Peguei

Cerca de 342 frases e pensamentos: Peguei

Estava andando e encontrei um pássaro ferido peguei e lancei para o alto. Ele até que tentou mais não conseguiu alçar voou caindo novamente sobre o solo.
Levei para casa alimentei cuidei e por fim sem que eu jogasse para cima ele por si só alçou voo e se foi. Parei para analisar e logo refletir. Muitos recebem a mesma oportunidade que o Levita e o Sacerdote, personagens da parábola de Jesus sobre o Bom Samaritano eles bem que poderia ter socorrido porém preferiram dar as costa. Nos dias de Hoje existem muitos tomando a mesma atitude de vez ajudar os feridos preferem virar as costa,deixar morrer, abandonar. E quando é que fazemos isso é quando temos a oportunidade de ajudar, mais pelo contrario preferimos denegrir, ferir, prejudicar, e sempre queremos valorizar o sadio o gomadinho o grande o poderoso e viramos as costa para quem verdadeiramente precisa de nós. Acorda meu povo Jesus esta voltando

Vanderlei G Alves

Por toda a minha vida

Parte 4:

Peguei mais um copo de bebida. Voltei ao lugar onde eu estava antes de sair. Era tranquilo ali naquele canto. E eu podia ver todo mundo, sem quase ninguém me ver. Estava ali encostada na parede, tentando encontrá-lo com o olhar, quando então o encontrei. Ele estava conversando com uns garotos da turma. Eu continuava bebendo. Fiquei um bom tempo ali encostada na parede bebendo e perdendo e encontrando ele no meio da multidão. Já era bem tarde, muitos já se penduravam nas paredes, caindo de bêbados, assim como eu. Mas eu sabia que ainda conseguia raciocinar. Fiquei olhando para as pessoas. Quando de repente ele apareceu bem na minha frente.
- Acho melhor você parar - ele disse. - Não acho que vai aproveitar a festa assim.
- Não faz mal. A festa agora já se esgotou. Olhe ao seu redor.
Ele deu uma olhada e depois olhou novamente para mim. Ficou me encarando por uns segundos, então eu disse:
- Vou pegar outro copo, quer um?
- Já disse que não posso beber, obrigado. E não acho que você devia fazer isso.
- Por quê não? Até parece que você se importa...
- Me importo. E sei das consequências de beber, e não acho que você vai gostar das consequências.
- Eu também sei das consequências. Não precisa me dizer.
- O.k. Desculpa.
- Tudo bem. Vou ali levar o copo, já volto.
Tentei levar o copo até o lixo. Tentei dar um passo. Não consegui. Por sorte, ele ficou me olhando e me segurou. Bom, pelo menos consegui realizar um desejo. De cair no nos braços dele. Ele pareceu ter se assutado e perguntou:
- Tá tudo bem? Não tá passando mal? Caramba, eu disse pra você não beber mais.
- Eu tô bem, caramba, tô bem.
- É, acho que sim.
Ele disse isso me dando um olhar de censura. Tive que pedir desculpas.
- Desculpa. Não quis ser grosseira.
- Tudo bem. Me dá aqui esse copo, vou levar no lixo.
Depois de uns segundos, ele reapareceu, dizendo:
- Acho melhor você ir para casa.
- Não quero ir para casa, mas também não quero ficar aqui.
- Quer ir para onde, então?
- Não sei, qualquer lugar.
Ele ficou me encarando, então pegou na minha mão e me arrastou para fora da boate. E continuou me arrastando para algum lugar. E eu apenas o acompanhei sem protestar. E nem iria. Qualquer lugar com ele seria demais. Mas não só porque ele é lindo, mas porque eu confio nele. Ele me levou para um lugar cheio de carros. Até que chegou ao carro dele e ele abriu a porta para mim entrar, sem falar nada. Se era assim, tudo bem. Apenas fiz a vontade dele.

