Quando se Perde uma Pessoa q Ama tanto

Cerca de 25221 frases e pensamentos: Quando se Perde uma Pessoa q Ama tanto

Apenas em torno de uma mulher que ama se pode formar uma família.

Friedrich Schlegel

Fazer o bem ao teu inimigo pode ser obra de justiça e não é árduo; amá-lo, tarefa de anjos e não de homens.

Jorge Borges

O amigo de um homem gosta dele, mas deixa-o ficar como ele é; a mulher de um homem ama-o, e está sempre a tentar transformá-lo noutro homem.

Gilbert Chesterton

Se a mulher nos ama, até as nossas insuficiências nos desculpa, mas se não nos ama, não desculpa nem as nossas prioridades.

Barão de Montesquieu

Se você não pode estar com aquele você ama, ame aquele que está com você.

Stephen Stills

Muitos são os homens que falam de liberdade, mas poucos são os que não passam a vida a construir amarras.

Gustave Le Bon

Quanto mais se ama uma mulher mais pronto se está a odiá-la.

François La Rochefoucauld

Divorciar-se apenas porque você já não ama o seu marido é quase tão idiota quanto se ter casado com ele apenas porque o amava.

Zsa Zsa Gabor

Pouco ama aquele que pode dizer quanto ama.

Francesco Petrarca

Ama-se a vitória difícil, porque a derrota lhe preenchia quase todo o espaço possível. E foi com o que restava que se venceu em todo ele.

Vergílio Ferreira

Nunca se ama alguém mas somente as qualidades.

Blaise Pascal

De quem nos ama, esperamos sobretudo de um pouco de tempo.

Georges Bernanos

Ninguém sabe porque ama ou porque não ama. É uma coisa que se sente, mas que não se explica.

Júlio Dinis

(Do amor)
Ama-me. Ainda é tempo. Interroga-me.
E eu te direi que nosso tempo é agora.
Esplêndida de avidez, vasta ternura
Porque é mais vasto o sonho que elabora

Há tanto tempo sua própria tessitura.

Ama-me. Embora eu te pareça
Demasiado intensa. E de aspereza.
É transitória se tu me repensas.

Hilda Hilst

Ninguém ama tanto a vida como o homem que está a envelhecer.

Sófocles

Se quiseres ser amado, ama.

Sêneca

Uma névoa de Outono o ar raro vela, (5-11-1932)

Uma névoa de Outono o ar raro vela,
Cores de meia-cor pairam no céu.
O que indistintamente se revela,
Árvores, casas, montes, nada é meu.

Sim, vejo-o, e pela vista sou seu dono.
Sim, sinto-o eu pelo coração, o como.
Mas entre mim e ver há um grande sono.
De sentir é só a janela a que eu assomo.

Amanhã, se estiver um dia igual,
Mas se for outro, porque é amanhã,
Terei outra verdade, universal,
E será como esta [...]

Fernando Pessoa

Mas sou sempre eu, assente sobre os mesmos pés. O mesmo sempre, graças ao céu e à terra. E aos meus olhos e ouvidos atentos. E à minha clara simplicidade de alma...

Fernando Pessoa

Minha dor é velha
Como um frasco de essência cheio de pó.
Minha dor é inútil
Como uma gaiola numa terra onde não há aves,
E minha dor é silenciosa e triste
Como a parte da praia onde o mar não chega.
Chego às janelas
Dos palácios arruinados
E cismo de dentro para fora
Para me consolar do presente.
Dá-me rosas, rosas,
E lírios também...

Fernando Pessoa