Poesias de Me Descrever

Cerca de 465 poesias de Me Descrever

Sou o que se chama de pessoa impulsiva. Como descrever? Acho que assim: vem-me uma idéia ou um sentimento e eu, em vez de refletir sobre o que me veio, ajo quase que imediatamente. O resultado tem sido meio a meio: às vezes acontece que agi sob uma intuição dessas que não falham, às vezes erro completamente, o que prova que não se tratava de intuição, mas de simples infantilidade.
Trata-se de saber se devo prosseguir nos meus impulsos. E até que ponto posso controlá-los. [...] Deverei continuar a acertar e a errar, aceitando os resultados resignadamente? Ou devo lutar e tornar-me uma pessoa mais adulta? E também tenho medo de tornar-me adulta demais: eu perderia um dos prazeres do que é um jogo infantil, do que tantas vezes é uma alegria pura. Vou pensar no assunto. E certamente o resultado ainda virá sob a forma de um impulso. Não sou maduro bastante ainda. Ou nunca serei.”

Clarice Lispector

Sou o que se chama de pessoa impulsiva. Como descrever? Acho que assim: vem-me uma idéia ou sentimento e eu, em vez de refletir sobre o que me veio, ajo quase que imediatamente. O resultado tem sido meio a meio: às vezes acontece que agi sob uma intuição, dessas que não falham, às vezes erro completamente, o que prova que não se tratava de intuição, mas de simples infantilidade.
Trata se de saber se devo prosseguir nos meus impulsos, e até que ponto posso control=a-los. Há um perigo! Se reflito demais, deixo de agir. E muitas vezes prova-se depois que eu deveria ter agido. Estou num impasse"

Clarisse Lispector

Se eu pudesse descrever a beleza dos teus olhos e enumerar teus atributos em épocas vindouras... diriam: o poeta mente! A Terra jamais foi acariciada por tal toque divino.

William Shakespeare

Quem sou eu?
Poderia descrever-me fisicamente, falar da minha personalidade, do que gosto, mas para falar a verdade eu não quero. Infelizmente, isso não é importante, por que quem nos define são as pessoas, cada pessoa tem um conceito diferente sobre nós.
Pergunte ao meu inimigo quem sou e ele me julgaras mal, pergunte ao meu amigo e ele dirá minhas qualidade. Pergunte-me quem sou... e te direi:
Sou o que você vê... agora depende dos seus olhos!

Marisa A.

Sobre o amor

Fácil de acontecer, difícil é descrever.
Amar é sentir sem querer, é querer sem perceber.
Fulgaz ou duradouro, não importa o tempo, o que vale é o sentimento.
Que o eterno seja pra sempre, mesmo que seja breve.
Sobre o amor é tudo que não sei, daquilo que já sei.

Gleidson Melo

"Se eu pudesse descrever a beleza dos teus olhos e enumerar teus atributos em épocas vindouras... Diriam: o poeta mente! A Terra jamais foi acariciada por tal toque divino."

"Se eu pudesse descrever a beleza dos teus olhos e enumerar teus atributos em épocas vindouras... Diriam: o poeta mente! A Terra jamais foi acariciada por tal toque divino."

William Shakespeare

Difícil é se descrever, fazer com que palavras definam quem você é, ou deixa de ser. Não acredito que eu seja ninguém de tão grande importância. Presumo que eu seja como qualquer um, com certos defeitos, porém acompanhada de qualidades. Posso ser constante, inconstante, ou até mesmo os dois ao mesmo tempo. Em grande parte do tempo, sou previsível, admito. Mas o imprevisível me acompanha de perto, quando necessário. Consigo ser o bem e mau, o certo e o errado, a tristeza e a felicidade. Eu posso ser tudo, ou simplesmente nada. Talvez eu seja isso; uma porção de coisas.