Sabrina Niehues

amiga...Meio sem querer
Peguei-me admirando você
Ao virar-se, me olhaste...
E ficamos a nos encarar
E naquele par de olhos lindos
Um brilho radiante
Consegui enxergar
Coincidentemente
Lá, pude me ver!
Fiquei tão hipnotizada
Que nem mesmo
Conseguia me mover
Ali parada fiquei
Admirando aquele olhar
De tão radiante que era
Fez-me perder o rumo
E fiquei sem saber
Por onde andar
Quando despertei
Não conseguia entender
Porque aquele olhar
Fez-me enlouquecer?
Fiquei totalmente impressionada
Sem destino, sem direção.
E mesmo não mais olhando em seus olhos...
Não conseguia esquecer
Aquele olhar
Aquele brilho
Tão enlouquecedor
Tão envolvente
Ao mesmo tempo
Que me acalmava
E me fazia sentir-se bem
Cortava-me a alma
E me fazia sofrer também
Esse olhar que me marcou
E também me enlouqueceu
Deixou marcas
Deixou saudades
De um olhar que se perdeu
Pois foi através dele
Que todo esse encanto aconteceu.

bjs

Grande amiga

"Não pensei duas vezes, fui até meu quarto, peguei a arma e segui em passos lentos até o quarto dele... Só me lembro de ouvir dois disparos e ficar tudo escuro, apos alguns minutos recobrei a consciência e me vi entre o sangue de dois corpos"...

Trecho de Doce Veneno de Willian Uckermann

Eu ando observano sua vida.
Me peguei agora cheretando, vendo se tudo anda bem.
E vi seu novo amor, te chamando de Amor
- um chamado tão meu.
Uma tamanha intimidade, mas que não assolou o ciume.
Eu ando bem, estou bem.
Só fico de olho mesmo, porque amo você.
Ainda te amo, e você vai sendo o meu amor.
Só que eu fico de fora, certificando.
Que bom amor, que bom que tudo está indo...
Para você e seu novo Bem.

Bo Borgat

Hoje me peguei refletindo sobre o que realmente significa o amor..
Tantas perguntas, tantas respostas, tantas escolhas tantas duvidas, tantas...
Mas no que realmente se baseia o amor?
No respeitar, no estar ao lado, nos momentos de prazer??
Amor 4 letras infinitas traduções, mas vamos falar um pouco do amor de casal, aquele que um dia percebeu que aquela (x) pessoa a completava, que aquela pessoa era '' o amor da sua vida '', mas como descobrir que o mesmo é o amor da sua vida??
Pelo simples fato de suas mãos tremerem, seu corpo começar a suar, sua voz sumir?
Isso é sintoma de amor?
Pensei, pensei, repensei mas não consegui dizer, ou melhor entender o que significa a palavra amor, segundo o WIKIPÉDIA: ('' A palavra amor (do latim amor) presta-se a múltiplos significados na língua portuguesa. Pode significar afeição, compaixão, misericórdia, ou ainda, inclinação, atração, apetite, paixão, querer bem, satisfação, conquista, desejo, libido, etc. O conceito mais popular de amor envolve, de modo geral, a formação de um vínculo emocional com alguém, ou com algum objeto que seja capaz de receber este comportamento amoroso e enviar os estímulos sensoriais e psicológicos necessários para a sua manutenção e motivação. É tido por muitos como a maior de todas as conquistas do ser.''), Mas sera mesmo que isso é amor, ou um monte de palavras sabias que também tentam decifrar esse '' coisa'', que sabemos que existe, mas NINGUÉM NUNCA VIU, NINGUÉM NUNCA TOCOU...
Amar, o que é amar, se sentir bem ao lado da pessoa que esta com você?, somente pelo motivo da mesma te trazer a paz?
Pelo simples fato dela te satisfazer sexualmente, por ela fazer de um tudo por você?
O que é preciso pra chegar em uma pessoa e dizer:
''EU TE AMO!?'', Algo tão fácil de se falar, e tão difícil de provar?
como sabemos que não podemos esquecer o amor de um ex-namorado, um ex-marido, pois se você diz que não ama mais esse mesmo, um dia você nunca amou, nunca soube esse sentido do verdadeiro sentimento, mas como dizer que eu te amo, para um novo relacionamento, se ainda amas o seu passado?
O ser humano tem uma forte tendência a amar o que lhe causa dor, o que realmente lhe faz chorar, o que realmente não nos causa bem.....
E quando encontramos uma pessoa disposta a amar-me como realmente somos, não da valor...
e vai entender o ser humano ele é capaz de dizer que ama, mas como dois amores podem ocupar o mesmo coração??
ou você realmente ama, ou não ama, um desses você realmente não ama, você esta sendo hipócrita consigo mesmo, e pior enganado uma pessoa que se doa pra você e que faria de um tudo para te ver bem, em vez de estar com quem realmente o merece.
Mas a vida tem uma lei que vigora sempre, se um dia você brinca com os sentimentos das pessoas, amanha você se torna o brinquedo.
Poso ficar aqui pelo resto da minha vida que por mais palavras que eu tente encontrar, por mais belos os discursos, jamais vamos entender o AMOR, algo invisível, impalpável, não tem som, mas que se não bem dosado causa o maior dos estragos no ser humano, a sua própria morte em vida!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Eduardo Vicente

