um pobre coitado!!

Weslley Oliveira Farias

Dane-se os versos, as rimas, todos os poemas, escreva da sua maneira quando for pra mim, descreva o que sente, faz palavras do seu amor, quero você poeta que só declara em letras pra mim, porque de olhar e atitudes, quem te vê, já sabe disso tudo.

Gabriela Stacul

Frases, sentimento, rimas, o que faz um poeta? A poesia não é uma obra-prima para um poeta, é sua vida!

Jonas Dí Bem

As rimas que escrevi, as letras que falei, palavras que cantei, música que escutei, sentimentos que senti, silêncio que gritei, vontade que calei, desejo que ocultei, frases que esqueci, saudade que lembrei...foi você quem mas amei !

Leônia Teixeira

Minhas propostas podem ser fracas pra você
Minhas Rimas não serem espontâneas diretas do meu coração
Mas meus sentimentos sempre serão como fui com você, Verdadeiro. !

Marquesgabriel

Sorriso aberto, olhar seguro...as vezes rimas outras prosas.

Leônia Teixeira

Tentei ser versos, prosa, poesia,
me fiz em rimas, trechinhos de cordel,
quis ser poema, um tema pra tua vida,
até em notas musicais eu me compus.
E não teve jeito de compreenderes minha essência,
pois em tese, sou uma TESE, complexa dissertação,
e por favor, me dá licença,
fica aí com teus gibis, não tenta mais me ler,
sou alto nível pra você
e te falta amor, coração e inteligência.

Mychele Magalhães Velloso

Eu não sei escrever rimas
Nem das pobres nem das ricas
Também não domino a prosa
Ainda que em folha rosa

Costumo falar de bobagens
Mas também de coisas sérias
Repenso nas malandragens
E filosofo sobre as misérias

Contudo não entendi
Porque a escrita é voraz
Falo do que não vi

Rimo com o que jaz
Em outro verso, em outra estrofe
Por ser um jogo sem ás.

Paulo Ricardo Zargolin

Todos os dias penso naqueles dias e faço poesias cheio de rimas!

Yonne Moreno

Palavras que brinco e rimas que digo. Nessas horas infinitas necessito do que sinto.

Yonne Moreno

Loucas Rimas de Conquista e Futriques

Em meio a uma Vitória da Conquista turbulenta meu irmão
Valeu o pirão ver os Arautos louvando em meio a grande multidão
E o Pastor Luiz Gonsalves, que maravilha de pregação.

E no Shoping com a galera foi uma tremenda zuação
Uma tal Pizza Familha, são histórias do Cherão.
Mas e eu cara, cinco e cinquenta num briquedo sem noção kkk

Outros assuntos do nosso dialeto
Uma mocinha bonita, de pele macia, humm, dexa queto
Não é mesmo Gelber Santos, tipo os olhos miram reto kkk.

Olha lá eu digo mais, furdunso na Van,
muito futunululu e rimas sem sentido com Jean kkkkkk
Cantáva musica das Chiquititas e vc ria, lembrava da Taty ao olhar para a Bia.

Coisas apócrifas e avulsas acontecem eu nem posso falar, e para completar a Samay ainda esquece o celular kkkkkk.

Ponho a capuz da minha blusa e vou embora
Chego em casa, escrevo um monte de futriques e posto no Facebook agora

Janilson Gomes Rocha

Coração não sabe rimar.

Que para poesia precisa rimar
Rima rica, e um bom vocabulário
Rimas do coração, para poder declamar,

Mas como explicar isso ao coração?
Se ele só sabe amar
Não liga pro vocabulário
E nem se liga em rimar

Então não vou mais rimar
Somente deixar ele se expressar
Porque a única coisa que ele sabe,
É somente te amar

Olha lá, rimo!

Thiago Lima Medeiros

Dói quando suas rimas soam diferente em outros ouvidos.

Paula Izidoro

Os olhinhos pequenos apareciam pelo o canto da porta, tão engraçadinha, cheia de rimas, sorria e dizia amor em voz alta, contava até três pensando de vez no teu português. Soltava os cabelos pelo ar, sem se importar, os penteava e ria, ria com gosto cheia de dizeres, sem graça batia as palmas, sonhava e gritava, entre segundos ou milésimos, não sabia o tempo certo, nem se importava, estava livre, leve, solta, jogava-se pelo vento, "anda bonito e tem um brilho no olhar", engasgou-se em risos. Vinha e ia, para lá, para cá, tão indecisa, nunca sabia o que queria, uma hora ria e ria outra não se podia entender "engraçadinha e complicada" pensou ela mais uma vez. E quando as palavras iam se esvaziando de sentidos, os contos, as poesias e os poemas cheios de ritmos, tudo ali incompleto diante dos teus olhos, tava faltando graça, tava faltando amor, escreveu pela tarde toda, chorou algumas vezes, mas escreveu, tão simplista e maravilhoso. Choveu forte nas palavras, os sentimentos a deixavam assim, era tão doce como mel e tão amarga ao mesmo tempo, sua acidez dissolvia as tuas dores mais impertinentes. Cheia de prosas e encantamentos, tentou e rimou mais uma vez, levou, beijou e amou. Entendeu, compreendeu, sofreu, escreveu e pela 4º vez no dia sorriu mais uma vez.

Layara Sarti

O mais belo poema e aquele cujas palavras saem puras de sentimentos, sem se prenderem em rimas vazias.
Saem direto do coração para o coração.

Paulo Dantas

Aprisione-se apenas em minha, a poesia
Deite sobre minhas letras
Cubra-se com minhas rimas...
Olhe o sol que se põe na lagoa
Sinta o meu amor por ti
Cantado em tantos poemas
Meu amado poema
Amo-te tanto que me falta o ar
Só não me faltam as palavras a te enaltecer
Pode existir um amor assim?
Jamais sucumbir á realidade?
Como flor que nasce em meio às pedras
Fique aqui no meu coração
Para sempre
Para ti
Para mim
Para nós
Eu, você
Poema e poesia...


Leticia Andrea Pessoa

Letícia Andrea Pessôa

... meras palavras sem nexo nem importancia,
inúteis?
Frases confusas, rimas dissonantes.
"História sem pé nem cabeça", sem título, sem roteiro.
Um curta infinito, figuras de linguagem primárias.
Poemas rotos e anônimos, e alheios...
( meras palavras de coração e alma).

Lupus Blanck