Deborah Strougo

A verdade é que desde sempre foi complicado entender o que eu sinto, mas eu sempre tentei descrever em palavras para que, quem sabe alguém mais ou menos desocupado do que eu, pudesse entender por mim. A vida bateu na minha cara, muitos dias seguidos, sem poesia nenhuma que era pra me deixar sem vontade alguma de abrir os olhos. Só que os olhos são meus e cabe a mim saber até onde é bom enxergar, mesmo que sejam só coisas ruins que não vão me dar o sorrisinho que eu tenho que carregar todas as manhãs. Assim como tudo na vida, amores e amigos vêm e vão e, fico aqui perguntando baixinho, quem sou eu então pra decidir que os meus não deveriam ir? Não adianta mais prometer que será pra sempre. Eu não quero promessas. Promessas criam expectativas e expectativas borram maquiagens e comprimem estômagos. Eu não quero dor. Eu não quero olhar no espelho e ver você escorrer, manchando minha maquiagem. É pelo medo de cair de novo que meus joelhos tremem. Eu quero, no mínimo uma garantia. E eu só preciso me desfocar do sonho que me deixa míope e enxergar além, ou melhor: enxergar o que está na minha cara. Antes de dormir rezei, pedi a Deus que perdoe tanta ingratidão de minha parte, por não enxergar tudo de bom que a vida me oferece, e continuar aqui me lamentando e fazendo tudo por você.

Fernanda Mello

A amizade está muito além do que as palavras podem descrever, pois a cada instante os amigos se mostram mais como irmãos, mas o tempo passa, so que aquelas pessoas que te amam de verdade, fazem com que esse sentimento apenas cresça e não morra jamaiis.

Priscila Dayanne

Sou o que se chama de pessoa impulsiva. Como descrever? Acho que assim: vem-me uma idéia ou um sentimento e eu, em vez de refletir sobre o que me veio, ajo quase que imediatamente. O resultado tem sido meio a meio: às vezes acontece que agi sob uma intuição dessas que não falham, às vezes erro completamente, o que prova que não se trata de intuição, mas de simples infantilidade. Trata-se de saber se devo prosseguir nos meus impulsos. E até que ponto posso controlá-los. Há um perigo: se reflito demais, deixo de agir. E muitas vezes prova-se depois que eu deveria ter agido. Estou num impasse. Quero melhorar e não sei como. Sob o impacto de um impulso, já fiz bem a algumas pessoas. E, às vezes, ter sido impulsiva me machuca muito. E mais: Nem sempre os meus impulsos são de boa origem. Vêm, por exemplo, da cólera. Essa cólera às vezes deveria ser desprezada; outras, como me disse uma amiga a meu respeito, são: cólera sagrada. Às vezes minha bondade é fraqueza, às vezes ela é benéfica a alguém ou a mim mesma. Às vezes restringir o impulso me anula e me deprime, às vezes restringi-lo dá-me uma sensação de força interna. Que farei então? Deverei continuar a acertar e a errar, aceitando os resultados resignadamente? Ou devo lutar e tornar-me uma pessoa mais adulta? E também tenho medo de tornar-me adulta demais: eu perderia um dos prazeres do que é um jogo infantil, do que tantas vezes é uma alegria pura. Vou pensar no assunto. E certamente o resultado ainda virá sob a forma de um impulso. Não sou madura bastante ainda. Ou nunca serei.

clarice

Se saudade fosse descrista, jamais poderia ser sentida,porque descrever uma emoção seria como cego ver um clarão,o surdo ouvir uma canção, o coxo andar pelo chão, e eu descrever a saudade que sinto no coração,daqueles amigos que iriam sem ao menos voltar, e da aqueles que estão perto e posso conversar... reencontra os amigos

Vinicius vighini

Descrever o que foi Pelé é humanamente impossível. Foi a perfeição. Ele desequilibrou o mundo...

Gilmar dos Santos Neves

Como definir-te?
Palavras são pequenas para descrever-te.
Talvez eu consiga definir o que sinto por ti, mais ainda não será uma definição exata, já que meus sentimentos por ti estão em construção dentro de mim.
Sei que: me sinto bem ao seu lado.
Sei que: tu me fazes feliz.
Sei que: sinto sua falta.
Sei que: não suporto discutir contigo.
Sei que: és único e insubstituível.
Sei que: és como nos meus sonhos.
Sei que: é impossível odiar-te por um dia inteiro (mais por vezes o odeio por no máximo uma hora).
Sei que: cada hora longe de ti machuca, mais com a sua chegada vem minha cura.
Sei que: superas minhas expectativas
Sei que: sempre me engano quando espero algo de ti (sempre me surpreendes)
Sei que: adoro quando me beijas.
Sei que: amo seus olhos e seus olhares.
Sei que: sou apaixonada pelo seu toque.
Sei que: gosto quando repreendes minhas atitudes equivocadas.
Sei que: não és mais nem menos.
Sei que: tu és como eu queria que fosses...
Sofisticadamente único!
Unicamente especial!
Especialmente exclusivo!
Exclusivamente a ti eu dou meu amor!

