Poemas sobre Cidadania

Cerca de 66 poemas sobre Cidadania

Sócrates foi o primeiro a evocar a filosofia do céu à terra, deu-lhe a cidadania nas cidades, introduziu-a também nas casas e obrigou-a a ocupar-se da vida e dos costumes, das coisas boas e das más.

Marcus Cícero

Somente com a legítima liberdade de expressão, pluralidade de informação, respeito a cidadania, e permanente vigilância contra as tentativas de cercear o Estado democrático de direito, é que poderemos pensar em transformar Regimes de Força, em Regimes de Direito.

Paulo Miranda

Não existe sucesso ou felicidade sem o exercício pleno da cidadania e da ética global.

Carlos Roberto Sabbi

Em um país, onde o máximo de cidadania encontrada na maioria da população se resume a votar de dois em dois anos por pura obrigação é notável pensar em jovens que se unem para debater, discutir e questionar idéias sobre assuntos relativos a não só seu bem estar social mais também a vida política por uma vista liberta de idéias partidárias, idiossincrasias midiais alienadoras, pensar em jovens que revolucionam seu modo de pensar e agir perante a uma sociedade carente de pessoas participativas da vida política existente na mesma, pessoas que exercem seu direito de cidadania.

Wagner Lafaiete

Cidadania é um vírus benigno, pelo qual a sociedade brasileira não se deixa inocular!

Eticamicina5mg

Para mim viver é Cristo e exerço a cidadania de maneira digna de seu Evangelho.

Paulo de Tarso

Acredito que o que escrevo é uma forma de exaltar e defender a dignidade e a cidadania, que nos estão roubado
dia-a-dia, sorrateiramente, impiedosamente.
Sem elas, o que nos restará?
Shakespeare nos responde:
'Dignidade, dignidade, dignidade, roubaram a minha dignidade, a parte imortal de mim mesmo, e o que resta é bestial.'

Miral Pereira dos santos

A cidadania deveria espelhar-se na fábula do cavalo e do lobo.
O cavalo e o lobo
Um lobo faminto vagava pelo campo, quando avistou um belo cavalo.
E pensou em devorá-lo; mas o cavalo era forte, e ele...fraquinho... pois quinze dias de jejum dão cabo do mais valente.
Recorreu, pois, à astúcia.
Aproximou-se, e ofereceu os seus serviços, dizendo que, como médico que era, estudara botânica, e podia mostrar-lhe das ervas da campina em que pastava quais as boas, quais as que lhe podiam fazer mal.
Ah meu amigo, disse-lhe o cavalo, chegaste bem a tempo; não preciso conselho a respeito de plantas porque só como capim, porém para curar-me de grave incômodo; há dias machuquei uma pata, a traseira e parece que está formando um tumor; dá para você examinar?
Então levantou a pata, e assentou-lhe um formidável coice que lhe quebrou o queixo.
MORAL: Se todos os lobos charlatães encontrassem cavalos como o desta fábula, não veríamos o triunfo de tanta impostura.
Se todos os cidadãos escoiceassem os políticos corruptos nós teríamos muito mais progresso.

Marinho Guzman

Exemplo de Ética e Cidadania

G. Collyer

No manto azul do Céu desfilam acenando,
Qual garças brancas e azuis em cortejo,
Vultos com lágrimas de saudade derramando
Como pétalas de rosas sobre Pampulha, eu vejo.

O corpo do vice-president José Alencar
Exemplo de caráter ilibado está a chegar
Ao berço natal onde o herói terá ensejo
De, em cinzas em cremação, se transformar.

Hoje, 31 de março, histórico marco ficará
Para a nação brasileira então seguir...
O nobre gesto de patriotismo copiar
E fazer dentro do peito o amor fluir.

Nossa história vem de há muito em carência
De heróis da estirpe de José Alencar
A ética e cidadania vêm em decadência.

Nossos representantes na política
Precisam munir-se de real decência
Pra não se repetir o que De Gaulle em crítica,

Dissera em época então passada,
Que o Brasil não era um país sério
E nossa gente no exterior subestimada.

Gerardo Collyer

Sabem o que é irônico?!
Existem pessoas que promovem cidadania de graça através das redes sociais.
Porém, há quem tenha seus salários grandes e gordos, e não fazem qualquer ato similar.
Por que será?!

L. L. Santos

Eu já exerci minha cidadania. Já votei. Já desejei prefeitos e vereadores melhores para o Brasil, para meu Estado e para minha Cidade. O que espero das eleições de hoje, espero que votos não sejam comprados, que políticos fichas sujas não sejam eleitos, que as sujeiras não fiquem debaixo do tapete. As corjas do mensalão, seus "nada sei" sejam presos.
Eu desejo um país livre de pessoas que só pensam no próprio umbigo. Eu desejo honestidade, desejo que ações que pensam na coletividade sejam repensadas, que os menos favorecidos e esquecidos sejam os amparados e exaltados, que as diferenças sociais diminuam, que a cultura da partilha e não consumo se propaguem.
Eu desejo justiça social, que todos tenham uma excelente administração, que a coletividade saia ganhando numa votação histórica e coerente.
Um país melhor é o sonho de cada cidadão, o meu, o seu, o nosso sonho, nossa melhoria no transporte público, nas ruas, calçadas e vielas, nas escolas e hospitais, melhoria no esporte e no combate a violência. Melhoria de vida e bem-estar.
Somos cota-parte desta responsabilidade de eleger pessoas do bem, de ser patrões da democracia, de sermos o bem maior que todas as gerações possam recebem em forma de presente.