Báh que frio! Mais tá tão frio que peguei um cobertor para mim e outro pro cobertor.

Olinda Oliveira

"... Não sei se estou perto ou longe demais, se peguei o rumo certo ou errado. Sei apenas que sigo em frente, vivendo dias iguais de forma diferente. Já não caminho mais sozinho, levo comigo cada recordação, cada vivência, cada lição. E mesmo que tudo não ande da forma que eu gostaria, saber que já não sou a mesma forma de ontem me faz perceber que tudo vale a pena..."

desconhecido

Para Minha Mãe Laureana que faleceu no ano 2000/09
Mãe,em meio aos pensamentos.
Me peguei lembrando de simples momentos.
Que se tornaram a fórmula da minha vida.
Momentos que hoje são marcas.
Deixadas pelo tempo no meu coração.
Vivemos muitos sonhos.
Já chorei bastante.
Até me chamaram de louca.
Mas nunca me esqueci dos momentos,
que vivemos juntas.
Lembro-me,quando moravamos lá em cirilândia,
e eu estava sempre doente,a senhora sempre ao meu
lado,saos dias e noites,durante todo o tempo em que,
estivemos juntas,tenho muito para recordar.
Mãe querida e amada.
Saudade de Você e de todos os nosso momentos.
Em que suas palavras me confortavam.
Seus conselhos me encorajavam.
O seu sorriso era um detalhe.
Daquele sentimento,maravilhoso,confiança...
Hoje não posso mais ouvir suas palavras.
Nem me encorajar mais com seus conselhos.
Mas posso deixar aqui,tudo que sinto por ter perdido,
sua fiel companhia,sua presença marcante e querida.
Não posso mais sentir a sinceridade de seu sorriso.
Só as estrelas podem te ouvir.
E sentir a presença da paz que existe em você.
Sei que um dia,nos encontraremos na gloria,porque
tenho certeza que Você foi para o céu,
Esperar por mim.Sei que esta rodeada de anjos...
Contando as maravilhas dos,
simples MOMENTOS de nossa,
Fiel e verdadeira Amizade.
Da nossa VIDA,do nosso amor de MÃE E FILHA!
Voce sempre Existirá no meu coração.
Obrigada MÃE,por ter sido minha amiga tão fiel!
Homenagem à Minha Mãe
Laureana Maria Ramos!
Fênix Faustine

Benny Ramos

Acabei de sair de um evento e peguei um taxi para retornar para a empresa. De repente a chuva fina começou a aumentar. Ai falei com com o taxista:
- Poxa, essa chuva justo agora...
Ele tranquilamente respondeu:
- Ela está caindo na hora certa, ainda bem que está chovendo, eu amo a chuva e como taxista estabeleci uma relação harmoniosa com ela. Trabalho na rua, preciso me relacionar bem com as condições que tenho.
E aí meio sem graça respondi:
- Nossa que lição o senhor me deu. Realmente como é importante bendizer as coisas.
Então ele me olhou pelo retrovisor e disse:
- Só palavras não valem de nada... TEM QUE AMAR DE VERDADE e assim você verá como a chuva só te protege.

