Poesias com Rima

Cerca de 287 poesias com Rima

Querelas literárias

Ah, Deus! Os mesquinhos loucos da rima
que guincham e suam em guerras de pigmeus
perante o empedernido rosto do Tempo
e que são olhados pelas estrelas silenciosas;
que se odeiam uns aos outros por uma canção
e dão o seu melhor, que é pouco, em morder
e beliscar os seus confrades na multidão
e arranhar os próprios mortos por despeito;
e estiram-se para arranjarem uma polegada de espaço
para os seus doces egos, e não conseguem ouvir
o agoiro rolante do soturno Letes
neles e nos seus e em todas as coisas aqui;
quando um pequeno toque de Caridade
poderia erguê-los mais perto da condição divina
do que se a populosa orbe chorasse
como aqueles que grandemente choraram Diana.
E eu também falo, e perco o toque
De que falo. Certamente, depois de tudo,
A resposta mais nobre a tal coisa
É a perfeita quietude enquanto eles brigam.

Lorde Alfred Tennysson

AMARIA-TE NESTA NOITE

Amaria-te, nesta noite, como um poeta,
na rima seca de versos desovados,
com a convulsão do desejo de meu peito febril,
para fazer sangrar o teu corpo em poesia.

Amaria-te, nesta noite, como um mendigo,
na solidão prosaica da vida desenhada,
com a fome seca da barriga esvaziada
ante aos encantos dos cantos da noite enluarada.

Amaria-te, nesta noite, como um trovador,
em canções profanas de um sonho refinado,
para me refugiar em teu corpo em lá maior
e morrer exausta desse amor desatinado.

Amaria-te, nesta noite, simplesmente,
na sofreguidão do tempo sem horas,
e te daria um beijo sem sentido,
para germinar o avesso de teu corpo desmedido.

Amaria-te, nesta noite, como um bandido,
na ânsia de um assalto premeditado,
e sem saber o que roubar de ti,
roubaria teus medos, tua ternura, teu prazer.

Rosa Berg

DA MENTIRA, INVENTO RIMA

Sou uma pobre poeta,
que da mentira
inventa rima
para depois
viver no meu presente,
tão demente,
tão solvente!
Na verdade, sou uma farsante.
Vivo num caminho errante.
Minhas palavras são inversas aos sentimentos
e os meus momentos transbordados de paixão,
porque sou uma alma em erupção.
Em meu coração, não habitam instantes,
nem amores ambulantes,
nem minha emoção é vacilante.
O que sinto e por quem sinto
é um amor gritante,.
e como não sei fazer isso parar,
escrevo versos reversos,
na tentativa de meu choro sufocar.

Rosa Berg

Uma História qualquer


Como te esquecer se em cada rima me perco pensando em você,nada é mais cruel do que a ausência que você me faz,como esperei por você... e agora me vejo tendo que te esquecer. A vida sem você era tão vazia,nem fazia sentido ver a chuva,mas... depois que te encontrei foi como se meu coração criará asas e estivera a voar pelas nuvens,como se pudesse tocalas com minhas mãos . Eu te amei tanto,tanto... que nem eu mesma tinha percebido o tamanho do meu amor por você . Como a chuva agora faz sentido pra mim,o barulho me faz lembrar de nos dois na montanha vendo o pôr-do-sol .Como a vida é maravilhosa agora que você está aqui ao meu lado . Eu mau sabia que era seus últimos dias perto de mim . Voce me dizia que me amava,e eu te amava a cada dia,mais e mais... até que em uma manhã o sol foi invesojo e tirará seu brilho meu amor,e as nuvens nesse dia se fecharam e começaram a chorar,pois você já estava indo para longe de mim,um lugar onde eu não podia ir atrás de você,não agora,apenas havia uma promessa que,um dia... eu iria te ver de novo. Dias que viraram semanas,semanas que viraram meses,meses... que viraram anos . Mas que não cessa siquer um seguindo que não venho a pensar em você. Tudo porque Te Eu Amo .

Pâmella Ferracini

viver sem fronteira, pros que axam que isso é brincadeira eu digo : MINHA RIMA È VERDADEIRA
porque vem do coraçao, e quando bate no peito o sentimento nao tem um que dexa de fica atento
nas rimas focam as atençoes, esquecem suas preocupaçoes, abrem seus coraçoes e fazem palavras virarem EMOÇOES!

