Poemas sobre Personalidades

Cerca de 71 poemas sobre Personalidades

O encontro de duas personalidades assemelha-se ao contato de duas substâncias químicas: se alguma reação ocorre, ambos sofrem uma transformação.

Carl Jung

As duas personalidades que eu mais desejaria recriar em um filme seriam Napoleão e Jesus Cristo... Não representaria Napoleão como um general poderoso, mas como um ser fraco, taciturno, quase melancólico, e sempre importunado pelos membros de sua família. Quanto ao Cristo, gostaria também de modificá-lo no espírito das massas. Acho que a personagem mais forte, mais dinâmica e mais importante que já existiu, acabou por ser terrivelmente deformada pela tradição. Mostrá-lo-ia, então, acolhido em delírio por homens, mulheres, e crianças. As pessoas iriam ao seu encontro para sentir seu magnetismo. Não mais seria um homem piedoso, triste e distanciado; um solitário que acabou por ser o maior incompreendido de todos os tempos.

Charles Chaplin

Do sofrimento emergiram os espíritos mais fortes, as personalidades mais sólidas estão marcadas com cicatrizes.

Khalil Gibran

Existem bilhões de pessoas no planeta e muitos tipos de personalidades diferentes algumas são introvertidas outras extrovertidas algumas se guiam pela lógica e outras pelos sentimentos. Em um mundo com tanta diversidade como aprendemos a lidar com os aqueles que são diferentes? E como aprendemos a entender e aceitar quem nós somos?

Carl Jung

Quando o amor acaba por ele mesmo, quando existe incompatibilidade entre as personalidades dos amantes, suas reações à perda não chegam nunca ao desespero trágico dos desfechos produzidos de fora para dentro, do social para o pessoal, do desamor geral contra o amor possível.
Os amantes sabem que só se ama por inteiro, ou então o que estão fazendo não é amor, mas uma associação de interesses mútuos, um negócio. Além disso, quando se ama, não se está pensando em segurança, duração, controle, posse, pois isso corresponde à forma com que o autoritarismo capitalista familiar ou de estado se expressa no plano pessoal e afetivo. Se sou um libertário, desejo que tanto eu quanto o meu parceiro vivamos o amor em liberdade, na emoção, no espaço e no tempo. É o amor em si mesmo que comanda a intensidade, a beleza, a forma e a duração do nosso amor, em cada um e entre os dois, jamais o contrário.

Roberto Freire

Eu...?
Uma definição seria difícil, já que sendo um reflexo de gestos, atitudes e personalidades que me rodeiam, me torno mutável a todo instante!
Auxiliada por uma certeza duvidosa diria que sou um ser inconstante, repleto de sentimentos e pensamentos não definidos, misto de características e de suas contrariedades...
Luta travada entre risos e seriedade, certezas e falta de chão, entre o santo e o insano, partilha e solidão, paciência e inquietude, fuga e carência...
Me mantendo emcima do muro...medo de cair!
Idéias se firmando, perfil sendo traçado! Será?
Vontades que gritam...só eu escuto!

FernandaV

Pensei que estava perdido
Pensando bem na minha situação
Agora eu sei que estava apenas parado.
Pensei que não pudesse mais encontrar esperança
Pensando bem no meu poder
Agora eu sei que esperança é mais que poder e encontrar
Ela esta dentro de nós e basta apenas acreditar

jasiel

“Tenha autoestima sempre no alto, para quando alguém vier te colocar pra baixo, você dizer: -(Calma não tenha pressa em me alcançar, te espero aqui no topo) .”

—By Coelhinha

(Abnizia) By Coelhinha

A ideia que eu tive,
Foi a salvação da minha vida,
A esperança que eu tive,
Foi a melhora ser sentida...

Mas a frustração que veio logo em seguida,
Acabou com toda a alegria,
E a raiva tomou conta de mim,
E foi a pior coisa que senti...

A epifania era grande,
enorme,talvez sem fim,
E os pensamentos levaram pra longe,
e enfim eu desisti.

Ahh meu amigo,
não contei a triste ideia que eu tinha tido,
era a travesar a ponte,
passar por um caminho,
e por ai ia andando,
até achar o paraíso...

Mas sabe porque não da certo?
Porque no caminho tem sentimentos,personalidades...
E ouvi falar que eles grudam na gente,
tipo uma doença,mas não sai tão de repente...

No meio tem psicose,sociopata,loucura,desejo...
tem o poder,sedução,resiliência,
tem a nostalgia e a tristeza,
tem de tudo menos a beleza...

