Poemas Entardecer

Cerca de 145 poemas Entardecer

"No entardecer dos dias de Verão, às vezes,
Ainda que não haja brisa nenhuma, parece
Que passa, um momento, uma leve brisa
Mas as árvores permanecem imóveis
Em todas as folhas das suas folhas
E os nossos sentidos tiveram uma ilusão,
Tiveram a ilusão do que lhes agradaria...
Ah, os sentidos, os doentes que vêem e ouvem!
Fôssemos nós como devíamos ser
E não haveria em nós necessidade de ilusão
Bastar-nos-ia sentir com clareza e vida
E nem repararmos para que há sentidos ... "

Fernando Pessoa

E a estrela do entardecer deve estar morrendo e irradiando sua completa cintilância sobre a pradaria antes da chegada da noite completa que abençoa a terra, escrurece todos os rios, recobre os picos e oculta a última praia e ninguém, ninguém sabe o que vai acontecer a qualquer pessoa, além dos desamparados andrajos da velhice, eu penso em Dean Moriarty; penso até no velho Dean Moriarty, o pai que jamais encontramos; eu penso em Dean Moriarty.

Jack Kerouac

AO ENTARDECER

hoje eu não queria partir,
queria ficar ...
... ver o sol se por mais uma vez
... ver o vento soprar,
... ver a chuva cair,
... ver o que nao vi, o que nao vivi
... ver o que quero ver de novo
... ver o que vi e nao comtemplei
... ver o sol nascer... de novo

hoje eu nao quero partir
quero ficar...

Arturo Angelin

Todo entardecer, jogo ao vento as canções de amor que fiz...
Espero que ele as sopre em seu ouvido durante toda noite...
E que assim, elas aqueçam seu coração, aonde você for..

Viviane Dick

Da manha mais linda, és o brilho do sol. Do entardecer de belas cores, és o perfume de jasmim. Da noite vazia, és a lua dos apaixonados. E do meu terno coração, és a semente do sentimento q brota e floresce no amor. Entao, das estações, és a primavera... que deixa minha vida ornada e bela

Marcos Chavarelli

Atarantadas as minhas meninas.
Carrapatos miúdos
e mosquinhas do chifre
lhes sugando sangue dia-e-noite.
Fui lá socorrê-las: apliquei do injetável
e, também, um mosquicida 'pour-on'.
É bom vê-las sem abanações
de cabeças e rabos.
Sem inquietudes: pacíficas, dengosas,
lá na vargem da Vertentinha.
Me demorei um tanto.
Mas é da lida,
é a vida...
Voltei pra casa respirando
o hálito perfumado
da boca da noite.

Raniere Gonçalves

Sombras projetadas ao fim do dia
(Pelo sol que novamente se vai)
Devoram as luzes com covardia,
Aos poucos, e enquanto a noite cai.

No fim não há sombra... Ou tudo é sombra.

Verônica Miyake

Meu coração é um entardecer de verão, numa cidadezinha à beira-mar. A brisa sopra, saiu a primeira estrela. Há moças na janela, rapazes pela praça, tules violetas sobre os montes onde o sol se p6os. A lua cheia brotou do mar. Os apaixonados suspiram. E se apaixonam ainda mais.

Caio F Abreu

O Homem que se esforça para atingir o ideal assemelha-se ao viajante que, ao entardecer, sobe a colina: lá no cimo, não está mais perto das estrelas, mas vê melhor.

Jules Tannery

E depois de partir, poder voltar e dizer este aqui é o meu lugar. Poder assistir o entardecer e saber que vai ver o sol raiar.

Toquinho e Vinicius

Nem as estrelas do céu,nem as do mar,nem o raiar do dia,nem o entardecer da noite,nada é capaz de me satisfazer como o seu sorriso

Geysa L.

Entardecer

O sol sai de mansinho
é como a vida.
Sussurrando
feito pressa
em meus bordados,
nos sonhos, nas conversas...

Penso como será depois
e assim neste constante,
no receio, nos pontos
do questionar
o meu olhar se perde
pelos sobrados...
No sol que sai de mansinho
nas flores, nos temores
na réstea de luz
na força e na garra
pela estrada
ou será caminho?
Que sigo, que me conduz!

Paula Xavier

Brilha a noite, brilha o dia
Brilha o entardecer.
Brilha sempre a alegria
De um novo amanhecer.

Ana Eliene

Você é o Sol
do meu dia,
A Lua do meu
entardecer,
O meu Coração
explode quando e Vejo você,
você é minha Vida,
você é a razão do meu Viver!!

