Poemas sobre Frio

Cerca de 2421 poemas sobre Frio

Mulher, você é linda!

Quando abre os olhos ao acordar você é linda.
Quando espreguiça-se mostrando toda a extensão do teu corpo e sai cambaleando descalça pela casa... Você é linda!
Quando cochila no sofá e acorda assustada, quando está ensaboada e de cabelos molhados você é linda.
Quando arqueia a sobrancelha e joga o cabelo para o lado, quando sobe no salto e quando desce dele você é linda.
Quando está calor você prende o cabelo bem alto, deixando seu pescoço à mostra, alguns fios de cabelo caem sobre ele... E ah! Como você é linda!
Quando está frio, deita-se como um caracol, como uma criança no ventre da mãe... Meu Deus! Como pode ser tão linda?
Quando sorri... Ah! Como sorri! Todos sorriem contigo, e então torna-se mais linda ainda...

Thayná Andrade Silva Barreto

Papai Jesus me chama
Papai Jesus me ensina
Papai Jesus me ama
Papai Jesus me Doutrina

A Doutrina de Jesus
Para alma e pensamento
A Palavra da Luz
Que conforta meu momento

Receber a Santa Luz da Verdade
Exteriorando o fervor
Exalando Lealdade
Exaltando o Amor

Hoje nasceu
Veio a existência a Luz
Nosso Pai prometeu
Coração de Jesus

Samuel Ranner

cafés da manhã

A ressaca do acordar traz a sede de satisfação e de calor para quebrar o gelo solitário da manhã.
Seus instintos imediatistas a levam ao empoeirado boteco da esquina.
Copo barato, que na noite passada serviu de alguns goles, na tentativa de tirar o amargo do peito com o amargo da cerveja, mas a trava da garganta não se tira com álcool, apenas se disfarça por alguns instantes, peito pede sangue, boca pede saliva e o corpo pede outro corpo... esquece, hoje é o dia seguinte, outro propósito, outra história.
Enquanto a boca mastiga um pão seco com manteiga, quase um tira gosto, o café lhe sacia de calor e ânimo suplicado por cada célula.
Naqueles poucos segundos entre um gole e outro, sua mente pede mais,  a vontade grita, pensamentos balbuciam seus demônios, mas entre flashes de consciência eu estou por lá, aliás sempre estive.
Não lembra mais de mim? acho que mudei desde que nos conhecemos… ou foi você que me mudou? sei que em algum momento eu servi pra você. 
Amanhã talvez de novo…  uma pergunta inquieta minha já embaçada mente. o que você me fez de mim? 
Eu sou o copo quase vazio de café frio que você deixou em cima da mesa, esquecido até que alguém me lave por dentro e por fora, me renove, se eu não quebrar nas mãos descuidadas de qualquer um que me manipule posso servi outra boca, não escolho muito, mas só espero quero que venha com sede, pra que me seque e me sugue por completo,  melhor do que largado pela metade ficando morno com o resto de mim que ninguém quer.

Danillo Spíndola

Ai que friozinho na barriga!
Há alguns dias atrás, sua mãe e seu pai foram lá, sua mãe cheia de medos e anseios e até com dores. As dores não transpareciam, pois as preocupações eram maiores. Seu pai estava mudando de cor, friozinho na barriga, medo anseio. Ele nem sabia se merecia ou se ia dar conta, mas não era mais escolha dele... Pronto... Você nasceu... e nem precisa falar o quanto deu trabalho até este ponto!

Depois de um tempo, você sentiu a mesma sensação, friozinho na barriga, só porque foi deixado em uma escola, cheia de gente estranha, e o portão atrás de você se fechou. Mas você foi para sua sala, estudou, se enturmou, fez amigos, e identificou os inimigos. Localizou-se.

Na reta final daquele ano, começou o tal friozinho na barriga novamente, só porque suas notas eram boas, mas a tal resposta de aprovado ainda iria vir... Ah, não importa como, você chegou à outra série, outro ano, outros amigos, outros friozinhos...

