Poemas de Ganância

Cerca de 258 poemas de Ganância

"Muitas religiões para um Deus só!
Pouca riqueza pra tanta ganância,
muitas vidas e pouca importância!"

Marco Bomtempo

O homem é a testemunha viva da ganância,
da corrupção, da maldade...
É uma pena, que ainda,
não somos crescidos o bastante na arte de testemunhar
o amor ao próximo e a nós mesmos.
Infelizmente, para isso não somos, não fomos,
quem sabe, nem seremos, porque nesta arte de amar
é preciso estarmos vivos.

Eder lu

...:: Prioridades::...

Pra quem come ganância e arrota cifrão
Dinheiro não é tudo na vida, e nem solução
Pode até resolver problemas financeiros
Mas de nada serve para o coração
Dinheiro até muda o humor
Mas é inútil quando se quer amor
Sei que as prioridades mudam com a maturidade
Mas quem é que não deseja ser amado de verdade?

W. Iazzetta

A ganância corrói a alma
Mas o homem é tolo, acha que o dinheiro é consolo
E vive à trabalhar, se concentrando em faturar

Muito fascinados com matéria
Analisam o sapato, o prédio, o carro
Insanos! vivem num eterno engano
Sem saber o que realmente importa


O amor que move e transforma

Procuram ser felizes a todo custo
Respostas querem para tudo
Ostentam seu luxo mesmo na cegueira
Xingam, roubam e matam por besteira
Imaginam que conseguem ir além
Olhando o outro com desdém

Henrique Ferreira

Porque vida? És apenas mais um deles
sem vontade, sem ganancia, sem amores
Quando finalmente te libertaras??
Solta-te dessas correntes que te prendem
E me deixe enfim te amar!

Vitor Gustavo

E com a ganância dos que tentaram escapar da rocha,
procurei por quem me libertasse da pior das prisões, a de um coração marcado e selado.
E o encontrei, trazendo em seus olhos brilhantes,
um sentido, uma razão...

Keyla Débora

Assim é a vida...
Profª Lourdes Duarte

Na ganância de conseguirmos bens materiais, multiplicamos nossas posses, mas reduzimos nossos valores. Falamos demais, amamos raramente e odiamos com muita frequência.
Adicionamos anos à extensão de nossas vidas, mas não vida á extensão de nossos anos. Valorizamos a beleza física a e esquecemos a beleza interior, e reduzimos a fé em Jesus, nosso Salvador.
Já fomos à Lua e dela voltamos, mas temos dificuldade em atravessar a rua e nos encontrarmos com nosso novo vizinho, estender a mão a quem necessita de um carinho e de um ombro amigo nas horas difíceis.
Na correria da vida esquecemo-nos de cumprimentar o irmão que passa ao nosso lado e sentimos falta de sermos cumprimentados.
Assim, a vida passa por nós e não vivemos a vida!!

Prof Lourdes Duarte

Sem saída
Autor: LCF

1
Na ganância do saber e no erro da estupidez;
O ser humano cai numa armadilha sem saída.
No efeito de reagir contra um agir pensado;
O buraco do desespero torna-se cada vez mais fundo.

2
Na solidão, no desprazer de viver a vida;
As pessoas afundam-se na monotonia.
No orgulho, no egoísmo e na ambição;
Um mundo perfeito é como um desabrochar de uma flor morta.

3
Na insegurança de falhar perante as expectativas;
Cada um prossegue no seu caminho, sem antes tentar.
Na falta de atenção, carinho ou orgulho próprio;
São raras as vezes que a depressão não ataca vorazmente.

4
Nos olhos daqueles que são corrompidos pelas trevas;
Uma visão de maravilhas tem uma efémera duração.
Nas sensações dos que escondem o seu coração ao mundo;
Está a frieza de cada um, outrora nunca revelada.

LCF

Ambição e Ganância

O dicionário Aurélio define do seguinte modo as palavras citadas:

Ambição - S. f.: 1. Desejo veemente de alcançar aquilo que valoriza os bens materiais ou o amor-próprio (poder, glória, riqueza, posição social, etc.). 2. Desejo ardente de alcançar um objetivo de ordem superior; aspiração, anelo. 3. Aspiração relativamente ao futuro. 4. Desejo intenso.

