Poesias sobre o Transito

Cerca de 90 poesias sobre o Transito

Chuva mãe

E quando chove, sair para trabalhar se torna um tormento,o trânsito lento,do frio só ouço lamento.Mas parei para pensar em quanto os vejo a reclamar - Maldita chuva,atrapalhou meu final de semana,minha praia,minha balada. Da janela perfeitamente da pra se vê a felicidade das plantas, o balanço,o auê. Enquanto emburrados estamos olhando dos vidros do ônibus,lá fora elas cantarolam,refrescando suas raízes,a raridade caindo das nuvens que choram.
Chuva: você reclama, as plantas comemoram.

Tatiana zocrato

Acordar e não pensar
escovar se arrumar perfumar
transito de carro a pé
cheguei

Correria calmaria
irritar stress
parar comer descansar voltar

Correria calmaria
irritar stress
sair

Comer Surpreenda - me
aproveitar dormir

Novo dia

Marcelo H. dos Santos

Do livro SER EM TRÂNSITO" (1979)

Amigo,
daí o meu silêncio
esse olhar ambíguo e um certo ar viajante de quem
não está-estando
a mão pendida numa mala ausente.
E daí esse soluço
que me trava a voz, se na flor da boca
um nome irrompe como um sol nascente.

...

Mas por que agora me dói teu nome
e ao ouvir teus passos me estremeço?"

Carminha Barreto Campello

Carnaval é realmente alegria...
Mas infelizmente os tempos mudaram, o trânsito nos agride, o stress é o mal do século, as doenças são invisíveis pra quem não as tem, a violência arromba nossas portas e todo cuidado é pouco.
Mas é carnaval...e por que não carnaval com responsabilidade?
Podemos sim, deixar a festa acabar, o barco correr e o dia raiar, mas não esquecer que amanhã tudo pode ou não voltar ao normal e seja você quem for, seja o Deus quiser. Mas a responsabilidade é sua.

Daiane Ataides

Circo no Trânsito


Verde....... Amarelo...... Vermelho......... Parou. Lá vem ele.
Com sua face pintada, colorida e algumas vezes desbotada...
Desbotada pelo sol e pela chuva, pelo suor de quem está na luta....

Ele chega com sua irreverência, suas caretas e trejeitos..
Conta piadas, vira cambalhotas, salta, pula e as vezes assusta..
Assusta por sua coragem ou por nossa insensibilidade...

Lá vem ele... E a gente fecha o vidro, se protege...
Protege de alguém que tenta, que inventa, que não tem vergonha....
Que expõe sua destreza e tenta de muitos aliviar a tristeza...

Quem és tu? Oh menino esguio, para onde vais, de onde você saiu...
Saiu do nada, do meio da rua. Onde batalha e defende a vida tua.
Surge de repente a nossa frente, com sua cara colorida e a alma nua.

És palhaço, mágico, malabarista? Não importa...
Importa que você não desiste, que caiu, levanta e insiste..
Insiste em vencer, viver, ser feliz.

Nivaldo Joaquim

Trânsito Livre


Acordei rapidamente, troquei de roupa e sai de carro rua afora;
As estradas sem buracos, os motorista educados, o trânsito não demora;
Os pedestres transitam na faixa, os policiais a quem precisa orientam;
A cidade cresce, o numero de acidentes desce e a vida alimentam.

Os motoristas respeitam-se, os motociclistas trafegam com cuidado;
Onde não há semáforo, ao atravessar a rua todos olham para o lado;
Sigo por estes caminhos, trafegando calmo e sossegado.
Andamos mais devagar e com mais atenção quando o piso esta molhado.

No fim do dia todos retornam para suas casas,
Seguem o trânsito sem ficar pedindo asas,
Na há filas, discussões, xingamentos e desavenças.
Os pais chegam felizes em suas casas para abraçarem as crianças.

Trriiinnnnnnnnn..... Despertou o relógio. Acordei. Era sonho.
Olho pela janela e vejo um transito enfadonho;
Sai pelas ruas rezando para que consiga ao meu destino chegar.
Quem me dera um dia ver tudo isso sem ter que apenas sonhar

Nivaldo Joaquim

Certa vez ao ser indagado qual o remédio para o caótico transito de recife. Incisivamente o médico prescreveu: Bromazepam. Fervorosamente o padre indicou: uma oração. Sucintamente e fundamentado o advogado impetrou: O habeas corpus.
Transitar na capital pernambucana está cada vez mais complexo.

Natalino Gomes da Silva

Voltei feliz, embora cansada.
O trânsito era infernal,
mas me deixava ver as vitrines.
Me ative às de lingerie,
pensei numa camisola nova.

Viajei pela janela molhada
e turva da chuva fraca
imaginando a sedução da seda.

Te vi, meus olhos sorriram.

Alessandra Horta

Thays

Transito
num amor
infinito.

Humanamente
tenho poderes
esquisitos.

Arte
de ter sorrisos
explícitos.

Yasmins
são perto de ti
mito.


amo a ti e, logo,
grito.

Lucian Rodrigues Cardoso

Um vai e vem
Pessoas, carros, trens
metrô, catraca, escada rolante
Prédios, concretos, trânsito
Correria.
Restaurante árabe
Logo ao lado um japonês
na esquina uma padaria
com várias iguarias
opções.
Cartão de crédito
Cartão de crédito
Tiquet do metrô
(mais cartão de crédito)
Guarda-chuva
Terno e gravata
Manta suja e rasgada
Brancos, negros, pardos
amarelos
Cabelos castanhos
Cabelos estranhos
E continua o vai e vem...
São Paulo
Metrópole de todos
Metrópole de ninguém.