E o primeiro amor? Lembra-se dele? Estou falando dele, o friozinho na barriga... é, ele sempre vêm e não muda nada, sempre acontece o que iria acontecer mesmo sem ele...
Hoje você tem até família? Nossa, imagino quantos friozinhos, e até sensações como a dos seus pais.... sim, naquela época você nem sabia que se perde a fome e o sono por causa de um tal "friozinho na barriga".

Agora você está tocando sua vida, seu próprio negócio... e todo fim de mês, todo fim de ano, lá vem ele de novo... né verdade? Tantos anos, e você sentindo como se fosse o primeiro...
Friozinho na barriga!!
Então o deixe aí, e vai vencer, até porque ele vai voltar por outros motivos!! Afinal, ele marca os momentos mais importantes, ele é importante, e antes de tudo que tanto desejamos, sempre ele vem...
O friozinho na barriga!!
(Leomir Luciano)

Leomir Luciano

"vento Frio "
Vento frio como acorde de violino,
rasga a madrugada de silêncio
arrepiando desalinhadas memórias.
Vento com chuva percorre a rua,
derramando-se sinuosamente,
ondulando cascatas de folhas,
abstrato corpo dançando,
que a noite vai devorando...
Por quem lamenta este vento,
inquieto visitante noturno,
que na janela vem bater?
Vento na pele arrepia,
O frio carece a pele serena
Da pequena menina morena
agitando sentimentos como folhas,
O sol radia em tempo gelado
A menina morena quer ser aquecida pelos teus abraços.
Que brota no rosto de uma criança
Protegida por um verdadeiro amor.

Matheus Ribeiro Gonçalves

Você me fez de menina á mulher.
Fez meu corpo sentir uma brisa intensa, e minha barriga esfriar
Fez meu corpo arrepiar
e da coração meu peito quis saltar.
Fez dos meus olhos teus escravos, do meu corpo um louco apaixonado
Me fez menina aos meus ouvidos cochichar, e mulher quando senti meu corpo esquentar.
Me deu o sorriso mais lindo,
que meus lábios jamais pudera imaginar.
Meu deu seu coração, suas verdades, seus defeitos
Você a mim se entregou, e minha sempre será
Pois quando a ti disse que amava,
esse foi o juramento que a mim, tu sempre pertencerá.

Carina Rabelo

"(...)A pior lágrima é aquela que cai sem nenhum
amparo, sem ninguem para enxuga-la e vai
direto ao solo, e para sempre será esquecida,
uma gota de sentimento, de dor, de magoa, de
um não tão bom dia, de tristeza, até mesmo de
saudade, tudo isso em uma pequena gota que
cai, sendo absolvida rapidamente pela terra fria,
e para a terra não passará de 1mm3 de líquido,
entao pare, esqueça, viva, permita-se, e acima de
tudo, derrame lagrimas por quem realmente vale
a pena. Afinal, quem vale a pena te fará sempre
derramar lágrimas de alegria.(...)"

Edimilson Macedo

O insano

Junte o útil ao agradável,
O infiel e o profano,
A moral e a ética,
O amor e o humano.

Se fosse simples não mais seria bonito,
O amor mensurável não serve,
Não eleva nem agrada ao espírito.

Não peço-te permissão,
Nem te digo que foi escolha.
É mais uma imposição do destino que nos entreolha.
Sinto-te distante,
Como um grito no vazio.
Vozes oscilantes, de uma mente inerte em meio ao frio.

Se sob a penumbra cinzenta recai a noite,
Me faria eu desnecessária.
Colmada por súplicas infiéis e de glória empavesada.
Num sóbrio recanto me conduz
A paisagem já atravessada.
Gestos secos e sem luz.
Alma distante, intocada.

O contraste ideal existente.
Olhos negros estes teus,
Fariam estrelas terem inveja deste tal brilho fosco.
Apenas sigo a linha do horizonte, ignorando vertentes.
Meras súplicas abandonadas,
Pudor inexistente,
Vidas separadas.

Colecionador de amor tu és.
Obra de vidas passadas.
Colecionador de dor tu és.
Portador de histórias equivocadas.

Afundo-me em teus males, mergulho em teus receios,
Bebo da fonte dos teus medos.
Jogo-me por inteiro.

