Primeira vez das Virgens

Cerca de 40 frases e pensamentos: Primeira vez das Virgens

OS VIRGENS

Sou virgem e meu signo é Leão. Sou casada e sou virgem, tenho filhos e sou virgem. Tão virgem quanto você.

Quando falamos em virgindade, logo pensamos em sexo, e a partir do dia que o experimentamos, o mundo parece perder seu mistério maior. Não somos mais virgens - que grande ilusão de maturidade.

Virgindade é um conceito um tanto mais elástico. Somos virgens antes de voltar sozinhos do colégio pela primeira vez. Somos virgens antes do primeiro gole de vinho. Somos virgens antes de conhecer Nova York. Somos virgens antes do primeiro salário. E podemos já estar transando há anos e permanecermos virgens diante de um novo amor.

Por mais que já tenhamos amado e odiado, por mais que tenhamos sido rejeitados, descartados, seduzidos, conquistados, não há experiência amorosa que se repita, pois são variadas as nossas paixões e diferentes as nossas etapas, e tudo isso nos torna novatos.

As dores, também elas, nos pegam despreparadas. A dor de perder um amigo não é a mesma de perder um carro num assalto, que por sua vez não é a mesma de perder a oportunidade de se declarar para alguém, que por outro lado difere da dor de perder o emprego. Somos sempre surpreendidos pelo que ainda não foi vivido.

Mesmo no sexo, somos virgens diante de um novo cheiro, de um novo beijo, de um fetiche ainda não realizado. Se ainda não usamos uma lingerie vermelha, se ainda não fizemos amor dentro do mar, se ainda cultivamos alguns tabus, que espécie de sabe-tudo somos nós?

Eu ainda sou virgem da neve, que já vi estática em cima das montanhas, mas nunca vi cair. Sou virgem do Canadá, da Turquia, da Polinésia. Sou virgem de helicóptero, Jack Daniels, revólver, análise, transa em elevador, LSD, Harley Davidson, cirurgia, rafting, show do Neil Yong, siso e passeata. A virgindade existencial nos acompanha até o fim dos nossos dias, especialmente no último, pois somos todos castos frente à morte, nossa derradeira experiência inédita. Enquanto ela não chega, é bom aproveitar cada minuto dessa nossa inocência frente ao desconhecido, pois é uma aventura tão excitante quanto o sexo e não tem idade pra acontecer.

Martha Medeiros

As Três Irmãs do Poeta

É Noite! as sombras correm nebulosas.
Vão três pálidas virgens silenciosas
Através da procela irrequieta.
Vão três pálidas virgens... vão sombrias
Rindo colar num beijo as bocas frias...

Na fronte cismadora do Poeta:
"Saúde, irmão! Eu sou a Indiferença.
Sou eu quem te sepulta a idéia imensa,
Quem no teu nome a escuridão projeta...
Fui eu que te vesti do meu sudário...
Que vais fazer tão triste e solitário?..."

- "Eu lutarei!" - responde-lhe o Poeta.
"Saúde, meu irmão! Eu sou a Fome.
Sou eu quem o teu negro pão consome...
O teu mísero pão, mísero atleta!
Hoje, amanhã, depois... depois (qu'importa?)
Virei sempre sentar-me à tua porta..."

-"Eu sofrerei"-responde-lhe o Poeta.
"Saúde, meu irmão! Eu sou a Morte.
Suspende em meio o hino augusto e forte.
Marquei-te a fronte, mísero profeta!
Volve ao nada! Não sentes neste enleio
Teu cântico gelar-se no meu seio?!"
-"Eu cantarei no céu" - diz-lhe o Poeta!

Castro Alves

Aqui está um descaso com a população de Divisópolis
A água cai em nossa casa bastante suja, contaminada.
Tive que tomar uma atitude logo
Pois as contas da COPASA vêm muito cara
Exigimos água de qualidade, água bem tratada.
Já passou da hora de denunciar.
Sou um cidadão de bem e estou fazendo a minha parte
Em certos momentos não podemos recuar
Temos que deixar de sermos covardes
Devemos ir atrás dos nossos direitos
A água sai da torneira desse jeito
No rio ou barragem já morreram vários animais
Como vacas, cavalos e outros mais.
Apodreceram tudo lá dentro
Nós somos simples demais
Vamos ficar mais atentos
As pessoas nos passam para trás
Disseram que não tinha nem uma cerca
Para proteger aquele lugar
E quando chove a enxurrada
Leva tantas porqueiradas
Preocupo com a saúde da criançada
A inspiração veio de madrugada
Como é bonita a poesia declamada
Ela é uma poderosa arma
Eis aqui o poeta Sidney Alves
Sou do interior de Minas Gerais

