Poemas de Honestidade

Cerca de 298 poemas de Honestidade

Nas pessoas de capacidade limitada, a modéstia não passa de mera honestidade, mas em quem possui grande talento, é hipocrisia.

Arthur Schopenhauer

Todos nós sabemos o que é uma ação desonesta, mas o que é a honestidade, isso, ninguém sabe.

Anton Tchekhov

A formosura da alma campeia e denuncia-se na inteligência, na honestidade, no recto procedimento, na liberalidade e na boa educação.

Miguel de Cervantes

De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto.

Rui Barbosa

Não há ninguém mais fácil de enganar do que um homem honesto; muito crê quem nunca mente, e confia muito quem nunca engana.

Baltasar Gracián y Morales

A honestidade pode ser a melhor política, mas é importante lembrar que aparentemente, por eliminação, a desonestidade é a segunda melhor politíca.

George Carlin

Se o desonesto soubesse a vantagem de ser honesto, ele seria honesto ao menos por desonestidade.

Sócrates

Clareza na idéia;
Pureza no coração;
Sentimento como guia;
Honestidade como religião.

Emicida

Honestidade, amor e perdão

As palavras de Cristo estão relacionadas à paz interior. Relacionamentos honestos reproduzem os dogmas pregados pelos sermões de nossa própria alma, de dentro para fora. É certo, porém, que através do contato com os outros, desvendamos verdades outrora invisíveis, que a princípio, são dogmas, mas não devem nortear nossas vidas. Os dogmas que exigem da gente um desgaste excessivo de energia e tempo para compreendê-los e praticá-los, não devem se tornar nossos mestres. Amor e perdão são os ensinamentos básicos de Jesus, e, certamente, falar deles não é tão simples. Praticá-los também não é tarefa simples. Perdoar é algo tão abstrato que só podemos sentir, por mais que se diga e se abrace o algoz. Acredito que a paz das pessoas está relacionada muito ao ato de perdoar os algozes do passado, sendo a partir daí, que se deve ocorrer a expulsão dos demônios de nossas mentes. O perdão não quer dizer que o algoz deva fazer parte novamente de nossas vidas, do nosso cotidiano. É honesto que os afastemos, os algozes, desde que assim o seja com o amor pregado por Jesus e não a partir de atos estúpidos requintados de humilhação. Os demônios são espertos, e só se vão quando são expostos na berlinda do nosso coração.

Augusto Vicente

HONESTIDADE
O homem desonesto é:
Pobre de espirito.
Pobre de carater.
pobre de honra.

Observem.
O homem desonesto está sempre em pior situação, dos que para com quem ele foi desonesto.
O unico merecimento que o desonesto tem, é oseu própio insucesso, sua fraqueza interior, e a sua própia infelicidade.

Janis Generoso de Lima

A honestidade das mulheres é muitas vezes o amor da sua reputação e da sua tranquilidade.

François La Rochefoucauld

Passarei a minha vida a provocar as confidências dos loucos. São pessoas de uma honestidade escrupulosa e cuja inocência só encontra um igual em mim.

André Breton

Não basta uma informação de como ganhar a vida simplesmente com honestidade e honra, mas que tal ato seja atraente e glorioso, pois se ganhar a vida não for atraente e glorioso não é a vida que se ganha.

Henry Thoreau

A honestidade é antipática.
As pessoas que são justas, discretas, comportadas, netos ao colo, casos arquivados, não rendem literatura.
A impureza emociona.

Carpinejar

A HONESTIDADE RENASCERÁ

Honestidade, raridade deste país de espertezas,
Onde política é escola para ficar rico da noite pro dia,
Onde a miséria é inerente nesse país de riquezas,
Onde se pune a verdade e glorifica a mentira.

O que enobrece a nossa elite é a esperteza,
Incentivando aos nossos jovens que roubar vale a pena.
Honestidade neste país é sinal de pobreza,
De quem não terá nada, de quem se apequena.

País onde a esperteza nem pensa em ser sutil,
Onde a justiça é cega e não vê esses matreiros.
Onde o lixo vira comida nesse rico Brasil,
Pois a miséria e a fome são do povo companheiro.

Por que essa avareza de brigar pelo poder e riqueza?
Por que não dividir as riquezas que a natureza nos dá?
Pois pertence a todos e não a esses imbecis que usam de espertezas.
A honestidade morta não tardará, ainda renascerá...

Luiz Carlos Rodrigues dos Santos

Infelizmente, Hojé nos nossos dias atuais os valores da honestidade está em ruina moral.

Onde a virtude e trocada por depravação, perdendo as qualidades naturais própria. No lugar em que a sociedade achar natural a desonra a injustiça a iniquidade a violação do direito, a nulidade, e a imoralidade como parte do caráter dos seres humanos.

Givaldo Luiz

Oferenda

Ofereço, puro e casto, meu amor
A ti, feito e fruto da honestidade
Tão singela, tida como verdade
Por poetas e loucos, sem maior pudor

Ofereço, no ímpeto do meu ser
A vida na sua forma mais intensa,
E prometo fazer dela uma crença
No âmago tão incerto do teu querer

Ofereço as estrelas em protesto
Ao tempo, tão pouco e tão pertinente
Que carrega, deste poeta modesto

O teu olhar, inebriante e displicente
E por fim, se existe mesmo um, atesto
Que tu deixas meu viver mais contente

Petrônio Augusto Carvalho Olivieri Filho

Suas promessas
elas parecem mentiras
sua honestidade é
como as costas que escondem uma faca.

(Música: Attack, Composição: Jared Leto)

30 seconds to Mars

" Seja sempre honesto consigo mesmo.
Nunca proclame diante dos outros a sua honestidade, porque ela não é privilégio, mas uma obrigação moral e social.
Se for honesto consigo mesmo, forçosamente o será com os outros.
A honestidade só para foro externo é hipócrita, é falsa, é mentirosa, é desonesta.
Verdadeiramente honesto é aquele para o qual a honestidade é princípio intrínseco de vida e não simples aparência.
Há honestos que o são de verdade. É pena que haja quem apenas só o queira parecer."

J.S.Nobre - Livro: COMECE O DIA FELIZ (Reflexões)

''A honestidade purifica o espírito
E traz ao homem a certeza
De que se um dia lhe for requerido
Que preste contas do que foi vivido,
Ele não precisará abaixar a cabeça''.

Eduardo de Paula Barreto