Ainda que louca, desvairada,
Entendo-te um pouco.
Vives para os outros,
Pensas nos outros.
Ah meu bem, pense em mim!

Thaylla Cavalcante

Noite fria
Eu sofro e bebo poesia
Para não passar frio
No calor das tuas palavras vazias

Alex Biondo

O arder

Quando a Paixão
Quando a rosas
Quando a olhares
quando a Mel

A amor entre um arde e um frio na barriga
e aquela vontade de falar que lhe amo
mais o que sai e te adoro pelo medo
Me arde aquela vontade

Johnatas Dsm

Madruga de domingo,
Cigarros e vodka não faziam mais efeito.
Tudo era vazio, sem graça... Frio.
Seu perfume no quarto
E nós dois abraçados
Na varanda curtindo a linda Lua
E o céu estrelado.⭐

Tattu

Totalmente... Estranhamente...

Estou mais fraco e totalmente sem sal
Estou mais triste e totalmente sem sol.
Estou mais solitário e totalmente sem lua
Estou na minha e totalmente na sua.

Estou sem sono e estranhamente hibernando
Estou desperto e estranhamente sonhando
Estou tão triste e estranhamente chorando
Estou tão chateado e estranhamente amando.

Edson Luiz

Ele prometeu estar conosco todos os dias.
Portanto, Ele estará conosco nos dias alegres e nos dias felizes.
Estará conosco nos dias cinzentos e tristes.
Nos dias quentes e coloridos.
Nos dias frios e sem sentido.
Ele estará conosco nos dias que estamos inundados de fé e parecemos andar sobre as águas e também estará conosco quando duvidamos e nossos medos nos fazem quase afundar.
Estará conosco quando estamos firmes e constantes e também quando nos sentimos sozinhos e vacilantes.

Jane Krüger

Chega do frio, das brisas, das marés, dos mares...vou te mostrar meu mundo onde o fogo e a terra se encontram, o calor e o amor se misturam, permita perder-se na imensidão do deserto...segure minha mão e sonhe.

Flávia Abib

Flávia Abib

Desvario


Ele não quis ou não querer fingiu
E, tão bem o fez que acreditei negada
E renegada pelo amor de tal vivente
E dor assim tamanha só a sente
A criatura mal amada.
E o Sol se pôs e renasceu indefinidamente
Eu insistindo loquazmente
Ele frio refutando minha oferta
De amá-lo eternamente.
Talvez, pensava ele, um dia
Quem sabe eu a tomo por minha
Há de chegar a vez dessa mulher.
E a vida breve passou
Sem sequer nos pertencermos
Ao menos um momento breve e frio
Ficamos um sem o outro
Ele acomodado,
Eu, segui transida em desvario.

Eleni Mariana de Menezes

Aguento firme e o inverno frio passa.
Olho pela janela, vejo cores de primavera,
Brotam flores de esperança na estação florida da alma.

Letícia Melo

O motor do barco pode até parar,
O frio nos meus ossos estremecer,
A intensa solidão a loucura aguçar.
Mas, terei a certeza que vou chegar.
Pois, creio que tu és o Filho de Deus!

Rockfeller Félix

Grandes mistérios se escondem na noite fria onde vago, e
um deles se esconde dentro do meu ser,
e sempre ele espreita pelas janelas que são meus olhos.

Yoman Ceifeiro

Este frio me gera fome
fome que traz consigo a vontade
vontade que me inquieta a alma
alma que derruba meus argumentos.

Não adianta cobrir um corpo cansado
não há amor que me estenda o braço de fato
não há justiça que sacie
nem verdade que acalme o coração.

É falta, é vazio, é frio, é necessidade
que ninguém pode ou quer ajudar a suprir.
Um teto, uma ajuda, respostas e um ombro amigo
de quem não acha que me favorece quando olha prá mim.

Angela Natel

beijos que fazem minha alma sangrar
minhas noites são nas esquinas
em busca de prazer
e cigarro barato um gole de bebida
mesmo que seja as crias do inferno
sinto o prazer exposto na minha pele.

Celso Roberto Nadilo