Poema sobre as Estações do ano

Cerca de 264 poema sobre as Estações do ano

As quatro estações do ano

É no outono da vida que a gente lembra, que já se foram a primavera e o verão e que o inverno se aproxima.
Das possíveis comparações, já passamos pelas cores alegres e fortes, já deixamos as temperaturas amenas, já erramos e tivemos as nossas chances de aprender para acertar.
Agora partimos para um certo recolhimento, as feições se tornam mais sérias, mesmo que a gente não queira e tente disfarçá-las.
Cada estação tem as suas belezas, mas é importante que a gente esteja vestido de acordo e esteja sempre preparado para uma retirada rápida e estratégica.
Quando o jovem erra a gente perdoa e diz que foi um engano. Quando um velho erra a gente diz que repetir os erros é burrice.
E, a qualquer tempo, para um coração gelado pode aparecer um casaco antigo, esquecido em algum canto da memória.

Marinho Guzman

As estações

A estação, o momento, esse mundo.
Faz-me perceber que parece impossível te esquecer
O frio me faz pedir o calor do teu corpo
A estação fazem me lembra daquela linda canção que narrou nosso amor naquele verão
O horário me faz lembra-se das noites que passei fechando os olhos e pensando na mensagem
Mais linda que queria te mandar naquele momento, como esse poema que minha mente faz com o vento.
O mundo que a cada passo que dava me fazia sentir a segurança da sua companhia

A saudade de tudo, do meu mundo, de você.
A saudade que não me deixa te esquecer, que me traz o frio e as lembranças de você.
O frio que me machuca, o tempo passar e esfriar meu coração.
E as lembranças são oque restou das nossas promessas, dos nossos sonhos.
Sim acabou, passou, porém no meu coração você ficou.
Em quatro estações, um verão, duas primaveras um inverno um outono.

Igor Gonçalves

... observando a troca das estações,
eu pude fazer uma mera comparação com a alma das mulheres que conheço.
Hora são ensolarada suas almas, como quem irradia esperança,
felicidade e despreocupações como o verão ...
hora são frias, silenciosas e quetas como o inverno...
chegam a causar arrepios
Hora são de alma vazia...cheia de magoas,
tentando varrer os sentimentos passados
como em um outono onde so se ver o vento....
e o segredo do que não se sabe.
Hora são lindas, galumurosas e graciosas,
como as rosas da primavera,
que se abrem cada dia mais,
e cada dia mais belas.
Mulheres....e sua alma, cheia de segredos e fatos,
casos e acasos, beijos e abraços,
lagrimas e sorrisos...amores e amigos

Yasmine Brasil

Queria que tudo não passase de mais um inverno, em meio as estações que atravessam o meu sentir.
Que hoje fosse apenas o despertar de um sonho, que ao fim do dia será esquecido.
Mas, ainda pensando no que passou é que passo meus dias tentando entender o que não tem explicação.
Procurando um antidoto para uma mágoa que não cessa, uma agonia sem fim.

Sulla Valentim

Será que ainda lembra de nós?Depois de tantas estações...Será que alguma vez quando fecha os olhos lembra de nós...A freqüência não importa...Quero apenas saber se ainda suspira por nós.
Será que ainda lembra das nossas risadas...Será que lembra das nossas confissões de adultos inebreados...Será que lembras mesmo que forçadamente dos nossos olhares tímidos embora envoltos do mais puro desejo carnal...
Lembras das nossas danças...do modo atrapalhado como tentava te conduzir...lembras das nossas adivinhações...Ah!hoje é minha vez de adivinhar quem você é!...Lembras amor?lembras...
Lembras do meu perfume!Lembra da roupa que usei da primeira vez que saímos, lembra do primeiro sorriso que te dei...
Lembras da primeira coisa que te falei...E da última?Lembras da primeira vez que disse que te amava...E quando te confessei que só por ti me entregaria?
Lembra de nós querido...Por entre festas...vidas...sorrisos...anos...Lembras de nós?
Com a dúvida que me persegue e a vida que de modo lento segue...Ainda consigo lembrar de nós como da primeira noite que voltei a cama envolta da sensação de ter encontrado o homem da minha vida...
Ainda posso sem nenhum esforço lembrar-me de ti...de todas as feições do teu rosto...de todos os estágios e maneiras do teu sorriso...Ainda hoje se fechar os olhos consigo lembrar-me de ti,inevitavelmente te ouvir..”Tudo vai ficar bem”.
Será que podes lembrar de mim? Lembrar das lágrimas que chorei por entre ruas quando vi que era incapaz de trazer-te pra mim?Será que podes ao menos sentir as noites que em claro esperei você ligar...esperei você dizer que me amava...que minha espera iria ter um fim...
Agora acabou!Preciso repetir isso ao meu coração:ACABOU!São só lembranças de um amor que de tanto lutar cansou e hoje adormeceu.