Vitor Y.

Poesia

A poesia não é rima,
não é razão nem coesão...
é simplesmente
os sentimentos
jogando com as palavras.

Fernando de Amorim Araújo

O Poeta fala muito, rima frases, encanta o leitor. Mas afinal de conta, o que conta? Como dizia Albert Einstein: " Nem tudo o que pode ser contado conta, e nem tudo o que conta pode ser contado". O romântico poeta não consegue dizer nada além dos seus sentimentos ou ressentimentos, são nas entre linhas que os segredos se revelam, mas quem entenderia se há tristeza ou alegria. O alfabeto chora, pois na construção das frases sabe... que ali mora um coração que grita, chama, reclama e exclama os versos de sua vida. E para quem lê... É só um escritor que busca um público, porém, público se torna o poema, e o poeta? Continua escrevendo.

Paulo Sérgio Krajewski.
14 de Janeiro de 2011.

Paulo S. Krajewski.

Poeta

O Poeta é como ave de rapina
quando trina ateia versos
em rima

O Poeta de cordel do sertão
é uma ave que ao recitar
infinito canta

O Poeta de cordel ressuscita
os imortais faz as noites
entardecerem e o dia de
prosas que só se desfaz
ao pôr do Sol.

Emanuel Carvalho

POESIA A CARIOCA

500 gr de poesia em rima triturado
como refrão
5 colheres de sopa de cordel encantado
2 unidades de poemas a gosto
4 poetrix feito em tres versos
300 gr de haikais misturada a mão

MODO DE PREPARO

Refogue as rimas trituradas em refrão,prepare as 5 cinco colheres
de sopa.Unte as 2 duas unidades de poemas a gosto,forre
com as fatias de haikais misturado com as 5 colheres de cordel encantado.
Cubra tudo com o poetrix em três versos por 10 minutos.

Emanuel Carvalho

Palavras

Em linhas tortas se transcreve alguns sentimentos
Não se sabe muito bem se vai ter rima, ou estrofes
Se no final vai ter alguma coerência, ou sentido
Apenas tento definir o indescritível, o amor

Não há como definir esse sentimento, nem dominá-lo
Ele se transforma dia apos dia, se faz crescer
Somente há a certeza de que esse amor não vai acabar
E até aonde ele pode chegar é imprevisível

Como uma tempestade que surge no coração
Assim é quando não há o calento em seus braços
Uma maré tranqüila com suave brisa
É assim que me sinto quando estou com você

Uma vida não é o suficiente, sei que não
Mas cada segundo dela que passar com você
O tempo para de duas vidas uma se faz
Juntos nossa eternidade se transforma

18 de Janeiro de 2011 14:38 hrs.

Ivaan Rodrigues

RESALVA

Não tem minha poesia compromisso nenhum com a rima.
Acredito nela mais como um acordar repentino do espírito
Do que como um ataque meticulosamente planejado aos corações alheios.
Ela é como a neblina inesperada que surpreende
Aquele que saiu à rua sem capa ou guarda-chuva.
Por mais que preguem outros em contrário,
Valorizo a poesia como fruto de um momento, de um pensamento que de nós se apodera;
Um epítome de amor, saudade, ou mesmo raiva e ódio
Ou quem sabe outra coisa que porventura, num segundo qualquer,
Rouba-nos, nos toma por inteiro os sentidos.
Não quero, portanto, que ela seja admirada pela forma
Ou pelo método de composição ou, ainda, pela combinação superficial,
Para não dizer arrogante e intrometida – ainda que bela -, das palavras.
Antes, que a apreciem pelo que ela é de verdade:
Um momento, um pensamento, um sentimento,
Uma coisa qualquer que consiga materializar nos versos
Os cantos mais recônditos da minha alma.
Assim, valorizando-as, valorizam-me também, porque na admiração que daí resulta
Haverá sempre o reconhecimento íntimo de que, no final,
Tendo sido o admirador tocado pela poesia,
É ele também um poeta.
Que essa poesia nos torne, por seu poder ainda incompreensível, homens iguais,
O que de fato somos: de um jeito ou de outro somos todos poetas.
É na revelação disto que reside, afinal, toda a beleza da verdadeira poesia.

