Poesia sobre Bola

Cerca de 237 poesia sobre Bola

"A vida é como jogar uma bola na parede:
Se for jogada uma bola azul, ela voltará azul;
Se for jogada uma bola verde, ela voltará verde;
Se a bola for jogada fraca, ela voltará fraca;
Se a bola for jogada com força, ela voltará com força.
Por isso, nunca "jogue uma bola na vida" de forma
que você não esteja pronto a recebê-la.
A vida não dá nem empresta; não se comove nem se apieda.
Tudo quanto ela faz é retribuir e transferir
aquilo que nós lhe oferecemos."

aistein

FÁBULA DO FUTEBOL

A bola vai rolar em campo aberto
sem linhas demarcando esta partida
de futebol sem árbitro e torcida,
mas eu, só de bobeira, estou por perto.

E vejo que rolou a bola, certo
da alegre apoteose sem medida
que o gol ensejará em minha vida,
mantendo a vista atenta, fico esperto.

Jogadas de espetáculo circense
empolgam-me no início, estou contente,
com ânimo de time que só vence.

Depois, eu torço feito um penitente,
mas que jogada heroica há que compense
um campo de traçado e gols ausentes?

Marcos Satoru Kawanami

Uma caneta e um lápis
Unhas sem esmaltes
Goleiro sem bola
Estudar sem escola
Isso é metade de mim..
Caminhar sem os pés
Voar com papéis.. fingindo ser asa,
É caminhar no escuro e ver a luz do futuro..
É sangrar sem ter sangue
Comer sem ter fome
Não entender o que passa mas saber que é assim..
Rir sem ter graça
Isso é metade de mim..
Gritar sem ouvir, tocar sem sentir
É viver e morrer.. morrer e nascer..
Pintar sem ter tinta
Matar sem ter vida
Cantar uma canção tirada do coração que a alma partiu..
É viver por viver..
É morrer pra existir..
Tudo Isso é metade de mim.

Alexandre Brandão

'' Brincar de bola moleza.
Brincar de esconde-esconde facílimo.
Mais vai brincar de amor ? ai você ver o que realmente é difícil ''

Ingrid Luanna

Aproveite o hoje, aproveite um beijo, cada momento, aproveite um jogo de bola, aproveite e se divirta no seu tempo de escola, para que no amanha a saudade do tempo que passou, não venha deixar a desejar que você faça tudo de novo.por que não há mais tempo
faça hoje, como se o tempo não fosse existir amanha...

Guilherme Eudes

AVIDA É COMO UMA BOLA DE
PING PONG:
SE JOGAMOS SEJA ONDE FOR,
ELA VAI A TODO VAPOR
E VOLTA COM A MESMA INTENCIDADE
PARA NÓS.



SQUERO FEICHAR MEUS OLHOS,
MEUS OUVIDOS E MINHA BOCA
LAVAR MINHA ALMA, MEU
CORAÇÃO DAS COISA BANAIS
ANTES QUE POSSA FICAR LOUCA

QUERO TER TEMPO PRA PENSAR
AMAR E SER FELIZ
VIVER UMA VIDA NOVA
A VELHA SOLTAR AO VENTE
QUERO UM CORAÇÃO QUEBRANTADO
DE TÃO POUCO PRECISO PRA VIVER
ESQUECER TODO PASSADO
O QUE TENHO ME BASTA
AGORA QUERO SÓ A DEUS AGRADECER.

Dirce Dias

Bola de Meia, Bola de Gude
14 Bis

Há um Menino!
Há um Moleque!
Morando sempre no meu coração
Toda vez que o adulto balança
Ele vem prá me dar a mão...

Há um passado
No meu presente
O sol bem quente
Lá no meu quintal
Toda vez que a bruxa
Me assombra
O menino me dá a mão...

E me fala de coisas bonitas
Que eu acredito
Que não deixarão de existir
Amizade, palavra, respeito
Caráter, bondade
Alegria e amor...