Confesso que aquela simplicidade me marcou e as palavras do taxista estão borbulhando na minha mente.
Quantas pessoas formadas não estabeleceram um relação harmoniosa com as condições que tem?
Quantos pessoas não amam de verdade o que fazem e só falam da boca para fora que estão felizes?

Luh Oliveira

"Não sei se estou perto ou longe demais, se peguei o rumo certo ou errado. Sei apenas que sigo em frente, vivendo dias iguais de forma diferente. Já não caminho mais sozinho, levo comigo cada recordação, cada vivência, cada lição. E, mesmo que tudo não ande da forma que eu gostaria, saber que já não sou a mesma de ontem me faz perceber que valeu a pena.”

desconhecido

Hoje me peguei remexendo em nossas coisas, tudo exatamente igual. Menos nós. Revivi em segundos aquela sensação de paixão acesa, de flores e amores no ar. Sinto teu cheiro, teu toque. No mesmo instante me recomponho, recordo-me de que foi você, e não eu, quem jogou tudo pro ar. Que disse não mais me amar.

Meiriellen R.

Essa noite me peguei foleando um caderno velho que vi jogado pelo meu quarto. Notei algumas folhas em branco despertaram em mim um desejo imenso de preenchê-las com palavras. Palavras vindas de dentro de mim. Na verdade, folhas em branco me enchem os olhos. Me fascinam. Já que há algum tempo não escrevia sobre nada, resolvi por em linhas paralelas alguns dos meus sentimentos. Percebi que nos momentos que estou triste e melancólica tenho mais facilidade em escrever. As palavras fluem mais naturalmente. Mas quando estou feliz quase não escrevo. Talvez por falta de palavras, ou por não saber explicar o tal sentimento chamado felicidade. Me fiz, então, uma pergunta: “ O que é realmente ser feliz ? ” Gradativamente surgiram palavras na minha mente que formaram a resposta para tal pergunta. Respondi, então, interiormente, transcrevendo na folha de papel : Bom, para mim, felicidade, primeiramente, é um estado de espírito. Ser feliz é encontrar graça em cada aroma, em cada pétala de rosa, em cada pelo sorriso, no brilho de um olhar, na intensidade de um abraço, na preciosidade da natureza, o barulho do vento, a cantoria dos pássaros, o balançar das árvores. (Suspirei). Ser feliz é valorizar cada segundo de vida como se fosse o último. Ser feliz é reconhecer que a vida não é um mar de rosas, mas ter certeza de que cada lágrima derramada representa um degrau dessa longa vida que você está subindo. Resumidamente, ser feliz não é nada mais nada menos do que, simplesmente, saber ser feliz.

Amanda Drielly

ARDENTES LEMBRANÇAS

Hoje me peguei pensando em você
pensamentos distantes
ardentes lembranças
lembranças daquele tempo
que partilhamos uma história quente
paixão ardente... e de repente
a cada lembrança
cada imagem dos lindos e quentes
momentos vividos,
intensificava mais e mais...
fazendo com que meu corpo despertasse
de um sonho profundo
sentindo uma vontade louca
de tê-lo novamente comigo
me vi em transe, deslizando minhas mãos
em meu corpo, imaginando serem as suas
a explorar - me com desejo, com tesão
me toquei como se estivesse em abstinência
num ato de necessidade, na intenção de
amenizar meu tesão, quanto mais tocava
mais sentia o corpo queimar, sentia invadida
pelo fogo do desejo, sentia um insuportável
calor invadir meu corpo sem pedir licença
deixando-me inquieta...
e neste momento...ah...como desejei
senti-lo em mim
senti-lo dentro de mim
preenchendo esse vazio de dentro de mim
finalmente cheguei ao delicioso momento
de sentir meu prazer, meu tesão escorrer
entre minhas coxas, sentindo o corpo
tremer involuntariamente e compulsivamente
em convulsões múltiplas descompassadas,
sentindo a contração dos músculos do meu sexo
como que rogasse por teu membro, como se
ainda não estivesse satisfeita...
e ao que estimulava, na loucura de chegar
a um orgasmo , fui ficando cada vez mais
sensível ao toque, consegui apenas um
nada igual aos que você me proporcionava
e ai aquela vontade de sentir você aqui
foi me fazendo acordar dos meus devaneios
senti uma angústia no peito, uma saudade
dos nossos momentos, poucos momentos,
mas foram suficiente para tornar -se inesquecíveis
ficando sempre aquele gostinho de quero mais
e éramos sempre assim...
em perfeita sintonia...
sempre nos alimentando e saciando do desejo
um do outro...
sempre satisfeitos com a entrega um ao outro...
a medida que minhas lembranças vagavam
recuperava o ritmo da respiração...
meu corpo ainda insatisfeito
parecia que tinha ficado aceso o fogo do desejo
fogo esse que eu sozinha sabia que não apagaria,
num suspiro profundo...pensei...ah que bom seria
se você pudesse voltar, e com teu corpo me acalmar...
me encolhi na tão espaçosa cama
e me afoguei em nossas
ARDENTES LEMBRANÇAS

