Poemas Famosos de Despedida

Cerca de 548 poemas Famosos de Despedida

Não foi assim que eu sonhei a nossa vida, a despedida seria até logo mais, mas a vida não permite ensaios. Não há raios antes do trovão.

Engenheiros do Hawaii

A Despedida

Planos para o futuro
Interrompidos pelo destino
Superando grandes amigos
Um futuro incerto
Sem a segurança
É uma peça do destino
Mas uma vez dito
Que haveriamos de nos reencontrar
O destino teve de agir
E a amizade pode sucumbir.

Gabriel da Luz

Acho que a melhor despedida não é feita com palavras, nem palavras com sentimento.
Por que as palavras são muito baixas, para se unir com sentimentos.
E o sentimento verdadeiro é tão raro que não se perde tempo unindo-os com palavras.

P.C Apolo

Neste instante, me resta a despedida
Neste instante, restam lágrimas
Buscarei incessantemente romper enlace
És meu absoluto dom,
Semente única e absoluta que conheci nessa vida

Na partida apenas raios da luz que me trouxeste na sua chegada
O coração, descompassado, implorando fagulhas de amor
Obtive solidão, morte, fruto dilacerado em suas palavras
Pedaços e vestígios buscando a seiva da sobrevivência

Até minhas palavras não encontram motivos para serem
Coração ferido, sucumbido pelo medo que me afligiu
Nada me resta, perdi minha razão

Vejo-me sem rumo, sem direção
Meu coração se fez quebra-cabeça;
Assim caminho recolhendo peças perdidas.

Andréia de Figueiredo

Despedida

Por brandas lagrimas disponho a me escrever...
Contando fatos do meu viver.
Sinto o coraçao apertado,so de pensar..
As grandes lembraças que vei me alegrar.

As alegrias e tristezas juntos enfrentamos...
Por chuva,sol e vento..
Jamais esqueçerei esse momento..
E as horas de play que juntos gastamos..

Minha infancia foi feita de alegria e zuaçao..
Momentos esses que nao saem do meu coraçao..
Hoje lagrimas escorrem por meu rosto.
so de lembrar de momentos bobos..

A min hafamilia deixarei com um penar no coraçao...
Com muita tristeza e emoçao..
Despedindo daqueles que ficarao.

Matheus Pedroso

Despedida

Te dizer adeus, é renegar meus sonhos.
E morrer um pouco a cada dia.
É esconder dentro de min, o que te disse um dia.
É o pesadelo de te perder.

É Ter que guardar na lembrança.
O presente que me foi arrancado.
E pagar com lagrimas.
A dor de um julgo culpado.

É suportar o fato de Ter o meu amor, perdido em outros braços.
É rasgar o véu, e desatar os laços.

Mas a morte não me vem quando chamo por ela!
Apenas rir de min, por sofrer vivo.
Para ver a felicidade dos outros, em meu mundo perdido.
E te dar meu coração.
E com ele em suas mãos, vê-lo parar.
E me perder em teu olhar.
Por uma ultima vez em minha vida.
Antes de dizer adeus.
E sussurrar a despedida.

Arthur Bulcão

É tarde eu preciso ir agora
Uma despedida sem fim
Ouvindo o adeus daquela velha senhora
Vivo hoje com pedaços de mim
Achei que julgaria o fim
com certeza que todos erros foram meus
Mas me engano...
Como sempre...
Minha inocencia cegou a voce
Mas nao tao quanto cegou a mim...
Estavamos la
Ouvindo os saBios disseres daquela velha senhora
Oh, nao poderia julgar o fim...
Enquanto houver em que acreditar
Enquanto tiver esperanças pra lutar..
Ela poderia ter deixado voce morrer ali
Mais nao ela nao quis
Por que a tua causa nao a assustou
Voce magoa tudo aquilo que ama
Mas nao entende por que tem que ser assim
OH, voce nao teria coragem de julgar a mim?

Paula Câmara Ferreira

DESPEDIDA

Até breve minha Vida
Estaremos sempre juntos
Todas as noites e dias
em todos os momentos
Adeus em vão
Sentimos... Sabemos
Meu Amor; até logo
Quando casamos olhares, mãos...
Momento mágico, nosso e ÚNICO
Até logo meu Amor; e leve
Cada lapso reafirma nosso destino
Minha Vida; até breve...

M.Jardim

Despedida

Quando eu te conheci, tudo era diferente
O que aconteceu contigo?
O que aconteceu comigo?
O que aconteceu com a gente?

Onde foram parar aquelas longas risadas?
Aqueles abraços apaixonados?
Aqueles momentos romanticos?
Aqueles beijos roubados...

Se isso deixou de ser importante
Então não maltrata
Aquele que um dia te amou
Hoje não te faz mais falta

Por isso hoje eu me despeço
Hoje estarei triste e sozinho
Para que você possa achar
A felicidade em outros caminhos.

Jonas Correia

Despedida

Correnteza abaixo, riacho frio, para o mar,
a onda libertadora ela refere:
Não mais por ti meus passos irão,
para sempre e sempre
Corrente, doce corrente, por gramado e prado
Um riacho, então, um rio:
Agora, por ti meus passos devem ir,
para sempre e sempre

Mas aqui suspirará vosso carvalho
E aqui vosso arbusto estremecerá
E aqui por ti zumbirão as abelhas
para sempre e sempre

Milhares de sois jorrarão sobre ti,
Milhares de luas rebrilharão;
Mas não por ti meus passos irão,
para sempre e sempre.