Pois não posso
Não devo e não quero
Viver como toda essa gente
Insiste em viver
E não posso
Aceitar sossegado
Qualquer sacanagem
Ser coisa normal...

Bola de Meia! Bola de Gude
O solidário não é solidão
Toda vez que a tristeza
Me alcança
O menino me dá a mão...

Há um Menino!
Há um Moleque!
Morando sempre no meu coração
Toda vez que o adulto balança
Ele vem prá me dar a mão...

E me fala de coisas bonitas
Que eu acredito
Que não deixarão de existir
Amizade, palavra, respeito
Caráter, bondade
Alegria e amor...

Pois não posso
Não devo, não quero
Viver como toda essa gente
Insiste em viver
E não posso
Aceitar sossegado
Qualquer sacanagem
Ser coisa normal...

Bola de Meia! Bola de Gude!
O solidário não é solidão
Toda vez que a tristeza
Me alcança
O menino me dá a mão...

Há um Menino!
Há um Moleque!
Morando sempre no meu coração
Toda vez que o adulto balança
Ele vem prá me dar a mão...

E me fala de coisas bonitas
Que eu acredito
Que não deixarão de existir
Amizade, palavra, respeito
Caráter, bondade
Alegria e amor...

Pois não posso
Não devo, não quero
Viver como toda essa gente
Insiste em viver
E não posso
Aceitar sossegado
Qualquer sacanagem
Ser coisa normal...

Bola de Meia! Bola de Gude!
O solidário não é solidão
Toda vez que a tristeza
Me alcança
O menino me dá a mão...

Há um Menino!
Há um Moleque!
Morando sempre no meu coração
Toda vez que o adulto balança
Ele vem prá me dar a mão...

14 Bis

Ninguém dá bola quando, a cada Carnaval, surgem discursos de que a Festa de Momo é "coisa do Diabo". Ninguém dá bola, ainda bem!
00825 | 04/01/2014

Horlando Halergia

" A segurança das palavras mentirosas, é algo tão frágil como a segurança de uma bola de sabão...
Por mais bela ostentosa que possa ser, basta um simples toque nela para tudo se desaguar no chão"!

Raquel Free

Marilia Gabriela: Bate-bola, jogo rápido - Um sonho?
Eu: Que um dia um pensamento meu seja usado na monografia de alguém.
(Entrevista Fictícia, por enquanto)

Milena Leão

Leio minha própria mão, faço minhas próprias escolhas.
Não tenho bola de cristal, nem quero meu nome no jornal
Muito menos minha imagem na TV.
E nasci foi pra viver e aprender, e não pra me vender.
Vim pra fazer minha história, não como um besta herói que destrói o inimigo de fronteira.
Vim foi pra acabar com essa besteira, de matar inocentes por uma linha imaginária.
Que dividi o mundo em dimensões precárias.
Chega de morte de soldado, o sol foi dado a todos.
Chega de jovens mortos pela nação.
Deixem de lado a guerra em vez de munição atirem pão.
Pobre mundo, muito pobre. Podre rico, muito nobre.

Aldo Teixeira

Jogando no Campo

Meninos com a bola,
Outros no Balanço,
Os pais estão observando-os
Jogando no Campo.

Todos muito felizes,
O Sorriso transparece,
Cada olhar, cada sonho
Ali resplandesce.
Pés pequenos,
Gols mansos...
O Melhor presente para eles é estar
Jogando no Campo.

Eis que surge um ferimento,
Escuta-se um grande pranto.
A criança se machucou...
Jogando no Campo.

Mas eles não param,
Aquilo foi só um susto.
A diversão continua,
Todos dançando um mesmo canto.
Mas mesmo assim ainda estão...
Jogando no Campo.

Eles só querem brincar,
Aproveitar o tempo santo.
Pelo visto querem continuar...
Jogando no Campo.

