Poema eu Passarinho eles Passarão

Cerca de 290 poema eu Passarinho eles Passarão

Conselheiro alado...

Passarinho, passarinho...
Anjinho alado, em liberdade!
Pouse aqui na minha vida...
Assim cantante, a me animar.

Alegrinho, ciscandinho...
Vem! Vem! Vem!
Ó passarinho...
Vem bem logo aconselhar!

Este frágil velhotinho...
Há tanto tempo engaiolado
- E conformado... -
Que nem mais sei avoar.

Passarinho, passarinho...
Leve e solto pelos ares!
Te apiedes dum bobinho
Que só faz sonhar, sonhar...

Vem e mostre-me, amiguinho!
Como saio desta vida...
...Em vil prisão domiciliar?

Irei, então, bem livre pelo mundo ...
Pititinho feito ocê!
Mas levando amor e alegria
Aos que nutrem a vitalícia esperança...
De assim livres, felizes e auspiciosos!

Poderem também um dia...

Pelos bons ares da vida, bem cantantes!
Deslizar e flanar... flanar... flanar...
Quiçá até mesmo, amorosamente levando
Saudáveis sementinhas!
Para muitas outras vidas, serenas e felizes...
...Ajudar a germinar?

Passarinho, passarinho...

Grato,

Armeniz Müller.
#poetinhaarmeniz

Armeniz Müller.

Ninho De Amor

Faz-me amor!
Faça-me carinhos...
Deixa-me ser passarinho...
Nesse seu ninho de amor!

Dayse Sene

Ninho

Faça do meu corpo
seu ninho!
Nele, crie canções de amor
feito um passarinho.
Somente voa...
Se de mim te faltar amor.
Se não...
Permaneça em meu corpo,
por favor!
E me cante as suas
mais lindas canções..

Dayse Sene

Passarinho Abandonado

Passarinho abandonado vivia a chorar no
ninho pensando o amor reencontrar. Como nada
acontecia saiu para procurar. Descobriu o
amor próprio, hoje canta sem parar.

Ana Stoppa

Passarinho Inteligente

Passarinho inteligente chegou cedo à
conclusão - muitas vezes se calar é
bem melhor que falar.

Ana Stoppa

Passarinho Sonhador


Passarinho sonhador não desiste de esperar,
Sabe que em seu ninho a amada vai chegar.
Sábio passarinho sonhador.

Ana Stoppa

Doce Como Doce De Mamão Enroladinho

Que a felicidade,
venha fresquinha,
como água!
Doce,
como doce de
mamão enroladinho.
Alegre como o
cantar do passarinho.
Terna como a minha alma!
Sonhadora como
as minhas inspirações.
Que a felicidade,
nunca me abandone...
Mesmo quando a vida
insiste em me deixar triste.
Eu quero sempre
poder ter a capacidade
de buscar estratégias,
para trazer a felicidade,
para perto de mim!
Pois somente assim...
E bem assim...
Terei todos os meus
sonhos coloridos!

Dayse Sene

SORRIA! Sempre há uma razão para agradecer.
Você anda, você fala, você ouve o canto do
passarinho. Muitos não tiveram a sua sorte.
É mais um lindo dia!
- Agradeça! (Verluci Almeida)

Verluci Almeida

As coisas andam juntas, assim como a terra seca precisa da chuva,
Assim como o passarinho precisa de um ninho,
Assim como a tristeza vem acompanhada de um carinho,
Assim como a alegria precisa de um sorriso,
É com muito amor que lhe digo
Que sem você eu não vivo e é de você que eu realmente preciso.

Michelle Dias Theodoro

PARA QUE VIESTE
NA MINHA JANELA
METER O NARIZ?
SE FOI POR UM VERSO
NÃO SOU MAIS POETA
ANDO TÃO FELIZ!
SE É PARA UMA PROSA
NÃO SOU ANCHIETA
NEM VENTO DE ASSIS


DEIXA-TE DE HISTÓIAS
SÓ METE DA QUI!

vinicios de morais

não
se preocupe
aqueles
que se amam de
verdade
nunca
se separam,
apenas
andam juntos por
caminhos
diferentes.....
pois o amor
ahhhh
o amor não morre
jamais
ele simplesmente
muda de forma
de lugar
de estado
um passarinho me
cantou
que os caminhos...
nossos passos
eles
em algum lugar
independente do tempo....
eles
se cruzam....
é só
esperar....

fatima j zuanetti

Ninho De Passarinho

Sempre
que as palavras,
lhe faltarem...
Fala-me com os braços!
Com um abraço.
De laços.
De fitas coloridas.
No silêncio de sons...
Mas que me aconchega tão bom ao seu corpo.
Como ninho de passarinho!

