Pensamentos de Sigmund Freud

Cerca de 31 pensamentos de Sigmund Freud

Nós nunca somos tão desamparadamente infelizes como quando perdemos um amor.

Sigmund Freud

O homem é dono do que cala e escravo do que fala.
Quando Pedro me fala sobre Paulo, sei mais de Pedro que de Paulo.

Sigmund Freud

Nunca dominaremos completamente a natureza, e o nosso organismo corporal, ele mesmo parte desta natureza, permanecerá sempre como uma estrutura passageira, com limitada capacidade de realização e adaptação.

Sigmund Freud

Nunca se pode dizer até onde esse caminho nos levará; cede-se primeiro em palavras e depois, pouco a pouco, em substância também.

Sigmund Freud

Nunca fui capaz de responder à grande pergunta: o que uma mulher quer?

Sigmund Freud

Nunca tenha certeza de nada, porque a sabedoria começa com a dúvida.

Sigmund Freud

As massas nunca tiveram sede de verdade. Elas querem ilusões e não vivem sem elas.

Sigmund Freud

Nem sempre é a razão que governa nossas ações. Impulsos irracionais determinam nossos pensamentos, nossos sonhos e nossas ações. Tais impulsos irracionais são capazes de trazer à luz instintos e necessidades que estão profundamente enraizados dentro de nós.

Sigmund Freud

Se quiseres poder suportar a vida, fica pronto para aceitar a morte.

Sigmund Freud

A ciência não é uma ilusão, mas seria uma ilusão acreditar que poderemos encontrar noutro lugar o que ela não nos pode dar.

Sigmund Freud

Não somos apenas o que pensamos ser. Somos mais: somos também o que lembramos e aquilo de que nos esquecemos; somos as palavras que trocamos, os enganos que cometemos, os impulsos a que cedemos 'sem querer'.

Sigmund Freud

O instinto de amar um objeto demanda a destreza em obtê-lo, e se uma pessoa pensar que não consegue controlar o objeto e se sentir ameaçado por ele, ela age contra ele.

Sigmund Freud

A popularização leva à aceitação superficial sem estudo sério. As pessoas apenas repetem as frases que aprendem no teatro ou na imprensa. Pensam compreender algo da psicanálise porque brincam com seu jargão...

Sigmund Freud

Nunca nos achamos tão indefesos contra o sofrimento como quando amamos.

Sigmund Freud