Poema de Mae pra seu Filho Recem Nascido

Cerca de 5516 poema de Mae pra seu Filho Recem Nascido

"Palavrão, meu filho, é condomínio, palavrão é fome, palavrão é a maldade que estão fazendo com um colírio custando 40 mil réis, palavrão é não ter cama nos hospitais"

Dercy Gonçalves

Um filho faz tão pouco por sua mãe, durante a vida,
que consegue se lembrar de cada data, cada detalhe, daquilo que fez por ela.
Uma mãe faz tanto, mas tanto por um filho que,
até na hora da própria morte, não consegue pensar em si mesma.

Eduardo Aques

Respire...

"Você será mãe por toda a vida, ensine as coisas importantes, as de verdade como pular poças de água, a observar os bichinhos, a dar beijos de borboleta e abraços bem fortes.
Não se esqueça desses abraços e não os negue nunca! Pode ser que daqui a alguns anos, os abraços que você sinta falta sejam aqueles que você não deu.
Diga ao seu filho o quanto você o ama sempre que pensar nisso.
Deixe ele imaginar e imagine com ele.
As paredes podem ser pintadas de novo, as coisas quebram e são substituídas.
Os gritos da mãe doem para sempre, você pode lavar os pratos mais tarde, enquanto você limpa, ele cresce.

Ele não precisa de tantos brinquedos.
Trabalhe menos e ame mais!

E, acima de tudo, respire!
Você será mãe por toda a vida..

Ele será criança só uma vez."

Desconhecido Sidão (Sidnei Carvalho)

Mãe, quem disse que quando ela vai embora o AMOR vai junto? Ele fica, ele aumenta ou talvez só se faz entender como é de verdade por causa da falta, da saudade e da necessidade que temos dela....
Mãe: fica o amor porque tudo o que recebi das tuas mãos e da tua boca vieram carregados dele, sempre.
Mãe fica também a vontade de poder ter te mostrado esse amor assim em intensidade, mesmo sabendo que você soube, que você soube decifra-lo em cada olhar inocente de criança contente de ter a melhor mãe do mundo;
Você e tudo o que fez sempre será o pilar de sustentação de tudo que sou e serei;
Você plantou Deus dentro de mim e assim deu tudo o que eu precisava para superar a dor sem fim que é viver sem você
Te amo mãe-onde estiver....e se eu for metade do que você foi, eu serei contente; Um dia Deus enxugará cada lágrima nossa e seremos felizes para eternidade, então apenas espero pacientemente nosso reencontro, embora o meu amor por ti ainda seja urgente.
Até breve, minha mãe.

Isa_Oli

RECIBO UM QUATRO QUATRO


Em dias tristes lembro-me daquela mãe:
O brilho no olhar
O coração apertado
A boca seca lambendo o sal
O pesar de não ter podido ir além.

Cinco bocas;
Cinco vidas;
Cinco histórias;
Cinco futuros;
Uma só certeza.

Tanta gana
Tanta esperança
Falta quase tudo!
Falta esperança.
Mas, não falta gana.

Lutando se esquece momentaneamente dos problemas
Algumas horas com a família
Alguns momentos com os amigos
Uns poucos segundos de felicidade
Uma vida inteira de necessidade e privação.

Sozinha, os sábados são intermináveis
É acometida pela tristeza
Momento de reflexão cruel.
Como se já não tivesse sofrido o bastante!
Ainda se martiriza, como pode?

Chega o domingo:
A esperança se renova
Crianças correm brincam se mostram
A mãe se esconde se perde se acha.
E esse brilho no olhar!

Olhar de quem protege
De quem cuida
De quem ilumina caminhos
Olhar cansado da vida inteira
Olhar cego a si mesmo.

O coração está trancado
Um paredão se ergueu
O frio das geleiras se instalou
Amar não é mais possível
O coração agoniza.

E de repente mãe!
Forte, triste, só;
Independente, feliz, solitária...
Pronta para tornar sua prole digna.

J.W.Papa

Todo filho é pai da morte de seu pai.
Ou, quem sabe, a velhice do pai e da mãe seja curiosamente nossa última gravidez.
A casa de quem cuida dos pais tem braços dos filhos pelas paredes.
Nossos braços estarão espalhados, sob a forma de corrimões.
Pois envelhecer é andar de mãos dadas com os objetos, envelhecer é subir escada mesmo sem degraus.
feliz do filho que é pai de seu pai antes da morte,
e triste do filho que aparece somente no enterro e não se despede um pouco por dia.

