Praia e Sol

Cerca de 73 frases e pensamentos: Praia e Sol

Quando a gente foi ver o pôr-do-sol na Praia, e a gente ficou abraçado,e a gente se achou brega demais, e a gente morreu de rir, eu senti um daqueles segundos de eternidade que tanto assustam o nosso coração acostumado com a fugacidade segura dos sentimentos superficiais.
Eu olhei para você com aquela sua sueter que te deixa com tanta cara de homem e me senti tão ao lado de um homem, que eu tive vontade de ser a melhor mulher do mundo.
E eu tive vontade de fazer ginástica, ler, ouvir todas as músicas legais do mundo, cozinhar, arrumar seu quarto, escrever um livro, ser mãe.
E aí eu só olhei pra bem longe, muito além daquele Sol, e todo o meu passado se pôs junto com ele.
E eu senti a alma clarear enquanto o dia escurecia(...)

Tati Bernardi

está fazendo um dia de sol. A praia estava cheia de vento bom e de uma liberdade. E eu estava só. Sem precisar de ninguém . È difícil pq preciso repartir contigo oq sinto . O mar calmo. Mas a espreita e em suspeita. Como se tal calma não pudesse durar. Algo está sempre por acontecer. O imprevisto improvisado e fatal me fascina. Já entrei contigo em comunicação tão forte que deixei de existir sendo. VS tornou-se um eu. É tão difícil falar e dizer coisas que não podem ser ditas. É tão silencioso. Como traduzir o silencio do encontro real entre nós dois? Dificílimo contar: olhei para VS fixamente por uns instantes. Tais momentos são meu segredo. Ouve o q se chama de comunhão perfeita. Eu chamo isto de estado agudo de felicidade.

Clarice Lispector

Acordo cedo e vejo o mar se espreguiçando; o sol acabou de nascer. Vou para a praia; é bom chegar a esta hora em que a areia que o mar lavou ainda está limpinha, sem marca de nenhum pé. A manhã está nítida no ar leve; dou um mergulho e essa agua salgada me faz bem, limpa de todas as coisas da noite.

Rubem Braga

Pequenas coisas

Um dia de sol,
Ir à praia no verão
Sair pra dançar
Deitar no sofá
Assistir um bom filme
Ver crianças brincando
Passear no jardim
Sentir o perfume das flores
Pisar na areia
Ver a natureza
Admirar a lua e o céu estrelado
Sorrir do nada
Contar uma piada
Rever um grande amor
Amar sempre alguém
Olhar uma paisagem e dizer
“Como Deus é grande.”

Pamela Tailine Amorim

Desejos

Desejo sentar-me a beira da praia e admirar o pôr sol;
Desejo ainda sentir aquela brisa suave a acariciar a
minha pele;e o vento a mexer com os meus cabelos.

Desejo ter sonhos de paz e felicidade e abraçar o amor
que disponta em doce e intensa realidade.
Desejo sentir a tua presença ao meu lado e a tua energia
positiva quando durmo.

Desejo andar com os pés firmes ao chão e te contar
histórias e falar dos sonhos que falam ao meu coração;
Desejo num dia frio, ter você por perto pra me aquecer.

Desejo os sonhos que não se findam, mas que eternizam
na vontade voraz de os ter; Desejo um caminho de
cumplicidade,regado a doce felicidade de ter você.

Elke Sandra

CADELA ROSADA
[Rio de Janeiro]

Sol forte, céu azul. O Rio sua.
Praia apinhada de barracas. Nua,
passo apressado, você cruza a rua.

Nunca vi um cão tão nu, tão sem nada,
sem pêlo, pele tão avermelhada...
Quem a vê até troca de calçada.

Têm medo da raiva. Mas isso não
é hidrofobia — é sarna. O olhar é são
e esperto. E os seus filhotes, onde estão?

(Tetas cheias de leite.) Em que favela
você os escondeu, em que ruela,
pra viver sua vida de cadela?

Você não sabia? Deu no jornal:
pra resolver o problema social,
estão jogando os mendigos num canal.