Isabella do Prado Olivera para Fabio Costa

Não sou fácil de descrever,
Não sou fácil de compreender,
Sou etérea,
Verdadeira. Intensa. Persistente.
Nem sempre falo, mas penso constantemente;
Sou naturalmente extrovertida e mesmo assim consigo ser atrapalhada;
Sei o que quero e vou buscar;
Sei do que gosto e do que não gosto;
Gosto de verdades ditas na cara;
Gosto do que é verdadeiro;
Gosto de valores e princípios;
Gosto de rir, chorar e principalmente fazer rir;
Gosto de saber que faço o bem mesmo tendo que ceder;
Sou pensativa, vivo no mundo das idéias;
Tiro conclusões das minhas conclusões;
Gosto de receber críticas, pois apredender é a minha razão de estar aqui neste mundo;
Não tenho fórmulas, nem formas...
E sou perfeitamente estável quando me convém...
Sou perseverante, determinada e não desisto fácil, mas mudo de idéias porque tenho idéias pra mudar...

Adriana Fontelles

Para se falar de pessoas especiais, as palavras por mais bonitas que sejam, nem sempre vai descrever, realmente aquilo que se passa, no mais intimo de um coração, que senti um enorme carinho por alguém.
Falar de você é parar o tempo é deixar a emoção falar mais alto, é perceber que nada é por acaso; e esse carinho especial que sinto por ti, é um sentimento lindo que surge da simplicidade de um olhar, de um gesto encantador, de um pensar em comum... Sua presença forte que encanta, e deixa saudades na ausência, faz querer estar perto o tempo todo; uma voz suave, um olhar sincero, um sorriso lindo que reflete a magia e a beleza de um ser único. Um coração que pulsa na velocidade dos seus sonhos e te faz admirável e querida por mim e por todos.
Enfim por mais que eu busque palavras para definir o quão especial você é, sei que sempre vai faltar alguma coisa, pois pessoas como você não definimos apenas “sentimos e amamos”. Simplesmente te Adoro linda. (FK)

Fernando Kikuta

Difícil se descrever:


Com o passar do tempo você aprender que nem tudo na sua vida será como vc sonhou, algumas vezes você acerta, outras você erra, as vezes você magoa pessoas q estão a sua volta e com isso acaba se magoando tb, vc ri, vc chora, vc cai, vc se levanta e de alguma forma todos os males vem para seu crescimento, confesso que por muitas vezes disse a palavra Nunca, mas acabei descobrindo que o nunca naum existe que de alguma forma vc vai fazer coisas q "nunca" pensou q faria. O que resta depois é o tempo!! Dizem q ele é a cura para as dores, resposta para perguntas não é? E dizem que ele coloca as coisas no seu devido lugar, que há tempo pra plantar , regar e colher. Assim espero que com o passar do tempo eu possa olhar pra trás e ver os meus acertos, mas oa ver meus erros perceberei eu aprendi com eles, o quanto cresci.E que o que infrentei como consequencia foi a prova pra subir mais um degrau na escada da vida, e quando chegar ao ultimo degrau vou olhar e ver que a escada não era tao grande assim, mas é quando estamos nos degraus de baixo fixamos muito o ultimo degrau e naum olhamos no degrau da frente, por isso as vezes tropeçamos e caímos e que temos que nos levantar e subir cada degrau por vez e não tentar pular algum, pois cada degrau tem sua importância se naum passarmos por ele não veremos o quanto foi sofrido para chegar ao topo e quando chegar e olhar pra tras poderemos dizer: errei, acertei, ri, chorei, magoei, fui magoado mas valeu a pena!!