Fabrício Carpinejar

Ana paulino

Todo filho é um príncipe para sua mãe. Não é necessário título ou honra para isso.


Autora: Aurilene Damaceno

Aurilene Damaceno

Filho sem Mãe

Perdi o direito de ver o teu lindo sorriso
Perdi o direito de te abraçar
Perdi o direito de chorar nos teus braços
Perdi o direito de te chamar de Mãe
Perdi o direito de te pedir conselhos
Perdi o direito de ser totalmente Feliz
Perdi o direito da tua presença nos dias das crianças.

Poeta Nelson Martins

Amor de Mãe

Simples, exato, incomparável, inenarrável, incondicional, imensurável, e o único que atravessa as portas do infinito e se eterniza no pergaminho inviolável do tempo como poema divinal.

Edna Frigato

SER MÃE

Quando meus filhos eram crianças,pulavam em cima de mim
me abraçava me babava toda era uma festa só vendo,eu me lembro eu deitada no sofá eles vinham deitar em cima de mim me enchendo de beijos, eu olhava para aquelas carinhas inocentes,pareciam anjos vindo do céu, eu dizia brincando, a mamãe não quer que vocês cresçam....Pois eu tinha razão..hoje estão adultos e nem um abraço me dão passo despercebida por eles,sinto falta daqueles abraços beijos carinho que eles me davam quando crianças,hoje tenho que pedir um abraço ou um beijo e sinto a ma vontade deles fazerem isso,me sinto triste quando vejo eles abraçar seus amigos beijar brincar com toda euforia,e penso porque não isso comigo que os coloquei no mundo, dou todo meu amor, o melhor de mim eu só queria uma palavrinha de carinho, um gesto se quer de atenção...O que me resta é a saudade daquele tempo que sei que nunca mais voltara.

Mara Caprio

...desculpa mãe!



Sempre quis ser mais presente. Não pude até te perder e perceber que a única coisa que realmente importava na vida era estar perto de ti, o máximo de tempo possível. Perto da única amizade verdadeira que antes jamais tive.

Sempre quis ser um filho bom, não pude por conta de umas questões paralelas ai! Mas quis a vida inteira ser um bom filho, repeitar os mais velhos, ouvir-te sem questionar. Agora você se foi e eu estou aqui, vivendo estes dias tão tristes. A dor que me consome agora, também me paralisa. Olho ao redor e sinto os teus cheiros...

Lembro-me daquela comidinha gostosa que você preparava. Lembro de seu perfume, aroma de gordura e alecrim. Lembro-me de seus trejeitos inesquecíveis e da covinha em sua bochecha. Lembro dos teus olhos já quase sem brilho, esmaecidos pela vida. Lembro de quase tudo sobre você. Faz muito tempo, mas me lembro. Como poderia esquecer?

Tenho a sensação de que não vou aguentar tua ausência! Sinto sua falta todos os dias e, as vezes, tenho a sensação de que não vou aguentar. Durante a noite as crises são piores, você está em tudo, nem adianta cobrir a cabeça com o cobertor. Sinto tanta saudade de você!
Sei que já sou homem e que tenho de ser forte, mas veja seu neto como está, veja o quanto cresceu em tão pouco tempo! Você sempre quis ter um neto, lembra-se?

...Desculpa mãe! Volta pra casa! Volta.

J.W.Papa

MÃE OBRIGADA
Mãe obrigada por me fazer sua filha!
Lamentei muito sua morte.
Aprendi que virou uma estrela
e agora ilumina minhas noites.
Alguém me disse para não lamentar,
mas agradecer a Deus o tempo
que esteve junto a mim.
Às minhas filhas agradeço
por me deixarem ser sua mãe.
Aos meus netos agradeço
por tornaram minhas filhas mães.
As mães que tiveram seus filhos e
tomaram a decisão de entrega-los
para adoção, também agradeço!
As que adotaram deixaram que
estas crianças as tornassem mães!
As que geraram,são mães desde a concepção!
Mães verdes, amarelas, rosas, vermelhas,
não importa a cor o que importa é que são mães!
Parabéns a todas pelo seu dia!

VALDELICE BACIC

Gilda's...

Hoje conversei com a minha mãe querida, com a certeza de que ela está bem, sem sofrimentos e em paz.

Já decorridos 42 anos de sua passagem para um plano melhor que este nosso, ainda tão rude e grosseiro, onde muitos ainda sofrem com a falta do mínimo para sua sobrevivência, passando fome, frio e sede diariamente.