E pra passar por lá tem a ventania,
que joga tudo e todos pros lados ruins,
pra chegar ao paraíso precisa passar pelo inferno,
e ainda arriscar de ficar nele.

Meu amigo,
prefiro ficar aqui do outro lado da vida,
sozinha,com meus livros e com o canto dos pássaros,
com você e com as pessoas que gosto...
O Paraíso é mais o inferno

As vezes o paraíso não é tão paraíso assim,
o paraíso é o que eu vivo hoje,
é o que eu olho pela janela e vejo.
Tenho que dar valor a isso,
dar valor a quem me ama,
e sem ter compromisso,
viver feliz com tudo isso!

Maria Ottilia Rodrigues

“Nao confio em quem se esconde e nunca dá a cara. Quem não é covarde, bate de frente. Assim que...não sendo cara a cara, ignoro qualquer ser vivente que eu desconheça.”

—By Coelhinha

(Abnizia) By Coelhinha

Meu mundo se resume a ressaca. Ressaca de uma mistura contínua de gênios e personalidades que eu nem imaginei que pudesse conhecer. Eu também não sabia que, além de misturar bebidas, misturar pessoas e situações também dá ressaca; e meu mundo se resume a isso. A uma ressaca constante de tudo isso que aparenta ser a ilusão do que foi vivido, quando na verdade, nada se viveu e se tem toda uma vida a descobrir, ainda. Essa ressaca de palavras repetidas, de canções mal interpretadas, de paixões que eu já nem lembro, de perguntas sem respostas e de respostas soltas ao vento, de noites mal dormidas, ressaca de acordar arrependida. Ressaca do medo, da incerteza e do espinho que se aloja na garganta todas as vezes que evito o riso tentando ser politicamente correta. Ressaca dessa faixa amarela que sempre está entre eu e alguém que eu não conheço e não poderei conhecer por ela estar exatamente ali, no meio do caminho, dando alerta para a passagem proibida, me negando a minha própria descoberta, o meu passado que eu nem sei se lembro mais. Ressaca dessa minha impulsão absurda que me faz cometer as maiores loucuras e depois tomar um banho quente rindo de mim mesma por ser tão boba e tão serena. Ressaca dessa saudade que teima em se alojar aqui e permanecer o tempo que puder por saber que é mais forte por trazer lembranças de momentos que me fazem tanta faltam. Ressaca de me olhar no espelho e ver essa menina fujona, medrosa e cheia de alguma coisa que eu não sei o nome direito, mas que a faz anular dores profundas e viver momentos imbecis os quais a faz feliz como nenhum outro. Ressaca dessa menina estranha que aparece todo dia no espelho tentando dar um jeito no cabelo, escovando os dentes três vezes e reclamando de não ter roupa. Ressaca desse silêncio que fala alto, dessa mensagem que chega mesmo que o celular não toque, a caixa do correio esteja vazia. Ressaca dessa ponta de iceberg que só deixa amostra parte do que sou.

Mayara Freire

Eu amo os meus amigos, não por suas diferenças, personalidades ou atitudes..
Eu amo o meus amigos, pelo modo que me sinto perto deles

Lidiele Moura

Por muito tempo julguei errado as personalidades fortes, elas não são agressivas, não exaltam suas vozes para serem ouvidas acima das outras, não usam todos os seus recursos para 'aparecer', uma personalidade forte requer autocontrole, requer saber amar, requer saber ouvir, coisa que as pessoas que conheci ao longo da vida desconhecem.

A personalidade forte de verdade tem paciência, tem serenidade, tem boa vontade, não usa sua influência para inverdades, depreciação de pessoas e suas respectivas reputações, não alcança seus objetivos espezinhando outras pessoas, passando por cima de alguns valores ou princípios que deveriam ser básicos.

Então, quando eu me deparar com alguém que fala alto, tenta parecer agressivo, pra tudo quer sair numa briga, que precisa de bebida para se sentir forte, desinibido ou qualquer outra desculpa idiota. Que exibe de forma inútil seus bens materiais ou seus atributos físicos, com o único objetivo de se sentir ridiculamente superior a alguém, eu saberei que essa personalidade é fraca, é desprezível e totalmente insignificante.

Venho me relacionando errado com as pessoas, dei importância de mais a algumas amizades vazias, esse sempre foi o grande erro da minha vida: fazer pelos outros muito mais do que fariam por mim, sempre lembrar mas nunca ser lembrado, sempre ajudar e nunca ser ajudado.