Ganância - S. f.: 1. Ambição de ganho. 2. Ganho ilícito; usura. 3. P. ext. Ambição desmedida.

Ganância e ambição andam de mãos dadas. Enquanto a ambição é a mola propulsora do sucesso, a ganância sai “atropelando” tudo e todos para alcançar seus objetivos. Ter ambição é desejar ardentemente; é depositar a mente e a vontade focalizadas num objetivo e se esforçar para que ele se concretize. Entretanto, a ambição sem medida apresenta um caráter muito negativo, pois foge aos limites da ética e do bom senso.

Todos nós precisamos cultivar um pouco de ambição em nossas vidas. Sem ela não há como traçar metas que nos levem ao sucesso, pois não encontraremos motivos para lutar e vencer.

O ganancioso é uma pessoa muito negativa, porque não consegue colocar limites em seus desejos. Suas atitudes são antiéticas e seus caminhos não são motivados pelo respeito ao próximo.

Quando ele conquista algo, esse algo logo perde o valor já que foi apenas um objeto a ser conquistado e não a realização de sua alma. Para este, a busca pelo sucesso é apenas um objeto a mais a ser colecionado: casas, lojas, fábricas, etc.

O homem ambicioso tem grandes planos, mas ao contrário do ganancioso, ele busca realizá-los de acordo com o chamado de sua alma.

Dentro essa ótica, o profissional e a empresa ambiciosos desejam ardentemente vencer, mas usam estratégias limpas, sem precisarem burlar as leis do país, roubar, e praticar atos ilícitos.

Uma coisa você não deve esquecer nunca:
Torna-te aquilo que fazes para o BEM ou para o MAL.

Izzo Rocha

Talheres
Não vou arrancar minha roupa para ser devorado pela ganância mercantilista e cinzenta da cidade.
Nem tão pouco adormecerei bêbado em algum viaduto abandonado.
Também não vestirei peças novas engomadas e com etiquetas consagradas.
Assumo meu “look” de camisetas detonadas.
Espero à porta do banheiro.
Não tenho pressa.
Entro só com o creme dental.
Não vou fazer a barba.
Não me importo em ser deselegante.
Se na fila tiver idosos saio dela para ser gentil, não precisam saber o motivo.
É nisso que está Deus, não nas ostentações das imponentes Catedrais e nos vestidos de alto padrão que ali entram.
"Bem-aventurados os humildes de coração, pois deles será o Reino dos Céus".
A gratidão não se veste de vaidades.
Alimento-me da mais pura simplicidade, não me ajusto com tantos talheres.
Um sanduíche...
Por favor!

Moacir LuÌs Araldi

"Por causa de sua tamanha ganância ,
O homem se torna
Seu próprio objeto de coleção."

ThiagodeAlvarenga

-Carai, as vezes tudo cansa,
intrelaçados,tranças,
sentimentos e anseas,
ganância, poder, esquece de viver,
isso não vale apena, pois a morte rezide em você,
alma vazia, com boa aparencia,
mais sem nem uma competencia, de fazer diferente,
acorda seu demente, no final, vai ser igual a nada,
sua alma vaga, e a luz se apaga...

Farpa

Fome...

Consequência da má distribuição de renda; da ganância; da doença das mentes antissociais do neo-colonialismo; fome é uma vergonha nesse mundo que produz comida para alimentar vários planetas; fome é resultado do acúmulo de bens para ostentar; enfim, fome é fome de respeito...

Valdeck Almeida de Jesus (jornalista)

DESIGUALDADE

NOS DEGRAUS DA DESIGUALDADE
EDIFICA-SE A SOCIEDADE.
FOMENTAM A NOSSA GANÂNCIA
PARA NÃO PENSARMOS EM IGUALDADE.