Gooldemberg Saraiva

Nessa procura
Pela palavra perfeita
Pela rima completa
Pelo poema mais lindo do mundo...

Encontrei você

Que até não rima com amor
Não rima com verão
Não rima com noite estrelada,
Mas rouba minha sensatez
Minhas noites de sono
Minha paz, já não mais desejada.

Vinícius Dill Soares

No céu os astros buscam uma rima
na noite escura.
Piscam e brilham... - pura purpurina!
Brilham e piscam... - purpurina pura!

Expedito (Profex)

Sou escravo da rima
Não sou senhor dos meus versos
Para cada palavra que escrevo
Imagino universos

Não há uma linha de chegada
Uma porta aberta
Ou uma direção certa,
Minha recompensa
É o ponto final."

Lucas Lima de Souza

Não está na rima o segredo.
Não é nas palavras bem escolhidas
Que mora a luz da poesia.
Não vem do tempo que a ela foi dedicado,
Nem do sorriso que estampei
Vez por outra ao escrevê-la.
Sua força está num fato,
Que nem mesmo é raro
Ou novo e desconhecido.
É que ela representa a pureza
E a própria existência
Da lembrança de um olhar,
De uma mancha na roupa,
De sinaizinhos no pescoço,
De um andar despreocupado,
(uma fundinha no queixo)
De uma voz,
De uma lágrima durante a despedida,
Da própria inadequada despedida,
De uma saudade que persiste,
De um amor distante e inesperado,
De um desejo que em si mesmo não acredita,
De algum inquietante sentimento
Que o autor nutre.
Se ele é verdadeiro ou não tanto faz.
Se é certo ou errado, irrelevante.
E pouco me importa os remédios que você toma
Ou se dizer isso fará algum sentido.
A poesia só quer saber,
E só quer te mostrar,
Que um sentimento lindo existe.

Gooldemberg Saraiva

UMA HOMENAGEM AO POETA FAJUTO




Oh! Tu poeta fajuto,

que de rima nada entendes,

então porque tu pretendes,

vestir a arte de luto !



Larga disto vai embora,

cuida do simples agora,

pois poesia tem sua hora.



É riso da alegria,

lágrima de quem chora.



Pra poetar manda a regra,

tem compasso e harmonia,

além do som que a integra,

tem alma tem poesia.



segue ...


Fala de algo profundo,

tirado bem lá do fundo



tirado bem lá do fundo,

da alma do seu autor,

em que o ódio e cantado

ou é louvado o amor.



O poeta nasce feito,

quem não é não tem jeito.



Quem não é não tem jeito,

junta palavras vazias,

não sabe fazer direito,

ou só compõe porcarias...



Disse um tolo autor: *

" O poeta é um fingidor "



Aquele que sente a dor,

e que " deveras" a sente,

se sente logo não mente,

pois sente a dor realmente !!!

segue...






Versos são os pedaços,

tirados do coração



tirados do coração,

de quem sabe versejar.

O músico faz a canção,

o poeta vem então,

com o seu verso completar.



E depois de construído,

a obra que lhe aprouve,

é doce para o ouvido,

é arte para quem ouve.



E não adianta tentar,

só pode quebrar a rima,

aquele que vem de cima,

e que sabe versejar ...



* Fernando Pessoa

Paulo Porphirio

É ser grato, reconhecido, forte, destemido.
É ser rima, é ser verso, é ver Deus no universo;
Parabéns a você nesse dia tão grandioso

Disconhesido

É na rima menina,
É no som que te toca na pista,
É na batida que envolve seu corpo
Que levo meu ritmo nas baladas do seu core,
É na letra que encanto e no banlaço que eu te encontro.
É no sorrisso que me deixo levar em sua direção.

Então venha dançar minha balada,
Requebra!
Requebra!
No meu ritmo,
No meu Samba, No meu Rock
No meu Frevo,No meu Congo
Em vitória, Em São Paulo
que a musica não tenha hora pra acabar,
que a noite seja sem fim,
ate vc gostar de mim.

Leandro Loureiro

O medo é algo feito pra gente passar por cima
destruo toda inveja com a simplicidade da minha rima

Bonde da Stonda

Felicidade até rima com Simplicidade.
Mas Alegria de verdade é um Sorriso sem Maldade,
Que Reflete a Sinceridade dos Olhos e Coração .

Roni Alves