Poema para Primo

Cerca de 184 poema para Primo

O Primo Basílio

... tinha suspirado, tinha beijado o papel devotamente! Era a primeira vez que lhe escreviam aquelas sentimentalidades, e o seu orgulho dilatava-se ao calor amoroso que saía delas, como um corpo ressequido que se estira num banho tépido; sentia um acréscimo de estima por si mesma, e parecia-lhe que entrava enfim numa existência superiormente interessante, onde cada hora tinha o seu encanto diferente, cada passo condizia a um êxtase, e a alma se cobria de um luxo radioso de sensações!

Ergueu-se de um salto, passou rapidamente um roupão, veio levantar os transparentes da janela... Que linda manhã! Era um daqueles dias do fim de agosto em que o estio faz uma pausa; há prematuramente, no calor e na luz, uma certa tranqüilidade outonal; o sol cai largo, resplandecente, mas pousa de leve; o ar não tem o embaciado canicular, e o azul muito alto reluz com uma nitidez lavada; respira-se mais livremente; e já se não vê na gente que passa o abatimento mole da calma enfraquecedora. Veio-lhe uma alegria: sentia-se ligeira, tinha dormido a noite de um sono são, contínuo, e todas as agitações, as impaciências dos dias passados pareciam ter-se dissipado naquele repouso. Foi-se ver ao espelho.

Eça de Queiroz

O Primo Basílio

... tinha suspirado, tinha beijado o papel devotamente! Era a primeira vez que lhe escreviam aquelas sentimentalidades, e o seu orgulho dilatava-se ao calor amoroso que saía delas, como um corpo ressequido que se estira num banho tépido; sentia um acréscimo de estima por si mesma, e parecia-lhe que entrava enfim numa existência superiormente interessante, onde cada hora tinha o seu encanto diferente, cada passo condizia a um êxtase, e a alma se cobria de um luxo radioso de sensações!

Ergueu-se de um salto, passou rapidamente um roupão, veio levantar os transparentes da janela... Que linda manhã! Era um daqueles dias do fim de agosto em que o estio faz uma pausa; há prematuramente, no calor e na luz, uma certa tranqüilidade outonal; o sol cai largo, resplandecente, mas pousa de leve; o ar não tem o embaciado canicular, e o azul muito alto reluz com uma nitidez lavada; respira-se mais livremente; e já se não vê na gente que passa o abatimento mole da calma enfraquecedora. Veio-lhe uma alegria: sentia-se ligeira, tinha dormido a noite de um sono são, contínuo, e todas as agitações, as impaciências dos dias passados pareciam ter-se dissipado naquele repouso. Foi-se ver ao espelho.

Eça de Queiroz

A primavera se anuncia
Com a primeira flor;
O dia, com o
primeiro clarão;
A noite, com
a primeira estrela;
A torrente, com
a primeira gota d´água;
O fogo, com a
primeira centelha;
O amor com o
primeiro gesto
de bondade para com o irmão.

Primo Mazzolari

É engraçado como as pessoas passam rápido por nossas vidas e nos deixam marcas tão profundas... Foi assim com você...
Nosso amigo, companheiro, confidente... Sempre com um sorriso no rosto, sempre disposto á ouvir e ajudar a quem precisava.
Sabemos que há tempo para todo o propósito debaixo do céu... que há tempo de nascer e que há tempo de morrer ..."
Sentiremos saudades pra sempre. Talvez lembrando do que podíamos ter feito e não fizemos, das palavras que deveriam ser ditas e não dissemos, atitudes que deveríamos ter tido e não tivemos. E se tivéssemos feito tudo, o tudo não seria suficiente. Somos assim despreparados pra perda e impacientes com o tempo, o qual deixamos responsável por apagar o nosso sofrimento. Estamos tristes pela falta que nos faz, mas gratos á Deus por termos conhecido vc um dia.
Saudades eternas ...

Nívia - Homenagem ao primo mais lindo do mundo

Sábado é o primo pobre da semana. Preguiçoso, acorda tarde, irritado. Sábado é a nossa vergonha sendo substituida pela ressaca.

Fernanda Magalhães

Teu familiar já quando comenta na tua foto:

Bem lindo esse meu primo,te amo muito.

Teu comentário: PRIMA É DE FAMÍLIA VOCÊ JÁ SABE.também te amo bwes

It always happen Goddamn it -.-''

Hermógenes Constantino

Falar besteiras e brigar.
Amor de amigos amor de primo, diferenças e inconclusões.
É isso que eu chamo amor

Mirela Cristina Sanchez

- Você tem algum melhor amigo imaginário ? - falou a menina ao seu primo de cinco anos.
- O que é isso?
- Eu tinha um quando era pequena, é tipo uma pessoas que só você ver, é como se fosse um amigo para você, ele conversa contigo, e te protege ... - explicou a menina
- Ah, eu tenho um !
- E onde ele mora ?
- Ele mora bem longe minha mãe disse.
- E como ele se chama ? -perguntou a menina.
- Meu pai disse que o nome dele era Papai, mas minha mãe chama ele de Deus, já eu prefiro chamá-lo de 'melhor amigo'.