ONDE ALGUNS POUCOS QUE TÊM MUITO
DISCURSAM COM VEEMÊNCIA:
NÃO SAEM DAS VALAS DA POBREZA
DEVIDO À PRÓPRIA INCOMPETÊNCIA.

MAS ELES NÃO MAIS ME ENGANAM
COM TAIS DISCURSOS INCOERENTES,
POIS SEI QUE TODA SUA RIQUEZA
É ORIUNDA DA EXPLORAÇÃO DA GENTE.

SUPEREMOS NOSSA IGNORÂNCIA
E TAMBÉM A ALIENAÇÃO,
USANDO COMO BASE O CONHECIMENTO
PARA ALCANÇARMOS A LIBERTAÇÃO.

Daniel Brito

É inevitável não esbarrar na maldade alheia. Pessoas com ganância, capazes de tudo para conseguir o que querem quando a competência não os permite conquistar por meios dignos. Hoje em dia não me assusta mais e nem me diminui. Deus tem sempre formas delicadas de me mostrar que esta comigo e que tem me guardado como a menina dos seus olhos.

Alessandra Gonçalve

Alessandra Gonçalves

Dinheiro é a fonte da felicidade para a ganancia.
Um mau necessario para simplicidade.
Objeto de inveja para o interece.
Um grande contribuidor do sangue que brota da violencia.
Dinheiro é amaldioçãomais antiga que existe.
Imagine um mundo sem dinheiro,cujo ñ existice disigaldade,nen fome,nen sede.
tão belo seria!

EDEVauchinski

Até que ponto a ganância é boa?
E a inveja?
Vejo o sofrimento acontecer
Mas o que fazer diante de mãos amarradas?
Deixar ser pisado? Humilhado?
Os testes mais difíceis são os que estão comprometidos com a honestidade.
A tentação é grande!
Será que vale a pena crescer dessa forma?
A ganância e a inveja te cegam.

O presente que te dão, furtam.
O pão lhe falta, vem o choro, mas tem que ser engolido.
Chega a revolta, o sangue se aquece,
os olhos ficam perdidos
e o coração petrificado.
Deprimir-se ou lutar?
A luta é sem fim.
Que vontade que dá de compartilhar com a ganância,
Assim a vida é tão fácil.

Refutar-se-ia se tão logo visse
Como que um encanto
Algo de bom acontecesse
E recebesse um presente completo.

Parece-me por vezes impossível.
A estrada é longa
Ser honesto é virtude gloriosa
Em disparate com a ganância, a inveja.

E o que fazer? Ser apenas você.
Vê-se, melhorar-se.
Sentir-se vivo.

Clarie Rocheste

Gritos de desespero por um mundo melhor
Ações tomadas por medo e ganância
Mortes provocadas pelo desejo de vingança
Suicídios cometidos por medos insignificantes
Em qual mundo você acha que vive ?

Dorian Sampaio Neto

Das mãos limpas que me valho
são exemplos dos meus pais:
honestidade e trabalho;
ganância... inveja... jamais!

Quantas pedras removidas
e quantas por remover.
Provações em nossas vidas
que só nos fazem crescer!

Não existe lei que impeça
um pensamento funesto
de quem semeia promessa
quando não quer ser honesto.

Distância não é medida
se a paixão é verdadeira;
o calor de despedida
não diminui a fogueira.

Pergunto ao tempo até quando
a falsa paixão se esconde.
E ele passando... passando...
sutilmente já responde!

A terra liberta cios
e os braços do homem aceita
quando a chuva por seus fios
tece o manto da colheita!

No fim do túnel a luz
sinaliza uma esperança.
Quem a seu brilho conduz
a vitória sempre alcança!

Pelas flores que plantei
entre espinhos... muito fiz
que um grande jardim ganhei:
Minha sina é ser feliz!

João Batista

"Viemos do pó e voltaremos ao pó"!
Portanto para que tanta ganância?
Para que tanto egoísmo?
Para que tanta raiva?
Para que tanta inveja?
Para que tanta tristeza?
Viemos ao mundo para viver e não para sermos reféns dele!

Pâmela Patrícia Correa da Silva