Kamylla Cavalcanti

Estações...

Aqui nunca esteve tão frio, sem a sua companhia.
Sinto falta dos teus olhos,
Do teu corpo.

Não preciso de muito, o pouco já e suficiente,
Implorar por amor, rejeitado pela a solidão,
Viver sentindo dor até me acostumar com essa sensação.

Até o dia que nunca acordar,
Ninguém notara a minha ausência.
E se perceberem?
Pena, já foi tarde demais.

Vi flores nascendo na primavera,
Cair no outono,
O sol nascer em pleno calor de verão,
E meu corpo? Continua assim, frio como no inverno.
Sozinho em todas as estações.

Luiz Gustavo

Quatro estações.

Sabe quando os dias acordam mais frios, gélidos. Nem sempre só lá fora, tipo inverno. Mas aqui dentro também. Pensamentos frios. Os músculos e as vontades estão congeladas, como a ponta do nariz num dia frio. Chega a doer o osso. Deixa a preguiça chegar e se instalar.
Sabe quando os dias acordam nublados, nem sempre por algum motivo real. É como se aquela vontade de descobrir o que tem lá fora estivesse cheia de névoa, serração, do tipo que não se consegue enxergar, por que não se quer.
As vezes os dias acordam tão frios que nem um edredon é suficiente. Precisa-se de calor humano, do tipo lareira, que esquenta mesmo, chega a queimar de vez em quando. Calor de amigo, de sinceridade. Calor que faz bem, não prejudica a pele.
E quando os dias nascem nublados, só um limpador de para-brisas para resolver o problema. São indispensáveis as verdades. Reflexão que leva a conclusões. Um jeito pra se enxergar melhor, uma flanela para desembaçar. Conhecer-se além daquilo que já se sabia.
Seria ótimo se os dias amanhecessem sempre como dias de verão. Sol todo dia. Chuva de repente pra esfriar os ânimos. Coragem pra enfrentar a água fria, humor para se arriscar, finalizando cada espetáculo de dia com um por do sol diferente para se admirar. Noites estreladas e lua cheia. Ah! Que bom seria.
Dias de primavera, são diárias de renovação; como o início de um novo começo. Lembrados sempre por seu exclusivo colorido. São novinhos em folha, todo dia. Tudo é novidade. Acabam por deixarem sempre as melhores lembranças.
Dias de outono são transitórios. Te dão a oportunidade de mudança. Estamos preparados. Prontos para evoluir, crescer, avançar. Dar o primeiro passo.
Como cada estação, cada dia nasce diferente. Hoje tá frio. Só quero minha cama, um bom filme, edredom e chocolate quente.
Amanhã quem sabe, seja verão!

Maria Burdignon

Chamado das Estações
Karami tsuku kazeni sakarai Estou indo contra o vento turbulento
Ushinatta kisetsu wo sagashite iru Procurando pela estação perdida
Wazuka demo mezasu houkou e Mesmo pequeno o meu caminho aponta para seus olhos
Azayakana kioku ga tsuki ugokaasu Impulsionado por um lampejo de memória
How many cuts should I repeat? Quantos cortes vou ter que repetir?
How many fates should I accept? Quantos destinos terei que aceitar?
Does it have an end? Será que isto nunca terá fim!?
Itsumo karada juu wo Você sempre passa por todo meu corpo
Kimi ga kake meguri afuresou Então não quero temer, nem mesmo o amanhã
Dakara kowaku nai yo asu mo Porque você está sempre em mim
Because I always feel you in me
Kawaki kita nodo e nagashita O melhor de você passa pela minha garganta seca
Kimi no made Umedecendo até meu coração
Kokoro wo uruoshitekku Quantos cortes vou ter que repetir?
Quantos destinos terei que aceitar?
Será que isto nunca terá fim!?
How many cuts should I repeat? De longe o aspecto daquele pássaro
How many fates should I accept? Que vai embora pulando sobre os céus
Does it have an end? Sempre me lembra um grande amor
Porque sempre te sinto em mim
Haruka ano tori no you Você me ensinou como amar. E sinto.
Sora wo tobi koete yuketara Eu posso fazer de tudo
Itsumo tsutaetei you ai wo Queria expandir o mundo que você desenhou em sonho na frente dos seus olhos
Because I always feel you in me Minha amada estação me chama
Porque sempre te sinto em mim

Hyde Pathy

Metrô NY 1300 KM, 450 estações, R$ 48,00 por uso ilimitado por 1 semana.