Duda Carvalho

Bom dia primo Sebastião Pires de Lacerda,
Hoje não é dia comum,
É um especial,
Por tratar-se do seu,
Aniversário, parabéns,
Seja muito feliz,

Hoje, amanha, para Sempre,
Porque tens ao seu lado,
A flor que Jesus te deu,
Ela é a prima Mirlene Ventura,
Que sempre irá estar,
A te amar, viver, completar,

Pois seu amor,
Me fez confissão,
De que não há comparação,
Portanto primão,
Cuide bem da sua flor, do seu amor,
Porque, amor, na dor, no sorriso,

É para ser compartilhado,
Não deixe que o Mundo,
Nem coisas vãs, o pecado,
Qualquer que seja o motivo,
Não venha jamais abalar,
Este enlace, e que ele seja eterno e frutífero,

Poeta matuto, Francisco Júnior Da Silva Fernandes, Semeador da Palavra de Deus, Júnior Bom Sucesso, PATOS, PB -20.01.014.

FRANCISCO JÚNIOR

Título: Alacridade em cabelos.

Primo por um suntuoso grau exíguo;
pela falta de objetividade idolatrada,
no mesmo instante que a exprimo.

Que em teus caprichosos traços condecorados do que há de mais belo,
sejas sorrir a tal;
para um profundo demasiado incerto.

E que revigoremos a transparência aclarada na lágrima que tende a risos.
Frases feitas não são sábias,
inenarrável é tua filosofia em abrigo.

Quero berrar o mundo,
o silêncio que aprofundo.
Pretendo beijar teu sal,
como em lágrimas de Portugal.

Pretendo a que me tenha,
são pétalas que transfiguram,
num teatro de resenha,
posto na literatura que exulto.

Como fostes benigno o desejo de teus beijos,
são arquejos de menino,
que escrevem em teus seios.

Ó chave mestra na qual achei teu amor em segundos;
cálices que representaram,
a poesia em teu rascunho.

Daniel Muzitano

Título: Eu primo por ti.

De tudo ao nada límpido,
o quão magnífico,
seja teu exorbitante.

E não muito distante,
são válvulas de versos,
em poemas de cor,
na qual há um sol,
no ápice ardor.

E no quadro de teus seios,
encosto a teu rosto,
e me afeto em mar profundo.

Suntuosa audácia fora,
a natureza épica de ser,
que em teu saber,
o meu nascera.

No ápice de teu riso,
em chamas de abrigo,
túrbido teu.

E o amor de tal inexorável,
a que me tenha abraço,
num ar de inteiro inexpugnável.

Daniel Muzitano

Sou amigo da solidão
Primo da ilusão
E pai da poesia
Minha filha não é bonita
Não disperta nem arrebata
É apenas poesia

Uilton Dutra

Se pensares em mim, com a mesma intensidade que deseja o meu mal, verás definitivamente que me ama.

Anderson Primo

Viva a intensidade saborosa do café,
Sinta o aroma da flor que sujeita você ao Amor,
Queira que luz dos teus sonhos exalem na paz de suas ações,
Observe as entrelinhas daquele velho livro
Mas nunca deixe de Viver sempre um novo começo.

Lucas Primo

A paixão é uma inevitável e flamejante ação de submissão,
Amor é uma contagiante brisa que ilumina nossos corações e faz-nos felizes!
A paixão é o furacão de ideias e incompreendimento de suas próprias ações,
Amor é o desejo incansável de querer fazer o bem!
A paixão tem ciúme,
O Amor mais amor!
A paixão tem medo e vive de ilusões,
O Amor brilha grande, confiante e corajoso!

Entretanto, a paixão como obra da vivência é uma arte de vida e intensas emoções, uma furacão de emoções que podem tornar-se Amor.

Lucas Primo

Descobri que para que tudo ocorra é necessário paciência e muita determinação. Aprendi também que nada acontece de uma hora para outra, ou seja, não devemos criar expectativa controversa ao período de transformação do sonho em realidade. Aos poucos, o que se deseja torna-se real!

Tudo são ações programadas naturalmente pelo nosso cérebro. Quando você se da conta que pode intervir e criar o seu método de vida, você cresce.

Lucas Primo

Sua vida não determina um gráfico de coisas boas e coisas ruins que estão acontecendo. Quem determina um gráfico, na verdade são mais ou menos dificuldades que a vida propõem.

Assim, quem determina como você irá agir diante de mais dificuldades é você mesmo, consequentemente se lutar para vencer e evoluir, coisas boas terá.

Seja você o autor de suas atitudes, leitor de suas virtudes e nivelador de teus passos.

Lucas Primo

Das flores mais lindas, teu sorriso destaca
Dos tempos modernos, teus lábios me chamam,
Das vozes suaves, teus lábios me tocam,
Do amor profundo, te vejo brilhar

Lucas Primo

O Equilíbrio é a autossustentação de fluxo.

As árvores que produzem para elas,
Mas isso não é o suficiente,
Então elas produzem sempre mais do que podem,
Para assim dividir seus ganhos.

O Equilíbrio pessoal é igual,
Se você não produz, você morre.
Se você produz só para você, estagna.
Mas se você produz para suprir a ti e ainda mais para dividir,
Você tem o equilíbrio.

Mas para equilibrar você precisa crescer,
E quanto mais você cresce, mais responsabilidades tem.
Lutar contra a chuva é besteira,
Aceita-la sendo flexível e persistente à ela, é sobrevivência.

Respire e relaxe,
Preste atenção no Agora,
Outrora não existe hora,
Ame, produza e encante!

Lucas Primo

Ao mestre vida vivo a presença.
Mais belo que o infinito sinto cada átomo multiplicando boas vibrações, com o sorriso grande, sinto-me grato pela natureza.
O universo presente em conjunto com a unidade,
O infinito silencio, mostra o Ser de sua essência,
O despertar da consciência, te dará um novo olhar.
Continue guiando, iluminando,
Pois tua luz preencherá toda escuridão,
Assim será possível tornar real,
O que antes nunca jamais tinha existido.

Lucas Primo