Por sorte, existem pessoas no mundo que vale muito a pena conhecer, as ditas personalidade fortes, mais que isso, as personalidades lindas, aquelas que se lembram, que estão junto de você, e mesmo a quilômetros de distância não te abandonam jamais.

Paula Costa

As personalidades são distintas e as pessoas únicas, por isso não há necessidade e lógica na existência de estereótipos.

Blog: http://bolgdoano.blogspot.com

Amanda Lemos

As pessoas
Têem em si suas personalidades; muitas intocáveis e incorruptas .
Nas suas seriedades, são sinceras, puras e melhores. Visitadas por acaso pelo seu eu, mascaram-se.

Marivaldo Nunes

"O visionário”

Nada importa mais nesse mundo canibal de personalidades, o qual todos querem ser diferentes e superiores uns aos outros, mas consequente dessa falta um todo não é nada para mim.

Ricardo Teixeira.

Não tenho mais disfarces,
ou ao menos outras personalidades para vestir.
Esse sou eu, e você? Quem será?

Fernando Braga

Máscaras

Vivo em um baile de máscaras,
Onde todos se escondem
Atrás de suas personalidades
Atrás de tudo aquilo que elas são de verdade.
Vivo em um baile de máscaras,
Onde eu mesmo me escondo
do tanto que sou feio,
Por dentro, por fora, aos lados.
Por todos aqueles que me vêem
e vêem coisas diferentes do que sou de verdade.
Não vejo esperanças.
Apenas máscaras frágeis.
Vivo em um baile de máscaras,
onde o amor foi mascarado com jóias.
Onde a riqueza ou a pobreza
são os status que mais importam.
A beleza é aquilo que há por trás dos nossos olhos.
E não sabemos dar a outras pessoas
o que temos de melhor em nós mesmos.
Vivo oculto, apagado, onde só eu posso me ver.
E sou aquilo que vejo nos outros.
Como posso eu, amar e ser amado,
se não consigo ver amor em ninguém
desde que perdi o que achava ser amor?
Vivo, e apenas vivo em um baile de máscaras.

Flávio Cardoso

A moda direciona as pessoas, tendenciosamente. Deturpa suas personalidades, e faz com a visão do que outrora fôra rechaçado, seja aceitável novamente - mais do que isso, seja desejado!!!

Tudo acontece rápido. Milhares vão caminhando em direção a um vótice, irremediavelmente.

Não julgo e muito menos condeno quem gosta. Meu objetivo é fazer com que todos avaliem se essas mudanças de opinião são oriundas de uma imposição externa, ou partiram realmente de suas próprias cabeças.

Bom seria se a Humanidade estivesse em voga... no alvo da moda!!!

Priscilla Leão

Duas personalidades e um só eu

Uma eu dividida em duas, elas são completamente opostas e obrigadas a viver em uma só, uma ignorante que prefere viver isolada e que por si encontrasse encoberta pelo medo, medo de se apaixonar de se envolver, de erra e de sofrer, que raramente acredita na integridade das pessoas, e não consegue acreditar em si mesmo, dúvida da sua própria evolução e da sua capacidade de ser ou de fazer algo, garota “hiper” orgulhosa e que se diz ser decidida, incapaz de dizer "eu te amo", aquela que não acredita em amor e acha a felicidade egoísmo e por isso acha que jamais poderá encontrar alguém que realmente te ame e te faça feliz por outro lado aquele menina, que quer sempre conhecer novas pessoas e ter novos amigos, aquela que quer amar e que acredita que pode ser amada, tem aquela falsa esperança de que existe sim príncipes encantados e que um deles te fará feliz, ela não abre mão de receber carinho, acredita na felicidade e tem fé que um dia vai ser feliz, afinal é só isso que ela quer, quer receber e dá tudo de bom que puder, quer dizer eu te amo a quem ama, sem medo e sem perca de tempo, ela embarca em busca de novas aventuras sem medo de ir além, se arriscando sempre sem pensar em qualquer consequência do futuro que está por vir, ela acredita num mundo melhor pra todos, ela acredita em si, sabe que é capaz... Sabe o que mas estranho de tudo? elas são uma só! e por saber disto tentam entrar em um consenso, só que ambas se tornam orgulhosas e determinadas, nenhuma “dá o braço a torce”, e é nessa hora que eu entro e consigo me perde em mim mesma ou melhor em minhas próprias personalidades, tão opostas porém tão determinadas que se tornam egoístas, me repugno delas e tento então decifrar essa incógnita que me torno.

Clicia Rios