E não são só pedintes os lançados
no rio da Guarda: idiotas, aleijados,
vagabundos, alcoólatras, drogados.

Se fazem isso com gente, os estúpidos,
com pernetas ou bípedes, sem escrúpulos,
o que não fariam com um quadrúpede?

A piada mais contada hoje em dia
é que os mendigos, em vez de comida,
andam comprando bóias salva-vidas.

Você, no estado em que está, com esses peitos,
jogada no rio, afundava feito
parafuso. Falando sério, o jeito

mesmo é vestir alguma fantasia.
Não dá pra você ficar por aí à
toa com essa cara. Você devia

pôr uma máscara qualquer. Que tal?
Até a quarta-feira, é Carnaval!
Dance um samba! Abaixo o baixo-astral!

Dizem que o Carnaval está acabando,
culpa do rádio, dos americanos...
Dizem a mesma bobagem todo ano.

O Carnaval está cada vez melhor!
Agora, um cão pelado é mesmo um horror...
Vamos, se fantasie! A-lá-lá-ô...!

Elizabeth Bishop

A praia seria o melhor lugar do mundo; não fosse a areia e o sol.

Ediel

Nessa linda pedra, alguém sentou para olhar o mar, O mar não parou para ser olhado Foi mar pra tudo que é lado, e o dia se fez ensolarado.

Renata Quintas

A positividade do nascer e o por do sol de uma praia mostra a beleza que flui na alma feita pela natureza.

Gabriel Reichert Evaldt

" Pra que mais perfeição que ouvir reggae,praia e sol liberdade e o farol "

Gabriel Reichert Evaldt

" Vamos seguir o caminho da sabedoria pois é o mais correto a fazer "

Gabriel Reichert Evaldt

" Que nesta manhã a luz do dia venha iluminar a sua alma está manhã "

Gabriel Reichert Evaldt

Gostaria de hoje ser o sol,
para pegar no seu corpo todo e ti deixar marcas
você dizer que eu sou tão quente ao ponto de ter que correr e molhar os cabelos,
e mesmo assim, todos os dias que eu aparecer
você continuar mim querendo mais.

Eder Mastromano

Uma manhã na praia pode trazer ao coração regozijos infindos. O esplêndido nascer do sol faz-nos refletirmos em coisas que às vezes esquecemos por descuido.

Bené Lobão

As ondas vinham
Beijar a praia
O sol brilhava
De tanta emoção
Um rosto lindo
Como o verão
E um beijo aconteceu

Renato Russo

Vamos na praia tomar um banho de sol, pois a noite iremos ver o farol.

Gabriel Reichert Evaldt

Me desculpem os que amam praia, adoram o sol. Eu gosto da chuva. Tempo "feio" como dizem, tudo nublado, céu fechado, bem escurinho. Olho para janela e nesses raros momentos vejo que faço parte em alguma coisa desse mundo. O barulho da chuva, o cheiro de terra molhada que ela provoca são para mim de uma beleza e uma significação meio doida de explicar. Banho de chuva então? Liberdade total. Alma lavada. Acho que gosto tanto da chuva porque para mim é a representação do céu chorando. O sol, como já disse anteriormente em algum texto, não combina comigo. Já a chuva...Ah! a chuva. Sinto como se fossemos uma só. Lágrimas de dor e alegria por todos os lados. Celebração da autêntica solidão que os tempos nublados nos trazem. Eu gosto disso: Legitimidade.
Claro que o sol é lindo e legitima para mim uma alegria perfeita. Mas eu não sou perfeita, nem tão alegre assim. Entendo-me melhor com a chuva.

Renata Ferreira Santos

Felicidades

Ver o por-do-sol na praia
Caminhar descalço na grama molhada
Abraçar a pessoa amada
Beijos
O sorriso de uma criança
Ler
Aprender
Amar e ser amada
Amigos
Filhos com saúde
Músicas, cantar
Nostalgia
Segredos
Uma troca de olhares
Ser amiga

Valéria Bischof