Metrô Rio 47 KM, 35 estações, R$ 3,10 por viagem.

Robson1977

AS ESTAÇÕES HUMANAS

Quatro estações se sucedem no decurso do ano;
quatro estações tem o homem na vida;
tem ele sua Primavera ardente, quando a fantasia
absorve toda a beleza com facilidade;
tem seu Verão, quando voluptuosamente
rumina os doces pensamentos juvenis da Primavera
e, assim, sonhando alto, aproxima-se do céu;
grutas quietas tem a alma em seu outono,
quando as asas ele fecha, satisfeito em contemplar
as brumas, indolente, deixando as coisas belas
passarem imperturbadas como um riacho veloz.
Tem também seu Inverno, desfigurado e pálido,
sem o qual se veria privado de sua natureza mortal.

John Keats

Que as realizações futuras, sigam a Pluralidade em todas as estações do ano que se inicia em teu favor.
Que esse Verão afaste a frigida tristeza que não é tua e te envolva com a alegria definitiva num sincero e caloroso abraço.
Que no Outono a abundancia te comprometa com a fartura de tudo de bom que na vida existe.
Que na beleza do Inverno você já tenha entendido que é o seu amor e sua fé em Deus, que poderá de fato aquecer o coração e alimentar outra alma que treme de tanto frio e de tanta fome.
E que na Primavera você tenha trocado todas as suas folhagem e esteja ainda mais forte para poder começar tudo de novo.
Feliz ano novo

Julio Ramos da Cruz Neto

Você já ouviu falar sobre as quatro estações da vida?
Cada uma das quatro estações tem uma lição para nossas vidas,
A Primavera emana carinhosamente os seus perfumes e flores, pois tudo é festa, alegria e traduz um sentimento de esperança em nosso coração. São nossos dias de alegria o qual gostamos de demonstrar a todos,
O Verão é pura beleza, o Sol que aquece a, renovam-se as promessas e ocorrem chuvas ocasionais para refrescar aqueles nossos dias quentíssimos. São nossos dias de força de vontade, sonhos...
O Outono, a natureza, as plantas secam se caem as suas folhas, para reservar energia para a próxima estação. E em nós, nos remete um período de muita reflexão, meditação em nossa alma, profunda beleza, pois é a hora de se aproveitar cada ocasião, cada minuto, pois a reflexão e força interior estão nos ares.
No inverno a natureza as plantas vivem das suas reservas da primavera e verão. Em nós é um momento para nosso recolhimento, de reservar forças, e ao mesmo tempo ajudar quem está fraco, compartilharmos as experiências da vida com outras pessoas queridas, estação de puro aconchego e generosidade. Tais experiências compartilhadas são essenciais para nosso crescimento em todos os sentidos da vida.
Aproveite cada estação da sua vida, mas antes aprenda, a saber, em que estação de sua vida você está, nem sempre acompanhamos nossas estações juntas com as estações da natureza...
Nós seremos ainda mais felizes se aproveitarmos de alma aberta a beleza e o significado de cada estação, se amarmos a vida de acordo com a harmonia de cada época, só assim seremos mais felizes com mais fé em nossos corações! Pense nisso com carinho e muita fé!
Beijos,

Crys Rangel

A vida é como as quatro estações do ano;
Verão = Batalha, esforços.
Outono = Tristeza.
Inverno = solidão.
Primavera = Alegria, amor, conquistas. Tudo na vida pra você chegar a primavera, tem que passar por tristezas, momentos de solidão as vezes humilhação, mais com o verão que são os esforços e as batalhas você consegue chegar a felicidade ao amor e as conquistas. Lute e insista que você consegue!

Moarly Lino

Estações do ano.
Primavera de flores..
Verão de amores...
Outono de sonhos...
Inverno ciumento...
Deixe a primavera florir..
Deixe o verão amar...
Deixe o outono passar....
Deixe o inverno ser...
Quero amar nas manhãs de outono...
nas noites mais frias de inverno ....
colher as flores primaveris......
molhar-me nas noites quentes do verão.!!

isabelRibeiroFonseca

Te amo nos três períodos do dia, nas quatro
Estações do ano, nas noites de verão ou
dias de inverno, te amo nos dias de tempestades,
nos dias de sol... Te amo nos sonhos, nos bares, nos mares,
e em todos arredores... Te amo...

Marco A. Alvarenga

Assim como as estações mudam o nosso ambiente,
assim as pessoas mudam nosso coração!
Assim como as folhas caem no outono,
caem também nossas lágrimas.