Mary santos

Fiz de tudo,procurei tudo, tentei de tudo, para encontrar palavras certas para descrever a atração, o desejo, o amor, os olhares e as rações, que vem de ti, que vem de mim, nada vejo.
A unica coisa que pude aprender, que a coisa mais complexa é tambem a mais simples, é ela que vejo em teus olhos, em teus abraços, em tuas caricias, é ela que eu vejo em cada palavra que sai de tua boca, que tenta expressar os sentimentos que sente perante a mim, são elas que me prendem cada vez mais a ti; o complexo de sua simplicidade nos olhares mais profundos de seus pensamentos.
O que fazer? Como agir? Até quando esperar?
Essas perguntas que me rodeiam dentro a noite, que foram lembradas pelo beijo que só um dia pude provar, que me marcaram sem eu mesma esperar. É elas que fazem meu sangue ferver, a minha paciencia durar e ainda agreditar num futuro que ainda a de achar.

Sara Malheiros Ramos

Conheço tão pouco de mim, que levaria anos na angústia de me descrever. Fico presa em minhas dores tão seguras e infinitas que esqueço o quanto é bom sentir-me livre. Sofro por antecipação...fato! Vivo em busca do conhecimento, aquele que um dia me darão a certeza de q a vida faz sentido. Q todos esses desejos, esses arrependimentos, esses sonhos tiveram importancia. Certeza que sempre estive certa embora estar certa não signifique ser feliz.

E tropeçando nos versos me faço presente, talvez não deixe no mundo um grande legado, nem me torne um mito. Talvez nem se lembrem que estive aqui....talvez eu seja realmente tudo que temia não me tornar. Mas amei infinitamente...E fim!

Lílian Rafacho

Como explicar a sensação de amar alguém?
Muitos consideram impossível descrever,
E ate os compreendo parcialmente.

Pois são poucos que amam e sabem realmente o que amam,
Muitos amam um beijo,
Muitos amam uma companhia,
Muitos amam um momento de prazer,
Mas amam o momento mais do que a pessoa ao qual lhe está proporcionando.

Mas como saber se amo de verdade?
Existe um amor medido por palavras, beijos, etc...
Mas existe um amor sem medida,
Que não tem sombra de variação,
Que é provado ao longo dos dias,
Que ao invés de trazer duvidas,
Trás uma imensa certa de que,
Ao seu lado é que devo estar.

O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos
transforme no melhor que podemos ser.

Se não á mudança não é amor,
Pois o amor muda tudo aquilo que ele toca,
E hoje me sinto impactado por esse amor,
Amor esse que me fez dependente de você,
Que me inspira e me conduz aos mais densos volumes de paixão.

Dizia Willian Shakespeare:
Um amor pobre é aquele que pode ser medido.

Hoje o entendo, pois não consigo medir o amor que sinto por você,
Amor esse que me leva a escrever esse poema a você,
Olho pra dentro de mim e me surpreendo sem saber de onde vem essas palavras,
Minhas próprias forças não seriam capazes,
Minhas inspirações nunca chegariam a tal ponto,
Mas fale por mim Platão:

Não há ninguém, mesmo sem cultura, que não se torne poeta quando o Amor toma conta dele. (Platão)

Te amo com todas as minhas forças!

Dione Ibaldo

Declaração as escuras

Eu não sei descrever o meu sentimento por você...
Talvez porque meu amor esteja sempre nas mesmas proporções, não aumenta e nem diminui.
Se alguém te magoa fico louca, o seu choro me torna inimiga mortal de quem te magoou...
O que não explica também o meu ciúme quando um outro alguém te faz sorrir.
Você me tira do sério, e eu como a pessoa mais decidida do mundo tento me afastar, porque esse sentimento me faz mal.Porém o seu sorriso bobo e o seu olhar encantador acabam com qualquer plano de afastamento meu....Você me desarma!
No fundo desejo apenas sua felicidade, sendo ela traçada ao meu lado ou não.
Só espero que saiba que você nunca encontrara alguém que te de tanto valor como eu, que te ame tão intensamente, e que quando olhe nos teus olhos, diga um “eu te amo”, sem medo e com sinceridade.

Mary G.