Rayanne Campos

Valores

Existem flores que pelo entardecer morrem
Acho que para mim ele vem
Quando você se vai
Entrego meus pontos
Pois, caminhar por essa estrada
Sem ninguém ao lado
É como querer chegar ao fim de um círculo
Eu nunca mais vou pensar em te deixar
É só você me dá espaço
Eu prometo que não vou tomar teu tempo
Vou fazer aproveitá-lo melhor

Mentiras cortam laços
Acabam com a beleza da primavera
Tiram o gosto do melhor doce
O beijo
Vira de ponta a cabeça a vida de qualquer um
A verdade dói mas, não destrói
Há coisas no mundo que são envoltas em mistérios
Você é envolto em meu amor

Tratei do jardim da nossa casa
Ela estava um tanto abandonada
Mas, enfim, está pronta
Para nos receber quando
Estivermos juntos mais uma vez

Abra sua mente e não me esqueça
Feche seus olhos, assim você me enxergará melhor
Ápice da trilha
Meu trem desenfreou
Para te alcançar a tempo
Livrei-me das ataduras
E corri feito fera
E amei como ave
E te beijei como água
E te trouxe pra mim como
Só eu pude

T. Ellen Miranda

A luz que ilumina seus pensamentos no amanhecer.
A leve brisa que te beija no entardecer.
A sombra que te segue na noite escura.
A verdade posta em seus olhos nua e crua.
A beleza de suas Utopias.

Rafaella Santana

E quando a natureza se calar no entardecer,
O grito soará retumbante de um coração amante.
Clamores e quimeras que outrora se perderam no ardor de um simples beijo.
Relampejos.
Orações e devaneios buscando equilíbrio sobre a linha do desejo.
Vida sagaz de incrédulo passado.
Obscuro futuro.
Em cada olhar, a eternidade.
Em cada olhar; (eu) vivificado.
Em cada olhar um martírio cortando minha alma.

Fernando de Amorim Araújo

O teu sorriso

O teu sorriso é a manhã preguiçosa de domingo,
o entardecer,
o teu sorriso é a porta do paraíso,
e lá eu quero viver.
De cantinho, meio tímido
ou espalhado, desajeitado,
amo cada sorriso teu.
Tens vários sorrisos,
mas acho que o mais belo,
sincero e bonito
é quando estas comigo,
ou será engano meu?
Para sonhar contigo basta eu fechar os olhos,
e para ver teu sorriso basta piscar,
quero a todo momento e
a cada segundo poder te encontrar.
Vê sê fica perto,
não foge mais de mim,
não.
Quero mais que o teu sorriso,
quero matar essa imensa saudade
que aperta o meu coração.

Franciélle Teixeira

DESERTO INABITÁVEL

Calmo, insuportável e monótono pensar...
Onde se faz noite meu entardecer
Onde reconheço este meu pesar
Dor incalculável do meu ser
Meu corpo não sei bem certo
Ferido, desprovido de desejos incorretos...
Deserto inabitável de segredos e lar perverso
Tenho tamanha admiração e tristeza no coração
Qual estrada comprida e abrigo no sótão
São tantos chãos e mares sem razão
Não se pode descrever nem explicar a solidão
Sangue derramado nas areias da dor
Ironias desta vida desencontros do amor
Deveras estas dunas tivessem sentimentos
Mas sois corpos minúsculos, vulneráveis e ventos...
Pobres areais sois injurias e lamentos
Não podeis conhecer o final desta estrada
São avenidas de veias sofridas
Nem o sol nem o mar é maior que o desengano
Então por que fazermos planos
Todos caminhos são inversos de compaixão
Recordar talvez seria plantarmos uma flor
No deserto inabitável deste nosso coração.

Pelo autor Marcelo Henrique Zacarelli
Julho de 2002 no dia 21
Itaquaquecetuba (sp)

Marcelo Zacarelli

ELA...

No entardecer a mística secreta
guardada pelas nuvens que cobrem o céu
me fazem viajar através de pensamentos
que eu mesmo não consigo compreender.
Penso em você
penso em mim
penso no que sou
em que preciso melhorar.

As vezes acho que não tenho juízo
para cuidar de mim
quanto mais cuidar de você.

Na velocidade em que as coisas acontecem
me assusta
mas teu mistério me fascina
para mim você sempre será única
somente minha da forma que sempre sonhei.

Muitos há criticam
mas é por não a conhecer
como a conheço.

Se algum dia eu tiver que lhe deixar
onde quer que eu for
sempre falarei de você com orgulho
pois tudo
que sei e sou
é por sua causa
minha amada
FAVELA!!!

Cesar Jihad (Vulto Madhiba)