Sidney Alves das Virgens

Ser flamenguista

Ser flamenguista é comemorar
É acreditar na vitória
É vencer, honrar e vibrar
É permanecer fiel até na derrota

Ser flamenguista é conquistar títulos
É ter o vasco sempre como freguês
Pois o campeonato carioca é garantido
O flamengo é esforçado e guerreiro

Ser flamenguista é acompanhar os jogos
É torcer com força de vontade
É apoiar o time como se pode
É respeitar o adversário

Ser flamenguista é vestir o uniforme
De cor preta e avermelhada
É preferir o futebol como esporte
É apreciar gols de pênaltis e faltas

Ser flamenguista é ver virar o jogo
É querer que os jogadores façam graça
É competir o brasileiro e a libertadores
É fazer passeata e carreata

Ser flamenguista é viajar nesta poesia
É cantar o hino emocionante
É estar cada vez mais feliz
É tornar-se importante

Sidney Alves das Virgens

Algumas pessoas sábias viviam isoladas
Por elas ninguém dava nada
Foram exatamente essas as extraordinárias
Depois de mortas são lembradas
Pessoas questionadoras e revolucionárias
Aqui está um poeta que faz as palavras tocarem na alma

Sidney Alves das Virgens

Adore ao Bondoso Pai do céu

Adore ao bondoso Pai do céu e não ao papai noel
O Altíssimo é digno de toda hora e glória
Deus é misericordioso, justo e Fiel
Jamais tire Ele da tua memória

Adore ao bondoso Pai do céu e não ao papai noel
Nunca idolatre há algo que é terrestre
Só porque conquista com presentes e palavras de mel
Contemple e aprecie tudo que é celeste

Adore ao bondoso Pai do céu e não ao papai noel
O verdadeiro sentido do natal foi distorcido
Está repreendido satanás maligno e cruel
Ninguém ocupará o reino de Jesus Cristo

Adore ao bondoso Pai do céu e não ao papai noel
O diabo é lobo disfarçado de cordeiro
Ilude as pessoas com reconhecimento e troféu
O Rei dos reis nos fez filhos herdeiros

Adore ao bondoso Pai do céu e não ao papai noel
Parabéns menino salvador, comemoramos seu dia
Acampe na manjedoura do meu coração
E me traga amor , paz interior e alegria

Sidney Alves das Virgens

O poeta e a poesia

Sempre estamos juntos
Estás nesta mente
Em todos os momentos
Seduz-me facilmente

Nascemos um para o outro
És companheira amiga
És muito importante para mim
És o sentido da minha vida

Nunca vi alguém tão linda
Quanto a ti meu amor.
Guardo-te dentro do coração
És semelhante a uma flor

Todas as horas sinto o teu calor
Reconquista-me dia a dia
És a mais bela rainha
És a idolatrada poesia.

Sidney Alves das Virgens

Cumprindo a palavra

Talvez eu seja o menor que esteja aqui
O Altíssimo resolveu me ungir
Ele está me usando neste momento
para a sua palavra se cumprir

Sou um pequeno confundindo os grandes
Impactei o mundo com a minha história
passei por inúmeras provas
Todos estão de pé vendo essa vitória

Ao Soberano seja toda a honra e glória
Faço parte dos sonhos Dele
Conhece-me desde outrora
Antes do ventre materno
Em Cristo sou criatura nova

Não se deixe levar pela multidão
Sirva ao Senhor de coração
Desvies do pecado e ame o teu irmão

Sidney Alves das Virgens

Não despreze os meus sentimentos
Você não sai do meu pensamento
Lembrei de ti neste momento
Estou me sentindo carente
Sou poeta e vivo no esquecimento
Desejo ter reconhecimento
Deus me deu inúmeros livramentos
Quero servir a Ele sempre
Peço ao Altíssimo discernimento
Vou falar de nós dois novamente
Eis aqui um escritor inteligente
Espero que tenhamos relacionamento
E que dure eternamente
Do teu lado fico contente
A poesia é cultura e ensinamento
Argumento sabiamente
Essa mensagem é presente
É beleza que surge naturalmente
Para compor exige talento
Quem capacita é o Onipotente
Falo de assuntos diferentes
Ao mesmo tempo
O importante é dizer o que se sente
Este texto é lindo, excelente
Dedico a alguma mulher existente