Gilda era seu nome, lhe caía tão bem, pois que ela era uma mulher que se esmerava de maneira plena nos cuidados para com a família, acolhendo outros mais que podia e não podia e se não tinha nada a lhes oferecer materialmente, entregava-lhes o sorriso contido e nas mãos gentis, com cuidado e sem alarde, a doação da maior energia do mundo, a do amor.

Não há como não voltar no tempo que se faz tão vivo e sentir novamente suas mãos deslizando pela minha face e com suavidade desalinhando meus cabelos em momento de absoluta paz, eu sempre queria mais um pouquinho.

À minha mãe querida e a todas as mães deste mundo, ainda entre nós ou que já partiram, as de sangue e as do coração, criaturas abençoadas pelo seu desprendimento e desapego, um beijo nos seus corações.

As histórias de amor de mãe e filho não tem fim, simplesmente se misturam às energias que nos conectam ao que ainda não conseguimos dimensionar e compreender...

Até breve minha mãe querida, obrigado por continuar olhando por nós.

Paulo Afonso de Barros (http:www.recantodasletras.com.brpoesias4809279)

Mãe, sua bênção...
(Nilo Ribeiro)

Entenda como quiser,
como poesia ou oração
importa é que tenho fé
dentro do meu coração

para minha mãe vou falar,
seja lá que maneira for
quero apenas declarar
pela senhora o meu amor

aqui fica meu desejo
através do abraço e do beijo
que Deus sempre lhe proteja
a senhora é meu templo, minha igreja

a senhora é minha prece
que sempre me fortalece,
eterna é minha reverência
à senhora, mulher em essência

é a minha realidade,
é a mais pura verdade,
mesmo que eu falhe
peço a Deus que lhe pague
tudo que a senhora me vale

é pura a sua bondade,
no seu amor eu creio,
quando passávamos necessidade
você dividia o pão ao meio

me guiou pela vida,
me fez homem sensato,
minha mãezinha querida
eu lhe sou muito grato

é eterna esta gratidão
pelo seu amor de cada dia
ainda não sei se é oração,
nem mesmo se é poesia,
mas falo com o coração
transbordando de alegria,

a senhora que me criou com brilho
me protegeu, não me deixou sair do trilho
tenho orgulho e felicidade de ser seu filho

Mãe, com emoção
peço-lhe sua bênção...

Nilo Ribeiro

A certeza que amar enlouquecia, corroía, dava medo, dava um ciúme filho da mãe, dava uma saudade idiota de mulherzinha romântica, uma vontade besta de estar junto o tempo todo como uma mulherzinha sem vida própria.

Tati Bernardi

O que mais um filho deseja de sua mãe é o amor e o que mais uma mãe deseja de seu filho é a felicidade.

Adeilde Barros

TEM QUE ACREDITAR
DESDE CEDO A MAE DA GENTE FALA ASSIM: FILHO, POR VOCE SER PRETO, VOCE TEM QUE SER DUAS VEZES MELHOR.AÍ PASSADO ALGUNS ANOS EU PENSEI: COMO FAZER DUAS VEZES MELHOR,SE VOCE ESTA PELO O MENOS CEM VEZES ATRASADO...
PELA ESCRAVIDAO, PELO PRECONCEITO,PELA HISTORIA, PELOS TRAUMAS, PELAS PSICOSES, POR TUDO QUE ACONTECEU? SER DUA VEZES MELHOR COMO? VOCE É O MELHOR OU É O PIOR DE UMA VEZ. SEMPRE FOI ASSIM. SE VOCE VAI ESCOLHER O QUE ESTIVER MAIS PERTO DE VOCE OU O QUE ESTIVER DENTRO DA SUA REALIDADE, VOCE VAI SER DUA VEZES MELHOR COMO? QUEM INVENTOU ISSO AÍ? QUEM FOI O PILANTRA QUE INVENTOU ISSO AÍ?

Racionais

Aos olhos cheios de afeto
da mãe que o viu pequenino
seja qual for sua idade
o filho é sempre um menino

Soares da Cunha

Mãe é paciência e generosidade.
Paciência de esperar seu filho nascer
Generosidade de doar seu corpo para concebe-lo;
Mãe é força e determinação;
Força para dar a luz e trazer ao mundo se bem maior,
seu filho.
E determinação para cria-lo errando sempre mais com a melhor das intenções de acertar.

Lana Araujo

"Neto e neta são netos, no masculino.
Filho e filha são filhos, no masculino.
Pai e mãe são pais, no masculino.
Avô e avó são avós"

Arnaldo Antunes