Proverbio Indiano

Cerca de 20 proverbio Indiano

Eu sempre me fascinei com o matemático indiano Srinivasa Ramanujan. Ele dizia que para resolver seus intricados teoremas era movido apenas pela beleza das equações.
Na poesia também é assim. É uma espécie de exercício do não-dizer, mas que nos dilata de beleza quando acabamos de ler um poema.

Hilda Hilst

Quando falares, cuida para que tuas palavras sejam melhores que o silêncio

Provérbio indiano

Quando falares, cuida para que tuas palavras sejam melhores que o silêncio.

Provérbio indiano

As boas coisas vem quando estamos distraídos.

Provérbio indiano

A Raiva e a Ingratidão são irmãs gêmeas da Incompreensão". Grande Idealizador Indiano e Pacifista

Mahatma Gandhi

Onde reina o amor, o impossível pode ser alcançado.

Provérbio indiano

Você está gritando muito?

Por Que As Pessoas Gritam?

Um dia, um pensador indiano fez a seguinte pergunta a seus discípulos:

- Por que as pessoas gritam quando estão aborrecidas?

- Gritamos porque perdemos a calma, disse um deles.

- Mas, por que gritar quando a outra pessoa está ao seu lado? – Questionou novamente o pensador.

- Bem, gritamos porque desejamos que a outra pessoa nos ouça, retrucou outro discípulo.

E o mestre volta a perguntar:

- Então não é possível falar-lhe em voz baixa?

Várias outras respostas surgiram, mas nenhuma convenceu o pensador. Então ele esclareceu:

- Vocês sabem porque se grita com uma pessoa quando se está aborrecida? O fato é que, quando duas pessoas estão aborrecidas, seus corações se afastam muito.

Para cobrir esta distância precisam gritar para poderem escutar-se mutuamente.

Quanto mais aborrecidas estiverem, mais forte terão que gritar para ouvir um ao outro, através da grande distância.

Por outro lado, o que sucede quando duas pessoas estão enamoradas?

Elas não gritam. Falam suavemente.

E por quê?

Porque seus corações estão muito perto.

A distância entre elas é pequena.

Às vezes estão tão próximos seus corações, que nem falam, somente sussurram.

E quando o amor é mais intenso, não necessitam sequer sussurrar, apenas se olham, e basta.

Seus corações se entendem.

É isso que acontece quando duas pessoas que se amam estão próximas.

Por fim, o pensador conclui, dizendo:

“Quando vocês discutirem, não deixem que seus corações se afastem, não digam palavras que os distanciem mais, pois chegará um dia em que a distância será tanta que não mais encontrarão o caminho de volta”

Mahatma Gandhi

"O grande professor indiano Nisargadatta Maharaj disse uma vez: “A sabedoria me diz que não sou nada. O amor me diz que sou tudo. Entre os dois, minha vida flui”. “Não sou nada” não significa que há uma árida terra de ninguém interior. Mas sim que, com estado desperto, estamos abertos para um espaço limpo, desimpedido, sem centro ou periferia — em nada separado.
Se somos nada, não há realmente nada para servir como barreira para nossa ilimitada expressão do amor. Sendo nada, assim, também somos, inevitavelmente, tudo. “Tudo” não significa auto-engrandecimento, mas um reconhecimento decisivo de interconexão; não somos separados.
Tanto o espaço limpo e aberto do “nada” quando a interdependência de “tudo” nos desperta para nossa verdadeira natureza. Essa é a verdade que tocamos quando meditamos, um sentido de unidade além do sofrimento. Está sempre presente; precisamos, meramente, ser capazes de acessá-lo."

Sharon Salzberg

Goze este dia porque é a vida. A própria vida da vida. Em seu breve transcurso, você encontrará todas as realidades e verdades da existência: a sorte do crescimento, o esplendor da criação, a glória do poder. Porque o ontem é só um sonho e o amanhã, só uma visão. Porque o hoje, bem vivido, faz do ontem um sonho de felicidade e, de cada manhã, uma visão de esperança.

Provérbio indiano

Quando falares, cuida para que suas palavras sejam melhores que o silêncio.

Provérbio indiano

Quem é cego?
Aquele que é incapaz de enxergar outro mundo.
Quem é mudo?
Aquele que é incapaz de dizer palavras amáveis no momento certo
Quem é pobre?
Aquele que é atormentado por ambição desmedida.
Quem é rico?
Aquele cujo o coração está em paz!

Provérbio indiano

Um indiano que pescava na praia do Clube Nautico na Beira, possuia uma carteira de fregueses. Certa manhã um dos fregueses dirigiu-se a casa do pescador para comprar peixe. Chegado a casa pergunta a esposa.

Fregues: Miss! Tem peixe?
Miss: Pece não tem. Camarão matou patrão.
Fregues: Camarão matou patrão.
Miss: Sim. Camarão matou patrão.
Fregues: Quando é o enterro?
Miss: Enterro (o Kg interio) nosso não vender. Nosso vender metade metade para tudo gente cegar.

Gabriel Mauricio Julio

1)"A Raiva e a Ingratidão são irmãs gêmeas da Incomprensão". Grande Idealizador Indiano e Pacifista "Mahathama Gahndi"
2) " Eu, Sou Contente, Alegre e Feliz. Eu, Consigo "!!!
"Médico Landri Ludtke"
3) "Saudações Triazuis" Luiz Fernandes da Rosa Pohlmann

Mahathama Ghandi e Outros

Um dia um mestre Indiano inventou um sentido para o NADA e colocou o nome do nada de ZERO, dando um conteúdo ao tal NADA. E a partir desse dia a Matemática virou Filosofia Equacional ( eu disse isso) . E por causa do ZERO que é um NADA podemos entender o INFINITO.

Lu Rodrigues

Não importa se você é americano,você poderia ser indiano, japonês,chinês, ou sei lá o quê?
O importante é que você seria o homem que eu amo.

Cláudia Leite S.

Cláudia Leite S

A Unidade e Deus

O texto sagrado indiano Upanishads usa uma bela imagem para se referir a unidade do homem com a Criação. Ele diz que somos fagulhas de uma grande fogueira cósmica, e cada fagulha contém em si a intensidade da Luz Divina. O filósofo britânico Martin James (1803 - 1882) completa o mesmo tipo de pensamento: "Não existe um reino de Deus e um reino da Natureza; o que chamamos de matéria é apenas a porção visível do espírito. Estamos o tempo todo no paraíso, e o paraíso está em nós". Imaginem, isso é só um pouquinho do que Deus nos deixa perceber... Qual é a verdade absoluta? Ela existe? Exercitemos a Liberdade de Pensamento!

Marco Antônio Borges Antônio Borges.

Quando me assento no coração do Seu mundo
brilha a luz de um milhão de sóis,
um mar de azul incandescente se espalha pelo céu,
o tumulto da vida se aquieta,
todas as manchas do sofrimento são lavadas.....
Esta é a música
do encontro entre a alma e o corpo,
do esquecimento de todo sofrimento.
Esta é a música
que transcende todas as idas e vindas.

trechos do Poema escrito pelo bhakta indiano Kabir (1398-1518)