Tennyson

Despedida

E na hora da despedida
Saudade antecipada
E dor desmedida
O Adeus ansiando a vinda

O abraço que parece ser o ultimo
O Pranto que soa como em um velório
A separação machuca quem vai
E fere quem fica.

Juliana Rossi Cordeiro

“Nessa perdida despedida,te faço um pedido.
Que nunca se esqueça de se lembrar de mim.
Pois eu sempre vou lembrar de jamais esquecer você..”

Pablo Willian de Carvalho

Despedidas
Amigos não chorem na minha despedida.
Pois do outro lado desse muro.
Entre a vida e a morte.
Estarei sempre zelando e cuidando de vocês.
Amigos não derramem lágrimas e sim abram sorrisos.
Pois estarei levando seus sorrisos.
E levando a beleza de nossa amizade.
Pois amigos são aqueles que estarão sempre juntos.
Em pensamentos e em nossos corações.
Lembrem de meu sorriso que as vezes era forjado.
E perdoe, pois eles eram para alegrar as pessoas amadas.
Lembrem que estarei sempre olhando por vocês onde estiver.

Ubiratan Teixeira

Foi-se a vida
Em ferida
Despedida
Desmedida
Desregrada

Foi-se em versos
Sem prosa
Em palavras
Não faladas

Foi sem foice
Tomada por pragas
Ervas daninhas
De ciúme, orgulho,
Coisas mesquinhas

Foi-se a sorte
E a morte
Foi-se em vida

Diinha Souza

Despedida

Meu amigo, hoje é o nosso ultimo dia juntos
sei que não nos encontraremos mais
e se nos encontramos não será mais como antes.
lembraremos da "zuera", dos choros, da amizade.
Quando estou só, sempre me lembro de você sorrindo,
quando a vida me ensinou a chorar voce estava la perto
me dizendo: força cara !
Hoje me sinto aliviado, pois a cruz de minhas costas foi retirada por suas maos há algum tempo.
Muito Obrigado .

Diego Balduino Rodrigues

Despedida Inusitada




Eu ando pelo mundo procurando ver

Coisas que me façam crer...




Que exista algo bem melhor

Num plano quase infinito

Algo cada vez maior

Longe de qualquer grito




Procurando cores e sabores

De uma vida viciante

Espinhos e flores

Imaginação constante




O sonho na janela

Já não quer mais voar

As dores de um mundo à espera

Já não querem mais cessar




O final de um fim aflito

Vai ficando por aqui

Um mero adeus bonito

Um pouco longe de ti

Zade Bretas

Violência é sinônimo de saudades,
Saudades lembram-me despedida
Despedida, adeus dito precocemente
Há um ente querido que não voltar mais

Ao falar de violência
Lembro das agressões dos políticos
Que sagram os nossos impostos
Em benefícios por si próprios

Ao falar de violência
Chego sentir na pele
Os esforços dos nossos professores
Nossos eternos mestres
Por receberem salários míseros
Mas não perdem a alegria
Por lutarem e quererem
Uma sociedade digna para todos

Ao falar de violência
Discuto sobre as condições precárias dos policiais
Além de receberem salários míseros,
Lutam dia após dia
Em prol da sua vida e da sociedade

Ao falar de violência choro de raiva
Pelas impunidades causadas pelas nossas leis
Que infelizmente, parecem favorecer
Cada vez mais os transgressores das leis

Ao falar de violência,
É bom lembra-se das transgressões
Que cometemos por omissão de denuncias
Que presenciamos no dia após dia

Ao falar de violência não devemos esquecer
Que o educar não sinônimo de bater
E que cada um de nós somos responsável diretamente
Por elegermos pessoas erronias,
Para serem políticos gestores

Júnior Hipólito

Eu precisava deixar ao menos um bilhete na saída,
fazer uma carta sem ser de despedida ou qualquer guardanapo que eu encontrasse na cozinha, um recado, um abraço, uma porção de beijos.
Se não, não era Jamille.

Jamille C Dias

Em cada verso de pensamento
não ignores o amor
Pois em cada despedida que faço,
ele me diz o valor,
Teus encantos tão profundos
que me sussurram ao anoitecer
dizendo que nada faço sobre o que é certo,
Mas a perdição nos toma conta,
é algo avassalador,
e de repente em mero vazio
sustento um cálice de indagações
Já não importa o que sou, para onde vou.
Importa-me você, teus erros e acertos,
sua morada do amor,
sua sustentação contínua...
E seu doce sabor,
De quem ama e é amado.

Tatiana Lacerda

DESPEDIDA


Sairemos daqui, iremos embora e carregaremos os nossos fragmentos que continuam impetuosos dentro de nós.

Queremos a precisão da razão que nunca existirá.

Os pensamentos esculpidos na vibração de nossos cérebros nunca se dobrarão nas molduras das formas dos desejos.

Na plasticidade de nossos sentimentos, tentaremos nos salvar para não morrermos asfixiados dentro de nós.

Por nossos olhos, com vigor, vazam a dor e o desespero pelos sonhos fabricados que flutuaram vagabundos no tempo e se perderam no silêncio.

Vamos embora, vamos rápido.

Não deixemos que a vulnerabilidade das horas nos torne mais frágeis e nos consuma até a morte.

Nem que a tempestade das incertezas nos assombre com as injúrias e com a veneração do ódio.
Nós não merecemos.

Nesse raiar da loucura, vamos substituir às pólvoras de nossos canhões dessa guerra fria, pela vibração das luzes que se acendem dentro de nossas almas inquietas que caminham lado a lado distraídas, perdidas, entorpecidas na trajetória das vaidades.

Vamos, vamos logo.

Tudo deu errado, não temos como negar.

Rosa Berg