Poesia sobre a Independência do Brasil

Cerca de 7 poesia sobre a Independência do Brasil

Proclamação da República, independência do Brasil, descobrimento do Brasil, Dia da consciência negra, precisamos conhecer melhor nossa história e parar de celebrar a hipocrisia...
"Ana Julia"

Ana Julia

07 DE SETEMBRO, DIA DA INDEPENDÊNCIA DO BRASIL.
(Autora: Profª Lourdes Duarte)
Neste dia, em todos os recantos da nossa querida terra, BRASIL, comemora-se a independência, desta Pátria querida.
Rufam os tambores e as crianças nas escolas entoam o Hino Nacional Brasileiro, num clima de festa e orgulho por ser brasileiro.
O sentimento de patriotismo aflora no peito de todos com orgulho, repetem o gesto de D. Pedro Primeiro, quando num gesto bravo gritou: “ Independência ou Morte!
De lá para cá, o Brasil prospera, sendo hoje uma grande Nação. O País de todos os brasileiros.
O dia da independência de um país,é como a data da maioridade na vida de um jovem. Só depois da sua independência é que o país, pode crescer, progredir e caminhar com seus filhos, crescer e se avultar.
Sendo uma data importante para o País e para toda nação, merece destaque e comemoração, para que entendamos que a Pátria não é ninguém, somos todos nós! Este sentimento de patriotismo deve continuar forte no peito, porque a pátria precisa de filhos que a amem, que a defendam, que cobre dos seus representantes, que escolham bem os representantes, que denunciem as injustiças, que saiam as ruas de mãos dadas , quando necessário, com ordem, sem violência, porque quem ama cuida e jamais destrói.
Fazendo valer ao lema da nossa Bandeira: ORDEM E PROGRESSO! Sem ordem, o progresso tarda a chegar.
Feliz sete de setembro, dia da Independência do Brasil!

Prof Lourdes Duarte

Lembrai, lembrai do sete de setembro
a independência do Brasil e o maior protesto da historia do Brasil
Por isso não vejo como esquecer
que venha esta data em todos os anos
nós tornamos independentes

paulo vinicius

Independência do Brasil

Agora em setembro, costuma-se lembrar
da independência do Brasil
que outrora foi motivo para o povo comemorar...

Lá no século XIX
com Dom Pedro brilhantemente a proclamar
"Independência ou morte!"
para o povo ao seu redor aplaudir e concordar.

Mas na verdade
a história se distorce com o tempo,
prova disso
é que a nossa independência
já foi comemorada
num dia que não
o 7 de setembro.

Quando se fala em 12 de outubro,
costumamos lembrar
do dia de Nossa Senhora
e do dia das crianças,
com os brinquedos fascinantes
com os quais todas querem brincar.

Mas num ano diferente
esse mesmo 12 de outubro,
foi quando o nosso país
foi proclamado independente.

Pouca gente sabe disso
e também pouca gente se importa.

Hoje o que se transmite pelo Brasil,
no estado em que se esteja,
são slogans como
"Brasil: um país de todos"
e diante disso, o meu desejo é...
que assim seja.

Que seja um país de todos
e independente do passado.

Que seja um país com todos
focados em um presente
em que slogans como esse
não sejam criados
para ficarem pelos cantos
esquecidos e abandonados.

Sarah Magalhães

Há 190 anos lutávamos pela Independência do Brasil, mas posso afirmar com plena convicção que a nossa verdadeira independência, enquanto ser, a gente nunca conquistou. Somos dependentes dos nossos medos, das nossas manias e das nossas ilusões. Somos dependentes das nossas mentiras, e da pior de todas, das mentiras pra nós mesmos.
A Independência do Brasil só se realizará quando os brasileiros forem independentes, livres dos preconceitos, conhecedores das desigualdades e da realidade, ainda que triste. Toda forma de dependência é prisão, é cárcere.

Hugo Pires

D. Pedro I proclamou a independencia do Brasil em 7 de setembro de 1822, ele não quis voltar com seu pai D.João VI para Portugal; D.João VI,disse que se fosse pro Brasil se separar de Portugal, que pelo menos fosse governado por um português, o qual era o seu filho. D.Pedro I governou por 9 (nove) anos o Brasil.

Eduardo José Abreu Barros

A independência do Brasil na Bahia foi em 2/7/1823 com a expulsão dos portugueses, no Brasil contemporâneo as expulsões exigem maior empenho da sociedade organizada amplamente.

Bindes, Fá - independencia