Assim como brotam as flores na primavera
brotam assim também nossa esperança.
Assim como vem o homem e arranca a arvore,
Você veio e arrancou meu coração.

Jack Souza

QUATRO ESTAÇÕES

Era primavera, eu liguei pra ela, pra falar das belas flores que eu comprei
sem nenhum apreço, perdi o endereço, já nem sei o preço que eu ali paguei
mesmo assim perdido, um pouco aturdido, ali estarrecido á ela entreguei
e saí sozinho, pelo meu caminho, lembrando o carinho que eu não ganhei.

era um outono, eu no abandono, não me via dono da minha alegria
fiz um julgamento, no meu pensamento, que outra vez sedento eu não mais seria
eu saí pra fora, o coração agora, não contava a hora, da noite e do dia
como a moinha, espalhada sozinha, e em cada folhinha que no chão caía

chegou o verão, o meu coração, teve a sensação de querer voar
naquela aventura, deixar toda agrura, e de alma pura o mundo ganhar
fiz minha bagagem, comprei uma passagem, no mundo selvagem eu fui me lançar
mas deu tudo errado, eu fiquei de lado, e agora parado sem saber voltar.

enfim, este inverno, que parece eterno, não me dá um terno para me vestir
tô na beira rio, com fome e com frio, meu fone sumiu e eu não mais vi
quero ir embora, me levar pra fora, mas não vejo agora razão de existir
não aos olhos teus, sim as mãos de Deus, nos sentidos meus... eu sobrevivi.

Ezhequiel Águia Queiróz

''Ela que desfilava sobre as estações, com a claridade divina, a luz
triunfante. Tinha o nome escrito em Milão, como quando estava sobre a
hierarquia das estrelas, acariciando o arrebol. Tinha doce os passos,
véus de Paris, aurora navegante nessa trajetória de
sucesso...brilhava. Tão maravilhosa, culminava sua grandeza sobre
algodão de Nova York, e em uma temporada eternizava sorrisos, no fim
era a sua luz que tanto brilhava.''

Héber Bensi

A vida é como as estações, ás vezes imita o verão, uma estação radiante, leve e cheia de energia, somos assim de vez em quando, radiantes com cada sorriso e gesto amoroso a nosso favor, e temos tanta energia, que estejamos cansados do jeito que for sempre dar para ir a uma baladinha ou churrasquinho com os amigos, pois nesta estação queremos mesmo é viver e viver com vontade.
Só que ai chega o outono, e é nossa fase de tranquilidade e preguicinha, quando a vida se encontra no outono não queremos saber de muita dureza, só calmaria, queremos carinho a todo momento, nos sentir queridos e muito amados, queremos mesmo é ser mimados.
Então vem o inverno, que vai transformando e modificando tudo, feito uma metamorfose, o que era doce e meigo se torna frio e desprezo, pois nesta estação da vida acabamos desprezando todos, sem ao menos perceber que o que realmente queremos é sentir o amor, sentir que alguém ama e se preocupa com a gente.
E quando menos esperamos chega a primavera, pois ela é assim, quando está tudo errado ela vem para consertar, e o bom é que ela sempre chega, e com a sua alegria ela vai colorindo tudo, e ai que percebemos que mesmo com toda a dificuldade, viver vale muito a pena, porque a primavera é isso, é aquela estação cheia de vida e alegria, onde a única coisa que você realmente quer é ser FELIZ!!

Mariana Cristiane

O Amor Universal une as 4 Estações que existem: a estação da cura, a estação do despertar, a estação do reconhecimento e a estação do estabelecimento.
Muitos de vós passaram já pelas 3 Estações iniciais, mas ainda não possuem o conhecimento que para se estabelecerem necessitam se entregar de corpo e alma na esfera terrestre. Precisam compreender que o amor da mãe terra é incondicional e toda manifestação vibracionaol energética da sua esfera é permitido e acompanhado pelo carinho peculiar de uma mãe. O espírito da mãe terra, a sua essência vibracional permitiu que o processo de desenvolvimento e caminhar espiritual de diversas consciências das mais diferentes direções se manifestassem nesse tempo e nesse espaço para uma evolução conjunta. Alguns vieram em auxílio, alguns em aprendizado e cabe a nós, cada um desperto, entender e acompanhar o processo de permissão e acolhimento terrestre.
Não apenas ancorem aqui, mas manifestem-se aqui! Manisfetem seu potencial pleno de ser universal. De ser multidimensional expresso na esfera terrestre e sob manifestar da raça humana.
Lemurianos entre vós em auxílio maior

Lianna de castro Molinaro