Poemas Profundos

Cerca de 205 poemas Profundos

A falta de consideração e a indiferença andam de mãos dadas ceifando os afetos mais profundos.

Martha Rivero

A vitória que vale a pena é a que aumenta sua dignidade e reafirma valores profundos.

Desconhecido

Ele é um garoto sensível. Ele é um jovem com sentimentos profundos. Com alma de poeta.

American Horror Story

Chega de relacionamentos profundos, de agora em diante só a velha relação entre prostitutas e cliente!

Charlie Harper

...A saudade é um dos sentimentos mais profundos da vida...E para esse sentimento só há um remédio, estar ao lado da pessoa de quem se sente saudades, mas infelizmente isso nem sempre isso é possivel...

ingrid fernanda

Onde está você margarida?
Flor mais bela do jardim
Com seus olhos tão profundos
Que expõem minha alma
Me tirando da solidão

Não me abandones margarida
Pois preciso do teu ser para ser
Do teu perfume embriagando manhãs
Me fazendo perder os sentidos

De tua voz acalentando meu coração
Do teu corpo entrelaçando o meu
Do teu sorriso arredio e corrediço
Do teu amor para libertar-me.

Anita García

Este sou eu
Sou dado a sonhos altívolos. Em meu nome, trago as asas de meus mais profundos desejos de liberdade. Deslumbro-me com a claridade do sol e a altura do vôo. Afogado na aspiração de ser alado como um deus, sou pagão desde a origem dedálea de meu nome.

Sou afeiçoado a sons altíssonos. Em mim, trago ambições cerzidas de intensas ânsias elevadas. Descubro-me vário sob a luz lunar e o sublime êxtase de um acorde. Acossado no desejo de ser como Orpheu, sou aedo desde a origem labiríntica do que é meu.

Ícaro sou eu, homem feito das fibras intrincadas do desejo. Recuso toda advertência que castra o vôo, mesmo pagando com a morte a ousadia. Digo isso porque há muitos tipos de mortes em vida, muitos preços por ousar viver. A vontade de potência no mais alto grau desejante jamais é lassa, mesmo quando lhe grassa a lassidão. E eu só vivo da vontade de potência.

Este sou eu: Ateu, epicureu, nunca filisteu. Aedo alado, desejo flagrado e deflagrado. Sim, este sou eu...

Icaro Beranger

Os teus Poemas

São muito mais do que profundos os teus poemas
São imagens na água, nas ruínas
São malditos. São perfeitos.
São feitos por mãos divinas
São cósmicos, são rarefeitos.

São palavras que mordem, que têm efeito
é a falta de palavras nas próprias frases
é o que dizes ou o que fazes
é o olhar quase desfeito

Fidel B.

Posso te contar meus segredos?

Meus segredos, nem sempre secretos,
São profundos, guardados no fundo da alma...
Como pérolas, como o brilho das estrelas.

Meu coração é um oceano de mistérios...
Tempestuoso, aflito, desejoso em vê-lo,
Tranqüilo, sereno, quando comigo ele está.

Meu coração nem sempre é rítmico...
Quase explode quando olho em seus olhos,
Quase não bate... quando ele parte.

Meu coração não sabe mentir...
Grita a todos os ventos o quanto o amo,
Silencia... aguardando um aviso... uma resposta.

Meu coração é todo dolorido...
Sangra na ausência do amado,
Estanca... quanto ele retorna, pronto a me amar.

Meu coração nunca envelhece...
Atravessa os tempos, os desvios, os receios,
Renova a cada instante, todos meus desejos.

Meu maior segredo, caro amigo...
É não ter nenhum segredo,
E meu silêncio, consegue a tudo explicar...

Tamie Angela

Seus olhos, meu encanto secreto.
Tão doces e profundos,
que transparecem a alma!
Me olham e sorriem,
despem em segredo o
que há de mais intimo em mim,
meu coração!
Meu conforto,como são belos e lindos,
perfeitos em sua cor,em seu desenho.
Magnitude de olhar,que comove e atrae,
encanta aos que observam tanta beleza
sem ao menos perceber a verdadeira magia
por trás de apenas doces e simplórios olhos!

Giselle Kelly

Alice

Tudo nela me fascinava
Seus cabelos negros , brilhantes
Seus olhos verdes, profundos
Seus lábios carnudos e tão desenhados pareciam pintados
Seu corpo totalmente escultural
Ela era indescritivelmente perfeita.

Aquilo me incomodava , não encontrar nela nenhuma imperfeição
Não importava por onde procurasse
Fosse no aspecto físico , quando mental
Eu já não suportava , tinha que sentir o que ela sentia.

Por isso a matei , abri-a
Internamente ela era tão normal
Não tinha o que me chamasse atenção
A não seu o seu coração
Eu o como , até o ultimo pedaço
E pude senti-la novamente dentro de mim.