Lindy Santos

Peguei o amor no colo, senti o quanto era amável, carinhoso e sua pele intocável... acabei amando o amor, mesmo ele indo embora em seguida.

Carlos Monteiro

Irmão de alma

Hoje a tarde peguei no sono
pensador será que vale
apenas pondera as amizades,
cultivas estes seleiros
de vespas e sinceramente
não sei...
Talvez móis seres humano
necessitámos ter amigos
ou mesmo sermos amigo.

Esta completa audi ceia
sem lógica, desgastado
a alma com situações
tolas infasties que nunca
fazem sentido a nada,
ter amigos e uma completar
inutilidade necessária,
ser sentir irmão de alma
de alguém faz falta
nos dias ruim saber que
aquela pessoa vai ter apoia
mesmo que você tenha feito
merda como sempre
por amigo também é irmão.

Alison Marquess

Chinelinho verde
Pisou num sapo no portão
Dei um grito
Peguei sapinho na mão

Iris Borges

"Hoje andando pelas ruas me peguei pensando:
O que ainda me chama a atenção nesses lugares, nessas paisagens que eu conheço bem? As pessoas, os carros, as janelas das casas, as risadas, as formas das nuvens, os desenhos nas rachaduras das calçadas...
E dentro da minha alma? O que ainda me assombra, me dá calafrios e me tira o fôlego?
Resolvi seguir o conselho de um amigo:
Apenas respire..."

Meire Moreira

Me peguei pensando em você, sem entender os porquês, só sei que teu olhar não sai da minha cabeça.
Que lembro, relembro e me perco nos pensamentos desatinados, embaraçados, um tanto quanto enganados, mas tudo bem, não me importo.
Entender essas coisas pra que? Só se for pra me perder nos teus braços, ser o motivo do teu sorriso, ser tudo aquilo que um dia buscou. Se não for, seguiremos nossos caminhos sozinhos... e quem sabe lá na frente as coisas tomem rumos diferentes e voltemos a nos encontrar!

Flávia Barros

Carta para uma amigo distante

Meu amigo,
Hoje estava orando por você e me peguei chorando. Cansado do orgulho de não dizer que te amo, decidi escrever. Não sei se você vai ler isso e nem sei por que existem momentos assim, nos quais, por mais que você tente, as lembranças insistam em encher a nossa cabeça. Não sei como se pode descrever isso, talvez seja coração... ou talvez saudade! Prefiro pensar que ela não é maldosa, mas só se preocupa em me mostrar incessantemente como esses momentos foram importantes e preciosos. É algo fascinante! Mas a força de lembrar cada momento com carinho, por mais que sempre me arranque um sorriso, não acaba com aquela dor que insiste em se instalar.
Disso nascem as perguntas: Desde quando começou o final de nossos rumos? Quando algo que era normal virou saudade? Por mais que eu insista em não saber, dentro de mim a resposta é clara... Meu amigo, a vida é uma surpresa! Talvez o mundo seja tão grande para nós e nossos sonhos tão diferentes, que seguiremos caminhos opostos. Ou talvez ele seja pequeno demais e nos permita encontrar sempre e partilhar aquelas risadas que tanto conhecemos. Seja como for, sei que não há de existir nada capaz de apagar o que vivemos. Momentos preciosos com um amigo... que sempre pude chamar de irmão!

Felipe Arco