Arcise Câmara

SOMOS LIVRES



Somos livres...
Quando a cidadania
Nos concede o direito
De sermos o que queremos...
De termos o que nos é de direito...
Somos livres...
Quando a democracia
Nos oferece liberdade
Para decidir o que faremos
Irmos para onde temos segurança
Somos livres...
Quando conquistamos autonomia
Para exigirmos o que nos convém,
O que é melhor para nós.
Somos livres...
Quando as leis
Usam o seu poder
Para fazer justiça...
Defender o bem comum...
Somos livres
Quando a educação nos proporciona estrutura
Para transformarmos a nossa realidade...
Somos livres...
Quando adquirimos consciência
Para administrarmos a nossa própria liberdade
Nos aprisionamos...
Quando sufocamos a nossa voz,
Aceitamos imposições...
Omitimos opiniões, verdades...
Nos aprisionamos...
Quando nos calamos perante as injustiças,
Aos abusos de poder... de autoridade...
... deixando-nos ser escravizados...
tratados como objetos.
Nos aprisionamos...
Quando desistimos de lutar,
Abrindo mão dos sonhos...
Do desejo de sermos felizes...
E nos acorrentamos em nós mesmos,
Quando achamos que sabemos o suficiente
E que nada mais temos a aprender.

Nildo Lage

A origem da palavra cidadania vem do latim “civitas”, que quer dizer cidade. A palavra cidadania foi usada na Roma antiga para indicar a situação política de uma pessoa e os direitos que essa pessoa tinha ou podia exercer. Segundo Dalmo Dallari:

“A cidadania expressa um conjunto de direitos que dá à pessoa a possibilidade de participar ativamente da vida e do governo de seu povo. Quem não tem cidadania está marginalizado ou excluído da vida social e da tomada de decisões, ficando numa posição de inferioridade dentro do grupo social”.

(DALLARI, Direitos Humanos e Cidadania. São Paulo: Moderna, 1998. p.14)

Direitos Humanos, blog

A menina estudando sobre leis ética e cidadania, pergunta para mãe. Mãe porque essa leis não são aplicadas de igual para todo!
como assim querida.? ué... veja bem não temos escolas decentes nem saúde que atenda a todos com dignidade, segurança nem se fala. ai eu me pergunto kd os responsáveis,
quem paga por esse crimes cometidos contra o povo mãe!
E me obrigam a votar ! que democracia fajuta é essa onde somo obrigados a votar e induzidos a temer , a ter esperança num futuro que não existirá, se o presente não mudar.

Elisa navarrete

Cidadania é o exercício dos direitos e deveres civis, políticos e sociais estabelecidos na constituição. Os direitos e deveres de um cidadão devem andar sempre juntos, uma vez que ao cumprirmos nossas obrigações permitimos que o outro exerça também seus direitos.

Exercer a cidadania é ter consciência de seus direitos e obrigações e lutar para que sejam colocados em prática. Exercer a cidadania é estar em pleno gozo das disposições constitucionais. Preparar o cidadão para o exercício da cidadania é um dos objetivos da educação de um país.

Desconhecido

Senhor
Ajuda os sem noção
A não jogarem lixo no chão
A dividirem o pão quando sobrar
A falar e não rosnar
A ajudar e não ter vergonha de precisar
Que as cidades tenham prédios gigantes
E casas com árvores no quintal
Que o bem vença o mal
Que o mal não tenha cartaz e tenha punição
Que crianças joguem, acessem internet, vejam televisão
E façam esportes, bagunça, interajam
Se alimentem bem e sejam fortes
Faz os idosos serem mais valorizados e respeitados
As praças e patrimônios públicos serem preservados
Que haja paciência, gentileza, educação
Boa prestação de serviços, atendimento, comportamento
De cada um, dos grupos, das empresas
Que eu seja e veja cada dia um bom cidadão

TinaBauCouto

É realmente um exercício de tolerância viver numa sociedade onde cada vez MAIS:

-Ser idealista é ser um sonhador utópico
-Pensar na coletividade é ser otário(ou um espertinho oportunista)
-Defender seus direitos é ser problemático
-Ter opinião própria é ser desajustado
-Acreditar na mudança é ser ingênuo
-Se calar diante da opressão é ser sábio
-A cidadania morre a cada dia na contramão do avanço dos séculos
-O apelo à razão sucumbe diante da imposição dos fatos
-O pai ensina que ao se calar, se vive melhor e o filho cresce escravo da imobilidade
- Quando , se por breve momento , o oprimido sonha com transformação , deseja se tornar o opressor.

É realmente um exercício de tolerância viver numa sociedade que cada cada vez MENOS.

Rogério Carvalho

Homens e mulheres tem a grande responsabilidade de colocar filhos - O ESTADO FEDERADO TEM O SEU EDUCAR - A CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988 é CIDADÃ - MAS SEU POVO TEN CAMINHARES.

Bin-Binder-Bindi-Bindes, Fá - cidadania

"Nada me tira da cabeça que o mosquito da dengue nada de braçada nos ferros velhos de São Paulo"...(Devanir Amâncio). A única cidadania pincelada do Jornal Diário de São Paulo.

BINDES - cidadania

Pegando os jornais: Agora e Diário de São Paulo vamos encontrar similaridades e identidades quase uníssonos quando o assunto é a informação direcionada. Fusão jornalística dá água pura?

BINDES - cidadania