Allan Henrique

Amizade sem Fim

As palavras que chegam a mim são formas ocultas de desvendar os olhos profundos da amizade;
Inflamada pela sublime e pura inspiração de escrever para uma pessoa que com certeza pode me ajudar a decifrar esses mistérios da poesia;
A poesia para mim é como o ar que respiro;
Através da poesia me sinto mais perto de ti amiga;
Através desse encontro formamos um grande laço;
Através desse laço forma-se um belo jardim;
Nesse jardim acabei encontrando pétalas;
Pétalas que encontrei um tesouro muito valioso e brilhante;
Dentro delas encontrei a nossa linda amizade;
Grata permaneço por ela existir;
Sinta o brilho do seu interior;
Pois para mim não existe nada tão importante como a nossa amizade sem fim;
E obrigada por ser essa amiga tão querida e especial !!!

Marcio Chagas Santos

eu tenho olhos tão profundos, não é!?
sempre olho dentro das coisas, perdendo o foco visual,
foi por isso que te deixei sozinha, não foi!?
eu concordo, há pessoas precisando apanhai mais da vida,
não quero me por no lugar do teu juiz,
mas todo som me parece menos violento agora que
você me deixou, seria alguma vingança sua ?
meu corpo dói, e os poemas daquela banda
guardei sob a língua .
Eu te odeio,
estamos de quarentena para revisar o amor!

Helom

Acho que me engano,
Vejo que confundo,
Pensamentos profundos,
Mergulhados na harmonia do viver
Ao ver –te imagino seus pensamentos
Desnudos de sentimentos por mim,
Sofro descontente...
Fico incandescente,
Suspiro iminente,
Enfrento-te bravamente,
Tu respondes inconsciente,
Que me amas loucamente,
Com o amor novamente
Fujo em quanto é tempo
Inspirado vou-me ao vento...

Nayara Mendes

Em pensamentos profundos.
Guardo Dunas de amor.
Em olhares imundos.
Eu vejo o pavor.

Lágrimas pequenas.
No entanto com vapor.
Eu vejo o Calor.
Nas horas de lutas.

Não rimei.
Mais tentei.
Sem pensamentos.
Acabo por aqui.

Dannye Laura

ÁGUA que nasce na boca
Sedenta de beijos
Que abre na TERRA
Profundos desejos
Do teu ribeirão,

ÁGUA em que nadam sereias
Inundam as veias,
Do meu coração
E levam a TERRA
Em cego mergulho,
No mar da paixão

Gotas de ÁGUA pingando
Abrindo na TERRA
Profundo grotão.
Depois entornam,
Em cascatas, na inundação.

ÁGUA que fertiliza a TERRA
E as sementes, encerra
Até a exaustão
Deságua e dorme tranquila
No fundo da TERRA.

(desÁGUAemTERRA)
Inspirada na música Planeta Água

Lina Marano

A humildade é uma nobre virtude que está oculta nos mais profundos recantos do coração humano. Encontrá-la e potenciá-la a um elevado grau são condições indispensáveis para atingirmos a sabedoria e sermos humanos no sentido pleno da palavra.

Mede-se a sabedoria de um homem pela humildade com que ele revela seu conhecimento, e não pelo conhecimento que ele aparenta ter.

Cavalgar furiosamente sobre os sentimentos dos outros, vasculhando falhas e tecendo-lhes criticas, é uma atitude mesquinha, que provoca mágoa e ressentimento, bloqueando os efeitos que mais desejamos. Porém, cultivar a humildade, reconhecendo através do elogio sincero, as capacidades e esforços alheios, nutre-nos com a doce admiração das pessoas e abre horizontes para que nossas palavras e desejos de mudança tenham eco, materializando-se.

Orgulhoso e ensimesmado, um palestrante subiu ao palco para falar à platéia. Concentrou sua falácia no quanto os “outros” estavam errados, no quanto precisavam mudar. O tempo todo procurou chamar a atenção do publico sobre sua “extraordinária” capacidade de detectar falhas e conseqüentemente, concertar o mundo.
Nesse meio tempo, a incongruência falou mais alto. As mascaras da arrogância e da falta de humildade romperam-se, desnudando-o. E, sentindo que suas palavras não tiveram eco, desceu cabisbaixo.
Um velho sábio, que a tudo assistia, disse-lhe:
- Meu caro, se você tivesse subido como desceu, certamente teria descido como subiu.

A humildade é o ultimo degrau da sabedoria!

Fonte Orvalho para Alma - Litteris Editora - RJ

Meus pensamentos são altas montanhas,
mares profundos, florestas extensas,
blocos de sal que cegam,
flores no campo
se abrindo lentamente.

Gerardo Diego - versão Newton Jayme.

Há em mim sentimentos profundos de negação...
da verdade
Há em mim sentimentos profanos de negação...
da sensualidade
Há em mim sentimentos voláteis de negação...
da veleidade
Há em mim sentimentos cercanos de negação
da realidade...

Lucimar Cardoso

Os dias cinza de chuva me faz florir por dentro;
Faz-me desabrochar os sentimentos mais profundos;
As raízes das emoções ficam mais intensas;
Parece que tudo fica mais verde por fora.

Sid Aguiar