Davi Luís

É UMA PENA

Desilusões, decepções,
deslizes, pisadas de bola.
Às vezes são tantas
que há momentos
que qualquer argumento
passa ser inútil,
restando tão somente
a resiliência,
o triste clamor de,
"é uma pena"

Marcos Marques

Fala bola

Eu sou responsável por tantas alegrias,
Só para ver sorrisos estampados nos rostos.
Sofro pancadas de todas as partes e formas,
Às vezes sem a menor necessidade e gostos.

Seja no futebol, voleibol, tênis ou golfe,
Sou maltratada com pés, mãos, tacos ou raquetes!
Alguns me batem sem piedade e com muita força,
Eu só aguento para ver os sorrisos alegres.

Os craques fazem de mim a estrela do momento,
Já os sem talentos mostram com é ruim apanhar!
Nesta vida de idas e vindas eu sempre aguento,
Só para ver a criançada toda se alegrar!

Neste lance de pausa, eu quero fazer alianças...
Com as autoridades presentes a todo instante.
Não impeçam que fique na lateral a Fernanda,
E por favor, nunca mais me chamem de Jabulani.

Djalma CMF

Não desista de quem desistiu
Do amor que move tudo aqui
Jogue bola, cante uma canção
Aperte a minha mão
Saiba que é preciso amar você
Não esqueça que estarei aqui
Olha a luz que brilha de manhã
Saiba quanto tempo estive aqui
Esperando pra te ver sorrir
Pra poder seguir

Cidadão Quem

Destino

O que me espera na esquina?
Só pode ser brincadeira!
Se for esfera, é bola
Se for cubo, é dado
Mas se o mundo virar ao contrario?
O que faço?
Chuto a bola no gol, ou vicio o dado?
Lá no quarto ao lado tem uma voz que me alerta o perigo.
Essa voz temerosa se chama destino.

Briar Papp

Tem amor que é como uma bola de encher, você sopra, faz muito esforço, fica quase sem fôlego para encher, depois
dá um nó. Se não souber cuidar, ela pode furar e sair
muito rápido, vazia e sem destino para nunca mais você achar!

Maria Izabel da Silva Thomáz

Por que será que quem mais pisa na bola é a pessoa que mais fala sobre amor e perdão?
Por que será que quem menos perdoa, mais quer ser perdoado?
Por que será que quem mais julga, menos quer ser julgado???
Por que será???
????

NannyeDias

Onde estão nossas crianças?
Foi-se o tempo em que ser criança era corre atrás de bola soltar pipas e
sem pressa dar mergulho nas represas.
Foi-se o tempo em que andar descalço era legal,
brincar de pega-pega era saudável,
era bom ter amigo imaginável.
Onde estão nossas crianças?
Hoje armadas, não vão mais à escola,
já não brincam mais de finca
nem tão pouco jogam bola.
Onde estão nossas crianças?
Uns no trafico, outros em semáforos lutam pelo pão sem ao pouco conhecerem a realeza de ser criança.
Levados pelos os que só o mal conhecem pois fácil são de manejar, com pais alheios vivem pelas ruas a vagar.
Salvem nossas crianças,
que não conhecem presentes caros e nos braços do acaso sentem medo de brincar.
Voltemos aos velhos tempos em que tudo era infância quando tínhamos a esperança de que tudo ir mudar
Voltemos aos tempos lindos em que só corríamos para brincar, de bolinhas , pique-esconde, pega-pega e mergulhar
Salvem nossas crianças
para que no futuro tenham orgulho de se lembrar, que fostes criança e como tal soube brincar.
Salvem nossas crianças
para que num futuro próximo tenhamos Médicos, Psicólogos outros Doutores a se formar.
Por isso digamos e façamos sempre algo para nossas crianças salvar.

Claudenir Reis

Existe varias coisa que é de se emocionar, uma imagem linda , uma bola na rede e um gol na final pra comemorar.
Mas nada como a taça da copa pra nos fazer chorar.

Dido Costa