Thaís Falleiros

Sabemos q o trânsito ta caótico, sabemos q o sol esta fritando, sabemos do aumento de passagens, gasolina e mercado. Sabemos q somos roubados o tempo todo por esses políticos, sabemos q a copa e olimpíadas não vão gerar melhorias nos hospitais, educação e segurança... sabemos q a televisão só ensina coisas q não prestam e que temos q passar por cima de valores éticos, pois é crime kkkk. Então, o que mais precisamos saber? O q temos q fazer? Somos reféns do medo e da covardia humana, somos escravizados a viver uma democracia q não existe e nunca existiu... estou farto de tantas mentiras e violências... Quero e preciso de um país melhor, ou melhor, de um mundo melhor!!
Temos q continuar lutando pelos nossos direitos sim... Não vamos deixar q pessoas sem coração e nenhum caráter nos tire nossos direitos de lutar. Basta! Tudo isso só depende de nós, pois a força de uma nação move o q quiser até mesmo a miséria, corrupção, a falta de amor.
Bom dia vida

sadek frota

A minha beleza não é aquela de parar o transito, a minha beleza não faz os homens mexerem comigo na rua.
Não preciso daquela beleza escrachada, como se quisesse chamar a atenção de tudo e de todos, com aquela roupa apertado ou aquele decote profundo.
A minha beleza é o olhar que te paraliza, aquele sorriso que te faz sorrir e te deixa sem graça, é aquele jeito mistorioso que deixa um ar de curiosidade, é aquele jeito bobo de querer esconder o que tem de mais bonito : A simplicidade.

Likes

Ser brasileiro é viver de furtivas alegrias,
apesar do trânsito e das estradas,
do salário e das longas jornadas de trabalho,
da poluição e dos planos de saúde,
da educação e do preconceito,
da corrupção, da taxa de juros,
da inflação e das dívidas,
da insegurança e dos altos impostos.

Bruno Resende Ramos

Pode protestar, mas não pode atrapalhar o transito!
Pode lutar pelos seus direitos, só que não depois das seis!!!???
Estudante paga meia pra que brigar? Que corrupção??? Se a mídia não mostra é porque não aconteceu!!!hã???
Pessoas que justificam ser contra protestos só podem estar satisfeitas com as filas, nos hospitais, com as mortes no transito!
Como assim? Não é bem assim? protesto de teclado funciona! Só se for no mundinho apático de quem não quer se incomodar!
Pressão popular é o que atinge o governante, o medo de perder o salário e gratificação, isso quando não outros meios ilícitos é o que assusta!
Colocaram cinco mil hoje, que amanha sejam dez! depois quinze! que os protestos sejam pela falta de estrutura, pelo mau uso do dinheiro publico!
Que seja pelo livre arbítrio e o direito de ir e vir a cinco reais e ônibus lotados na volta do trabalho!!!! Sem ar condicionado!!!
(Só em terceiro mundo, no Brasil isso não existe! Será?????)
O governo diz que não, a mídia finge que não vê! E tem gente que ainda defende a parte podre da sociedade,
quando tudo que se busca é um pouco(??) mesmo que uma miséria de igualdade!

Se não atrapalhar a rotina dos apáticos é claro!

OBS: Não esquecer de pedir licença quando for passar!

Pablo Gabriel Ribeiro Danielli

Para reflexão:
Por que existem pessoas que estão virando monstros no trânsito, na direção de veículos, colocando em risco a sua própria vida e as vidas de outras pessoas?

Marcos Alves de Andrade

"Já estou saindo".Vai se dana". Ambos foram respondidos em alto e bom tom. O 1, atendente-Rua Estados Unidos, 1615.O 2-Mué-Rua Augusta,2656(estacionamento Calçada).

Bindes, Fá - trânsito

A mué da Rua Augusta,2656 do ESTACIONAMENTO ESTAPAR -placa---2053,SEJA MAIS INTELIGENTE E PEÇA A PREFERÊNCIA,afinal ali tem um funcionário pra orientar.

Bindes, Fá - trânsito

Não é normal o motoqueiro da pizzaria MammaMia-frei Caneca fazer conversão proibida na rua Augusta X Antonia de Queiroz.Não é só de álcool que a desobediência arrasta.

Bindes, Fá - trânsito

Aquela paisagem de verão, parecia como um reflexo que a maneira mais útil de conservar a Terra era burlar a timidez e encarar a vida com sorriso estampado. Os ares do mundo se colocavam perto da janela e o mar parecia mais azul naquele dia, em especial. Talvez seria a maneira toda louca que as pessoas caminhavam pelas calçadas, toda gente se concentrava para aquela vida instável e consumista, ao mesmo tempo inútil e egoísta, lutar pela Terra era construir caras novas naquela gente descrente. Pensava e refletia, olhava para o céu, dirigia a mente para pacatos ideiais de cidade pequena, ponderava e pensava com otimismo que a poluição não é um problema eterno e que o homem é capaz de acabar com tanto mal,que praticou contra a vida. As descargas dos automóveis, o barulho dos carros, o engarrafamento do trânsito me tirava do sério, me coloca num ambiente de pura negligência espiritual, pensava na ganancia humana e sentia aquilo era tão desnecessário e sem sentido. A ganancia acabaria com toda a vida, destruiria o sonho de paz e fraternidade colocada no seio do sonhador. Mas ainda há um grito de mudança soprando nos corações, que permite as pessoas ver o céu menos poluído, o mar mais azul, os homens mais felizes e a terra mais sã.

Valéria Mesquita Olive

A partir de hoje, se alguém quiser me ofender ou me irritar no trânsito, não mostre mais o dedo do meio. faça um coraçãozinho com as mãos

Fernanda Magalhães