Sidney Alves das Virgens

Falta água em todo lugar
Quase não está chovendo
Por isso temos que economizar
As criações estão morrendo

Os rios cada vez mais secando
E a água nós estamos desperdiçando
Esses dias atrás estávamos reclamando
Que não tínhamos para lavar roupas e tomar banho

Peço a Deus para mandar chuva abençoada
Pois o povo sofre em inúmeros lugares
As plantações precisam ser molhadas
O sol forte aos frutos estragam

O Altíssimo é bondoso
E a abundância vai voltar
Vamos cuidar deste bem precioso
Que tem por nome água
Creio que tudo vai melhorar
Mas temos que colaborar

Sidney Alves das Virgens

Suzana Assis
Esse desenho não fui eu que fiz
Pedi a um amigo para fazer
Desejo te ver sempre feliz
Agradeço-te muito... de verdade,
Valeu por ter me ajudado

Sidney Alves das Virgens

Dias melhores virão

Em certo evento, ao declamar uma poesia
Não consegui ser o centro das atenções
Algumas pessoas criticavam e riam
Doeu lá no fundo do meu coração

Esqueci uma parte do texto, então pensei:
Hoje não é o meu dia de sorte
A mensagem que eu dizia era triste
Desejei naquele momento a minha morte

Lembrei de outras vezes que fui infeliz.
Ao terminar de apresentar
Recebi pouquíssimos aplausos
Necessitei de alguém para desabafar

Fiquei com vontade de ir à frente novamente
Desta vez querendo recitar um poema alegre
Mas eu corria o risco de ficar mais envergonhado
Portanto preferi permanecer no meu canto quieto

A vida continua, devo erguer a cabeça
Seguir em frente, e tirar algo de lição
Vou compor sempre quando vir inspiração
Continuarei falando em público
Dias melhores com certeza virão

Sidney Alves das Virgens

Feliz ano novo

Finda mais um ano
Ficam boas recordações
Renove as esperanças
Esqueça os traumas e decepções

Quebrante o coração
A partir de hoje é dia de recomeçar
Faça o bem, libere o perdão
Se entregue totalmente a Deus
Deixe o Altíssimo te usar
Como instrumento em suas mãos

Nesta nova etapa, pense nos sonhos
Na família, e nas outras pessoas
que fazem parte da tua vida;
Nos excluídos da sociedade
Que sentem frio e passam fome

Conquiste novas amizades
Conte sempre comigo
Se precisar do meu abraço
De um ombro amigo

Reflita sobre a história de Jesus Cristo
Obedeça ao criador do universo
Torne-se jovem em espírito
Renuncie este mundo perverso

Acredite mais em ti, lhe desejo tudo de bom
Paz, felicidades e sucessos
lute pelos seus ideais, conclua projetos
Feliz ano novo, todos nós temos méritos

Sidney Alves das Virgens

Preserve a natureza

O meio ambiente encanta a gente
Inspira inúmeros compositores e poetas
São tantas belezas que nos surpreendem
Mas os próprios humanos não cooperam

Acabam com as valiosas nascentes
Jogam lixos em todos os lugares
Exterminam tudo no presente
Como se não precisassem mais tarde

Desmatam e queimam as florestas
Colocam em perigo os animais
Que tamanha ignorância é essa?
Seres racionais ou irracionais?

Desvalorizam as maiores riquezas
Desperdiçam água e poluem os rios
No futuro haverá grande pobreza
Não somente aqui no Brasil

Devemos acordar para a vida
E preservar o que Deus fez
A terra que era tão linda
Está totalmente destruída

A natureza corre sérios riscos
A seca invade vários estados
A chuva quase não está vindo
E o sol não tem piedade

Vamos conscientizar a população
Estou fazendo a minha parte
Faça também uma boa ação
Entre neste combate.