Dayse Sene

Tem biquinho
tem pezinho
tem um quê de passarinho...
em gravura
na leitura...
no cantado da arapuca...
Onde tem esse bichinho
tem meu traço
tem meu ninho
tem coração de passarinho

Luciete Vaente

No final da tarde quero fugir para longe e ficar escondida,
pois quero ouvir por alguns segundos o silêncio.
Hoje, vou deitar no chão de mão espalmadas para sentir a terra.
Quero sentir as batidas do meu coração e lembrar que vivo.
Quero deixar o tempo passar...
Quero olhar as árvores dançando no vento e escutar passarinhos.
Quero sentir meus pés descalsos amassando folhas secas.
Quero ver o sol se despedir e vou sorrir para a lua.

Mirian Machado Mendes

Os cientistas dizem que somos feitos de átomos, mas um passarinho me diz que somos feitos de histórias.

Eduardo Galeano

O passarinho me olhou pequeno. Eu coube naquele olhar e depois no seu vôo de liberdade. Tenho sonhado em amar nos céus.

Mel Fronckowiak

Fecha os olhos devagarinho
Abre as asas com muito jeito
Faz de conta que és um passarinho
Que inocente procura em seu ninho
A Liberdade a que tem direito

Voa alto por esse mundo além
Não tenhas pressa em regressar
Podes ser tudo e ser ninguém
Podes ser uma estrela uma flor
Podes ser Apolo o deus do Amor
Podes ser o verbo AMAR

Abre os olhos devagarinho
Não te assustes com o que podes ver
qd sentires algo mordaz e mesquinho
Que se atravessa em nosso caminho
E mal nos deixa sobreviver

Por isso voa sem parar
até alcançares o horizonte
Não tenhas pressa em chegar
Pois perto se encontra a Fonte
Da Luz que nunca te irá abandonar

Eva Oliveira

Meu Querer

Queria ser o passarinho azul que na manhã clara vem te acordar
Queria ser um uirapuru que Você ouve a admirar
Queria ser um Beija-Flor para seu cheiro sentir, seu sabor provar.
Queria ser a carta que Você espera com ansiedade.
Mas sabe o que eu queria ser mesmo?
A pessoa que Você ama de Verdade

LianJack

Que sofrimento tem o passarinho
Na gaiola querendo sua libertação
Tem um canto que acham bonito
Mas e um canto sofrido
Tem um pouco de decepção
Pois cada fresta daquela armação
Ele vê bem de perto a liberdade
Quem o prendeu e sem noção
Se mostra aos outros ser o bom
Nunca sera um homem de verdade
Quem sabe um dia
Em um cela possa ficar
Lembrará do passarinho
E sentira falta de amor e carinho
Assim saberá que aquele não e seu lugar.....

William prado

Separação

Vejo que não ah mais pedras em meu caminho
Nenhum passarinho voa mais do ninho,
E nada mais me satisfaz.
O que era bom durou pouco
Não vivo más como louco
E o outro não me ampara mais
Pedir um abraço não posso
Se recebo um não, desgosto
Não consigo insistir jamais.
O que via em teus olhos virá a ser o que posso
O que sou
O que faço
E me esforço
Como se não houvesse jamais
Disfarço-me de objeto perfeito, más
O teu não desejo alimenta a minha dor
Mesmo assim continuo, me enganando
Sofrendo, chorando
Não como flagelo!
Pois ainda me sinto e sei que sou alguém
Desnorteada, pluma viaja nas correntezas de vento
Alguma força te leva
Não sei para onde; pois
Não sei para onde ir
Não me invejem; pois
Sei o que procuro
O tempo todo sussurro
Apenas por um olhar teu

Ferdinando tropick