Sidney Alves das Virgens

Estou aqui pensativo e complexado
Acho que eu nasci por acaso
Fui maltratado no passado
Sou romântico e não sou amado
Neste instante sinto-me inspirado
Gosto de ouvir poemas declamados
Sou um escritor apaixonado
Por textos bem rimados
No meu coração há bondade
Deus, por favor, me traga felicidade
Obrigado por ter inúmeras vezes me perdoado
Pois andei no caminho errado
Só ti Senhor não tem pecado
Eis aqui meu forte desabafo
Necessito do teu abraço
Essa é mais uma poesia
Que vai passar despercebida
Perdeu o sentido a minha vida
O que faço ninguém valoriza
Desejo conhecer alguma poetisa
Uma mulher educada e linda
Quero que seja mais do que amiga
Essa mensagem é depressiva
Ouça o que vou dizer gente bonita
Cada pessoa tem um dom diferente
O locutor, o cantor e o profeta
Reconheça o meu talento
Pois sou simplesmente poeta

Sidney Alves das Virgens

A Páscoa

Uma vida nova
Um tempo novo
É tempo de alegria
Venha alegrar-se conosco

As coisas velhas já se passaram
É tempo de renovo
Aleluia! Aleluia! Jesus ressuscitou
Toda glória seja dada ao Salvador

Ele morreu para dar-nos guarida
Isso é motivo de louvor
Na cruz tudo se consumou
Como foi profunda a sua dor!

O Rei deu grande exemplo de amor
Mesmo sendo torturado
Pela terrível humanidade
Teve compaixão e a perdoou

Vivamos o perdão
Não guardemos rancor
Amemos uns aos outros
como o Altíssimo nos ordenou

Uma vida nova
Um tempo novo
É tempo de alegria
Venha alegrar conosco

Sidney Alves das Virgens

Lamentação

Humilhações e perseguições
São muitas as provações
O maligno semeia maldição
Neste mundo há atribulações
Dói muito o meu coração
As pessoas já não tem compaixão
Peço a ti Senhor uma direção
O povo está com depressão
Precisando de consolação
Irmão matando irmão
Ninguém tem mais consideração
Não estão nem aí para a salvação
Tudo a caminho da destruição
Na minha mente, confusão.
Não sei qual é a missão
Nem sei qual é a vocação
Estou na ilusão
Sofri algumas desilusões
Só sei que preciso de carinho e atenção

Sidney Alves das Virgens

Ricardo Assunção torce pelo Cruzeiro
Esse é o time do seu coração
Não tem para o Atlético mineiro
Que quase sempre é o vice campeão
Pois a raposa devora o galo
A cor azul é uma paixão
Em Minas sou cruzeirense
Mas o meu time predileto é o mengão
Apresentador você é super inteligente
Gosto muito do seu programa
O balanço geral todo mundo ama
Aproveitando o espaço
Deixo o meu braço
Para o Ben Hur e a Suzana

Sidney Alves das Virgens

Abraços para todos aí do Balanço Geral
Da TV leste de Governador Valadares
Que Deus os proteja sempre do mal
Sou um telespectador de DiviSópolis MG

A Record é uma emissora famosa
Vou citar o nome de algumas pessoas
Que são humildes e maravilhosas
Essa equipe só tem gente boa

A editora chefa Suzana Assis
Ela comanda quase tudo
Mulher sorridente e feliz
Que faz a diferença neste mundo

Ricardo Assunção vereador e apresentador
Ele candidatou a deputado e foi bem votado
Não desista do teu objetivo sonhador
Da próxima vez é para ganhar estourado

Bem Hur grande diretor
Garoto esforçado e servidor
Jamais nega algum favor
Brother continue servindo ao Senhor

Antônio Mário, Carol e Rodrigo
Pepeu, Evandro e Edinho
Aguiar Júnior, Marcos Vinicius,
e Boladão , fiz essa homenagem com carinho

Valquíria Mello do programa o grande dia
Apresentadora que me deu grande oportunidade
Encanta com o seu sorriso e simpatia
E demonstra bastante charme

Sidney Alves das Virgens

O valor de uma mãe

O valor de uma mãe é muito alto
Ela faz o que o filho não merece
Trabalha dia e noite
Para vê-lo satisfeito e alegre

O valor de uma mãe é valioso
O preço dela é superior a dinheiro
A bronze, prata ou ouro
E a qualquer outro tesouro

O valor de uma mãe é caro
É incomparável a bens materiais
Nos conduz para o bem
Devemos honrá-la mais

O valor de uma mãe é precioso
Observe os seus sacrifícios
Por ti fazes o possível
E até mesmo o impossível

O valor de uma mãe é admirável
Estar acima de qualquer joia rara
O seu coração é tolerável
As suas mãos são calejadas

Sidney Alves das Virgens